Futebol de Praia

O problema é que é complicado ir “pescar” os melhores quando não há sequer uma Liga Nacional devidamente organizada. Tudo porque a FPF está rigorosamente a cagar-se para o Futebol de Praia. Uma Liga Nacional com jogadores de futebol, de hóquei ou amadores que “dão uma perninha” durante o Verão não contribui para o desenvolvimento da modalidade. Assim a selecção vai perdendo forças com o passar do tempo. Veja-se o trabalho que andam a fazer em Itália, na Rússia, em França ou noutros países que já têm ligas nacionais devidamente organizadas… as selecções deles estão cada vez mais fortes, porque o campo de recrutamento é também maior.

Futebol Praia: Portugal «favorito» no Mundial em Marselha
A Selecção portuguesa de Futebol de Praia tem fortes aspirações para o Campeonato do Mundo que decorre neste mês de Julho em Marselha, França. «Portugal é campeão europeu e líder do ranking europeu e isso confere-lhe favoritismo para atingir a final», repara o seleccionador Zé Miguel antes do arranque do primeiro Mundial da modalidade fora do Brasil. Um factor que o treinador diz que vai ser «benéfico para todas as equipas europeias». A estreia das quinas na prova é a 17 de Julho frente a El Salvador.

Depois de El Salvador, Portugal defronta a 19 de Julho as Ilhas Salomão e fecha a participação no Grupo B do Mundial a 21 de Julho contra a Itália. Zé Miguel acredita que as quinas podem ir à final depois de no Campeonato do Mundo anterior não terem passado dos quartos-de-final. O seleccionador avisa contudo que «podem existir surpresas, como no último Mundial, em que surgiram boas equipas da América do Norte e de África».

O capitão da Selecção portuguesa, o veterano Hernâni de 45 anos, fala da renovação que a equipa vem sofrendo, considerando que os «novos jogadores dão garantias de que podemos fazer um óptimo trabalho». Sobre a sua condição física repara que já não é «um menino», mas salienta que tem «a mesma ambição» e que trabalha «diariamente na areia e no ginásio». «Cuido-me como não me cuidava antes», atesta o antigo jogador de futebol de onze.

A conferência de imprensa da Selecção de Futebol de Praia que decorreu na sede da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) ficou ainda marcada pela revelação de que na época 2009/2010 a FPF vai organizar o Campeonato nacional de Futebol de Praia. Uma boa nova para a modalidade.

relvado.aeiou.pt

E o Senegal ganhou à França nos penalties depois dum 5-5 em que o 5º golo da França foi na minha opinião já depois de ter acabado o jogo.E no prolongamento o Senegal falha um penaltie,mas foi depois da marca de grande penalidade que ganharam.

Quanto a Portugal não vi o jogo porque esqueci-me…a contar o tempo para ver e depois esqueço-me. :wall:

:arrow: :arrow:

É uma modalidade que gosto bastante. É espectacular ter jogadores na nossa selecção como Madjer - um brinca na areia. :lol:

Não pude ver o jogo desta tarde, mas vou tentar ver o próximo.

FORÇA PORTUGAL!!

Concordo com a análise mas se há coisa que o Madjer não é, é brinca na areia. É 1 jogador que desde sempre me surpreendeu pela frieza e calculismo na praia sem nunca abdicar de um ou outro adorno eficazmente utilizado. Acho que é isso que o distingue de muitos outros excelentes jogadores [Benjamim, Robertinho, Jorginho, Amarelle, Alan].

Ele sabe quando e como deve fintar, e é raro perder uma bola por individualismo [ao contrário do Alan ou Belchior]. Belchior é para mim 1 dos melhores jogadores desta Seleção [segundo melhor] embora tenha um estilo completamente diferente. A derrota da França não me surpreende e vou ser sincero, não vejo muito potencial nos gauleses. Outro jogador que me preenche as medidas pela seriedade e postura em campo, é o Nico [classe em pessoa]. :arrow:

No máximo acho o Belchior o terceiro melhor,penso que seja inferior ao Madjer e ao Alan.

Há um jogador francês que eu gostei o Basquaise(acho que é assim),joga como eu gosto de ver,pelo chão(areia) como se estivesse na relva,mudanças de velocidade,rapidez e bom remate. :slight_smile:
Agora com esta vitória o Senegal tem tudo para se apurar e Uruguai(incómoda) ou França(equipa da casa) ficam pelo caminho.

Não sei se leste aquilo que eu escrevi no principio deste tópico mas o treino que assisti da Selecção influenciou [e de que maneira] a minha opinião em relação ao Alan. Há pelo menos 2 anos consecutivos que se tem apresentado aquém daquilo que pode fazer e que já fez anteriormente [2001, 2004, 2005] e até mesmo a nível pessoal, é dos jogadores que + comichão me causa pela atitude dentro de campo. O Cavalcanti não me entusiasma e o Belchior tem tido uma evolução impressionante.

Quem é que não se lembra dos primeiros jogos em que foi lançado? Em relação ao Basquaise, não é à toa que foi 1 dos jogadores eleitos para entrar na “melhor equipa da europa” que defrontou o Brasil em 2007.

Sim,não duvido que tenha atitudes competitivas ou outras um pouco a desejar,mas neste caso estava referir-me ao aspecto técnico apenas,e aí é um excelente jogador.

Outro aspecto aqui referido é a falta de competições a sério em Portugal que potencie recrutamentos,isso não acontece ou se acontece não tenho conhecimento,e acho que quando Madjer,Alan, ou Belchior atingirem o limite não sei se conseguiremos manter-nos nas discussões pelos títulos,e mesmo agora já está a ficar complicado.

O Belchior joga cá em S. Miguel durante o Inverno, no Lagoa.

Está no 3º período e estamos a ganhar 13-4 às Ilhas Salomão. Madjer e Alan são as principais figuras desta Selecção. Combinam muito bem um com o outro, são as figuras do Fut. Praia Português.

Grande goleada. :great:

P.S. Grande pormenor do Belchior ao levantar a bola com o calcanhar no pontapé de saída. :mrgreen:

Acabou mesmo 13-4. Mas agora é que vai começar os jogos a doer. Agora é que se vai ver se a seleção é candidata a alguma coisa.

Foi um excelente jogo, penso que não foi só demérito das Ilhas Salomão da qual gostei do 10, fez um belo jogo. Madjer e Alan a entenderem-se às mil maravilhas e Belchior a dar show (aqele pormenor do pontapé de saida é simplesmente fantástico :drool:). Boas jogadas, boa condição fisica, se continuar-mos assim penso que temos possibilidades de chegar pelo menos às meias finais, onde poderemos eventualmente encontrar o campeão do mundo Brasil. Força Portugal :victory:

Só acho que há jogadores das Ilhas Salomão que a partir de hoje vão achar que Belchior é extra-terrestre.

Só vi este jogo, mas se continuar a este nível o Belchior arrisca-se a ser um dos jogadores deste campeonato. O Barbosa já tinha avisado. :wink:

É verdade alguém me sabe dizer por onde anda o outro guarda redes da selecção ? Aqele que era o mais novito, está na foto que anexei. :wink:


portugal-futebol-praia.jpg

Deve andar no banco :lol:

Por acaso quando eles filmaram o banco não o vi e no 3º periodo entrou o outro gr. Ele ainda foi titular uns tempos e sempre o vi como um belissimo gr. Mas o Zé Miguel é que sabe o que é o melhor.

Essa foto diz-me algo: é uma das fotos que mais visitas via Google dá ao meu Livre Indirecto.

Quanto ao Bruno, não tenho certezas se chegou sequer a participar na Liga Nacional de Futebol de Praia deste ano. Não está no grupo do Mundial deste ano. Não sei se foi dele que li uma breve notícia a falar num clube da Distrital. :think:

Gosto bastante do teu blog, visito frequentemente :stuck_out_tongue:

Sempre me pareceu um GR de grande futuro por isso achei estranho.

Já tinha avisado, pelos vistos voltou a repetir o “pormenor” mas desta feita num jogo a sério. :slight_smile:

O evolução do Belchior tem sido exemplar e mantenho a minha opinião sobre o Alan que nos últimos anos tem desaparecido nos momentos decisivos. Em relação a essa tal combinação maravilha [Madjer & Alan], apenas digo para não se deixarem influenciar por este encontro. Basta recordar o ano passado em que andava cada 1 para o seu lado. De qualquer das formas, não me lembro de uma goleada tão expressiva [13 golos] mesmo contra equipas fracas nos últimos 3/4 anos.Bom jogo! :wink:

Quem não se lembra do primeiro jogo do Mundial [ano passado] contra o Irão em que tivemos de vencer em penaltys (!!), dando o Belchior a vitória à equipa das quinas. Depois levámos baile da Espanha [2-4] e tivemos novamente de suar para ficar em 2º lugar do grupo contra os Estados Unidos (!!) em que marcámos no último segundo pelo Bilro. Nos quartos levámos com o Brasil e fizémos o nosso melhor jogo do torneio, sendo claramente insuficiente [7-10]. Já tinha saudades de dúzias, pa! :arrow:

Eu não os conheço muito bem mas o Zé Miguel desde que entrou para a Selecção convocou 3 guarda-redes [Rodrigues, Graça, Pedreiro]. Presumo que seja 1 dos últimos, sendo que o Graça (?) só entrou este ano na Selecção.