Novo administrador da SAD

Pelo curriculum que o homem tem no que concerne à àrea agricula, espero pelo menos que a relva em Alvalade vá melhorar… porque quanto ao resto só mesmo para rir… ou não fosse o homem vir de uma região que é um portendo no panorama futebolistico nacional- Alentejo!

Que espectaculo!

P.S. A Finagra tem de ser protegida… e nada melhor do que o apoio da CDU…

Nunca ouvi falar de semelhante figura.

Mas para estar a figura de corpo presente durante seis meses, se calhar era dificl arranjar alguem com outro perfil.

antes demais espero que tenha muita sorte.

se nao percebe nada de futebol?..nao sei. A posição que ocupa dentro do Sporting, é uma posição que obriga a ter vastos conhecimentos de futebol?..nao sei. Mas concordo com o Nuno Lapa, só nao concordo com o que ela diz na assinatura :roll:

:? :? :? :? :? :? :? :? :? :? :? :? :? :? :? :? :? :? :? :? :? :? :? :?:

Com esta cooptação ainda vamos ver o Polga, o Tello e o Pinilla tipo trio de intervenção á moda da Joan Baez a cantar o hino do centenário na festa do Avante.

Eh pá, neste fórum realmente é só descascar nos dirigentes. Como se o mal do Sporting estivesse só nos dirigentes.

O que eu gostaria de perguntar é o que é “perceber de futebol” para um dirigente? É saber os nomes dos treinadores e jogadores de Portugal e do Mundo? Não me parece. Um director da SAD tem é de saber gerir. Como se estivesse numa empresa. O Horta e Costa da PT sabe lá as especificidades do adsl ou a plataforma em que funciona o voip…

Quem tem que perceber de futebol são dois senhores: Paulo Bento e Carlos Freitas (aproveito para felicitar quem corrigiu o enorme erro que foi mandá-lo embora). Os outros só têm que dizer se os nomes que o Freitas quer são possíveis ou não face ao dinheiro disponivel e face à hipotese de realizar mais valias. Claro que têm que ter noções, mas não o conhecimento aprofundado que parece que aqui se exige. Cada macaco no seu galho.

Eu cá não tenho nada para criticar… apenas uma pergunta:

Este homem percebe de futebol?

O que eu gostaria de perguntar é o que é "perceber de futebol" para um dirigente? É saber os nomes dos treinadores e jogadores de Portugal e do Mundo? Não me parece. Um director da SAD tem é de saber gerir. Como se estivesse numa empresa. O Horta e Costa da PT sabe lá as especificidades do adsl ou a plataforma em que funciona o voip...

E tu achas mesmo que é o Horta e Costa que gere o que quer que seja? :). O HeC tem lá naquela máfia subalternos que esses sim dominam ou devem dominar os dossiers estratégicos da empresa. Nós temos? Temos, já me esquecia, temos agora o Cácá Pulso Mole de regresso, antes tivemos o Andróide… fico mais descansado :).

Não conheço este senhor de lado nenhum, mas vou esperar um pouco, pois se ele se mexe em câmaras municipais e parlamentos europeus, então, já está habituado a situações “pantanosas” como as que acontecem no nosso futebol :twisted: . Se calhar este é capaz de ser um curriculum interessante :stuck_out_tongue: .

É assim, nada como uma vitória para voltar a ganhar confiança nas pessoas :wink: .

Saudações Leoninas

Sector, o que dizes não tem lógica, então achas que o Horta e Costa não percebe mesmo nada de como vender o serviço que a empresa dele comercializa?

É disso que se trata… o novo gestor da SAD tem que saber como rentabilizar desportiva e financeiramente o produto que é gerado pela empresa que vai gerir… ou seja, tem de perceber de futebol nas suas várias vertentes.

No Sporting passam-se coisas que, se não são para rir, parecem. O Andrade, que tinha um mestrado em gestão desportiva e fora presidente de uma federação, não serviu. Vai daí, após o regresso do ilustre e venerado Cácá, depositário de todo o conhecimento futebolístico do Sporting nos últimos 5 anos, recruta-se um especialista em sociologia agrária, apresentado como “gestor com experiência de muitos anos”, mas que até Março passado apenas desempenhara cargos políticos.

Por falar em política, esta escolha tresanda a frete. Nas estruturas do Sporting há mais socialistas que na Caixa e na Galp juntas, e é um pouco inverosímil que a escolha de um perfil político seja inócua. Rogério de Brito não é um comunista qualquer- pertence à ala renovadora, que ainda não tomou partido na batalha política actualmente em curso. Por outro lado, o alinhamento da esmagadora maioria dos dirigentes do Sporting e conselheiros leoninos é tão claro que o MASP III poderia funcionar no edifício do Visconde e ninguém daria pela diferença.

Posso estar a delirar, mas fico a aguardar com curiosidade os próximos desenvolvimentos.

Eu se fizer aqui a seguinte pergunta:
“Vocês (eu tb) percebem alguma coisa de futebol?”

Acredito que 97% das respostas será “SIM”. E desses 97% acredito que uns 80% o percebam de facto.

Agora desses 80% quantos têm carreira ligada ao futebol?? Acredito que 0,001%.

O que eu pretendo dizer com isto é que o facto de o homem não ter passado no futebol, não quer dizer que não domine a área e não tenha conhecimentos nas suas várias vertentes que o possibilitem fazer um bom trabalho.
Vamos esperar para ver, toda a gente merece o beneficio da dúvida, e não ser catalogado logo à chegada como vermelho e do lobby do PS (em que ficamos? é comunista ou do PS? ).
Isso não me interessa nada, até podia ser do PCTP/MRPP, é irrelevante.
O que eu espero é que faça um bom trabalho no pouco tempo que estará no cargo.

Por falar em política, esta escolha tresanda a frete. Nas estruturas do Sporting há mais socialistas que na Caixa e na Galp juntas, e é um pouco inverosímil que a escolha de um perfil político seja inócua. Rogério de Brito não é um comunista qualquer- pertence à ala renovadora, que ainda não tomou partido na batalha política actualmente em curso. Por outro lado, o alinhamento da esmagadora maioria dos dirigentes do Sporting e conselheiros leoninos é tão claro que o MASP III poderia funcionar no edifício do Visconde e ninguém daria pela diferença.

Posso estar a delirar, mas fico a aguardar com curiosidade os próximos desenvolvimentos.

Com o devido respeito os lobbys politicos dentro do Sporting não se resumem ao PS e há inclusivé algumas “guerrinhas” das quais o maior prejudicado é o clube!

Sei que neste momento o socialista é predominante, mas o “eixo” PSD/PP também está muito presente e activo!

Mais não fosse pelo FSF!

"o novo gestor da SAD tem que saber como rentabilizar desportiva e financeiramente o produto que é gerado pela empresa que vai gerir… "

Paracelsus, de acordo. E tu sabes se ele domina o assunto ou não? Ao menos deixem-no trabalhar.

Subscrevo completamente o comentário do Lizard.

Realmente o Dias da Cunha marcou a preponderância do lobby PS. Mas não é por guerras partidárias que se deixa de fazer alguma coisa. Aliás, neste momento o presidente da SAD é o Soares Franco, que não é socialista.

Como não conheço tal pessoa nem nunca ouvi falar, dou-lhe o benefício da dúvida.

Daqui a uns tempos, falamos…

E? o que é que isso conta para o cargo que vai ocupar?... quanto a isso de CDUs e esquerdas seríssimos nas autarquias a cabeça foge-me logo para um rapaz chamado Zé Luis Judas, esse seríssimo :).

O Judas foi eleito pelo PS.

Quanto à escolha propriamente dita, também não consigo entender os critérios que levaram à nomeação, mas resta-me aguardar. Esperemos que sejo o Mourinho das SADs.

Não conheço, nunca ouvi falar, desejo-lhe boa sorte, dou-lhe o benefício da dúvida mas em boa verdade, acho que é só uma mudança de moscas.

Olhem, se querem saber, já não sei o que vos diga.

O JEB, não tendo nenhuma experiência no futebol (que eu saiba), tornou-se um excelente dirigente desportivo, que faz muita falta ao SCP. Acho que a mesma analogia pode ser feita com o MRT, perdoem-me se estiver enganado.

Por outro lado, esta aproximação do futebol à politica, é o lado mais negro do futebol cá do burgo, e não me agrada em nada ver o SCP enveredar por esses caminhos. Será que neste caso, os fins justificam os meios?

Não conheço a pessoa em causa, mas olhando para o curriculum fico, obviamente, com a pulga atrás da orelha, mas tenho que dar o benefício da dúvida. No entanto, fico sem perceber a aposta numa pessoa que não tem experiência na área, principalmente quando estamos num período transitório em que as eleições estão à porta.

"o novo gestor da SAD tem que saber como rentabilizar desportiva e financeiramente o produto que é gerado pela empresa que vai gerir... "

Paracelsus, de acordo. E tu sabes se ele domina o assunto ou não? Ao menos deixem-no trabalhar.

Atenção que eu fiz apenas uma pergunta da qual eu não sei, à partida, a resposta… por isso é que fiz.

A minha esperança é que sim, que perceba de futebol, porque não me passa pela cabeça que o director de uma SAD que gere o futebol de um clube como o Sporting não entenda o fenómeno. E também importante seria sabermos a estratégia proposta pelo novo Director para melhorar financeira e desportivamente o futebol do Sporting.

... No entanto, fico sem perceber a aposta numa pessoa que não tem experiência na área, principalmente quando estamos num período transitório em que as eleições estão à porta...

Na minha opinião esse é precisamente o ponto.
Quer no que diz respeito a este administrador quer no que disse ao treinador.

No que concerne ao treinador, não acreditava que fossem buscar um “conceituado” mas memso que estivessem dispostos a isso, qual era o que estava disposto a vir com um contrato de 8 meses??
O mesmo se passa com o administrador, poucos seriam os que estariam dispostos a arriscar a sua reputação e a hipotecar eventuais candidaturas numa aventura de 8 meses numa administração já queimada perante a opinião publica.

“Olha vamos buscar o Brito que é um tipo porreiro e até é do Sporting.”