Gonçalo Inácio

1 Curtiu

GONÇALO INÁCIO PRONTO PARA A LUTA

SPORTING 09:14

Gonçalo Inácio, defesa-central de 20 anos, deve receber esta segunda-feira luz verde para poder voltar a integrar os trabalhos sem limitações, ele que está afastado do grupo desde o jogo europeu com o Ajax, disputado no passado dia 15 de setembro, partida na qual contraiu uma entorse traumática na tibiotársica direita, lesão que o tem impedido de desenvolver a sua atividade profissional sem limitações.

E se ao início foi estimado um tempo de paragem na ordem das duas semanas, a verdade é que a recuperação acabou por demorar mais alguns dias, uma vez que o jogador continuava a sentir um enorme desconforto.

A sua eventual participação no jogo com o Belenenses é ainda uma incógnita.

1 Curtiu

1 Curtiu

Gonçalo Inácio está de volta: Amorim ganha outra opção

Central subiu ao relvado e trabalhou sem amarras. Após quase um mês de fora, tem de acelerar

image

Se o primeiro impacto das seleções e da Champions, em setembro, não foi propriamente simpático, tanto pelas lesões de Pote e Inácio como pela derrota com o Ajax, o início de outubro promete um leão de cabeça limpa e preparado para o que aí vem. Foi essa a mensagem principal retirada ontem das declarações de Esgaio e Nuno Santos, no inovador ‘Betano Media Day’, realizado na Academia de Alcochete; e foi essa, também, a ideia que saiu reforçada por mais uma boa notícia no regresso da equipa aos treinos. E isto porque, depois de Pote, na semana passada, agora foi Gonçalo Inácio a subir em pleno ao relvado da ala profissional da Academia de Alcochete.

Como Record antecipara no domingo, o central já trabalhou livre de restrições, sinal de que está cada vez mais perto de ser ‘reforço’ de peso, numa altura em que a equipa está prestes a entrar numa série particularmente intensa: até final do mês, o Sporting tem cinco jogos agendados, entre Liga (Moreirense e V. Guimarães), Liga dos Campeões (Besiktas), Taça da Liga (Famalicão) e Taça de Portugal (Belenenses, na sexta-feira). Inácio enfrenta uma luta contra o tempo para recuperar os índices físicos e ser opção já no Restelo. Certo é que a entorse no pé direito, sofrida a 15 de setembro, na receção ao Ajax , já não impede o defesa, de 20 anos, de treinar com o restante plantel. Nos 15 minutos da sessão abertos à comunicação social, Inácio recriou-se com bola e foi um dos leões mais acarinhados pelos companheiros e Rúben Amorim. Até nas redes sociais, a boa nova foi saudada. “Acabaram as férias!”, gracejou Tiago Tomás.

Como de pão para a boca

O regresso do português é especial mais que não seja pelo facto de a equipa ter poucas opções na posição para o jogo da Taça. Coates foi ontem titular pelo Uruguai frente à Argentina e, horas antes do Belenenses-Sporting, defronta o Brasil, em Manaus; já Neto está lesionado e falha o embate com os azuis. Restam Feddal e, desde ontem, Inácio.

Porro e Sarabia esperados amanhã

Ao longo desta semana o grupo vai voltar à ‘normalidade’, dado que os jogadores que rumaram às respetivas seleções são esperados de volta, a conta-gotas. Ao que foi possível apurar pelo nosso jornal, amanhã regressam Porro e Sarabia, chamados pela seleção espanhola à final four da Liga das Nações (o lateral não foi utilizado e o extremo fez 136’ em dois jogos). Já Palhinha, Matheus Nunes (ambos Seleção A), Tiago Tomás (sub-21) e Gonçalo Esteves (sub-19) jogam hoje. Coates (Uruguai) só entra em ação na madrugada de sexta-feira.

Marsà lidera grupo de doze talentos

Amorim chamou ontem doze jovens das equipas B, sub-23 e juniores. Marsà, central espanhol ex-Barça, tem sido aposta recorrente e pode ter lugar na convocatória de sexta-feira, até face às ausências no setor. Já Etienne Catena, central ex-Roma, compareceu pela primeira vez. Destaque, ainda, para os defesas Gonçalo Costa, Hevertton e Tiago Santos; os médios Bernardo Sousa, Edu Pinheiro, Lucas Dias e Edson Silva; e os avançados Vando Félix, Rodrigo Ribeiro e Tiago Rodrigues

1 Curtiu

O Inácio é um bom jogador, mas em termos defensivos tem ainda muito para evoluir, tem que ter muito cuidado com os jogadores que se desmarcam nas suas costas, até porque a velocidade não é uma das suas armas.

Mas a velocidade é uma das armas, agora que ainda não esta no ritmo devido a paragem, Todas as jogadas nas suas costas estavam anuladas por fora de jogo que ele fez muito bem, somente uma que não em todo jogo!! Fez um bom jogo, mas ainda pode fazer melhor!!

Não está, claramente, com o ritmo físico e com a confiança com que estava antes da lesão. Mas isso é normal, vai lá chegar.

Preciso levar em conta q é a primeira vez q faz 90 minutos na Champions.

Nada mais errado. Inácio é, sempre foi, um jogador muito rápido (Amorim já o disse muitas vezes). Não foi por acaso que jogou, durante a maior parte da formação, como lateral. Já agora: tem muito para evoluir, mas é bem mais, já, do que um bom jogador. É um craque. Será um super-craque na sua posição.

1 Curtiu

O Inácio tem condicoes para alcançar um nível muito elevado. Convém que deixe de ser bom rapaz, em certas circunstâncias.

Até esta data, não vejo o “tecto” do Gonçalo Inácio como tão elevado. Espero que “suba” com os tempos. Mas concordo que tem que ganhar uma “mean streak”. A fisicalidade e a intimidação num central são muito importantes.

SL

Concedo que, no fim de contas, o que vale é o rendimento. E isso ele ainda vai ter que consolidar. Teoricamente, ele tem condições físicas (é alto e tem velocidade) e técnicas (nem é preciso enumerar). Tenho ainda dúvidas sobre a sua fibra mental (é, no entanto, um miúdo) e sobre a sua agressividade (a tal questão de ter que deixar de bom rapaz). Acresce que me parece ter aptidões nas bolas paradas ofensivas, aparecendo bastas vezes em posição de marcar (e até já marcou).

Agora, precisa condensar isso tudo e ganhar consistência e ir subindo de rendimento. Os extras técnicos e ofensivos podem elevá-lo ao tal patamar elevado, que acho que pode atingir.

Apesar de ter ali um óptimo benchmark, que é o Coates, o uruguaio também não corresponde ao típico filho da ■■■■, que vai para bater. Diria até que a liderança do Coates é tranquila e que se faz por exemplo, mais do que dar uns gritos ou intimidar os atacantes. Mas mesmo nesse registo, o Coates atingiu hoje um nível de consistência e de excelência, de que o Gonçalo pode beber.

2 Curtiram

O Inácio tem tudo para ser um central de topo, velocidade, físico (que vai ter que aprender a usar mais) e qualidade técnica para dar e vender…lembrar que esta época já leva 1 golo e 2 assistências.

Aos 22/23 vai estar no ponto e vai ser um dos melhores na posição

1 Curtiu

O Inácio se continuar humilde e trabalhador ainda vai evoluir bastante. Tem ao seu lado um jogador que lhe pode ensinar bastante.

Se o André Cruz ainda jogasse ainda lhe dava umas lições de como marcar livres de forma exemplar com aquele pé esquerdo…

Já o vi ser várias vezes batido em velocidade.
O que eu tenho escrito é que é um jogador jovem e que continua a sua evolução, tem qualidade para jogar cada vez mais.

Tens de mudar de graduação, então. Inácio, sempre foi, muito rápido. É uma das suas principais armas.

Não sei se essa é a melhor forma de discutir pontos de vista diferentes, mas ok.

Tenho todo o gosto em discutir pontos de vista. Mas não perco tempo a discutir factos. Inácio é — e isso é um facto — muito rápido. Se partirmos desse facto para discutir outros aspectos do seu jogo, contas comigo.

O Inácio è rápido em mas pode ser que ainda esteja “pesado” devido à lesão. Não reparei.

Metendo-me numa discussão que não é minha e não me pronunciando se concordo ou não que Inácio é rápido ou não.

Isto sem factos, que é a velocidade que ele atinge ou exemplos práticos, não é um facto é um ponto de vista. :grin: