Fala Barato

Declarações do administrador Rogério de Brito sobre o futebol do Sporting aos pasquins desportivos dos últimos 2 (dois) dias:

Sobre Paulo Bento:

Paulo Bento tem-se revelado um técnico de grandes qualidades, não apenas técnicas como humanas. E é um disciplinador, o que também é bom.

O seu futuro no Sporting? É prematuro falar nisso, mas contamos com ele.

Sobre as movimentações no mercado de Inverno:

É evidente que vai haver remodelação, nomeadamente no que se refere aos jogadores que não jogam.

Nesta fase, há negócios em curso e não deve falar-se no assunto, até porque não existe nada de concreto.

Garanto que nada há de concreto. Queremos adquirir jogadores com valor, mas é preciso estudar as verbas em causa e procurar fazer os melhores negócios.

Sobre Pisculichi:

É um jogador interessante, mas nada há de oficial. Veremos se se trata de um atleta capaz de se enquadrar nos objectivos da equipa.

Sobre Pinilla:

Existem, de facto, conversas, mas até ao momento não se pode dizer que esteja alguma coisa concretizada.

Sobre Rogério:

É um problema mais complicado. Se ele abandonar, não será por vontade do Sporting. São razões de índole pessoal que estão na base desta eventual saída e nós não queremos complicar a vida do jogador por quem até nutrimos admiração.

Sobre ambos:

São dois elementos que podem sair. Rogério configura um caso especial, mas a sua situação ainda não está solucionada.

Sobre Beto:

Ouvi falar do interesse de um clube turco, mas a verdade é que ainda não falámos com o jogador.

Mas neste momento não sei dizer nada sobre o assunto.

Sobre Edson:

Se o Edson se ausentou, com certeza que a SAD o autorizou.

Isso depende de vários factores. Mas é possível.

Sobre Liedson, Deivid e Douala:

Não pretendemos vender jogadores que façam falta. É evidente que esse trio faz muita falta.

Manda o bom senso e ensina a experiência- tanto noutros clubes de maior sucesso como no Sporting de melhores tempos- que os assuntos do futebol devem ser tratados discretamente, os balneários devem ser “blindados” e as declarações à comunicação social devem ser prestadas com parcimónia e apenas para relatar algo de palpável e já concretizado.

Pensava eu, ingénuo, que a contratação para o Grupo Sporting de um “especialista em comunicação” (Oliveira e Costa) poderia dar algum critério à divulgação de informação sobre a vida do nosso Clube, e da SAD em particular.

Enganei-me, obviamente. Quem não aprendeu em 10 anos, não aprende ao 11º. O “homem-Projecto”, que é sempre o mesmo, por muitos nomes e caras diferentes que assuma, é irreformavelmente inepto para a gestão desportiva.

Uma década e muitos fracassos depois, ainda não percebeu o que o próprio Orelhas foi capaz de descortinar em poucos meses. Continua a “pôr a boca no trombone” sobre todo e qualquer assunto, mesmo os mais delicados e susceptíveis de causar perturbação no grupo (como as transferências e renovações de contrato), e mesmo que toda essa perturbação seja meramente gratuita, porque, ainda que se fale, não há nada de concreto e definitivo para dizer.

Com Rogério de Brito em discurso directo e Cácá Mãos-de-Gelatina como “fonte bem colocada”, este é um feliz Natal para os pasquins desportivos. E nunca mais marcam as eleições… :x

Não concordo com a tua analise.

O Homem em nenhuma das declarações que fez colocou em risco qualquer negociação ou desvendou algum segredo…

Falou sobre assuntos correntes da vida do clube que são publicos.

  • O Rogério está de saida
  • O Pinilla idem
  • Ao Sporting interessa o Argentino
  • Etc…

Estas noticias vieram à estampa, não necessariamente por culpa do Sporting.

Se for só ele a falar e a esclarecer não acho mal. Acho preocupante é se começam falar 2 ou 3 e cada um diz coisas diferentes.

Também não vejo onde é que ele abriu o livro. Não disse nada de mais, não confirmou nada, nem desmentiu nada. Tudo o que disse já se sabia. :arrow:

Como escreve o Nuno Lapa, enquanto for só ele a falar…

E convenhamos que o que ele diz, são, na maior parte dos casos, generalidades já conhecidas e que não vejo necessidade de desmentir.

Também não me parece que tenha falado demais, no entanto o problema é sempre o mesmo, se fala é porque fala, se não fala é porque não fala, enfim, agradar a gregos e troianos só mesmo o Brad Pitt! :roll: :smiley:

Estou de acordo com o Nuno Lapa, pelos vistos foi ele “o escolhido” para falar desses assuntos, e enquanto for só ele estamos bem, como o mal amado CFreitas não é de muitas falas, até agora estamos bem servidos, falou o essencial sendo por vezes peremptório, o que é bom

“… Não pretendemos vender jogadores que façam falta. É evidente que esse trio faz muita falta…”
ou
“… Paulo Bento tem-se revelado um técnico de grandes qualidades, não apenas técnicas como humanas. E é um disciplinador, o que também é bom.
O seu futuro no Sporting? É prematuro falar nisso, mas contamos com ele…”

Também não se pode criticar quando não se responde (informa) e ao mesmo tempo quando se responde, temos que analisar o conteúdo das respostas, e quanto a isso, por mim ele esteve bem.

parece-me que só disse o que já se sabia, logo, agrada à comunicação social, porque é uma simpatia, e não desagrada aos interesses do clube porque não divulga nada de indivulgável!

O homem, em termos de contratações parece-me um pouco contraditório, ele diz que não quer falar sobre isso, mas acaba por comentar a sua boa integração no clube, se não há certezas ou se não quer falar para que falar no Piscu (é assim ainda não eprcebi como se diz o nome do homem :oops: ), enfim…

Quanto ao resto, não disse nada que já não soubessemos.
Venha lá esse mercado de Inverno que eu gosto mais de acção do que de paleio :arrow:

Com o devido respeito, acho que não perceberam a ideia.

É evidente que não foi RB a assobiar para os jornais os nomes de possíveis reforços e dispensas. O problema não é esse- embora fosse de grande interesse descobrir quem é o “Deepthroat” do Sporting responsável por tamanho volume de fugas de informação.

O problema é que, em vez de se comportar com discrição, RB, não dizendo nada de novo nem de substancial- logo, sem motivo que justificasse uma intervenção sua-, vem dar eco “oficial” a uma miríade de notícias que andam a correr sobre o futuro próximo do plantel do Sporting, causando com isso uma perturbação desnecessária.

Não se trata apenas da óbvia contradição que a Karol já apontou, entre dizer que não se deve falar de assuntos pendentes e por concretizar, e começar em seguida a debitar sobre eles.

Para além disso, parece-me evidente que, ao dizer que é «bom» que o treinador seja disciplinador, RB está a deixar implícita a existência de problemas de disciplina.

Do mesmo modo, quando se afirma publicamente que «vai haver remodelação, nomeadamente no que se refere aos jogadores que não jogam», está-se a dar um sinal generalizado de insegurança e desmotivação a esses jogadores, pelo menos até final de Janeiro, quando fechar a janela de transferências.

Quando se diz que Pisculichi é «interessante», está-se a reconhecer algum interesse e, automaticamente, a fomentar a especulação e inflação do seu valor.

Se um administrador diz que Rogério tem problemas de «índole pessoal», está a abrir a porta para que esses problemas sejam dissecados e amplificados em praça pública, penalizando o jogador.

Se diz que «ouviu falar» de um clube turco interessado no Beto, mas ainda não falou com o jogador, está a dar um cunho oficial a um interesse que pode ser apenas virtual, e a permitir que um jogador já “castigado” com inúmeras histórias de interesses não consumados venha a ser novamente perseguido pelos jornais.

Quando se diz que não se pretende vender «jogadores que façam falta», está-se a dividir o grupo em dois: os que fazem falta e os que não fazem. Só quem não integrou um grupo de homens ignora os danos que isto pode causar.

Não tenhamos dúvidas: a escolha entre calar e falar, e, falando, daquilo que se diz, é gestão desportiva pura. Quem, como os nossos dirigentes, não percebe isto, não percebe nada.

É evidente que não foi RB a assobiar para os jornais os nomes de possíveis reforços e dispensas. O problema não é esse- embora fosse de grande interesse descobrir quem é o "[i]Deepthroat[/i]" do Sporting responsável por tamanho volume de fugas de informação.

Partes de um principio errado. Porque é que o Deepthroat tem de estar no Sporting ?

Porque é que não podem serem os empresários ou os clubes com que o Sporting está a negociar ?

Dou-te um exemplo: o Rogério. Quem trouxe para a praça publica este assunto foi o presidente do Fluminense. Até ele dizer no brasil que tinha tudo certo para o jogador regressar, ninguem em Portugal falava sobre isso.

Em relação ao Argentno, bom o jogador é quem mais fala. Todos os dias dá uma entrevista a dizer que quer vir para o Sporting. Vê-lá que até ficou triste com a derrota frente ao Estrela. :wink:

É evidente que não foi RB a assobiar para os jornais os nomes de possíveis reforços e dispensas. O problema não é esse- embora fosse de grande interesse descobrir quem é o "[i]Deepthroat[/i]" do Sporting responsável por tamanho volume de fugas de informação.

Partes de um principio errado. Porque é que o Deepthroat tem de estar no Sporting ?

Porque é que não podem serem os empresários ou os clubes com que o Sporting está a negociar ?

Dou-te um exemplo: o Rogério. Quem trouxe para a praça publica este assunto foi o presidente do Fluminense. Até ele dizer no brasil que tinha tudo certo para o jogador regressar, ninguem em Portugal falava sobre isso.

Em relação ao Argentno, bom o jogador é quem mais fala. Todos os dias dá uma entrevista a dizer que quer vir para o Sporting. Vê-lá que até ficou triste com a derrota frente ao Estrela. :wink:

Pode acontecer e no fórum já tivemos vários exemplos de fuga de informação do clube para fora mas nestes casos não me parece que seja assim, isto a ver pelo tipo de informção, o Administrador falou de casos que já são de conhecimento público e não por intermédio do Sporting, como explica em cima o Lapa! :arrow:

Sim ok mas de qq forma prefiro vê-los é de boca fechada!! Trabalhem mais e falem menos! :?

Ultimamente neste Forum e comum bater-se em tudo e todos,a mais pequenina coisa.

Gostava de saber se o homem disse alguma coisa que nos ja nao soubessemos!

Os jornalistas fazem as perguntas ele com educacao tenta responder sem revelar nada,apenas nao confirma nem nega.

Ficam todos como ja estavam ate aqui! :shock: :shock:

Sim ok mas de qq forma prefiro vê-los é de boca fechada!! Trabalhem mais e falem menos! :?

Da boca fechada não concordo minimamente, um administrador para o futebol tem que falar e ser ouvido, tem é que ter cuidado com o que diz e com o que revela, como já disse em cima, neste caso o homem não deu nenhuma informação que já não fosse pública, pelas palavras dele fiquei a saber o mesmo que já sabia, Rogério está de saída, Pinilla e Silva a mesma coisa mas por razões diferentes, Edson pode sair também por razões diferentes, Deivid, Douala e Liedson não estão à venda, etc, novidades são 0! :roll:

O FLL pode escrever o que quiser que pelos vistos a maior parte parece não querer perceber.

Para alem da contradiçao que ele focou no 1º post e pelos vistos a Karol foi a unica a perceber, de certeza que nao leram com atençao o 2º post do F…

eSTÁ LA EScarrapachado o porque das figurinhas de otario que o homem anda a fazer, mas vcs acham que esta tudo bem…

O que acontece é que até ao fim de Janeiro vamos ter uma equipa a prazo, entre os que acham que vao sair, os que realmente vao sir, os que pensam que dará para sair, e os que ainda pensam que talvez de para ficar…

Ainda pior que a pre epoca, mas se mais ng ve isto, acho que estou a ficar maluco…

Caladinho sim, sr, nao devia sequer falar com a pasquinada…

Estás certo Incy, mas a atitude que tenho cada vez mais é a de nem se quer tentar perceber o que eles dizem.
Não há porra de vez que não haja declarações cheias de ambiguidade. :evil:

O FLL pode escrever o que quiser que pelos vistos a maior parte parece não querer perceber.

Para alem da contradiçao que ele focou no 1º post e pelos vistos a Karol foi a unica a perceber, de certeza que nao leram com atençao o 2º post do F…

eSTÁ LA EScarrapachado o porque das figurinhas de otario que o homem anda a fazer, mas vcs acham que esta tudo bem…

O que acontece é que até ao fim de Janeiro vamos ter uma equipa a prazo, entre os que acham que vao sair, os que realmente vao sir, os que pensam que dará para sair, e os que ainda pensam que talvez de para ficar…

Ainda pior que a pre epoca, mas se mais ng ve isto, acho que estou a ficar maluco…

Caladinho sim, sr, nao devia sequer falar com a pasquinada…

Estava a ver que os meus posts apareciam em chinês… :roll:

O problema não é que o administrador diz de novo, é o que diz confirmando “oficialmente” aquilo que até então eram simples rumores.

A mesma informação tem um valor enquanto é meramente noticiada nos jornais através de “fontes” e outro quando é confirmada oficialmente por um dirigente de um clube.

Concretizando, para ver se me entendem de uma vez por todas: há anos que em jornais, rádios, televisões e blogs os mais diversos opinadores vêm denunciando as inúmeras deficiências da investigação conduzida pelo Ministério Público ao caso Casa Pia.

Há dias foi o próprio Procurador-Geral da República, o magistrado de topo do MP, a confirmar que a investigação não fora a ideal. Ninguém ficou a saber mais do que já sabia, mas mesmo assim a declaração fez primeiras páginas e abriu telejornais- porque era uma confirmação oficial.

Quem quiser entende, quem não quiser, paciência. :arrow:

FLL, o teu post foi mesmo em português e ao lê-lo abstive-me de comentar porque saiu-me apenas este pensamento que achei pouco pertinente para a discussão:

“Não há nada a fazer a estes tipos… sai-nos sempre a mesma m****!”

Aquele que deverá ser o primeiro reforço de Inverno dos verdes e brancos aguarda ansiosamente por desenvolvimentos. Em declarações a O JOGO, [b]Pisculichi tornou a confessar o seu desejo de jogar de leão ao peito, recebendo com particular regozijo as declarações anteontem proferidas pelo administrador Rogério de Brito, que reconheceu o interesse no dianteiro. "Houve um dirigente que falou de mim? Isso é maravilhoso, mas, por outro lado, deixa-me ainda mais ansioso[/b]. Fico feliz, mas a verdade é que nada mais me disseram directamente. Soube apenas que eles ficaram de apresentar algo até ao final desta semana. Espero que assim seja", comentou.
Pois é... RB não disse nada que não se soubesse já, mas porque um dirigente falou do jogador aí temos mais agitação, mais especulação e, aposto, mais exigências da parte dos donos do passe. E para prever isto não foi preciso ser «especialista em gestão» nem teórico da «sociologia agrária». Bastou um pouco de senso comum e alguns anos a ler jornais desportivos. :?

Ninguém pára o Brito:

(pasquim 2)

EM CAUSA DECLARAÇÕES SOBRE LIEDSON

Rogério Brito gera mal-estar

As declarações de Rogério Brito acerca de Liedson no final do encontro que o Sporting disputou sexta-feira na Figueira da Foz caíram mal na SAD leonina.

Estamos a entrar na fase final de contrato. Tem de haver negociação. Temos de negociar a renovação do contrato de Liedson”, assumiu o administrador executivo da SAD à Rádio Renascença no final do jogo frente à Naval 1º de Maio, contrariando aquilo que tem sido a versão oficial do Sporting em todo o processo relativo ao jogador, ou seja, de que há uma opção exercida e registada na Liga dos Clubes, a qual prende o brasileiro ao Sporting até ao final da próxima temporada.

Rogério Brito disse precisamente o contrário e acabou por admitir, tal como o jogador e seus representantes, que o vínculo só está em vigor até ao termo da presente temporada.

O mal-estar instalado chegou, inclusivamente, ao conhecimento de Filipe Soares Franco, que terá sido alertado para a implementação de uma política de comunicação mais coerente e a uma só voz.

A atitude de Rogério Brito foi considerada incoerente, visto que o administrador executivo veio defender precisamente o contrário daquilo que tem sido a posição oficial do Sporting no processo Liedson.

Recorde-se, ainda, que Rui Meireles disse recentemente que o Sporting tinha o 31 de Alvalade seguro e, para o efeito, havia exercido uma opção junto da Liga de Clubes.

Saída em causa

O folhetim parece estar para durar e… para esclarecer. A verdade é que, a vingar a tese de Liedson, este pode assinar por outro clube já em Janeiro e consumar uma eventual transferência no final da presente temporada sem qualquer lucro para os leões.

Suponho que, como não disse nada que já não se soubesse, não há problema nenhum, não é verdade?.. :roll: :?