Futebol Brasileiro

Portanto toda a gente que não acha normal alguém chamar “macaco” a um negro pensa tudo isso que escreveste… é essa a ideia? :grimacing:

Ou estamos a misturar alhos com bugalhos?

1 Curtiu

Duvido que se fosse o Pepe a chamar macaco a alguém aqui na liga Portuguesa que acontecia alguma coisa, duvido

1 Curtiu

Mas diz lá uma coisa q eu até sei q te interessas por coisas neste tópico do futebol brasileiro.

Se fores para o Brasil ou Angola e chamares macaco a alguém dentro de campo qual é q achas q vai ser a reação?

Atenção q nem sabemos o q se passou dentro de campo agora se tivesse acontecido acho q era tão grave se fosse aqui ou lá, n há volta a dar.

1 Curtiu

Conheço relativamente bem o Brasil, lá é assunto sério. Em Portugal também é mas depende dos intervenientes

1 Curtiu

Pois é. Muito sério mesmo, tratado como crime. Valha a verdade q é a palavra de um contra o outro, mas já sabes como é, no Brasil, insinuação de racismo, jogador tuga, treinador tuga, vai ser uma semana daquelas para o Vitor Pereira, eu nem sei se é verdade, se houvesse gravação disso já teria vindo a público.

Mas também o Brasil é um país um tanto que bizarro, chamar um colega de macaco dentro de campo é muito baixo

1 Curtiu

Só agora percebi que esse Rafael Ramos é português! Ui isto vai dar que falar

1 Curtiu

Muito mal o Rafael Ramos a ser verdade que chamou macaco ao colega, tem que ser castigado.

Ele disse que tinha dito “foda-se ca*alho” em vez de macaco e que tinha sido um mal entendido por causa do sotaque português. Mas nesse vídeo, não dá ideia nenhuma que tenha dito as asneiras em português e parece muito mais que disse “macaco”. Também não consigo perceber totalmente mas caso se apure isso tem que ser castigado severamente.

De acordo ctgo, atenção q às tantas ele até pode ter dito outra coisa, até ver n há nenhuma gravação do q disse, mas q é terrível para um jogador levar com uma acusação de racismo lá isso é.

1 Curtiu

E o Botafogo do Luís Castro a conseguir mais uma vitória em casa contra o Fortaleza por 3:1, embora tenham estado em vantagem numérica durante 60 minutos pelo menos.

Diga-se q ainda se nota bastante falta de qualidade individual ali, pelo menos comparado com Corinthians, Flamengo ou Palmeiras.

Curiosamente os jogadores q mais se tem notado evolução com ele são os q vieram da Série B e q jogavam naquele clube q tinha ligações ao Deco, o Mirassol, o De Paula perdeu a titularidade mas mais tempo menos tempo deve voltar a ser titular, e o Cuesta e o Saravia foram 2 bons reforços para eles.

Já os reforços q vieram do Tugao até ver todos um fiasco, Piazon, Lucas Fernandes e Sauer até ver nada, o q estava melhor era aquele Philipe Sampaio mas esse veio da segunda divisão francesa depois de ter jogado uns anos aqui.

Última nota para o PL deles, o Erison, um autêntico bicho q andava para lá num clube da Série B, dificilmente vai sair dali até pq o Botafogo agora tem uma situação financeira melhor, mas começo a concordar q ele tem coisas ali q fazem lembrar o Hulk, claro q nuns patamares abaixo.

Um jogador deste perfil n sei como se encaixaria no Sporting e no tugao com as faltas de espaço, mas se desse certo seria um carro de assalto, mas neste momento já deve custar muito dinheiro, e o lateral deles q veio do Mirassol Daniel Borges pode fazer as duas alas também é muito interessante, e muito resistente.

Contente pelo Luís Castro, dos 4 treinadores q lá estão é o q mais me agrada, até do ponto de vista humano, até reconheço virtudes ao Abel mas aqueles discursos moralistas de Gustavo Santos n são para mim, o Vitor Pereira nunca me convenceu por completo, mas diga-se q as condições q tem n são as mesmas de Flamengo e Palmeiras, pelo menos na relação qualidade vs quantidade.

1 Curtiu

Faltou falar da porcaria do relvado que não ajuda nada quem está em ataque constante. O ambiente no estádio foi fantástico, aquela cena das labaredas nos golos da um efeito cool.

O Abel para mim é humilde.

1 Curtiu

O Abel tem uma relação especial com a Libertadores. Parece que as baterias estão apontadas, mais uma vez, para vencer a Libertadores em detrimento do Brasileirão.

1 Curtiu