Reajustes no plantel

Neste momento temos 26 jogadores no nosso plantel. Parece-me claro que existe excesso em alguns lugares e falta noutros. Como estamos perto de Janeiro, eis a minha opinião:

Guarda Redes

Uma maneira de poupar dinheiro seria vender ou emprestar o Tiago ou o Nelson. Penso que Ricardo mais um destes dois e o Mário Felgueiras (titular dos juniores e da respectiva selecção) seriam suficientes.

Defesa Direito

Acho que deviamos fazer qualquer coisa neste lugar. O Mário Sergio não se conseguiu impor, o Miguel Garcia falhou, o Rogerio ainda não me convenceu e pode ser necessario no meio campo. Se calhar propor ao Belenenses uma troca temporária do Amaral por o Miguel ou o Mario e mais um valor simbólico (ou o pagamento de ambos ordenados) era capaz de ser uma boa ideia.

Defesa Esquerdo

Apesar da lentidão do Rui Jorge e da irregularidade do Paito, não me parece prioritário esta posição. De qualquer maneira se sem custos viesse cá parar o Jorge Ribeiro (Gil Vicente) ou o Jorge Luis (Braga) não ficava triste …

Defesas Centrais

A renovação com o Hugo foi quanto a mim uma atitude precipiatada. O Miguel Veloso ou o Carlos Marques podiam ser perfeitamente o 4º central. Para já não mexia, mas se alguem quiser comprar o Hugo … tudo bem!

Médios

Temos 6 médios, se calhar muitos pensam que são muitos eu acho que não, tanto mais que jogamos com d4 e inicio e o Rogerio tem vindo a ser utilizado a lateral direito. Tambem não vejo necessidade de contratar nais alguem a não ser que surja uma pechincha.

Extremos Direitos

Neste momento como solução credivel só temos o Douala. O Pedro Barbosa parece-me que já deu o que tinha a dar, o Sá Pinto não deve ser solução. Acho que precisamos de mais um extremo, quem? Cá em Portugal não estou a ver ninguem …

Extremos esquerdos

Aqui a coisa ainda é mais grave, pois o Paulo Sérgio ainda está verde, o Danny não é solução. Esta para mim é a prioridade nº 1. O Jorginho faz este lugar, mas não é verdadeiramente o seu lugar … parece-me que tambem só no estrangeiro poderemos arranjar uma solução com alguma qualidade. A renovação com o Tello foi para mim o maior erro deste ano da SAD.

Avançados

Aqui tambem era bom que se mudasse. O Danny não se consegue impor. Não me chocaria uma troca Danny pelo Jorginho.
Já não acredito no Niculae, o Pinilla (embora acredite que vá melhorar) tambem não me convence. Só que avançados custam muito dinheiro.
Se calhar um Manoel ou um Antchouet eram capaz de dar jeito, e o investimento não seria grande.

O meu plantel após Janeiro:

Ricardo, Tiago (ou Nelson), Mário Felgueiras
Rogerio, Amaral (Belenenses)
Polga, Beto, Ena, Hugo
Rui Jorge, Paito
Custodio, Tinga, Roca, Viana, Martins
Douala, Barbosa (Sá Pinto é uma incógnita)
Paulo Sergio, “jogador a contratar”
Jorginho (Setubal), Pinilla, Liedson, Antchouet (Belenenses)

Jogadores a emprestar ou vender:

Nelson (ou Tiago), Mario Sergio, Miguel Garcia, Tello, Niculae, Danny

Acredito que não seria preciso muito dinheiro e talvez até se poupasse na massa salarial.

Excelente post.

Concordo a 100% com a análise de prioridades, apenas alargava um pouco mais o horizonte de soluções embora concorde que jogadores com experiência de 1ª divisão se integram mais rapidamente.

Aquele Manduca do Marítimo valeria a pena ou é fogo de vista? Confesso que tenho acompanhado a espaços.

Faz-me lembrar outro fenómeno maritimista que tb desapareceu e que teve quase em alvalade, o toedtli.

concordo com esta análise a 100%

No que diz respeito a contratações acho que a SAD não tem estado mal isto tendo em conta as limitações orçamentais em que vive. Assim a aposta no mercado nacional onde haverá outros Doualas e o lançamento de alguns jovens da Academia deve ser a prioridade, mas uma ou outra contratação do catálogo do Freitas também não me assusta, quando por cá não se encontrar jogadores com o perfil desejado.

Assim parece-me que o lado direito da nossa defesa deve ser uma prioridade e já tinha referenciado esse Amaral.

Já do lado contrário acho que quem tem jovens como Paíto e Valdir deve dar-lhes uma oportunidade pelo menos tão grande quanto as que foram dadas a Miguel Garcia e Mário Sérgio.

Quanto a extremos o Douala está aprovado, o Danny é para rever e o Paulo Sérgio talvez deva ser emprestado uma vez que o treinador parece não acreditar nele. No mercado nacional tenho reparado no Manduca, porque o Jorginho não é um extremo nem um ponta de lança, embora me pareça um bom jogador, não sei aqui tenho algumas dúvidas.

Avançados pois não é fácil este mercado, eu continuo a sonhar com o Niculae que nós vimos nos primeiros tempos, acho que se completaria muito bem com o Liedson, e não sou completamente céptico em relação ao Pinilla, vamos ver como ele reage ao estímulo deste golo, até porque o mercado só reabre em Janeiro até lá há tempo para reavaliar as necessidades mais prementes do grupo e acima de tudo aproveitar bem os recursos disponiveis

O Manduca??? Parece-me que o nº 10 do Marítimo é muito melhor, fez um jogo fantástico contra o benfas (não me lembro do nome)

Excelente post.

Concordo a 100% com a análise de prioridades, apenas alargava um pouco mais o horizonte de soluções embora concorde que jogadores com experiência de 1ª divisão se integram mais rapidamente.

Aquele Manduca do Marítimo valeria a pena ou é fogo de vista? Confesso que tenho acompanhado a espaços.

Faz-me lembrar outro fenómeno maritimista que tb desapareceu e que teve quase em alvalade, o toedtli.

Sobre o Manduca, não tenho ainda opinião formada.
Sobre o “alargar de horizontes”, no plano internacional, os que eu gostaria são caros e neste momento não estou a ver nenhum deles “encostado” para que pudesse vir por empréstimo. Quanto à 2a liga, confesso que estou bastante desactualizado. è um mercado que convem estar bem atento.

O Manduca??? Parece-me que o nº 10 do Marítimo é muito melhor, fez um jogo fantástico contra o benfas (não me lembro do nome)

Não sei quem era o 10, mas penso que deves estar a referir ao Alan ou ao Leo Lima. O Leo Lima é tipo Jorginho e segundo dizem as “más linguas” tem muito mau feitio. O Alan é realmente extremo, só que acho o muito irregular, e isso num clube como o Sporting … mas poderá ser uma hipótese.

Aposto que o Peseiro, os adjuntos, os médicos, os roupeiros e inclusivé o Freitas também concordam a 100%. O problema é capaz de ser outro $$$ :wink:

Aposto que o Peseiro, os adjuntos, os médicos, os roupeiros e inclusivé o Freitas também concordam a 100%. O problema é capaz de ser outro $$$ :wink:

Se calhar 1 milhão de euros chegava para o que eu sugeri e os gastos em salários não deveriam aumentar. Um milhão de euros poderá ser a diferença entre ir à pré-eliminatória da LC e a “entrada directa” na LC, ou vencer a taça de Portugal, ou ir mais longe na Taça Uefa.

Sou favorável à contenção de custos, mas terá que haver sempre um investimento com risco baixo (isto é contratações ou empréstimos por valores que não ultrapassem 10% do orçamento).

Vou-me tornar repetitivo mas nao me parece que vao haver contratacoes nenhumas, e quanto melhor jogar a equipa mais com a certeza fico disso. E como prefiro que joguem bem do que contratem por grosso, deixem estar o que esta…

Aposto que o Peseiro, os adjuntos, os médicos, os roupeiros e inclusivé o Freitas também concordam a 100%. O problema é capaz de ser outro $$$ :wink:

O Freitas é diferente…

Freitas agrees IF contratação = carteira de empresários amigalhaços com quem até faço umas negociatas valentes :slight_smile:

Nós temos um buraco financeiro maior que o da camada do ozono e voces dizemq ue mais um milhãozinho não faziam mal a ninguem…

Temos que ser uma equipa de remediados, o problema do defesa direito tem que ser solucionado com adaptações ( o rogerio nao fica la mal), o problema dos extremos tem que ser solucionado tambem com o que temos, e nos Pontas de lança é rezar que o Lideson não se lesione e o Pinilla acorde para a vida. Agora gastar mais dinheiro é que não! Prefiro um Sporting a lutar a por um terceiro lugar que uma lutar pello segundo ( sim porque estas alterações não fairam GRANDE impacto) mas cada vez mais falido.

Temos é que pensar que o plantel já está muito grande, e não pensar em mandar uns embora para trazer logo outros a correr.

Mandar um GK embora e apostar nos jovens, fazer o Paulo Sergio rodar num qualquer clube, dar o tello porque ninguem o deve querer.

Gostei muito do Manduca, Leo Lima e Allan. Por mim vinha o Allan porque já vi vários jogos dele no Maritimo e sempre foi muito activo, não é tosco e é bom tacticamente. Mas só vinha se fosse barato.
Em termos de centrais espero que a base seja Enak e Polga (Beto terá de esperar) mas gostava de ver Michel Van der Gagg no Sporting. O gajo demonstra grande classe a jogar mas acho que já é velho.
Quanto aos laterais não muda nada porque já estou farto de ver rodar jogadores quando estes não têm experiencia. O Patacas demonstra alguma qualidade e penso que tinha lugar no Sporting. O Paulo Sérgio deve ficar no Sporting porque a meio da época alguns jogadores irão ficar indisponiveis e depois não há ninguem a substitui-los (não ponham o Tinga a extremo direito) e ficam os adeptos de outros clubes a rirem-se.

GR: Concordo com a sugestão do Moura. Não acredito que seja possível vender nenhum dos excedentários, porque qualquer um deles já perdeu o pouco cartel que pudesse ter. Mas aliviar a folha de pagamentos já não seria mau, e traria o Felgueiras para mais perto da equipa principal.

Defesa direito: Por acaso tenho gostado do Rogério. É um pouco lento mas não inventa, e quando sobre fá-lo pela certa. Muito melhor que qualquer das alternativas.

Penso que o Garcia é um equívoco, Enak um equívoco ainda maior, e o Mário Sérgio um mistério. Concordei com a sua contratação, achava-o um bom jogador e tenho pena de não se impor. Falhou nas oportunidades que teve no ano passado, e este ano praticamente não jogou (por acaso contra o Rapid não desgostei). Se não for para ter mais minutos de jogo, emprestava-o.

Defesa esquerdo: Preferia uma aposta forte no fim do ano do que uma assim-assim em Janeiro. O Rui Jorge está claramente a jogar para o contrato, mas sinceramente acho que seria um erro renová-lo.

Deixava tudo como está. No fim do ano saíam Rui Jorge e Paíto emprestado. Regressava Valdir e contratava um titular. Quem? Não gosto do Jorge Ribeiro, acho-o demasiado baixo. O Jorge Luis não conheço bem. Gostava do Edson do Leiria (que marca livres e também joga a central), mas não sei o que anda a fazer.

Centrais: Também penso que foi uma precipitação renovar com o Hugo, uma decisão tomada ao sabor do momento. Gostava de ter visto o Carlos Marques como 4º central. Há muito tempo que se fala nele e penso que merecia a aposta.

De resto não me parece que estejamos mal. Penso que uma equipa deve ter 3 centrais equivalentes. Para mim Enak não está ao nível dos outros dois, mas cumpre enquanto joga a central (a lateral esqueçam).

Médios centro: Com Rogério a lateral o excesso no meio campo (onde penso que ele não faz falta) é menos visível. Penso que poderá resolver-se no fim da época com as saídas do Barbosa e do Sá. O problema é mais a tipologia dos jogadores que é toda muita parecida (Custódio, Tinga, Carlos Martins, Rochemback, Hugo Viana).

Precisávamos de um 10 de super classe, capaz de levar o jogo da linha de meio campo até à área. Para contratar esse jogador é preciso dinheiro. Na ausência de dinheiro, é preciso vontade e imaginação. Não me parece que exista nem uma nem outra… :? Jorginho, a vir, será sempre um remendo.

Extremos: Não gosto do Danny. Não me parece jogador para uma equipa grande. Gostava de ver uma aposta a sério no Paulo Sérgio, a par da continuidade do Douala. E ainda assim faltavam mais dois…

Avançados: Liedson é muito bom, e quero acreditar que ainda existe o grande Niculae de 2001/02. Talvez um empréstimo lhe fizesse bem. No Pinilla não acredito muito, e mesmo que venha a ser reforço não é para já.

Também gosto do Antchouet, embora tenha sempre medo dos Ayews. O Marcel de que hoje se fala é referenciado como um bom jogador, com capacidade de finalização.

Falando em prioridades, não há dinheiro para muito, penso que deve ser equacionada a contratação de 1 extremo de preferência esquerdo e 1 ponta-de-lança, tudo o resto é gastar dinheiro sem necessidade, ainda por cima dinheiro que não temos! :?

Não vejo necessidade de nº10, da maneira que joga o Sporting o Carlos Martins é um belo nº 10, ainda por cima com Roca e Viana nas costas a dar apoio, em relação ao extremo não vejo grandes alternativas a nível interno, é necessário recorrer ao mercado externo, já no lugar de ponta-de-lança há 2 ou 3 opções consistentes, Antchouet, Evandro do Rio Ave e Manduca parecem-me opções acessíveis e com qualidade!

embora tenha sempre medo dos Ayews

Sera ate ao fim dos meus dias uma das maiores incognitas esta ideia de tantos acerca do Ayew.

Continuarei sempre a dizer… pudessemos nos la ter o Ayew!!!

Eu tenho a mesma opinião do Rui sobre o Ayew, penso que foi um jogador muito mal aproveitado!

Não tenho tempo para elaborar como gostava, mas repito o que já disse há umas semanas atrás: Manoel ou Antchouet não os quero nem oferecidos. Merda por merda recupera-se o Silva, que sempre sai mais barato.

É indissociável o binómio qualidade do recrutamento -> dinheiro disponível. Daí que prefira contratar apenas um jogador que seja, mas com qualidade acima da média e para lugares carenciados, do que vários jogadores medianos para encher os campos da Academia.

Cinjindo-me a este raciocínio voltar-me-ia para as posições onde, a meu ver, a pobreza é maior: as faixas laterais.
O número elevado de golos sofridos é uma consequência, entre outras, da falta de agressividade dos laterais no combate à fuga do adversário para a linha de fundo e ao consequente cruzamento.

De imediato vem-me à memória o nome de Willelmsson, o sueco do Anderlecht que me encheu as medidas no Europeu e confirmou, posteriormente, nos jogos da Champions League que tenho visto, ser mesmo um grande jogador. Faz todo o corredor, defenda e ataca com a mesma desenvoltura, tem um repertório técnico muito interessante e uma vantagem sobre os Portugueses jeitosinhos: é imensamente mais objectivo no sentido que dá ao seu jogo.
Mesmo que não tivesse dinheiro para mais ficava só com este. Embora desconhecendo a sua situação contratual, julgo que não deva ser um jogador inacessível no seu custo nem extraordinariamente caro ao nivel salarial.
Amaral, do Belém, seria a alternativa “nacional” que vejo com maior qualidade, embora não creia que seja fácil contratá-lo por tuta e meia. Talvez com o Mário Sérgio como moeda de troca se consiga o negócio.

Numa 2ª linha perfilam-se Miguelito (Rio Ave), Bessa (V.Guimarães) e Rui Duarte (Estoril).

Para avançados não vejo na Superliga qualidade que nos sirva. Vejo apenas jogadores com algum interesse.

Jorginho não sei bem o que é. Não é um 10 puro, não é um avançado codicioso, tb não é extremo. Se for para substituir alguém existente, então OK. Dou ao Setúbal o Tinga por troca e fico com o Jorginho. :wink:

Wesley do Penafiel é um jogador interessante mas tb uma incógnita sobre o que valerá numa equipa com outras responsabilidades.

Marcel, de quem os pasquins falam hoje, era um belíssimo jogador que vi actuar no Brasil há uns 4 ou 5 anos com 18 anitos e um imenso potencial.
Boa estampa, tecnicista e rápido. Foi internacional brasileiro sub-23 - acho que ainda chegou a jogar com o Cacau, jogador do Estugarda que marcou um golo no último jogo da UEFA aos simple minds:wink:
Perdi-lhe o rasto qd foi para a Coreia jogar lá no Samsung-qualquer-coisa…

De resto, e depois de ver hoje o jogo com o Luxemburgo, apostaria, sem hesitação, em Silvestre Varela (com um novo look à Didier Drogba), jogador que sempre apreciei no seu trajecto pelas camadas jovens do SCP, e que se está a tornar num avançado muito interessante. Também em Edgar Marcelino que é a minha jóia da coroa, e Valdir que fez um jogão na 1ª parte (Jorge Ribeiro ao pé deste é anedota de café…).

Tentem despachar o Tello e o Tinga, mais um dos guarda-redes.

O Jorginho, deixem o PC compra-lo para evitar que vá para os lamps. Depois vai ser emprestado ao Valladolid ou Dinamo de Bucareste.

Atendendo à incognita Pinilla e ao azarado Niculae, não seria pior ter mais um avançado. Hoje em dia dependemos 100% do Liedson e do Douala.

Qual a situação contratual do Valdir? Está seguro? Parece-me ter bom futuro.

De resto, estou como o JMLima. Se não há dinheiro para comprar bom, deixem estar como está.