Bruno de Carvalho - Parte 2

Ninguém devia ser expulso. Os responsáveis pela gestão danosa deveriam ir presentes á justiça. Têm que existir culpados da perca do património do clube e da SAD. Num país de gente séria não teria necessidade de sentir vergonha do que fazem ao clube .
Também deviam justificar a razão de não realizarem as assembleias. Não basta dizer que não concordam com os estatutos. Que são soberanos no clube.

5 Curtiram

Não gosto de gente dissimulada e que parece que estão a dar uma opinião sincera o que n e o caso. Da minha parte está descansado que na altura saberei em quem votar. Deixa lá de andar com o Bruno para lá e para cá. O que eu so peço para o Bruno é que se faça justiça nos vários processos que ele tem, porque na justiça dos nojaveis de Alvalade só tenho isso mesmo nojo profundo.

12 Curtiram

Se te referes a mim, dissimulado não sou. Sou sportinguista, dos do Sporting

Só tens é de votar em quem achas melhor, eu vou fazer o mesmo. A democracia é isso, é bom haver , no Carnide não há, por isso é o mesmo há 20 anos!

1 Curtiu

Eu sou do Covilhã.

1 Curtiu

Sporting Clube de Portugal, ou do Sporting SAD?

Boa👍

Com este vagangas é sad Sporting.

1 Curtiu

Em última análise, democracia seria um sócio = 1 voto.

Mas quando existem candidatos impedidos de ir às urnas, como foram BdC e Carlos Vieira
em 2018, e os boletins de voto são numerados, creio que a “vitória” está sempre garantida.

Eles têm tudo controlado caso seja necessário, não se iludam.
varandas será reeleito fácil fácil.

4 Curtiram

Em caso de necessidade, voltam-se de novo para os sacos do lixo se necessário.

5 Curtiram

Voltei a 2018.

Totalmente de acordo.

Nenhum sócio deveria ser expulso.

No entanto, em casos muito excecionais:

  • Em que o Clube fosse lesado danosa e grosseiramente;

  • Em casos de crimes cometidos que, pela sua natureza e mediatização, lançassem opróbrio sobre o nome do Clube e dos sócios e que fossem flagrantemente contra os valores defendidos pelo Sporting;

Se equacionasse em sede de Assembleia Geral uma suspensão dos benefícios de sócio durante um período largo de tempo.

1 Curtiu

Não concordo. É tribunal com esses casos. Quanto a continuarem como sócios, acho que não devem ser explusos. É para durante toda a vida ensinar as crianças do que é errado. Podermos apontar o dedo a quem é criminoso , é didáctico.

1 Curtiu

Em casos como o PPC e o Gnomo, foram justificados.

2 Curtiram

Concordo que haja sócios, pelo seu elevado número de anos de associado, que tenham mais votos que um sócio com 2 ou 3 anos, por exemplo.
O diferencial é grotesco e inadmissível. Não podemos ter sócios com 15+ votos. Ponto.
Sócio nenhum deveria ter direito a mais de 3 votos, a meu ver. É pernicioso para o clube.
Para que a presente regra mude, é preciso que tal seja proposto, autorizado e votado. Algo que o Gerinho recusaria liminarmente, estou certo.

2 Curtiram

Eu acho que cada sócio deveria ter um voto apenas por pessoa. E para benificios sobre serem socios com mais anos que se transformassem em descontos em artigos nas lojas verdes ou na aquisição de gameboxes ou afins.

1 Curtiu

1 voto por sócio, sendo que só podia votar depois de fazer 1 ano de sócio pagante e sem ter nenhuma cota atrasada.

@Leãodascolinas

Evidentemente que o meu comentário se referia em exclusivo às consequências no universo associativo, não às consequências em termos criminais.

Se alegadamente existem atos de natureza criminal, investigue-se.

Se esses atos de natureza criminal forem provados, punam-se os prevaricadores de acordo com a lei.

2 Curtiram

Isto não é a faixa de Gaza, mas pouco falta.

14 Curtiram

Felizmente o Marselfies já não estará muito mais tempo a conspurcar o cargo de PR neste país.
Ontem já era tarde.

4 Curtiram