Soares Franco ao "Correio da Manhã": Projecto Roquette deu prejuízo

A entrevista ainda não está disponível no sítio do Correio da Manhã, e como não compro o jornal, só sei o que disse o FSF pelo resumo feito noutro orgão de comunicação social. (ver link)

Basicamente, para além das considerações sobre o momento da equipa, Franco diz que o projecto Roquette deu um prejuízo de 50 milhões de euros, porque o projecto empresarial do Sporting não teve correspondência na realidade; que o Sporting não está mais refém dos bancos que o Benfica e o Porto, mas está mais endividado porque não tinha ainda recebido as contrapartidas da Câmara Municipal de Lisboa; que vai arrancar em Dezembro a campanha para atingir 100 mil sócios; que quer construir um pavilhão para as modalidades; e gostaria de ser recordado no Sporting por ter saneado financeiramente o clube, pelo património edificado e por ganhar o campeonato.

http://www.futebol365.pt/noticias/artigo.asp?id=18831&CAT=Sporting

http://www.correiodamanha.pt/noticia.asp?id=268052&idselect=20&idCanal=20&p=0

nada que admire.

Que o projecto Roquette quase só deu desgraça já toda a gente sabe (perdão, há uns por aqui que não sabiam, possivelmente vão desmentir o muy nobre prêse) embora essas contas… se bem me lembro o buraco de agora e o buraco que lhes deixaram tem uma diferença bem maior que essa, e não contar com o outro buraco que já abriram, o do património vendido, para pagar os buracos que souberam abrir é de artista.

O giro é que ele deve mesmo pensar que, tendo lá estado, fazendo parte da pandilha, e tendo consigo grande parte das pessoas que protagonizou essa fase, consegue convencer alguém de que o projecto Roquette não lhe diz respeito, ou mesmo o projecto “cunha”.

Quanto aos 100 mil sócios enfim… sempre que esse artista fala nisso só me recordo da célebre entrevista onde disse que por ele o Sporting deixava era de ter sócios pois só atrapalhavam as descisões. Anda lá convencer-me a voltar a pagar quotas enquanto tu e os teus aí estiverem que eu dou-te um chupa, para o ano nem a gamebox me levas artista.

Bêbado ou não e também com a sua quota parte de responsabilidades, só lhe fica bem admitir (o que já muitos tinham percebido, mas mesmo assim), porque existem alguns que nunca o fazem ou fariam.

Quanto ao resto dos objectivos se conseguir o minimo saneamento finaceiro, o pavilhão e o campeonato, ficaria satisfeito. Os sócios acho algo dificil, mas cá estaremos para ver.

Património edificado :-\ ?

Ele diz que ficará satisfeito por esses 3 objectivos, eu digo que em 2 deles mais não fará que corrigir o mal feito anteriormente, ou seja, sanear o clube financeiramente é uma obrigação de quem teve os ovos na mão para o fazer evoluir para outro patamar e tudo desperdiçou.

O pavilhão será uma correcção de um mau planeamento, que preferiu ter uma final europeia e um estádio com mais lugares (sem contrapartidas financeiras de relevo), que a infraestrutura.

O campeonato (que entendi figurativamente como a vontade de colocar finalmente o Sporting a vencer titulos de forma suportada e continuada) é um objectivo já publico e que aliás, em meu entender, lhe deu grande força na altura das eleições.

Mas como não estou aqui só para dizer mal, fico satisfeito por o actual presidente do Sporting assumir que estava completamente errado quando defendeu um clube sem modalidades amadoras (a menos que fossem financeiramente suportáveis), o que depreendo ele achar possível, ou então não estaria a pensar num pavilhão, e fico também feliz por aceitar finalmente que ao Sporting interessa é ter associados, quantos mais melhor.

Agora já de seguida espero ansiosamente por um desmentido em relação à venda de pedaços do clube, porque não se justifica andar a lançar campanhas a pedir às pessoas que se associem a algo que não existe.

Deu prejuízo porque pelos vistos foi mal gerido…e eu lembro-me bem que FSF já faz parte do projecto desde o inicio, não como presidente está claro mas não é de hoje a influência de FSF no Sporting para o bem e para o mal é inegável que tem feito muito no Sporting.

Teve decisões e momentos meritórios e teve outros em que esteve mal, como tudo, ninguém é perfeito, talvez esteja agora a tentar ser o mais consensual possível, sabe que não é fácil mas está a tentar.

Financeiramente nota-se algumas melhorias mas poucas… desportivamente não me parece que tenha melhorado muito.

Nao sei se te estou a perceber, mas o clube existe e existira, aquilo de que o clube e efectivamente dono, e aquilo de que sera dono no futuro e que sao outras historias. Por isso associar-te ao clube e uma coisa, o clube existe, aquilo a que te estas a associar e que podera nao estar bem explicado.

Acho perfeitamente possível chegar aos 100 mil sócios (actualmente estamos na casa dos 90 mil) e até superar. Mas isso depende mais dos resultados desportivos do que dos incentivos da campanha. A questão dos sócios pagantes não deve ser superlativizada, porque os outros clubes também têm muitos sócios “não” pagantes, ou seja, que não são efectivos e não pagam a quota máxima. É sabido que no Benfica, a grande maioria das pessoas que aderiu ao kit sócio depois deixa de pagar as quotas e não se refiliará quando se fizer a próxima renumeração.

Em relação ao resto, espero ler a entrevista toda para poder perceber melhor algumas coisas, nomeadamente, o estado em que está a questão do pavilhão. A questão do projecto Roquette é a admissão de uma realidade óbvia. Foi pensado para outro país e outro futebol. Não teve em conta a pouca dimensão do mercado, a corrupção no futebol, o fraco poder de compra dos portugueses, bem como a burocracia na Câmara de Lisboa. É o que dá quando se copiam modelos dos EUA para Portugal…

Soares Franco tem um ano para mostrar o que vale. Vendeu o património e acabou a novela dos terrenos, portanto, é agora que tem TODAS as condições para implementar o seu “projecto” desportivo. Se não resultar, a responsabilidade será dele porque lhe foi dado um mandato claro para governar. Não há mais desculpas.

Eu sinceramente , e ignorante como sou estou errado de certeza, mas eu nao acho que ele tenha um projecto desportivo, eu acho que ele tem um projecto economico, que so por acaso esta integrado num clube desportivo.

Jmlima, o programa eleitoral dele falava num projeco desportivo, que incluía o pavilhão e o reforço da competitividade do futebol. Para isso quis vender o património não desportivo. Agora, exijo que cumpra o que prometeu. Depois há a questão da venda de acções da SAD perdendo o Sporting a maioria. Isso vai dar mosquitos por cordas. Sou contra. Com o meu voto numa AG não passa.

Seria bom o proprio Roquette assumir os seus erros.
Alguem vai ter de pagar os 50M€ de que fala o SF, ja que o Roquette fez merda, podia ter a honestidade intelectual de se chegar a frente… Ja que é tao rico…

Eu nao a discordar das palavras, eu sei que ele lhe chama ‘projecto desportivo’…

Queres outra opiniao de ignorante? Repara como raramente apesardo assunto ja ter vinda a berlinda diversas ninguem por aqui fala muito na perca da maioria da SAD… Eu acho que ninguem quer saber, ate te digo mais, esse processo vai coincidir quase de certeza com uma altura em que ocorra uma vitoria desportiva ou me engano muito.

ahahah :smiley:
Yeah right, e o pai natal também existe :smiley:
Esse grande “herói”, que tantos veneram, que se recusou pegar no clube quando deste realmente estava aflito, ele e os demais meninos da linha, tendo avançado o burguesso do cintra, aparece mais tarde já com a coisa mais estável para fazer o que tinha a fazer: recuperar uns terrenos e transformar o Sporting no hobby de meia duzia de hotshops ou fidalgos bem nascidos que percebiam tanto de gestão de futebol como eu de bridge. No final pirou-se, com a promessa que não faltaria caso necessário mas reza que ainda deixou os dois amigos, Franco e Cunha, apeados, tendo estes dois avançado com o que é seu como garantia para o project Finance.

Um grande herói do Sportinguismo de facto… para os cegos claro.
O seu legado resume-se a isto: um estádio por pagar, de gosto arquitectónico duvidoso, com evidentes erros de conceção, que vão desde a orientação e capacidade de recepção de luz solar aos fossos, escadarias sem elevadores e tudo mais. É isto que Roquette fez pelo Sporting. E quem vier a seguir que lhe bata palminhas e pague a conta.

Concordo. Se há coisa que o projecto deixa de positivo é um Estádio novo 5 estrelas UEFA e a sempre esquecida… quando convém… Academia.

Mas os custos disso tudo e o que vinha para trás e continuando a insistir em erros antigos… pois… pois…

Bem , culpar o Roquette pela deficiente concepcao arquitectonica do estadio tb e um bocado de mais… Se alguem foi incompetente foram os arquitectos, nao e da responsabilidade do cliente averiguar da deficiente recepcao solar ou exposicao, para isso e que ele contracta tecnicos supostamente qualificados.

Proponho que cada um classifique as prioridades assinaladas que creio sejam consensuais por ordem de importância. Aqui vai a minha opinião:

1 - construção de pavilhão e (acrescento eu) reactivação das amadoras
2 - 100.000 sócios
3 - saneamento financeiro
4 - ser campeão

Se o SF conseguir os quatro prometo que lhe pago as quotas do meu bolso durante o resto da vida.

como é que um adepto prefere ver o Sporting atingir os 100.000 sócios do que ser campeão? só mesmo no Sporting :slight_smile:

Eu deixo a minha ordem, que é uma ordem CAUSA-EFEITO ou seja… sem esta sequência o ponto seguinte não acontece, e o ponto um tem de acontecer VÁRIAS vezes num curto espaço de tempo para outros se realizarem:

1 - ser campeão
2 - saneamento financeiro
3 - pavilhão
4 - 100.000 sócios

1 - construção de pavilhão e (acrescento eu) reactivação das amadoras

Para mim este é realmente o grande calcanhar de aquiles do clube neste momento. Chegar ao 100.000 socios é um valor que pouco me diz, e operações coração é mais para o outro lado da circular. O saneamento financeiro vem progressivamente sendo efectuado, por muito que custe a muita gente que vê o futebol numa perspectiva irreal e ilusória.
Quanto ao ser campeão será apenas uma consequência do grande clube que somos. Penso que não será este ano, mas é algo que todos os anos o Sporting tem obrigação de conquistar. Umas vezes conseguirá, outras não. São sempre 3 para o mesmo poleiro e com os mesmos objectivos…

Eu deixo a minha ordem, que é uma ordem CAUSA-EFEITO ou seja... sem esta sequência o ponto seguinte não acontece, e o ponto um tem de acontecer VÁRIAS vezes num curto espaço de tempo para outros se realizarem:

1 - ser campeão
2 - saneamento financeiro
3 - pavilhão
4 - 100.000 sócios


:arrow:
Se o pipinho conseguir concretizar esses objectivos todos, merece o total respeito pelos sócios e adeptos do sporting.

Eu explico. Quero tanto ganhar como os outros, mas acho que o mais urgente é mesmo devolver o ecletismo ao clube e unir / mobilizar os seus adeptos. Cada adepto que se converta em sócio é um passo mais no crescimento do clube. E não creio que para isso seja necessário ser campeão. Mas cada um a sua opinão.

Pede-se aos foristas que prometam qualquer coisa ao pipinho para o caso de ele conseguir atingir estes objectivos. Vá lá, não tenham medo, o risco de concretização é infelizmente muito baixo.