Rugby

Desde que o Sporting ganhe, posso eu bem com estas artistas.

Agora, perdendo o nível de tolerância baixa…

Dominadoras e hegemónicas.

O Benfica parece estar a aproximar-se, espero que não adormeçam às custas das conquistas consecutivas.

Temos também nós de subir o nível.

EM FRENTE LEOAS!

2 Likes

Modalidades

LEOAS TRIUNFAM NA SUPERTAÇA

Equipa feminina de râguebi do Sporting bateu Benfica, por 18-5, e conquistou prova pelo terceiro ano consecutivo

Duarte Pereira da Silva

Texto

2 de Abril 2021, 13:21

A equipa feminina de râguebi do Sporting não para de ganhar. Após terem alcançado o pentacampeonato (LER MAIS AQUI), as leoas voltaram a vencer o Benfica, por 18-5, conquistando a prova pelo terceiro ano consecutivo.

Num encontro totalmente dominado pelas comandadas de Pedro Leal, o primeiro ensaio chegou aos 10 minutos, por intermédio de Inês Marques (5-0). Ainda no primeiro tempo, as leoas ampliaram a vantagem, com Isabela Osório a converter uma penalidade (8-0).

Logo no arranque da segunda parte, aos seis minutos, novo ensaio para as leoas (13-0). Pouco depois, aos 14 minutos, o Benfica ainda reduziu (13-5), mas Inês Marques, com novo ensaio, fechou as contas (18-5).

Este foi a terceira vez em que as leoas conquistaram a Supertaça, depois de em 2017/18 e 2018/19 terem também batido a Agrária de Coimbra (37-0) e o Benfica (17-0), respetivamente.

Fotografia de Sporting

Foto Mário Vasa

LEOAS VENCEM SUPERTAÇA

Por Sporting CP
02 Abr, 2021

RÂGUEBI

Equipa de râguebi mantém hegemonia nacional

A equipa feminina de râguebi do Sporting Clube de Portugal conquistou, esta sexta-feira, a Supertaça referente a 2020 ao vencer o SL Benfica no Jamor por 18-5. Foi a terceira Supertaça conquistada pelas Leoas, sendo também a terceira consecutiva.

Num jogo dominado, na sua maioria, pelo Sporting CP, o marcador foi inaugurado graças a um ensaio de Inês Marques aos dez minutos (5-0). Ainda na primeira parte, uma penalidade da capitã Isabel Ozório, mais perto do intervalo, aumentou a vantagem para 8-0.

No segundo tempo, Inês Marques voltou a facturar aos 41 minutos, estabelecendo o resultado de 13-0. O SL Benfica reduziu a desvantagem através de Sofia Nobre, mas Inês Marques, a cerca de dez minutos do fim, voltou a pontuar com mais um ensaio. Foi o terceiro da camisola 2 das Leoas e o 18-5 com que o dérbi terminou.

No final, grande festa do Sporting CP no Jamor depois da conquista de mais um título. Em menos de uma semana, o emblema de Alvalade amealhou o Campeonato Nacional da Divisão de Honra e a Supertaça, ambos na variante de XV.

PEDRO LEAL: “SÃO UMAS VERDADEIRAS LEOAS”

Por Sporting CP
02 Abr, 2021

RÂGUEBI

Treinador muito feliz com a conquista da Supertaça

No final do dérbi contra o SL Benfica que resultou na vitória da equipa feminina de râguebi do Sporting Clube de Portugal por 18-5 e na conquista da Supertaça, esta sexta-feira, Pedro Leal mostrou-se muito satisfeito com o rendimento das suas atletas no Jamor.

“Elas são umas verdadeiras Leoas e é isso que pedimos dentro e fora de campo. Elas gostam muito do Sporting CP e isso sente-se dentro de campo. Não é fácil ganhar uma final no domingo [Campeonato Nacional da Divisão de Honra XV] e ganhar outra hoje, com muito pouco tempo de descanso. Mas o importante era a cabeça delas. E estando a cabeça delas num bom dia, como se viu hoje, não damos hipótese. Fomos mais fortes do que no domingo e foi muito merecido. Estou muito contente por elas”, começou por dizer o treinador Leonino aos meios de comunicação do Clube, continuando.

"É incrível porque quando se ganha muito, por vezes, uma pessoa relaxa. No caso delas, não. Elas gostam de ganhar e querem sempre ganhar mais. No ano passado, perdemos a Taça Ibérica e sabíamos que as outras equipas estão a crescer, como estão. Provámos que estamos aqui para a luta. Agora vêm os sevens e queremos ser campeãs outra vez. Para a semana começamos já em grande a pensar nos sevens ", acrescentou.

Para Pedro Leal, toda a equipa está de parabéns, mas Inês Marques, autora dos três ensaios Sportinguistas, mereceu mais destaque. “Conseguimos marcar três bons ensaios e as avançadas fizeram um grande jogo. O prémio é para toda a equipa e para a Inês [Marques], que fez um grande jogo. É vice-capitã e demonstrou dentro de campo porque é que é vice-capitã”, admitiu.

Isabel Ozório, capitã que também pontuou através de uma penalidade, demonstrou estar orgulhosa da prestação colectiva. “A equipa tentou recuperar da melhor maneira possível e afinar alguns pormenores. Sabíamos que a equipa que recuperasse melhor era a que se ia apresentar melhor hoje e isso fez a diferença. Sentimo-nos muito melhor hoje e também estava menos calor. Acima de tudo, há que destacar o trabalho das avançadas. Lutaram muito, estiveram muito juntas. Nós, os três quartos, hoje não fizemos um jogo tão agradável como gostaríamos, mas as finais são assim, mais tácticas”, considerou.

Para Isabel Ozório, o segredo para o sucesso desta equipa é muito simples: atitude. “O segredo é a atitude que pomos nos treinos, nos jogos e na recuperação, assim como a entreajuda, o tentarmos sempre ser melhores e o facto de nos divertimos. Quando não nos divertimos, o desporto não é a mesma coisa e é isso que nos faz continuar aqui. Temos a alegria de ter mais miúdas a jogar connosco, o que nos faz olhar de uma maneira positiva para o futuro. Cabe-nos a nós fazer com que elas ganhem o seu espaço. Que consigamos continuar a ganhar para que elas tenham mais momentos de competição e para saberem o que é ganhar. No Sporting CP, vai ser sempre para ganhar. (…) Vamos continuar a trabalhar para sermos melhores. Há equipas que nos vão causar problemas, principalmente nos sevens , mas queremos jogar sempre para ganhar e com a maior qualidade possível”, garantiu a Leoa.

Inês Marques, protagonista desta Supertaça ao marcar três ensaios, também falou com os meios de comunicação do Sporting CP após a entrega do troféu. “Temos treinado muito bem e o jogo foi bastante intenso. Os nossos ensaios foram sempre trabalhados pelas avançadas. Marquei os três, mas é fruto do oito da frente e dos três quartos, como é óbvio. Continuamos com uma equipa muito unida e a nossa ambição é ganhar todos os títulos que disputamos pelo Sporting CP”, começou por dizer, continuando.

“O SL Benfica tentou sempre reagir e fez um belíssimo jogo, como fez na semana passada. Conseguimos sempre ser superiores, unimo-nos como equipa e o resultado foi este: mais um título para o Sporting CP e para os Sportinguistas”, adicionou.

PARABENS LEOAS!!!

:green_heart:

1 Like

Isto é amor!..
:green_heart:

2 Likes

1 Like

a oval do Leão*: «Glória sem Purgatório (ou como o pedido de um Tasqueiro é uma ordem)»

Tragam a Supertaça, Leoas.
Assim sem mais nem menos. Como um desejo, uma força suplementar… Um mandamento. E assim se fez, mais um troféu para o Mundo Sporting.

Claro que não foi só isto, claro que houve muito a batalhar. Ao contrário do jogo anterior, neste houve um maior ascendente das nossas leoas.

O jogo que se previa equilibrado não aconteceu, a superioridade a espaços no jogo fechado do adversário também não.
Conseguimos equilibrar a fluência do jogo, jogando com as nossas avançadas na primeira parte e marcámos um ensaio do pack avançado, que não convertemos em mais dois pontos. De seguida marcamos uma penalidade aos postes e somamos mais 3 pontos aos 5 do ensaio, resultado amealhado ao intervalo.

Na segunda parte esperava uma reação encarnada, que veio mais tímida que o desejado para as suas cores. Conseguimos o segundo ensaio, onde não convertemos o pontapé respectivo, e elevamos o Score para 13-0, ficando assim a salvo da reação benfiquista.

Se as coisas estavam complicadas para o nosso adversário pior ficou após uma expulsão num ruck, onde a cabeça não se conseguiu impor e uma adversaria agrediu uma nossa jogadora. Vermelho bem mostrado e superioridade numérica durante o restante tempo de jogo. Nesse meio tempo o S.L.Benfica marcou um ensaio, muito bonito à ponta e em velocidade, não conseguindo o posterior pontapé, deixando o resultado em 13-5, e com cerca de 5 minutos para jogar, estava o jogo em aberto.

Conseguimos nesse tempo restante controlar o jogo e a bola, e quase na bola de jogo, marcamos o terceiro ensaio, que igualmente não convertemos. Atingimos assim o score final de 18-5, e mais uma Supertaça para o nosso Mundo Sporting.

Se o jogo foi fácil, foi porque muito trabalhamos para o tornar fácil.

Muito bem a ler o rumo do jogo e sempre a controlar o mesmo. Marcamos, contra o habitual nesta equipa, 3 ensaios de jogo de avançados, ou seja o jogo que seria o das nossas adversárias…. E dois deles no seguimento de maul dinâmico.

O S.L.Benfica foi um adversário de respeito, sempre à espreita de uma oportunidade. Continua a evoluir positivamente, e a assim continuar, só se pode esperar coisas boas no rugby feminino, pois também o Sporting e outras equipas vão batalhar e melhorar, umas para subir uns degraus no jogo e intensidade, outras para serem mais combativas. Mas todas as equipas com o pensamento no topo.

Quanto ao Sporting, estar no topo é bem mais difícil que lá chegar. O topo é estreito e um jogo menos bom ou uma placagem falhada significa o cair de lá. Esperam-se tempos desafiantes e difíceis para a nossa secção e jogadoras e equipa técnica. Mas vamos conseguir. Porque este Leão não só sonha, este Leão quer!

*quando consegue encontrar os ingredientes certos, o Escondidinho do Leão aparece com uma bola diferente debaixo do braço, pronto a contar histórias que terminam num ensaio

Mais um Campeonato e mais uma Supertaça em poucos dias. De louvar e de felicitar.

Como aviso para o futuro ficam os resultados, sobretudo no Campeonato. Se é para continuar a ganhar e a manter a hegemonia, será necessário subir o nível.

1 Like

Sporting Rugby

9 h ·

O Sporting tem 8 atletas convocadas para o primeiro estágio da Selecção Nacional de XV que se realizará este fim de semana, dias 11 e 12 de Abril, no CAR do Jamor.

Parabéns às jogadoras convocadas e a toda a estrutura do Sporting Rugby, staff e restantes jogadoras, que trabalha diariamente e as ajudou a atingir este objectivo.

image