Pedro Gonçalves (Pote)

Não há mais nenhum.

Coates chega no dia anterior, Neto lesionado e Inácio vem de lesão, se já estiver recuperado entra aos 60 minutos.

Portanto se o RA usar o sistema de 3 defesas, ou joga o Goulart ou o Marsà, ou então não resta outra alternativa.

Também podia utilizar lá o Esgaio, mas depois tinha que jogar o Porro e neste momento também está lesionado.

1 Curtiu

De certeza q vai ser qualquer coisa tipo Esgaio/Feddal/Matheus. Ou eventualmente o Goulart, embora quem parece estar nos planos é o Marsa, talvez mais tarde, vamos ver.

Dava jeito o Inácio na Turquia, e o Coates tem mesmo de jogar lá. E apesar do escalão do Belenenses n nos podemos dar ao luxo de ser eliminados, seria terrível.

Acho que contra o Belém joga Inácio na direita, Feddal ao centro e Matheus Reis à esquerda.

Já o Pote acredito que faça a segunda parte (Tabata e Jovane parece-me que terão oportunidade de ser titulares).

se sabiam disso (dito pelo mister) porque não resolveram nas férias…?

PEDRO GONÇALVES VOLTA 41 DIAS DEPOIS

SPORTING 08:43

Foi preciso esperar 41 dias para Pedro Gonçalves voltar a ouvir o seu nome quando o treinador dos leões, Rúben Amorim, disse os onze jogadores que, neste caso, iriam iniciar o jogo de caráter particular diante do Torreense, que se disputou ontem de manhã na Academia, em Alcochete, e que o Sporting venceu por 3-0 ( ver notícia associada ).

Um sinal claro, pois, que o influente jogador dos leões caminha a passos largos para o regresso à competição, ele que realizou o último jogo oficial no passado dia 28 de agosto, em Famalicão, a contar para a 4.ª jornada da Liga. Pedro Gonçalves cumpriu os 90 minutos nesse jogo, foi chamado aos trabalhos da Seleção Nacional depois e foi aí que o Departamento de Saúde e Performance da FPF confirmou um problema na planta do pé esquerdo, que acabaria por afastá-lo da competição nos 41 dias seguintes.

1 Curtiu

O Pote está numa fase de recuperação mais avançada do que o Inácio, penso que a algum deles jogar de inicio, o Pote estará na frente e precisa de ganhar ritmo.

No entanto a escassez de centrais pode levar a que o Inácio jogue de inicio se estiver recuperado, mas será talvez mais prudente jogar como DCD o Goulart ou o Esgaio (nesse caso e se o Porro não estiver nas melhores condições, jogaria o Esteves a LD)

Pote volta com a corda toda: titular no jogo-treino com o Torreense

Médio regressou mês e meio depois, fez 45’ e deixou marca ao servir um dos golos do leão. De olho no Restelo e… Istambul

O embate até era a feijões, mas Pote não estava para brincadeiras. No regresso à ação, mês e meio depois de ter sido forçado a parar devido a uma inflamação no pé esquerdo, o goleador foi titular no jogo-treino com o Torreense, que ontem teve lugar na Academia de Alcochete, e logo fez girar a engrenagem do ataque do Sporting, que tem estado ‘emperrada’ no último mês. Foram apenas 45 minutos em campo, sabe Record, mas além de uma novidade bem-vinda pelos leões, é um indício que dá força à notícia que avançámos: o ‘28’ está a acelerar para voltar aos jogos oficiais já na sexta-feira, na 3ª eliminatória da Taça de Portugal, diante do Belenenses.

Na vitória por 3-0 frente ao atual líder da Série B da Liga 3, Pote voltou às origens – leia-se, o corredor direito, que tem estado à guarda de Sarabia, hoje na seleção espanhola – e logo deixou marca, ao assistir, com um cruzamento milimétrico, o bis de Paulinho, ainda na 1ª parte [ver peça ao lado]. E além dos pormenores técnico-táticos, o que também há a retirar da exibição do internacional português é o facto de ter estado como peixe na água, isto é sem dores no pé afetado e perfeitamente rotinado com os restantes companheiros.

Plano está traçado

Apesar da ausência prolongada dos relvados – o último jogo data de 28 de agosto, no empate contra o Famalicão (1-1) – a atitude e entrega caíram no goto de Rúben Amorim, satisfeito com o que Pote produziu em tempo limitado. Aliás, depois dos minutos de ontem, é intenção da equipa técnica utilizá-lo em, pelo menos, mais 45’ diante do Belenenses, apurou o nosso jornal. O aumento gradual da carga visa precaver uma recaída e, ao mesmo tempo, tê-lo em pleno para o importante jogo com o Besiktas (dia 19), em Istambul, na Champions.

1 Curtiu

Muitos dirão que nos aguentámos razoavelmente bem sem o Pote, já eu considero que com ele em campo no jogo contra o porto e tendo em conta a 1a parte que fizémos, poderiamos perfeitamente ter sacado os 3 pontos, e hoje, mesmo com todo o elan da lampionagem, poderiamos inclusive estar na liderança isolada do campeonato. A ver vamos o que estes 2 pontos podem pesar no final do campeonato…

O Pote é daqueles jogadores que a equipa contrária aloca recursos para defender. Se não está a ser marcado, pode muito bem sacar de um golo de se tirar o chapéu, como já aconteceu várias vezes. Como consequência, abre espaço para os outros jogadores da frente. No início da época, o Jovane ficou muitas vezes solto para fazer o que quis porque é considerado como menor perigo pela sua irregularidade.

É igual para o Paulinho, mas diferente. A equipa contrária aloca recursos para impedir de ligar o jogo. Isso nota-se muito quando o Paulinho vem atrás dar apoio ao meio-campo e um ou dois da equipa contrária subir. O Sarabia está a ser tratado de igual forma. Quando estiveram os dois e começam-se a entender bem, tem aberto espaço do lado esquerdo para as correrias do Nuno Santos e por isso tem tido muitas oportunidades para marcar e dar a marcar.

Penso que o objectivo será ter o quinteto todo bem entrosado e variadas trocas de posição entre eles (com o TT a entrar aos poucos). O Pote também sabe jogar ao centro, pode não ser tão “bom” mas saca de um golo dali como da esquerda, por isso é sempre perigoso. O Jovane também desequilibra ao centro embora tenho o problema da irregularidade. O Paulinho e o Sarabia jogam bem nas três posições, sem espinhas.

Tem sido difícil meter estes gajos a funcionar por causa das lesões e do Sarabia ter chegado mais tarde (teve de substituir o Pote sem rotinas), mas quando se começarem todos a entender melhor vai carburar bem.

Ui ui quem chegou, vamos ter a P S P na frente a abrir em excesso de velocidade…o mágico está de volta…:muscle:

2 Curtiram

REGRESSO DE PEDRO GONÇALVES VAI MEXER NO ATAQUE

SPORTING 12:05

Foi mais de um mês de ausência dos relvados por causa de arreliadora lesão na planta do pé, mas o pior já passou e Pedro Gonçalves está de volta à competição. Fê-lo, primeiro, num jogo de treino com o Torreense, mas a verdade é que o melhor artilheiro da Liga na época passada parece estar pronto a reocupar um lugar de destaque na equipa sportinguista.

Uma boa notícia para Rúben Amorim, que ganha uma solução ofensiva de enorme qualidade. Mesmo estando ausente há seis jogos, Pedro Gonçalves continua a ser o melhor marcador da equipa (quatro golos), fruto de um início de época fulgurante.

O jogo da Taça de Portugal, com o Belenenses, pode então marcar o regresso oficial de Pedro Gonçalves aos relvados, somando mais uns minutos de competição antes de fazer a sua estreia na Champions, na deslocação a Istambul para o duelo com o Besiktas para a Champions.

1 Curtiu

Futebol

PEÇA-CHAVE DE AMORIM DE REGRESSO AO ONZE

Conjunto leonino recupera atleta para ida ao Restelo, ficando outro jogador em dúvida para o técnico dos leões

Tiago Jesus

Texto

14 de Outubro 2021, 13:19

summary_large_image

Pedro Gonçalves está de regresso ao onze leonino. Rúben Amorim confirmou, em conferência de imprensa, o regresso do médio ofensivo dos leões à titularidade, diante do Belenenses na próxima sexta-feira, 15 de outubro, pelas 20h45.

Rúben Amorim também abordou questão de Gonçalo Inácio, não confirmando o seu regresso. O técnico verde e branco confessou que o central português sofreu um toque no último treino, podendo não estar em condições para ir a jogo.

Fotografia de Sporting

Pedro, duque de Alvalade e avenidas novas

Sporting com a potência no máximo: Pote está de volta 48 dias depois

“Com ele somos claramente mais fortes”, aplaude Rúben Amorim

Acabou-se a espera! O Sporting volta hoje à ação e, no elenco, traz um convidado especial. Depois de 48 dias sem competir, desde a visita a Famalicão, a 28 de agosto, Pote regressa direto ao onze, como confirmou o próprio Rúben Amorim ontem em conferência de imprensa.

“ Vai ser opção e vai iniciar o jogo. A equipa não depende do Pote, mas é mais forte com ele. Vinha de um bom momento [antes da lesão] e isso teve mais impacto. É uma boa notícia, pelo espírito que ele dá à equipa, pela forma divertida com que se apresenta nos treinos e pela qualidade que tem. Muitas vezes está desaparecido no jogo e faz um golo, e essas características são muito importantes. Sentimos a falta dele, mas tem de lutar e ganhar o lugar. Estamos felizes. Somos claramente mais fortes com ele”, disse o técnico.

Com Pote disponível, recuperado de inflamação no pé esquerdo, Amorim poderá em breve juntar o camisola 28 com Paulinho e… Sarabia. Ninguém no plantel pode dar nada por adquirido mas o treinador faz questão de esclarecer que há espaço para ambos no onze.

“Jogadores de qualidade são sempre compatíveis, mas não têm lugar garantido. Têm muita competição à volta, há muitos jogos. Quem estiver melhor vai jogar, mas obviamente que são compatíveis porque são diferentes. Ambos têm golo, qualidade e assistências, mas têm de merecer o lugar”, insistiu Amorim.

23 dias, 7 jogos e… zero folgas

Com Pote de volta, o Sporting inicia hoje uma sequência demolidora de 7 jogos em 23 dias. O Sporting vai precisar de todos e, por isso, a equipa hoje no Restelo já refletirá essa máxima. Na calha estão três estreias absolutas a titular – João Virgínia, Gonçalo Esteves e Ugarte – e a primeira oportunidade no onze para Tabata em 2021/22. “Há jogadores que vão jogar porque precisam, para estarem bem nos próximos jogos”, assumiu, sem perder de vista que “o principal objetivo é ganhar”. “Vamos apresentar uma equipa forte. Temos de igualar os níveis de todo o grupo. Vamos ter um mês sem folgas. Temos jogo atrás de jogo e todos têm de estar preparados”, avisa.

A hora é, pois, de respirar fundo. Seguem-se Belenenses (hoje) e Besiktas (na 3.ª feira), fora de casa; depois, haverá quatro partidas consecutivas em Alvalade –Moreirense (23/10), Famalicão (26/10), V. Guimarães (30/10) e Besiktas (3/11); o ciclo fecha-se em Paços de Ferreira (7/11), antes de nova pausa FIFA.

Este gajo é lixado. Poupou os golos todos para a Turquia e para a Liga.

Carrega craque!

Algo trapalhão, mas voltou bem.

Preciso de ritmo de jogo.

Tens de pedir uma oportunidade ao Amorim, então :rofl:

1 Curtiu

Saudades deste menino. Este retorno só me faz aperceber ainda mais do craque que temos aqui.

Sarabia e Pedro Gonçalves no ataque, muito prometedor