Voleibol Feminino - Época 2024/2025

RUI PEDRO SILVA É O NOVO TREINADOR DA EQUIPA FEMININA DE VOLEIBOL

Por Sporting CP
06 Jun, 2024

VOLEIBOL

Técnico promete “grande compromisso e capacidade de trabalho”

Rui Pedro Silva, técnico que na anterior temporada orientou o CD Fiães, é o novo treinador da equipa principal feminina de voleibol do Sporting Clube de Portugal.

Para o técnico, a mudança para o Sporting CP é muito motivante: “Acima de tudo é um grande desafio. É desafiante, mas penso que é o momento certo para perceber o trabalho que tenho desenvolvido enquanto treinador em todos os clubes por onde passei, onde nunca tive uma estrutura tão profissional como a que vou encontrar aqui. Esse desafio e o contributo que vou dar ao Sporting CP podem ser uma boa comunhão de esforços, no sentido de dar continuidade ao trabalho que foi desenvolvido no voleibol feminino do Sporting CP nos últimos anos”.

Dar o cunho pessoal e manter bons hábitos fazem parte da receita do treinador para 2024/2025, que deixou as linhas gerais do que quer implementar na equipa Leonina. “Quero dar continuidade ao que senti nos jogos. Há uma grande química entre o plantel e a massa associativa e isso tem a ver também com o perfil das atletas que escolhemos, que conseguem contagiar todos os que estão a assistir a um jogo. Isso é importante para enchermos o Pavilhão João Rocha, mas também para darmos um bom espectáculo: competentes e com uma boa qualidade de jogo. Quero aproveitar os pontos positivos e naqueles pontos em que não estiveram tão bem, tentar reforçar para que possamos ter uma equipa mais equilibrada, e podermo-nos bater com os grandes adversários que vamos encontrar na próxima edição da Liga”, disse Rui Pedro Silva.

Fazer, cada vez mais, a ligação entre a formação e a equipa sénior também fará parte das motivações do técnico: “Vamos trabalhar para ter uma equipa sénior que seja uma referência para toda a base e toda a formação. Conseguir desenvolver um trabalho que possa produzir resultados a médio/longo prazo, no que diz respeito à possibilidade de um dia termos várias atletas da formação na equipa sénior, e ter muita qualidade na base. Esse é um desafio. Em todos os clubes por onde passei estive sempre ligado ao topo e à base e o Sporting CP permite-me fazer isso. Esse é o meu grande desafio e espero que no final da época possamos estar aqui a dizer que valeu a pena, que o esforço não foi em vão e que foram produzidos bons resultados”.

Rui Pedro Silva notou também a muito boa ligação entre os adeptos Leoninos e a equipa, cujos laços quer manter e se possível reforçar. “Os Sócios têm um grande carinho pelo voleibol feminino. É algo que também acontece noutros clubes, mesmo a nível internacional, o que se reflecte numa aposta forte na modalidade. O voleibol feminino é das modalidades mais praticadas no Mundo, está em franca expansão e proporciona uma grande espectacularidade. Esperamos contar com o apoio dos Sportinguistas para encher o Pavilhão João Rocha”.

image

ENTRADAS

central angolana Mimosa Faria,
da zona 4 peruana Leslie Leyva
e da distribuidora brasileira Luciana Bezerra.
todas ex- Fiães

Jéssica Carriel, zona 4/oposta brasileira que estava no Vitória de Guimarães, também irá reforçar o Sporting.

2 Curtiram

https://x.com/SCPModalidades/status/1798434078959755673

Saíram essas todas???

Mais um ano -3!
Surpresa a saída da Jady, da Aline e da Thais!
O resto normal!
Fica a turca, a Daniela ,a Vanessa e a Amanda?
Destas, duas já deviam estar reformadas!
Acabem com esta agonia! Hóquei em versão 2!

Bem, e não anunciaram a saída da Celia Gaston :sweat_smile:

Fogo jady,aline,Lauren !!podiam muito bem ter ficado obviamente fogo
Vamos buscar assim jogadoras aonde ? Até qr ver as contratações,se for pá piorar mais valia deixar estas
Todos os anos o mesmo
Espero que seja como o vólei masculino estes anos que era sempre a fazer isto ,até que acertaram

Gostava de ir buscar uma gaja assim ,ao porco as gajas deles tão todas a bazar
O Braga tá a apostar forte ,quero ver quem vamos buscar se formos vai ter que ser tudo de outras ligas,porque daqui não estou a ver

Vejam só !
O braguilha além do futsal vai se tornar bom aqui também ?
Não teríamos conseguido ir buscar alguma ?
Tou pá ver as contratações,quero sempre é ganhar em tudo ,mas no feminino o que se pede mais é dar luta !
Dar luta já seria bom ,invés de humilhação

Já agora no porco já são 7 as saídas !espero bem que comecem a desinvestir,não será uma boa altura de atacarmos?
O Braga e os lamps a atacar bem e então nós ?

Confirmado pelo jornal Sporting de hoje

o que ?

As saidas…

RUI PEDRO SILVA É O NOVO TREINADOR DA EQUIPA FEMININA DE VOLEIBOL

Por Sporting CP
06 Jun, 2024

VOLEIBOL

Técnico promete “grande compromisso e capacidade de trabalho”

Rui Pedro Silva, técnico que na anterior temporada orientou o CD Fiães, é o novo treinador da equipa principal feminina de voleibol do Sporting Clube de Portugal.

Para o técnico, a mudança para o Sporting CP é muito motivante: “Acima de tudo é um grande desafio. É desafiante, mas penso que é o momento certo para perceber o trabalho que tenho desenvolvido enquanto treinador em todos os clubes por onde passei, onde nunca tive uma estrutura tão profissional como a que vou encontrar aqui. Esse desafio e o contributo que vou dar ao Sporting CP podem ser uma boa comunhão de esforços, no sentido de dar continuidade ao trabalho que foi desenvolvido no voleibol feminino do Sporting CP nos últimos anos”.

Dar o cunho pessoal e manter bons hábitos fazem parte da receita do treinador para 2024/2025, que deixou as linhas gerais do que quer implementar na equipa Leonina. “Quero dar continuidade ao que senti nos jogos. Há uma grande química entre o plantel e a massa associativa e isso tem a ver também com o perfil das atletas que escolhemos, que conseguem contagiar todos os que estão a assistir a um jogo. Isso é importante para enchermos o Pavilhão João Rocha, mas também para darmos um bom espectáculo: competentes e com uma boa qualidade de jogo. Quero aproveitar os pontos positivos e naqueles pontos em que não estiveram tão bem, tentar reforçar para que possamos ter uma equipa mais equilibrada, e podermo-nos bater com os grandes adversários que vamos encontrar na próxima edição da Liga”, disse Rui Pedro Silva.

Fazer, cada vez mais, a ligação entre a formação e a equipa sénior também fará parte das motivações do técnico: “Vamos trabalhar para ter uma equipa sénior que seja uma referência para toda a base e toda a formação. Conseguir desenvolver um trabalho que possa produzir resultados a médio/longo prazo, no que diz respeito à possibilidade de um dia termos várias atletas da formação na equipa sénior, e ter muita qualidade na base. Esse é um desafio. Em todos os clubes por onde passei estive sempre ligado ao topo e à base e o Sporting CP permite-me fazer isso. Esse é o meu grande desafio e espero que no final da época possamos estar aqui a dizer que valeu a pena, que o esforço não foi em vão e que foram produzidos bons resultados”.

Rui Pedro Silva notou também a muito boa ligação entre os adeptos Leoninos e a equipa, cujos laços quer manter e se possível reforçar. “Os Sócios têm um grande carinho pelo voleibol feminino. É algo que também acontece noutros clubes, mesmo a nível internacional, o que se reflecte numa aposta forte na modalidade. O voleibol feminino é das modalidades mais praticadas no Mundo, está em franca expansão e proporciona uma grande espectacularidade. Esperamos contar com o apoio dos Sportinguistas para encher o Pavilhão João Rocha”.

reforços de acordo com esta noticia:

Acham que são upgrades ou nem por isso ?
Eu acho que a mimosa faria é que não vai agradar MT

Apesar de até gostar dos reforços ,mas achar que ainda conseguimos muito melhor !
Fica desiludido com a saída da jady e os números falam por si também !uma pena mesmo

1 Curtiu

Mas ir buscar a Jéssica carriel,espero mesmo que se confirme ! Que contratação mesmo ,muito boa ,e não é só pelos números ,quem a viu jogar e especialmente contra nós ,sabe do que falo

Bom, preparando o caminho para destruir mais uns modalidade feminina. Num acho em que o fcporc vai desinvestir, nos fazemos o mesmo. Mais um título para as lampiursas