Top Ten - edição 11 - Stevie Wonder

Sempre no pressuposto que tem de haver um pouco de tudo para todos! :lol:

Votação aberta até dia 4 de Novembro.

Aviso já que se houver muios “posts” a dizer “Música Soul não entra em minha casa” ou “Isso é música para pretos” vai haver mortes por aqui! >:D

Superstition
Superwoman (where were you when I needed you)
Higher Ground
You are the Sunshine of my Life
Fingertips (part 2)
Sir Duke
Do I do
Lately
You Haven’t done Nothin’
Uptight (Everything’s Alright)

(Já editei a história dos Stones - estou com uma gripe no cachaço que nem vejo bem e me fez falhar a futebolada; desculpa lá Majestade)

Do génio de Saginaw, portanto:
Yester-me, Yester-you, Yesterday
Boogie on reggae woman
Living for the city
Signed, sealed, delivered, I’m yours
Superstition
Higher Ground
Happy birthday
Master Blaster (jammin’)
As (a obra prima do seu melhor álbum de sempre, o “gargantuesco” Songs in the key of life)
Do I Do (com Dizzy! Uma maravilha funk.)

Em relação este famoso cantor que disse que preferia ser cego do que preto, sou como o proprio… Não vejo um boi… :mrgreen:

Começo a pensar que existe uma séria discriminação contra mulheres e pretos aqui. :think: Se o Louçã sabe disto… 8)

:lol:

O meu top Stevie Wonder:

  • Simon or Is my Love
  • O Francês é puto
  • Thank you Holly Fatima
  • Nem ao Paredes Confesso
  • Não agarres a bola! (Live in Dragão)
  • Diamond Shape I love you
  • Don’t cry for me Farnerud
  • Brazillian star in a chair
  • Chicken with scare of chickens
  • Why did you hurt yourself, Derlei?

Estes são os temas de que me lembro… :lol: (sorry)

LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL

Vocês é que não sabem o que perdem, mas pronto. :wink:

Por acaso até sei, porque não perco.

Só que oiço tanta coisa, tão diferente, que sou perfeitamente capaz de me lembrar dos arranjos das musicas (uns mais aprofundadamente que outros) se as ouvir mas se me pedirem nomes ou atá para trautear uma qualquer não consigo.

No entanto cá vai:

Superstition
You are the Sunshine of my Life
Lately
Overjoyed
Superwoman (where were you when I needed you)
Higher Ground
Do I do
Signed, sealed delivered
Yester-me, Yester-you, Yesterday
I’d be a fool right now

A maior parte são de 2 dos seus 28 álbuns (os que tenho acesso para recordar)

Quer se queira, quer não o homem foi a base do muito que se ouve ainda hoje!

Ah! O homem faz das melhores covers que há, toca, e bem, a maior parte dos instrumentos presentes nos seus discos. Inclusivé corre pelo youtube um video antigo dele a tocar bateria que é uma coisa…

[youtube=425,350]- YouTube

Até parece uma coisa de nada mas não é, acreditem 8)

Mod edit: a pedido do autor.

Agradeçam ao psilva ter votado, senão no final tinham apanhado com um vídeo do “I just called to say I love you”! :rotfl:

Ainda vou dar uma voltinha pelo iTunes para ver se consigo eleger um Top10.

Para quem possa já ter visto / ouvido este tema de RHCP mas não soubesse que o original era de SW:

[youtube=425,350]hS3hEuAbuLE[/youtube]

:-[

Esqueci-me do Overjoyed

Se ainda for a tempo, põe-no a seguir ao Lately e salta o Alfie na minha playlist.

Falha imperdoável >:(

Já está. Ninguém curte o “I just called to say I love you”? :lol:

Outra versão de um tema de SW: Incognito - Don’T You Worry About A Thing

[youtube=425,350]k01-z8JTiqc[/youtube]

A cover dos Peppers rula! É de Mothers Milk, se bem me lembro. E para os guitarristas mais eléctricos há uma versão monumental de Superstitious (originalmente escrita para Jeff fuckin-Paganini Beck) pelo grande e prematuramente falecido Stevie Ray Vaughn.
P.Silva: por acaso já tinha visto esse video (e outros) de Stevie a tocar bateria; poucos sabem que também nesse instrumento ele é um autêntico virtuoso. Mas o instrumento onde ele reina incontratado no universo pop-rock é a harmonica. Há jazzistas tecnicamente melhores do que ele (Toots Thieleman ou Larry Adler) mas no andar de baixo, não há nada para ninguém. Reza a lenda que a mãe lhe deu uma para combater a inibição vocal que a cegueira lhe produziu quando começou a falar…

:lol:

«I Just Called To Say I Love You» é definitivamente uma pedra no sapato da carreira musical de Stevie Wonder, mas como é um tema que faz parte da banda sonora original de um filme, admitamos que foi encomendada por terceiros e feita às 3 pancadas.

Há um álbum que se chama «The Secret Life Of Plants» de cujo ano não sei (talvez para aí de 1978 - 1979) e que é na minha opinião, um dos melhores trabalhos dele. 8)

Journey Through The Secret Life Of Plants. Curiosamente, também foi feita por encomenda, para um documentário. :slight_smile:

Uma pedra preciosa, imagino o dinheiro que aquilo deu só em Portugal teve para aí umas 30 semanas no 1º lugar do top.E foi 1º lugar desde EUA ao Burkina Faso.

Mas o que eu gostava verdadeiramente era da versão portuguesa, alguem se lembra dessa perola. :lol:.