Scouting do Fórum - O que vales?

Estou curioso e, ao mesmo tempo, tive uma ideia…

Gostava de saber quem são afinal os grandes scouters aqui do fórum.
Eu estou aqui neste fórum desde 2007.
E durante estes 9 anos tem-se visto a qualidade que o scouting do SCP não tem…

Mas e o scouting aqui do próprio fórum? Como é? Tem qualidade? Há aqui prodígios?
No fundo, todos nós somos scouters-wannabe ao nos pronunciarmos positiva ou negativamente, cada um com os seus critérios, sobre praticamente todas as contratações.

Quem são os foristas que acertam mais?
Quem são aqueles cuja opinião nós devemos ter mais em atenção tanto a reprovar como a aprovar jogadores para o SCP?

Ora, são precisamente essas as perguntas que vos faço!

  1. Costumas ter razão quando reprovas uma contratação? Qual a tua percentagem de acerto a esse nível?
  2. Costumas ter razão quando aprovas uma contratação? Qual a tua percentagem de acerto a esse nível?

Desafio-vos a ser honestos.
Quem mentir pode sempre ser desmascarado através do seu histórico…
Isto vale também para mim que considero que tenho um aproveitamento de 100% a reprovar jogadores e um aproveitamento de uns 30% (se tanto…) a aprovar.

Ou seja, estou a dizer que, desde 2007, sempre que previ um flop, deu flop.
Mas, por outro lado, estou a assumir que não sou assim tão fiável a descobrir jogadores de sucesso.
É natural que seja muito mais difícil acertar em bons jogadores que se adaptam do que antecipar flops.
Falar mal é sempre mais fácil. Mas também tem valor ter malta que antecipa erros…

Como são vocês?
Quem é que se assume como um grande scouter (eu, por exemplo, não assumo - sou uma nódoa a aprovar)?


Isto leva-me a uma ideia que talvez implemente a partir da próxima época:

Recolher as decisões favoráveis e desfavoráveis de todos os foristas que quiserem participar e fazer tratamento estatístico.
Vai ser engraçado saber, aí sem sombra de dúvida, quem é que é infalível a reprovar e aprovar jogadores.
Vai ser engraçado saber, sempre que se colocar uma contratação em cima da mesa, qual a opinião do colégio de infalíveis (aqueles que costumam acertar quase sempre e cuja opinião se torna quase uma lei) aqui do fórum.
É que estamos a falar da opinião de um colégio de sumidades sobre algo absolutamente estratégico para qualquer clube…

Por exemplo…
Ficarei tranquilo se 20 foristas com taxas de acertos de aprovação perto dos 100% aprovarem um jogador recém-contratado. É porque é uma aposta bastante segura.
Ficarei lixado quando 20 foristas com taxas de acerto de reprovações perto dos 100% (acho que posso vir a estar neste :p), reprovarem um jogador que o SCP insistir em contratar.

Por enquanto, ficarei apenas à espera das vossas autoavaliações.
Talvez para o ano implemente este sistema de forma mais matematizada… :wink:
Vou ter que definir muitas regras para isto fazer sentido.
Não vai ser assim tão linear conseguir ter uma coisa com valor efectivo…

Vai ser giro…
É que, no fundo, o fórum gira muito à volta deste tema e vamos passar a ter números…
Vamos passar a poder ver quem é que sabe… 8)

Bem, eu não sou ninguém para me julgar um “scouter”, mas por exemplo falando só desta época:

Petrovic - Parecia-me um jogador interessante na altura do Partizan, já há uns bons anos, mas pouco ou nada evoluiu desde aí. As experiências fora da Sérvia não lhe correram bem. Não segui os últimos anos dele, portanto no fundo era uma incógnita. Neste caso a alternativa até era o Sandro, portanto apesar de tudo ainda estamos melhores, porque esse para além de ser também uma incógnita no que toca ao seu nível actual, também o era no plano físico, sendo que era bem mais caro.

Joel Campbell - Sempre lhe reconheci qualidades e algum potencial, mas definitivamente nunca o vi como o craque que tanta gente aqui achava que seria. Pode ser um jogador útil, mas tem um valor de mercado muito alto para a nossa realidade, e que mesmo que até esteja a ser dos melhores, não justifica pagar, pelo menos com o que tem jogado actualmente.

http://www.forumscp.com/index.php?topic=65205.msg4309409#msg4309409
http://www.forumscp.com/index.php?topic=67516.msg4313788#msg4313788

Douglas - Detesto, nunca gostei, nem nos “bons tempos” do Twente. Uma das habituais “Jesusíces”, vá-se lá saber por que motivos ou com que interesses. Sobre as suas qualidades… é um poste de 1,90 e tal, forte no jogo pelo ar, e… acho que ficamos por aí.

André - Disse e continuo a dizer que vale bem mais do que aquilo que tem mostrado, mas a jogar assim não há milagres, e não pode falhar alguns golos feitos como já falhou. De qualquer das maneiras, pelo perfil (e mesmo cagando na parvoíce do “Baladas”), disse aqui várias vezes que eu não o teria contratado.

Bas Dost - Melhor contratação da época, claramente. Ainda assim, como disse várias vezes, achei o preço um pouco mais elevado do que acho que poderíamos ter conseguido (na altura apontei uns 8M). Mas tendo dinheiro fresco (e sabendo o mercado disso), e tendo pouco tempo para arranjar uma alternativa de qualidade para o Slimani, isso terá jogado contra nós. No que toca à análise Dost vs. Slimani, acho que está a ir ao encontro de todas as minhas expectativas, quer no ficámos a ganhar quer no que ficámos a perder.

Castaignos - Tem algumas qualidades, mas sempre (tirando quando apareceu no Feyenoord…) o achei um jogador apenas “bonzito”. Tem características que podem ser úteis, quer técnicas quer físicas, mas não é nem nunca seria uma grande avançado por aqui. Os anos no Twente tiveram alguns golitos, mas tudo muito mais ou menos. Noutras condições até poderia ser mais útil.

Elias - Epá, não há muito a dizer. Abominei esta contratação, e acho que foi das mais absurdas e nonsense de que me lembro de ver no Sporting. Noutros sistema táctica até poderia ter alguma (pouquinha) utilidade, mas neste sistema é surreal apostar num jogador destes. Mais grave ainda do que contratá-lo para ter no plantel como alternativa ao Adrien, foi ter-se achado que poderia ser O substituto do Adrien, quando este esteve bem perto de sair. Terrível pensar nisso, e no que é que se anda a pensar no Sporting, para se terem ideias destas.

Markovic - Tem potencial, bastante talento, mas tem uma cabeça fraquita e é um jogador muito inconstante. Ainda assim, e tendo qualidades com desequilibrador que fazem falta à equipa, e treinado por um tipo que gosta tanto dele, achei que poderia fazer muito melhor figura. Mas, tal como no caso do Campbell, apesar de ter qualidade, também confesso que nunca percebi como tanta gente via aqui uma GRANDE contratação. Poderia até correr bem, mas longe de tudo isso.

Bom jogador, muito talentoso, e o tipo de extremo desequilibrador que nos últimos tempos temos tido dificuldade em ter, e tanta falta faz.

Agora, tenho dúvidas em relação à condição física, e se lhe vai permitir se opção regular, também em relação ao facto de ser algo inconstante, tanto pode fazer uma jogada de levantar o estádio, como andar uns jogos desaparecido do mapa. E por fim, num jogador com o perfil dele e dedicação dele, tenho alguma preocupação com o facto de se tratar de um empréstimo sem opção de compra. Espero que isso não seja problema e dê tudo o que tem para fazer uma grande época, e não venha para aqui passear.

Outra coisa boa é ser treinado pelo Jesus, que o conhece e compreende como ninguém, e é o homem certo para tirar o melhor dele, e relançar-lhe a carreira.

Boa sorte.

[hr]

Não teci grandes comentários à contratação do Meli, porque de facto não conhecia, limitei-me a ver uns vídeos, mas naturalmente, e sendo uma opção do treinador, esperava bem mais do que vir para aqui apenas fazer de jarra.

Sobre o Alan Ruiz, também não conhecia, vi uns jogos quando se começou a falar do interesse nele, e vi aquilo em que acho que todos concordamos, que tem qualidade técnica, bom toque de bola, e que até remata bem, mas a condição/forma física não me impressionaram (e pior ainda o estado em que cá chegou), nem a sua “pastelice” em campo, que se já se via na Argentina, bem mais grave se torna a jogar na Europa. Pior ainda a coisa ficou quando ficámos a saber realmente quando tinha custado, 5M já era puxado, 8M é aberrante para uma incógnita tão grande, ainda mais quando pelos vistos o treinador queria e insistia numa ideia e numa posição em campo que nada tinha a ver com ele. Não há nada pior do que contratar jogadores sem os conhecer realmente e sem perceber de que forma vão encaixar no modelo de jogo. O facto de precisar de vir com um apêndice atrás, e pago por nós, também diz muito sobre o perfil do jogador, um perfil do qual nos devemos manter longe.

Sobre o Beto, também não havia muito a dizer, seria sempre uma segunda opção, mas naturalmente mil vezes mais segura do que a alternativa anterior, o Boeck (que sempre achei fraquinho, mesmo quando tanta gente gostava dele), e também muito melhor que o outro nome que estava em cima da mesa, o Eduardo.

PS. E o problema das contratações desta época é muito maior do que o scouting do Sporting, que acredito que tenha qualidade, não deve é ter grande voto na matéria, por mais absurdo e contraproducente que isso seja.

OK.
Mas e a resposta à 2 perguntas? 8)

1. Costumas ter razão quando reprovas uma contratação? Qual a tua percentagem de acerto a esse nível? 2. Costumas ter razão quando aprovas uma contratação? Qual a tua percentagem de acerto a esse nível?

Sim a ambas, acho que costumo. Vendo pela amostra desta época, na minha opinião dá para perceber isso.

Sim claro a Dost
Não claro a Douglas e Elias
Dúvidas em relação a Petrovic ou Castaignos por umas razões, Campbell e Markovic por outras. Também Alan Ruiz, com a agravante do preço.
André apesar de o achar melhor do que o que se tem visto, não o teria contratado.

Taxa de acerto no geral ? Realmente não sei, e também não acho que valesse muito a pena lançar um número para o ar sem postar algo que o comprovasse, por isso tentei aprofundar isso em relação a esta época. Em relação a uma época ainda dá para fazer, andar mais para trás que isso requer muito mais tempo.

O meu desafio quase em jeito de provocação foi mesmo esse!
Que cada um arriscasse autoavaliar-se de forma global e atirasse um número para ambas as perguntas.

Afinal…
Acho que cada um há-de ter uma noção de si próprio, seja essa noção certa ou errada…

Então mas eu essa noção tenho, errada ou não. Acho que tenho uma boa taxa de acerto em ambos os casos, sim. Não vou atirar números, porque sem dados que o comprovem são pouco objectivos, e também não tenho tempo para arranjar esses dados mais além do que a época em curso.

Prefiro mostrar isso com citações a posts feitos antes de as contratações serem realizadas. Assim qualquer um pode ler, e tirar as suas próprias conclusões, concordando ou discordando das minhas análises à data.

Quem tem dúvidas tem que contratar ou nao à mesma.

O desafio do striker é mesmo esse. Colocar-se na pele de quem contrata e assumir uma contração ou não, e arriscar uma percentagem de acerto.

Ah tenho dúvidas. Ok, mas contratavas ou não? Quem contratou também terá as suas dívidas mas tem que arriscar. E depois do sim ou não, acertaste?

Acho uma excelente iniciativa. Eu não presumo ser grande scouter. Tenho demasiadas esperanças positivas para se-lo. Espero sempre o melhor das pessoas. Daí não ser bom para isto.

Devo ter uma percentagem a rondar os 50% de reprovação e 50% de aprovação.

Não sou grande Scouter m Mas quis elogiar a iniciativa. Parabéns!

Mas isso é uma questão de ler as citações que eu aí pus, e perceber o contexto. Por exemplo no caso do Petrovic, disse que tinha dúvidas, mas isso prendia-se com o facto de só ter seguido o jogador mais a sério na fase inicial da sua carreira. Se actualmente não conhecia a fundo o seu valor… como é óbvio NÃO o contratava. Mas se eu trabalhasse no meio tinha à minha disposição outras ferramentas e outro tempo disponível para aprofundar essa análise. Não andei a ver vídeos do Petrovic nos anos em que passou na Turquia ou no Dinamo, não fazia sentido perder tempo a fazer isso. Outro caso é o Alan Ruiz, tinha qualidade técnica e tal, e até poderia ter feito melhor figura do que andou a fazer, mas isso não chega, e por 8M também NUNCA o teria contratado.

Os empréstimos, sem opção de compra, também não os teria feito. Só aceito essa ideia perante jogadores de grande qualidade e que cheguem cá e sejam capazes de assumir a titularidade imediatamente (ex: Nani), e tal como ali escrevi, Campbell e Markovic, apesar de alguma qualidade não encaixavam nesse perfil. Também a contratação de jogadores com um perfil algo problemático pode acontecer uma vez ou outra, uma época ou outra, mas é num caso, não é em 2 ou 3 por época, juntando isso a outros 2 ou 3 que cá chegam de uma realidade competitiva completamente diferente como é a América do Sul.

Claro que podia chegar aqui e lançar um número ao ar, 50%, 80%, 100%, sem algo que o comprove isso vale o quê ? Qualquer um pode inventar um número qualquer, por isso deixei dados concretos das minhas opiniões no momento da contratação. O que eu fiz não deixa margem para dúvidas, está ali para quem quiser ler.

Mas a verdade é que fazer o que eu fiz dá trabalho, trabalho que o pessoal não está para ter, e aliás só o fiz porque tinha os posts desta época a jeito, porque queria fazer esse exercício para mim mesmo no final da época. Ver o que acertei e o que não acertei. Se tivesse de ir à procura, não o teria feito.

PS. Eu também acho a iniciativa do Strikerr interessante, caso contrário não teria respondido. Acho é que da forma que fiz é mais completa e sem margem para subjectividades. Quem quiser fazer as contas, pode sempre fazê-lo. :mrgreen:

Sem falsas modéstias, tenho um acerto de mais de 75 %.

Guardar

:great: :great: :great: