As Contas do "Projecto"

Assim por alto:

receitas

40 - patrimonio nao desportivo
40 - terrenos antigo estadio
15 - simao sabrosa
12 - aldo duscher
12 - hugo viana
7 - quaresma
15 - cristiano ronaldo
6 - enakarhire
24 - nani

171 - total

gastos

40 - passivo vindo do sousa cintra
125 - estadio
15 - academia
50 - jogadores - (jardel - 6; niculae - 7;tello - 8; kmets, gimenez e afins- 10; salarios de joao pinto, paulo bento, sa pinto - 7 ;duscher e quiroga-5; outros -10 - podem pôr os que quiserem que dificilmente se chega a este valor nos ultimos 10 anos)

230 - total

dá uma diferença de 60 milhoes… mesmo nao considerando os terrenos do novo estadio dá qualquer coisa por volta dos 100 milhoes…

sera que alguem me pode dizer de onde vem este passivo monstruoso?

deve lá haver muita falcatrua e pessoal a encher os bolsos…

ou entao o clube é um sugadouro de dinheiro que nao se consegue equilibrar financeiramente e necessita constantemente de injeccoes de capital… a resposta se for esse o caso é que o Sporting está a viver acima das suas capacidades… sem titulos e a viver acima das possibilidades - nao é lá muito animador pois não?..

Já postei isto anteriormente, mas basicamente é isto:

ANTES da venda do Património:

[ACTIVO = 320m€]
Património Imobiliário Não-Desportivo:

  • Alvaláxia
  • Edifício Visconde de Alvalade
  • Clínica CUF
  • Health Club
  • Terrenos do antigo estádio
    Património Desportivo:
  • Estádio José Alvalade
  • Academia Sporting
  • Equipa de futebol (60m€)
    (acrescem ainda ao património direitos de imagem, marca Sporting e troféus)

[PASSIVO = 277m€]

  • Empréstimo bancário (237m€)
  • Leasing da Academia (10m€)
  • Empréstimo obrigacionista na SAD (18,5m€)
  • Fornecedores (12m€)

emprestimo bancario de 237 milhoes para quê?.. (se o estadio custou custou 125 milhoes os 237 milhoes foram para quê?.. e aí ja devem estar uns milhoes abatidos de vendas de jogadores…)

O empréstimo cobre o Estádio, Academia, Alvaláxia, Edifício Visconde de Alvalade, Clínica CUF, Health Club e Academia Sporting, já que nenhuma destas estruturas existiam antes de ser contraído o empréstimo.

mas isso tudo nao custou 240 milhoes de euros pois nao?..

Pois, individualmente isso já não sei… lembro-me de ler algures 175m€ para o Estádio + Academia, mas já não me lembro.

é que vendo assim por alto e nao percebendo muito de gestao e accoes financeiras encontro para aí 100 milhoes de euros do passivo para o qual nao arranjo qualquer explicaçao…

a nao ser que venha do tempo do sousa cintra… mas li algures que o passivo deixado pelo sousa cintra era “apenas” de 40 milhoes e se for isso eu contabilizei…

onde é que achas que estao esses 100 milhoes enterrados?

O passivo é um assunto de veras “interessante”, pois não percebo como é que tanto dinheiro recebemos, de jogadores, de património…, e ele não desce ou desce a conta gotas… Assim começo a não ver qualquer beneficio nesta gestão de contenção…

O Passivo do tempo do S Cintra era de pouco mais de 8 milhões de contos.

Agora também se tem de considerar os défices de orcamento corrente que o Sporting tem tido desde o início do Projecto e que tiveram de ser cobertos de alguma forma… se o dinheiro do empréstimo bancário foi usado para isto ou se usaram apenas as transferências de jogadores ao longo dos anos, isso já não sei… o Sporting já não publica as contas do Clube há algum tempo porque a isso não estão obrigados, apenas as da SAD.

Segundo o relatório do BES de 2003:

Destaque ainda para o projecto de financiamento do [u]novo estádio do Sporting Clube de Portugal[/u], representando um investimento de [b]131 milhões de euros[/b], em que igualmente se actuou nas vertentes de Assessor e Lead-Arranger.

Portanto, aí tens a parcela do estádio.

e a parcela estadio inclui o quê?..

alvalaxia, health club, clinica cuf, edificio visconde alvalade?

Segundo uma notícia do Correio da Manhã de Marco de 2006:

Do património, os activos mais valiosos são os equipamentos desportivos – Estádio e Academia -, que corresponderam a um investimento de 142 milhões de euros. O investimento total em infra-estruturas foi de 185 milhões de euros e aqui há a juntar o património não desportivo - Alvaláxia, Edifício Visconde de Alvalade, Health Club e Clínica CUF -, que agora o Sporting quer vender.

Portanto:

  • Estádio + Academia = 142.000.000
  • Estádio + Academia + Alvaláxia + Edifíco Visconde de Alvalade + Health Club + Clínica CUF = 185.000.000

Ou seja:

  • Academia = 11.000.000 ?
  • Alvaláxia + Edifíco Visconde de Alvalade + Health Club + Clínica CUF = 43.000.000 ?

Espera que eu vou completar… segundo palavras de Godinho Lopes, responsável por muitas destas obras:

CENTRO COMERCIAL ALVALÁXIA

Godinho Lopes, ex-dirigente do Sporting, revelou, por altura da construção do estádio, em entrevista ao Correio da Manhã, que o Centro Comercial Alvaláxia custou 25 milhões de euros.

EDIFÍCIO VISCONDE DE ALVALADE

Na mesma altura, o antigo dirigente afirmou também que os ‘leões’ despenderam 10 milhões pelo edifício Visconde de Alvalade, construído mesmo ao lado do estádio ‘verde-e-branco’.

CLÍNICA E HEALTH CLUB

A Clínica de Alvalade e o Health Club nunca foram particularizados, mas Godinho Lopes salientou que o Sporting gastou cerca de 2,5 milhões no projecto que englobava estes dois empreendimentos.

  • Alvaláxia = 25.000.000
  • Edifício Visconde de Alvalade = 10.000.000
  • Clínica CUF + Health Club = 2.500.000

Total = 37.500.000

NOTA: Existe pois uma discrepância de 5.500.000 em relacão ao valor de 43.000.000 que apresentei atrás e que não consigo explicar.

entao 185 (infra-estruturas) + 40 (passivo recebido) = 225 milhoes de euros

40 (venda de terrenos (por efectuar)) + 40 venda de patrimonio nao desportivo + 90 (jogadores vendidos) = 170 milhoes de euros

diferença =35 milhoes de euros

considerando uns 50 milhoes de investimento na equipa principal (tello, jardel, niculae, ordenados acima das possibilidades ao joao pinto, talvez ao jardel, sa pinto e paulo bento, e gastos em kmets e afins) e a nao venda dos terrenos (40 milhoes) devia dar um passivo de 125 milhoes de euros…

será possivel que a diferença seja JUROS?..

em 10 anos de projecto já estarmos a pagar mais 100 milhoes de euros do que aquilo que se pediu de emprestimo?..

Estás a meter muitos números errados aí:

Venda de terrenos do antigo estádio = 60.000.000 (25.000.000 já pagos pela MDC + 35.000.000 aprovados recentemente em AG que seriam pagos após aprovacão do plano de contrucão com a Câmara, que tb foi conseguido recentemente)

Venda de património não-desportivo = 55.000.000 (inclui Alvaláxia + Clínica CUF + Health Club + Edifício Visconde)

Venda de accões da SAD = 15.000.000 (esta não contabilizaste e permitirá à SAD no fim da operacão ficar com 51% das accões)

Pagamento de Juros = 75.000.000 / 10 anos (número avancado por FSF em Marco de 2006)

Jogadores vendidos não te sei dizer o valor - é preciso ires aos relatórios e contas da SAD ver um por um.

Para não haver dúvidas, coloco-te aqui os valores dos relatórios da SAD (atencão que pelo relatório só consigo identificar os proveitos obtidos com as transferências… não se isto inclui as “compras” ou sequer onde encontrar isto no relatório da SAD):
31 Jul 2001: 5.514.000
31 Jul 2002: 13.413.000
31 Jul 2003: 8.108.000
30 Jun 2004: 8.872.000
30 Jun 2005: 1.299.000
30 Jun 2006: 6.335.000
30 Jun 2007: 25.456.000

Total: 68.997.000 de Proveitos em Transferências entre 2001 e 2007.

Lembro-me que na altura falou-se que o valor de construção da Academia rondou os 15 milhões de euros, é possível confirmar estes valores?

Posso adiantar o seguinte… em 2005 Rui Meireles deu uma entrevista ao Jornal Sporting onde revelou o seguinte:

[b]Academia Sporting: 17,5 m€[/b] Estádio José Alvalade: [b]111,7 m€[/b] Edifício Sede: [b]11,4 m€[/b] Alvaláxia: [b]17,2m€[/b] Multidesportivo: [b]8,3 m€[/b] Acessibilidades: [b]9,5 m€[/b] Demolição: [b]2,5 m€[/b] Health Club (HP): [b]6,5 m€[/b]

Total = 184.600.000

A verdade é que os números contrastam e muito com o que foi afirmado pelo Godinho Lopes, lá isso contrastam. ::slight_smile:

- Alvaláxia = 25.000.000 - Edifício Visconde de Alvalade = 10.000.000 - Clínica CUF + Health Club = 2.500.000

Vocès estão a esquecer que a exploração do Sporting já era deficitária antes do Sousa Cintra, e continuou a sê-lo com ele, daí os tais 40 milhões de que se fala, parte dos quais já vinham de trás, e nos primeiros anos do “projecto” continuou-se a gastar mais do que se facturava, situação que só recentemente foi invertida à custa de alguma contenção no investimento e na despesa

Pois, essa parte já tinha referido… o Sporting teve quase sempre défices no orçamento corrente que tiveram de ser cobertos com dinheiro vindo de algum lado. Atente-se por exemplo à SAD:

31 Jul 2001: - 2.152.000
31 Jul 2002: - 4.817.000
31 Jul 2003: - 10.375.000
30 Jun 2004: - 9.222.000
30 Jun 2005: + 54.670.000 (64.950.000 da venda da DE,SA à Sporting Com e Serv)
30 Jun 2006: + 313.000
30 Jun 2007: + 14.480.000

Se agora fizermos o seguinte exercício de retirarmos os Proveitos das Transferências dos Jogadores de Futebol (que apresentei uns posts acima) a estes números, ficamos com o seguinte:

31 Jul 2001: - 7.666.000
31 Jul 2002: - 18.230.000
31 Jul 2003: - 18.483.000
30 Jun 2004: - 18.094.000
30 Jun 2005: - 11.579.000 (descontando também a tal venda extra da DE,SA à Sporting Com e Serv)
30 Jun 2006: - 6.022.000
30 Jun 2007: - 10.976.000

Ou seja, a Sporting SAD é refém da venda de jogadores para conseguir equilibrar esta balança ou empréstimo bancário para cobrir os custos… e ainda nem temos os dados do Sporting Clube.