Complexo Alvalade XXI - Estádio José Alvalade - Parte 2

Parece eu, com 7 anos a construir casas no Minecraft.

Até pode dar muito jeito o multidesportivo e os pólos e o que for mas f#ssss é feio que dói.

O estádio não consegue respirar, seja qual for o ângulo há merda.

1 Curtiu

Eu tenho fé que chegue o dia em que se decide demolir esta merda adjacente ao estádio.

1 Curtiu

Captura de ecrã 2024-05-16 222157

Há outra parte que odeio particularmente.
Este alpendre e os três cogumelos lá à frente a empatar a trânsito pedonal.
Agora está meio disfarçado com a cena do basquetebol mas nunca entendi o que é isto.

Lá para trás também há uma parte horrível, são uns três ou quatro tipo de janelas diferentes randomizado.

gettyimages-2803064-612x612-1

Não é esta (agora também já não está assim), mas é parecido. Vou ver se encontro.

ETA:


Ali, à direita. :clown_face:
Entre janelas e grelhas de respiração, não há duas iguais.

2 Curtiram

De tudo o que está agarrado ao estádio a única coisa que ainda se papa (e precisa de reforma, para se integrar com o estádio) é o Alvaláxia.

Tudo o resto dá a sensação que caiu ali de para quedas de tão horrendo e deslocado que é.

Enfim, é a nossa sina.

Não há uniformidade, nada.

É uma salganhada total, estádio José Floribella XXI…

1 Curtiu

Aquela parte é tão má que o google recusa-me a mostrar fotos do desastre.
(No google maps em particular, tem autocarros à frente, e agora as árvores também.)

aquela parte random a azulejos.
três tipos de janelas diferentes. as janelas circulares, duas em cima, três em baixo. falta uma em baixo à esquerda e/ou há uma a mais em baixo à direita (para ser simétrico pelo menos). em cima da última em baixo à direita, em vez de uma igual começa uma fila de janelas “corridas”. as duas janelas retangulares solitárias lá em cima ao canto.
as grelhas a contrastar com a parede, em seis dimensões diferentes. :upside_down_face:
em cima à esquerda, grelha pequena, VAZIO, grelha pequena, grelha grande. em baixo à direita, grelha retangular “em pé”, grelha retangular “deitada”, grelha retangular “em pé” outra vez, e de soslaio tipo uma grelha não só quadrada como numa altura diferente.

4 Curtiram

É tao mau que ate o próprio estádio fica espantado

29028151-1600x1067 (1)

27 Curtiram

Até podia ser assim por questões do interior.
Mas escondiam, como faziam em vários prédios construídos nos anos 80-90. As torres das Amoreiras ou as duas torres do Técnico. Até parece que é tudo igual, mas por dentro quem conhece sabe que não é. Dá para ver como é o interior à noite e vê-se que há paredes e isso e mesmo assim parece ser “uniforme”.
Amoreiras101-1248

E o Taveira fez as Amoreiras…

As torres de Lisboa já foram feitas de maneira diferente, mas mesmo assim… (não consigo encontrar melhores fotos à noite para se ver por dentro).

Não entendo.

2 Curtiram

Permitam-me,

Acompanho este fórum há bastante tempo, contudo, hoje decidi registar-me para responder ao Bukowski com uma posição antagónica e com alguma depreciação, confesso.

Todos nós já percebemos o seu ponto de vista. Alocar cimento no fosso e fechar com relva sintética. Agora, considero que a sua opinião não faz modelo ou padrão no fórum.

É notório a crítica e a não aceitação, no sentido depreciativo, que faz aos membros do fórum que defendem incremento de cadeiras e aproximação ao relvado.

Eu cá, e com todos os motivos imagináveis, adoraria ver mais bancadas e o mais próximo possível ao relvado.

Acho que todos aqui temos a mesma paixão, logo por aí, deveremos respeitar (ainda) mais todas as opiniões.

1 Curtiu

A questão dele não é opinião, é técnica.
Naquele caso em específico, o ângulo das bancadas e o relvado estarem perfeitamente enquadrados. Mexer naquilo, é lixar a visibilidade para o relvado para todo a a gente.

Outro exemplo. Ainda hoje meteram aí as luzes que permitem o relvado ficar saudável. Eles guardam as luzes no fosso. Se fecharem o fosso, onde é que metem as luzes? Ou as ambulâncias, que estão no fosso durante o jogo. Já agora, por onde é que entram?

O fosso tem funções. Uma grelha metálica sem cadeiras permite manter a maior parte delas.
Vocês não pensam nessas coisas.

2 Curtiram

Partilho da mesma opinião de que se for viável e fazível sem prejudicar o resto do estádio, gostaria de ver mais bancada até ao relvado.

1 Curtiu

Não é só as luzes, são as ventoinhas para arejar o relvado e muito mais coisas… Mas se taparem esse material pode ainda ficar por baixo com rampa de acesso mais ou menos no mesmo sitio…

1 Curtiu

Mesmo colocando bancadas, não iam simplesmente encher de cimento, haveria necessariamente de haver entrada para as luzes, ambulâncias, etc.

Esse espaçamento poderia deixar de existir se fossem dando mais espaço entre cadeiras de forma a tornar-se imperceptível.

2 Curtiram

Onde os outros todos guardam nao tendo fosso .

Nao sendo conhecedor do espaço que ha ou não dentro do estádio, mas quem esta a frente do projeto ( se é que existe) deve conhecer e dar essas soluções.

Nao sera por causa de guardar uns ventiladores e umas luzes que o fosso nao sera tapado. Ate porque se for sera tapado e por baixo continua a ter espaço para guardar as tralhas .

Com jeito tudo se faz ate porque esta direção ja vimos que fazer portas é com eles antes tinhamos 4 agora ja vamos em 12.

2 Curtiram

Os outros todos guardam em sítios que já estavam pré-destinados para o efeito quando os estádios foram construídos.
Se o Sporting deixa de ter o fosso (a não ser que fosse possível continuar a usá-lo), tem de arranjar sítios para adaptar. Isso e a entrada para as ambulâncias. Já isso tudo foi discutido aqui ad nauseum.
BTW, o estacionamento no estádio não pertence ao Sporting.

Vamos mudar a especialidade em fossos para sermos especialistas em arrumações , uma marie kondo de estadios :rofl::rofl:

3 Curtiram

Não é preciso seres especialista em arrumações para saber que se acabas com um “armário” para arrumares a tralha, tens de arranjar outro.

Para isso é que eles sao pagos , para arranjar soluções, para os problemas not me eu sou só mais um a mandar postas de pescada .

Quando ha alguém que percebe das coisas , as coisas fazem se .

Por isso é que se constroi estradas muitas vezes onde se pensa que é impossível.

Mas tambem nao podemos dizer que nao se faz por causa de guardar umas coisas ( grandes) . Pois o fosso ficará la (penso eu claro) mas apenas tapado.

Também sou OBVIAMENTE favorável a uma solução que aumente lotação do estádio e sobretudo aumente e muito a proximidade dos adeptos com o relvado criando um cenário mais favorável à equipa da casa.
Mas também tenho que dizer que esta opinião é condicional à viabilidade técnica de tal ser feito sem incorrer nos problemas que alguns foristas já falaram, nomeadamente a perda inaceitável de visibilidade em muitos lugares.

FCP e SLB irão aumentar a lotação dos seus estádios. Ninguém tenha duvidas sobre isto.
É uma questão de tempo e oportunidade (o SLB não vai demorar muito).
Os seus estádios foram construídos com esse pressuposto.
O nosso não. A posição da cobertura inviabiliza isso sem uma revolução caríssima no estádio.

Outra coisa:
Se percebi bem, vi acima alguém a defender a não priorização da proximidade das bancadas com o relvado porque nunca assim foi na nossa história.
O meu comentário a isso é que é por essas e por outras que o SCP, dos 3 grandes, é o clube que, de longe, menos conseguiu fazer valer o factor casa ao longo da história. Aliás, ao passo que os rivais têm saldos brutalmente positivos em casa nos clássicos, o SCP não tem vantagem nenhuma em casa contra o SLB para o campeonato. Além da evidente desvantagem estratégica que isto tem sido na abordagem aos campeonatos, considero isso uma vergonha e até uma humilhação…

Perante isto, quero que se lixe a tradição histórica neste caso.
Essa tradição foi um erro lamentável e colossal, uma estupidez, uma falta de visão que só nos prejudicou e continua a prejudicar. Acho absolutamente surreal querer-se prolongar isso.

O nosso estádio deve ser transformado no sentido de se transformar num paraíso para as nossas equipas e num inferno para os adversários. Esta tem sempre que ser a referência!

PS:
Muito respeito pelas opiniões técnicas de alguns aqui. Fazem-no com boas intenções.
Eu também tenho formação em engenharia mas não me atrevo a opinar aí (nem que é possível e nem que é impossível com orçamento que faça sentido) porque é preciso ter dados rigorosos que tenho convicção que ninguém aqui tem. E é por isso que tudo o que aqui se diz me parece que é mera opinião sem grande sustentação.
A empresa encarregada do projeto irá saber o que está a fazer e, se o projeto for com bancadas, é porque há viabilidade. Esperemos que assim se confirme.

6 Curtiram