Deixem-nos Falar...

Continuo sem perceber porque é que se ele era o diabo que dizem ser, mas todas as pessoas do Sporting que com ele trabalharam só o elogiam

Até para perceber se ando muito longe da verdade, passo a explanar a minha teoria, os sociólogos que me critiquem e comentem que eu quero é aprender.

Qualquer grupo, seja ele numa empresa como a minha ou a tua, seja numa equipa de futebol, ao fim de determinado tempo cria e mantém um certo nivel de “cumplicidade”, fruto de se lutar ombro a ombro por objectivos semelhantes.

Ainda há poucos dias o Beto dizia que era normal num grupo de homens existirem problemas… e é mesmo assim, todos nós o podemos confirmar nas nossas vidas profissionais e até pessoais.

No mundo do futebol, onde todos se conhecem e provavelmente até se vão cruzar no futuro, é absolutamente normal que não existam criticas, mas antes um bem educado “dizer bem”, não se vá dar o caso de no futuro ser necessário voltar a trabalhar com X, Y ou Z.

Isto é assim no futebol como na nossa vida profissional, com a diferença que nós não estamos sob a lupa da imprensa, nem damos entrevistas a explanar sem toda a honestidade, os nossos pensamentos.

Não conheço o CF pessoalmente, mas conheço o género de profissional que ele passou a ser, aliás existem outros, como o Noé Monteiro ou o Malheiro, o Braga Junior, o Tony Figueiredo o Verme ou o Janela etc…

Esta gente é o tal tipo de pessoas que, não sendo treinadores ou jogadores, passaram a ser “profissionais do nada”. São a tribo do futebol, e a tribo do futebol, salvo excepções que se pensarmos são uma gota de água em todo o processo, não se morde em publico, não se ataca, defende o “ganha pão” presente e futuro.

É por isso que não se ouve ninguém no Sporting falar mal do CF… porque o tipo se calhar até deu umas noticias porreiras para a minha carreira quando lá andava (e ainda detém esse poder), porque dominava a parte norte do país quando se arrancou com a SAD (LD), porque tem os contactos que o recem chegado quadro superior da banca (JEB) não tem, porque é um gajo habituado ás “regras” do jogador da bola, porque até está disposto a fazer umas trafulhices mais ou menos complicadas e assim metemos ambos ao bolso, etc… etc…

Será por isso que ninguém o critica? Será porque os unicos que o poderiam criticar (os dirigentes do Sporting) estavam tão dependentes dele que nem saberiam como o fazer? Será que é porque no nosso Clube quem manda se está a cagar para uma serie de factores cruciais, como não meter gente de outros clubes em posições chave no Sporting? Será que é porque o tipo até deu uma ajuda quando foi preciso “queimar” este drácula que nos lixava a cabeça, me punha a jogar só 15 min. e só gostava do brasuca?

Se calhar é por tudo isto e ainda por uma data de coisas mais… :wink:

Eu que criticava a sua presença em Alvalade, só sinto alivio que ele já lá não esteja e sinto orgulho sincero em que hajam mais Sportinguistas a sentir o mesmo.

Isso não implica que não respeite quem considera a sua passagem pelo Clube como algo positivo, estão no seu direito e como não sou um sabe tudo até posso estar errado… :roll:

Mas tenho que esclarecer que não será um eventual fracasso na política de contratações deste ano que me fará dizer "estão a ver?!?!".

Nem podia pq isso não faria sentido. O mandar embora Carlos Freitas e não ir buscar NINGUÉM que viesse fazer o seu trabalho como DEVE SER não permite fazer a tal comparação.

Saiu um funcionário do clube com conhecimentos do mercado? Saiu.
Tinha ele uma postura de real dedicação à função, ao clube e ao engrandecimento do Sporting ou era alguém à procura de juntar o “útil ao agradável” contratando com baixo risco e alta comissão? Só não vê quem não quer, perante as provas que aí estão: os ataques constantes dos empresários que anteriormente faziam negócios com o Sporting.

O Sportnig mandou embora uma doença mas… não foi buscar ninguém. Optou pelo modelo de entregar no treinador a escolha. Teoricamente até concordaria, caso o treinador fosse alguém que merecesse a minha confiança nesse e noutros domínios. Oxalá esteja enganado.

Maurex,

Eu não entendo muito bem que provas é que tu vês, mas prontes…

“Contratando com baixo risco e alta comissão”?? Liédson, Enak, Pinilla não são contratações arriscadas? Baixo risco e alta comissão era ir buscar uma truta das boas por 7 ou 8 M€…

A minha opinião sobre o CF sempre tendeu para o neutra. Nunca percebi muito bem as críticas que lhe faziam, porque sempre que se ia ao detalhe acabávamos em cenários algo recambolescos.

As opiniões que me chegam, tu sabes de onde, indiciam que ficámos a perder com a sua saída, e ainda mais com quem lá ficou. É também a opinião do FSF (que devia ter estado calado), com quem desta vez concordo.

A.A.

"Contratando com baixo risco e alta comissão"?? Liédson, Enak, Pinilla não são contratações arriscadas? Baixo risco e alta comissão era ir buscar uma truta das boas por 7 ou 8 M€...

Não. Contratações arriscadas é ir buscar um valor desconhecido sem provas dadas mas de inegável valor, como o Sporting fazia no passado. Liedson era um avançado já bem cotado no Brasil e prestes a sair para o estrangeiro. Polga era campeão do Mundo. Enak sim, uma contratação arriscada mas efectuada para safar um amigo a quem ele mto devia, Onófrio.

As opiniões que me chegam, tu sabes de onde, indiciam que ficámos a perder com a sua saída, e ainda mais com quem lá ficou. É também a opinião do FSF (que devia ter estado calado), com quem desta vez concordo.

As opiniões que te chegam vêm de pessoas que percebem de futebol e que identificam o que qualquer um reconhece: que Freitas se mexia bem no mercado. O que as tuas fontes certamente já não dominam é como caiam os dinheirinhos das comissões, que tipo de dicas eram dadas aos amigos da imprensa, como era gerido o ambiente do plantel, etc.

O Facto de Freitas ter saído e com ele o último membro da SAD com alguns conhecimentos de futebol não anula os seus pontos negativos, nomeadamente o principal: os seus objectivos e postura.

As provas?

Caro amigo, vê que empresários, que jogadores, que jornais criaram barulho após sair Freitas e aí percebes quais as provas de que Freitas andava a fazer. A não ser que aches tudo uma estranha coincidência.

Mauras… não considero que a azia dos jornais que temos assitido seja exclusivamente devido ao “eject” do CF. Aliás o motivo na origem deste thread atesta também esta idea de que existe também muito bom Sportinguista, por esses jornais que “estão por aqui” :twisted: , com o circo que se vai passando no Sporting.

Aliás considero que para além do enorme amadorismo, revelada pela dupla maravilha que agora dá a cara na SAD (sem falar no terceiro elemento… que ainda deve estar a apagar a segunda vela do bolinho de aniversário :slight_smile: ), o Sporting arrisca ter esta época um desastre desportivo.

No final de Maio / principio de Junho, aquando do começo desta guerra sem quartel, com a saída do CF, escrevi que teriamos um mês / um mês e meio para vermos a valia das personagens… pois bem o prazo está-se a findar e com alguma mágoa tenho de dar razão aqueles que se insurgiram contra esta invasão de “bean counters”.

Quanto ao Freitas, eu continuo na minha de que o homem teria lugar na estrutura do futebol do Sporting. Os conhecimentos que terá no mercado não deveriam ter sido desaproveitado, sendo notório que não temos ninguém à altura para o substituir. Quanto muito, errou-se ao atribuir-lhe funções para as quais não estaria talhado, dando-lhe poderes em excesso na estrutura do clube.
de acordo.

opá, pensava ser o único aqui no fórum a pensar dessa forma. somos 2, então. (e o Bernardo Ribeiro, pelos vistos.)

Ofende-me não estar incluído nessa lista…


tens razão. toda a razão. é do calor.
(…)

Incy - quanto ao ser confessamente portista, acredita, é-me completamente indiferente, pelos clichés do costume – prefiro um tipo competente, portista, do que um incompetente, sportinguista até mais não.

entra agora o factor competência ao barulho. e entram as informações que cada um de nós, aqui do fórum, vai recebendo de lá de dentro. as tuas (e de outros foristas) dizem-te que Freitas era um tipo feio, porco e mau. (e roubava!) as minhas vão no sentido contrário. que o tipo até era competente e profissional e patati-patata uma mais-valia para o clube, respeitado no balneário e fora dele. a discussão é eternamente estéril.

o trabalho de Freitas foi brilhante? não, não foi. foi o possível. eu, no lugar dele, com o orçamento que teve ao dispor, não faria melhor. tão só.

quanto ao resto estamos todos de acordo:

  1. o Sporting é infinitamente superior a qualquer Freitas.
  2. que a tripla PdA/Rui Meireles/Peseiro, faça um notável trabalho.

(era hipócrita dizer-te que tenho grandes expectativas. não tenho. pode até ser melhor assim.)

Eu tb não tenho… :arrow:

Pois é, lá reza o velho dito português: “Com amigos destes, nem sequer precisamos de inimigos” e transposto para este contexto: “Com sportinguistas destes, precisamos lá de adversários”.

O que eu pasmo, é que ainda ninguém entendeu que aqui não figura nenhuma crítica directa ou indirecta ao estado actual das coisas dentro do Sporting, nem o apontar de dedo a nenhum dirigente ou modelo de gestão, mas antes um trabalho encomendado ou um qualquer ressabianço pessoal, porque o autor não se limita a fazer críticas, mas a estabelecer paralelos e comparações com uma agremiação do outro lado da 2ª circular. E o que é mais grave é que esta “encomenda” está cravejada de inverdades e incongruências, senão vejamos:

[b]Record - Quinta-Feira, 14 de Julho de 2005 [/b]

Tomasson. A contratação do internacional dinamarquês pelo Benfica será a grande bomba do mercado no defeso. Trata-se de um avançado que na época passada fez 30 jogos no Milan. Um ponta-de-lança de créditos firmados, que muito pode dar ao clube. A confirmar-se a vinda do craque, há que tirar o chapéu a José Veiga.

Mas há que tirar o chapéu, porquê? Se Tomasson é assim tão bom, porque é que era o 3º ponta-de-lança e porque é que na maioria dos jogos, jogava apenas alguns minutos?

Depois das felizes contratações de Beto, Anderson e Karyaka, eis que o director-geral tenta um grande nome para colmatar uma falha gritante do plantel encarnado.

Outra! Mas “felizes”, porquê? O que é que esses 3 já fizeram de especial (excepção talvez feita ao Kariaka que mostrou alguns pormenores, mas atenção! Os adversários eram abaixo de fraquinhos)?

Campeão, mesmo sem mundos e fundos, o Benfica ganhou outro fôlego. [b]E com Veiga outra consistência. E a política de mercado é arrasadora para o rival da Segunda Circular, que entretanto diz apostar tudo na formação.[/b]

Esta então, é para rir. Notem que aparece aqui já o início da comparação que falei acima (“E a política de mercado é arrasadora para o rival da Segunda Circular”). Entretanto, que alguém diga a este indivíduo que os merdosos estão a anos-luz de serem campeões sem mundos e fundos, porque foram os que mais investiram, logo a seguir ao Porto.

Por ora, os leões falharam as aquisições de Wender, Nunes e João Alves já não interessa.

O Sporting falhou tanto estas contratações, como os merdosos falharam a contratação de vários nomes, com a diferença que esses nomes que apareceram na comunicação social nunca foram hipótese para os merdosos. Não somos obrigados a dar aquilo que os outros pedem e se apresentámos valores mais baixos, é porque certamente encontrámos alternativas mais em conta - é a lei do negócio. Se puder comprar por 10, não vou comprar por 12 ou 13. E as nossas contratações? São todas más? nenhuma delas presta? Eheheh!..

Valdir não tem acordo para renovar e Nuno Santos não sabe onde vai jogar. Os mercados preferenciais são Brasil e Portugal. Porquê? É aí que Peseiro pode dar uma ajuda a quem manda.

Ahahah! E depois, qual é o problema? Não sabia que ter jogadores para colocar, era muito grave. Quem não tem formação capaz, realmente, não pode colocar jogadores em lado nenhum. Segundo esta filosofia, se calhar, esses clubezecos é que estão “safos”, com este enorme “peso” retirado de cima dos ombros. Que grande anedota!

[b]Soares Franco bem diz que Freitas faz falta. É um desestabilizador, claro.[/b]

Ui! Pronto, descobriu-se a careca! Já percebi tudo - é ressabianço! Se calhar, este era um dos que beneficiava das tais fugas de informação; das tais dicas do Freitas para o exterior. Já não é preciso dizer mais nada… 8)

300% de acordo com o SCP Always. O artigo é de uma parvalheira infindável e ao nivel do pior que se consegue fazer na nossa imprensa desportiva.

Não podemos pôr palas nos olhos…
Se o dinamarquês vier para o slmerdas…é uma grandíssima aquisição!

Não só a nível desportivo. como também de marketing(lugares de época, camisolas etc!!)

Eu sinceramente torço para ele não vir, pq iria ser uma desgraça.

O dinamarques esta no benfas por emprestimo de 1 ano e é de facto uma excelente aquisição…

O Carlos Freitas e o Bernardo Ribeiro são outros dois para ir levar nos entrefolhos. :wink:

Desde que o Cácá foi corrido, este “artista Bernardo” tem sucessivamente feito o possível e o impossível para rebaixar o SCP e vangloriar os Orcs. Mas de uma maneira desenfreada e nojenta. Aqui há gato e cheira a merda que ferve. De certeza que também andava a mamar por fora, é só ler as crónicas A.C. e D.C. (antes e depois de cácá). É um vómito, este gajo. :twisted:

Desde que o Cácá foi corrido, este "artista Bernardo" tem sucessivamente feito o possível e o impossível para rebaixar o SCP e vangloriar os Orcs. Mas de uma maneira desenfreada e nojenta. Aqui há gato e cheira a merda que ferve. De certeza que também andava a mamar por fora, é só ler as crónicas A.C. e D.C. (antes e depois de cácá). É um vómito, este gajo. :twisted:

O incómodo em que se tornou, para a pasquinaria em geral, a dispensa do Cácá e as múltiplas manifestações, directas ou veladas, em seu “apoio” provam à evidência que muitos comiam, e muito, do mesmo tacho…

Fora com esta rede de piolhosos. Por mim, até gosto de os ver espernear. Já se sabe que a dor de corno é insuportável e faz soltar a língua!

Este Bernardo Ribeiro deve ter uma “paixão” pelo Verme.
Dois dias seguidos a balujar o homem dá para desconfiar !

Tomasson e Léo. Um é internacional dinamarquês, com 30 jogos realizados a época passada no Milan, o outro internacional brasileiro na recente Taça das Confederações e titular do Santos. Dois jogadores, craques, ontem dados como certos por José Veiga para a próxima temporada. Uma vitória pessoal do mais contestado dos directores desportivos nacionais, que teve de lutar contra tantos furiosos-dramáticos do “seu” clube que nunca lhe perdoaram ser adepto do FC Porto. Hoje já poucos duvidarão do papel desempenhado por Veiga para a obtenção do título. Na Luz já aprenderam…

Bernardo Ribeiro

Record - Data: Sexta-Feira, 15 de Julho de 2005

É Sportinguista ferrenho e está descontrolado… Ainda por cima amigo do barbosa e do cacá, dêm-lhe um desconto…

Então é Barbosista e Freitista antes de ser Sportinguista.

Mas antes disso tudo é simplesmente atrasado mental. Deve ter alguma relação de parentesco com o Jorge Gabriel.

Ora cá está um bom exemplo para poder finalmente concordar com os amigos foristas que defendem mais contenção no tratamento de outras pessoas, ligadas sobretudo ao Sporting, mas eu diria que não só.

Chamar isto e aquilo a quem não conhecemos, ou de quem não conhecemos familiares e/ou amigos não me faz impressão.

Agora depois de saber que existe uma forista que é familiar deste jornalista, já me custa mais (e não quero armar-me aos cucos) o tratamento dispensado ao homem… não por ele claro, mas por respeito a uma colega.

Eu sei que até disse que se passasse por ele o fazia ouvir umas coisas (e fazia mesmo :lol: ), mas acho que deveriamos ter um bocado mais de respeito pela Karol, mesmo se a estas horas ela já tá a boiar numa praia qq e nós para aqui a dizer parvoices… 8)

É,

concordo, até pq em conversa privada com alguém que o conhece, me foi dito que este homem estava “à civil” no aeroporto à espera para vitoriar “os herois de Alkmaar”.

Existe de facto uma maneira diferente de ver as coisas quando se torna assim…

O Mauras já disse que o conhece mais ou menos bem, acho que foram colegas de curso ou Universidade, segundo o marreta é um sportinguista dos 7 costados, a ser verdade também direito aos seus lapsos, temos todos, mas dois seguidos sobre a mesma pessoa na mesma coluna é, no mínimo, esquisito e deixa lugar para dúvidas, é que da última vez que eu vi o Tomasson não era o Maradona! :roll: