Relatório e contas Sporting SAD epoca 2018/19 prejuizo 7.9M

Prejuizo de 7.9M

Capital próprio negativo 23.6M

https://web3.cmvm.pt/sdi/emitentes/info_diaria.cfm

Qual é o custo da massa salarial?
Gostava de comparar com o do ano passado e sobretudo com o de há 2 anos.
Se alguém fizer o favor…

Passivo passou de 264M em junho de 2018, para 301M em junho de 2019… A isto é que e gestão de topo [member=13415]Dakine[/member]

Estou a analisar o R&C.

O vietto custou 7,5+0,4 (valor não explicado)
Camacho custou 5+0,4 (comissões)
Rosier custou 5+0,3
e neto custou ao todo 0,8M.

Em 30 de junho deste ano era de 53 milhões de euros.

Nota para as dividas a fornecedores, coisa tão badalada pela CS, que tinham que baixar e baixar e afinal aumentou 3 milhões de euros, nota positiva para o aumento de dividas de clientes. :mais: :menos:

Nem tenciono ler essa m****, parabéns a todos os cartilheiros aqui do burgo. Estão a conseguir o objectivo de acabar com o clube. Metem-me nojo
Não precisam de vir ameaçar em privado nem mandar invites em certos sítios. Metam os invites lá na real… Vocês sabem.
Depois de usarem mensageiros aqui do burgo (fórum) , já tentam directamente. Estou comovido.

#Know-how #facil

Alguém que perceba do assunto pode informar-me se existe alguma informação sobre a venda do Mama Balde ou se efectivamente se pode considerar que o Rosier custou 5M + Mama Balde?

Foi 5M+mama.

Bravo :clap: :venia:
Grande Vagandas!

Numa vista muito rápida, e em termos anuais, este RC de 18/19 é bastante semelhante ao da época anterior (17/18), excepto em 2 pontos:

  • “perda” dos milhões da Liga dos Campeões (13M€ perdidos aqui, estimados no RC);
  • diminuição de 5M€ em salários (de 74M€ para 69M€), ou seja, passa-se do 2º maior gasto em salários em PT para provavelmente o 3º.

Com a participação na Liga dos Campeões (bastava apenas entrar na fase de grupos) teria sido obtido lucro operacional sem venda de jogadores.
De resto é realmente muito semelhante com a época 17/18.

Mas ficar por aqui não chega. 17/18 foi um péssimo ano financeiro, mesmo apesar de termos Liga dos Campeões.

Gastos:
15/16 - 79M
16/17 - 97M
17/18 - 110M

Isto é uma trajectória de gastos completamente incomportável e que só dá para compensar com vendas avultadas de jogadores todos os anos, em cima de participações na Liga dos Campeões. O caminho que se fez nos últimos 3 anos foi completamente irresponsável do ponto de vista financeiro e colocou em causa a capacidade actual (e dos próximos anos) do clube.

Bom, mas isto também é só da SAD e não consolidado, é preciso esperar por esse.
Nos próximos tempos vai dar para dissecar melhor este RC e ir encontrando as pérolas que lá estão, como é habitual todos os anos.

Nesses 3 anos o Sporting Clube de Portugal foi 2 vezes à LC, falhou uma em que o Doumbia marcou com a mão, e fez vendas avultadas.

E agora onde é que vais meter esse discurso do coito interrompido?

A única coisa que sei é que depois de catorze rescisões a custo zero, provocando cortes “enormíssimos” na massa salarial, o custo operacional é uma diferença de 6M.

Não esperaria outro resultado vindo de alguém que vive às custas do Sporting Clube de Portugal desde 2011 e do bancário.

Preocupante, muito preocupante.

Fizemos 75M em vendas de jogadores e mesmo assim apresentamos RL negativos.

No meio de tanta saída (JJ, Patricio, William, Gelson, Bryan Ruiz, Piccini, Montero, Nani) conseguiu-se reduzir 6M nos custos com pessoal.

Porque motivo os FSE aumentam mais de 1M.

Não aumento das receitas operacionais (Bilheteira e merchadising).

Tudo muito preocupante. Capital próprio negativo em mais de 23M.

Até quando?

Borja e Plata, provavelmente os jogadores que mais podem valorizar e não temos 100% :lol:

Não sou propriamente um grande defensor desta direcção, mas há que dar um pouco de rigor a estas análises.

Acabando o período em 30/06, estão contabilizadas o grosso das aquisições, enquanto que as vendas do Dost, do Raphinha, do T.Correia e do merdas do Podence, não o estão.

Também os custos com o pessoal não reflectem esta onda de vendas e rescisões/ofertas que registamos no final da época, uma vez que a todos esses jogadores foram pagos salários até final de Junho. Se é verdade que saíram jogadores de peso em termos de carga salarial, também entraram outros, que não foram adquiridos por esta direcção.

Quanto a tão falada proposta de aumento de salários para a administração, realmente parece-me de mau tom fazerem-no, precisamente após um período de apresentação de resultados negativos.

Corrijam-me por favor se cometi algum engano.

ou então Mama + 5M…terá dito o Varamas aos socios

A massa salarial muito elevada depois de tanta saída foi consequência da acção daquele valente paspalho a quem até já queriam erguer uma estátua.

O Relatório só confirma o que se falava na altura. Conseguiu investir milhões em salários e transferências para acabar com um plantel muito mais fraco do que o que existia aquando do ataque à Academia.

A actual administração da SAD limitou-se a não ter capacidade para inverter o ciclo em janeiro. Deixou sair uns quantos para poupar salários e acabou a contratar outros tantos que anularam uma parte significativa da poupança. Tal como fez neste verão, por exemplo.

Pá, o Sporting neste Relatório registou 75M€ de vendas de atletas…mas brincamos?

[hr]

Quanto ao cartilheuro aí para trás que falou nos custos, a subida dos custos foi sustentada nas presenças na Champions, vendas recorrentes e aumento exponencial das receitas ordinárias. Não subiu apenas porque sim. Houve quem tivesse preocupação em investir e criar valor. Já outros até agora…muito dinheiro voou das nossas contas mas criar valor ainda está de chuva.

O único RC que podem apontar prejuízo a BdC foi influenciado por uma decisão judicial e como tal uma situação extraordinária que não se repetirá nunca, optou-se por não vender ninguém no Verão de 2015 (1/7 em diante) e até 30/6 de 2016 como “prenda” para o treinador que acabávamos de contratar (Bicampeão Nacional, relembro), para lutar pelo acesso à Champions dessa época, houve ainda um claro aumento da massa salarial para investir na equipa com Jesus, Bryan e Teo, por exemplo, fora as renovações de atletas importantes como Simani e João Mário, relembrar também que no início desse exercício foi roubado ao Sporting o acesso a UCL. 1 penalty por assinalar em Alvalade sobre Slimani, 1 golo ilegalmente validado a Doumbia e 1 golo limpo ilegalmente invalidado a Slimani. Só aqui estão os 30M€ de prejuízo.

De resto, tudo que ele “meteu a mão” foi para deixar sempre no Verde.

13/14, 14/15 e 16/17 as épocas completas.
17/18 os 3 primeiros trimestres.

É só somar o lucro desses exercícios todos, que todos deram, e subtrair o prejuízo de 15/16.

Tudo péssimo neste R&C, desde logo por ter dado prejuizo mas:

  • Restruturação mais uma vez adiada
  • Aumento do passivo
  • Redução minima nos custos com o pessoal

Isto a juntar a andar a pagar a dois e três treinadores faz-me lembrar outros tempos que pensei não voltarem mais.

SL

E possivelmente não ficará por aqui. Vamos andar um mês a brincar aos treinadores com o Pontes, só “para ver o que dá”.