Isto não se inventa

Tópico para falar de tudo o que é insólito, escandaloso, bizarro…

Então vamos lá:
Num cartaz do filme x-men aparece uma menina a ser brutalmente estrangulada.

Rapidamente as feministas se insurgiram

A atriz feminista declarou seu ponto de vista no Facebook. “Tem alguma coisa errada quando a equipe de marketing da 20th Century Fox acha normal usar a violência contra a mulher para promover um filme. Não há contexto na publicidade, é apenas uma mulher sendo estrangulada. O fato de ninguém ter reclamado disso é ofensivo e, francamente, estúpido. Os gênios por trás disso precisam se olhar no espelho e pensar em como estão contribuindo para a sociedade. Imaginem se fosse um homem negro sendo estrangulado por um branco? Ou um homossexual sendo estrangulado por um hétero. A repercussão seria enorme. Vamos esclarecer as coisas. Fox, já que você não pretende colocar uma diretora para comandar seus filmes, pelo menos remova essa propaganda. Vou terminar o texto com uma conversa que minha amiga teve com sua filha. Ao passarem pelo outdoor, a garota comentou: ‘Mamãe, por que aquele monstro está machucando aquela mulher?’ Isso veio de uma garotinha de 9 anos. Se ela conseguiu perceber alguma coisa errada, como a equipe de marketing da FOX não conseguiu?”

http://legiaodosherois.uol.com.br/2016/x-men-apocalipse-outdoor-do-filme-causa-polemica-entre-as-feministas.html

E os bananas da fox vieram pedir desculpa.

“Em nosso entuasiasmo para mostrar a vilania do personagem Apocalipse não reconhecemos de imediato a conotação perturbadora da imagem”, disse o estúdio em comunicado. “Quando percebemos quão sensível ela era, rapidamente tomamos as medidas para retirar o material (de circulação). Pedimos desculpas por tudo e jamais apoiaríamos a violência contra mulheres.”

http://oglobo.globo.com/cultura/filmes/cartaz-de-men-apocalipse-com-vilao-enforcando-mistica-causa-polemica-19449861

:rotfl: :rotfl: :rotfl: Mais um dia neste mundo cada vez mais estranho

:wall: :wall: :wall:

Que vergonha, um vilão a estragular o inimigo. Que cena insólita.

Isso é falso feminismo. A maioria das feministas dos dias de hoje envergonham-me como mulher.

Se fosse um gajo já não havia problema… ::slight_smile:

Esse cartaz é bem mais feminista que essas senhoras. Querem igualdade ou não?

Já tinha lido acerca disso… :lol:

“Violência Doméstica” num filme entre super-heróis… Tão ridículo… :venia:

Ao nível da tal descriminação sexual do “Cartão de Cidadão” em Portugal… ::slight_smile:

Não havia porque não evocaria certos sentimentos.

Este invoca, tal como um tipo loiro fardado à militar a estrangular um baixote assim com pinta de judeu, ou um qualquer bem vestido a estrangular um tipo de cor vestido de indígena, ou um homem / mulher a estrangular uma criança, etc etc… invocaria outras coisas…

Em si, o cartaz não tem nada de mal e no futuro esperemos que seja possível que exista sem causar este tipo de drama. Mas no contexto da sociedade em que se vive ATM, ainda tens um looongo percurso até este tipo de coisa poder existir sem causar incomodo. Quer se queira quer não, é um factor. E é bom que não se esqueça que assim é, mesmo que se tenha de bater com a mão na mesa por razões ridículas.

Sinceramente, desde que vi uma discussão sobre feminismo / racismo VS igualitarismo, onde se exigia que o feminismo / racismo deixasse de ser defendido em prol do igualitarismo, nunca mais achei ridículo. A decisão sobre o que se queixam deve ser destes grupos, e não dos outros a dizerem sua sentença quando nem deviam sequer meter o bedelho. Lembram-me os EUA a mandar sobre as bombas atómicas. De todos, deviam ser os que mais deviam estar calados.

O mundo não é preto e branco, neste caso (e noutros “parecidos”) até é bem cinzento. É muito bonito falar em igualdade, mas não existe neste momento. Se acho ridículo que se tenham queixado? Sim. Se acho desnecessário? Não.

Nada do que disseste faz sentido. Essas comparações então.
Já agora ao contrário era igual porque cada vez há mais homens a sofrer violência domestica. Devem é ter vergonha de dizer que apanham da mulher e não se sabe.

O que é que tem os USA lançarem bombas atómicas a ver para o assunto? Conheces a historia da 2º guerra mundial? Pearl Harbor não?

Isto é simplesmente uma situação estúpida. De pessoas estúpidas que não têm mais nada para fazer.

Como aquela campanha, acho que da benetton, em que aparecia uma rapariga branca com o braço por cima da negra. Escândalo.

Agência matrimonial para animais. :lol:

https://pt-pt.facebook.com/amapetspt/

O que devia ser discutido era o facto de ser um cartaz com uma cena de violência que está acessível a todos na via pública, sujeito a ser visualizado por crianças, como o artigo deixa explicito. O resto, é o folclore do costume…

Portanto, criam-se rates para os filmes, jogos, etc e depois metem-se cartazes destes por todo o lado. É a habitual coerência.

Primeiro, eu disse que isto era uma situação ridícula. Portanto dizeres que é isto uma situação estúpida como contraponto ao que eu disse, não é argumento sequer. :inde:

Segundo, eu não comparei situações. O que eu disse é que isto é uma situação que invoca certos sentimentos de incómodo e que a sociedade em geral tem de perceber isso, depois dei exemplos de outras situações que invocam outros sentimentos de incómodo para situar a coisa. Agora se esse incómodo é mais ou menos válido que outros incómodos, se esta situação é mais ou menos estúpida que as outras, isso é completamente irrelevante. O que interessa é que esse incómodo existe e é reconhecido, e tens aqui (pelo menos) dois grupos que o admitem (feministas que refilaram e os bananas da FOX que pediram desculpa).

Terceiro, quem parece comparar situações aqui és tu. Tentas relativizar o problema da violência doméstica de homem > mulher ao referires que mulher > homem também existe (para já não falar com o exemplo da Benetton), mas aqui perdes toda a razão em falares sobre comparações sem sentido. Eu estou referir que a violência doméstica homem > mulher gera incómodo. Mais nada. Não estou a dizer que é mais ou menos importante, que é mais ou menos válida, que é mais ou menos ridícula. Estar a medir pilinhas sobre qual dos sexos sofre mais como maneira de varrer para debaixo do tapete que existe sofrimento (e que por isso gera o incómodo face a este tipo de situações), isso sim é ridículo.

Isso são outros 500s. A indústria de videojogos é especialmente engraçada nesse aspecto. :lol:

Se uma geração inteira não se tornou psicopata a ver Ren & Stimpy, nenhum filme ranhoso o fará :mrgreen:

1 Like

Portanto um cartaz de uma luta de mutantes, repito MUTANTES… de um filme de ficção científica, transforma-se numa discussão feminista… O ridículo a que esta merda já chegou… qualquer dia nem um cartaz da Branca de Neve e dos 7 anões é admissível… Haja pachorra… :wall:

E já agora, quem vos garante que algum desses mutantes não é hermafrodita? :twisted:

Onde está a mulher?

O feminismo é dos movimentos mais ridículos. Não pelo conceito em si, mas pela forma como é levada. Sou a favor da igualdade entre sexos, mas isto é de mais…

Então, se fosse um homem no lugar da mulher ou a mulher a apertar o pescoço ao homem, estava tudo bem? Num filme de SuperHeróis, onde há confronto.

:arrow:
Tão ridiculo que até doi…
Como disse um forista são DOIS MUTANTES

A minha dúvida: Como raio se punha neste poster um hetero a estrangular um homo? Ou vice versa? :eh:

Bom, alguns fans já lhe responderam no facebook dela… 8)

Ainda por cima uma gaja que foi casada com o Marilyn Manson tanto tempo, isso sim, era chocante :mrgreen: :mrgreen:

O Ren & Stimpy era muuuuito bom lol

http://youtu.be/oCa7tKiCMN4

Truuuuu

Words of wisdom :lol:

edit
Isto não passava na SIC de manhã, no horário da criançada?!? :lol:

Sim passava.

Agora andamos a criar tótós