Apenas Treinadores Portugueses na Liga Betadine 06/07

Retirado do Blog Megafone:

A contratação de Jesualdo Ferreira pelo FC Porto e a promoção de Pedro Barny a técnico principal do Boavista garantiram um cenário excepcional nos campeonatos profissionais de futebol, dado que todos os 32 clubes da Liga Betadine e Liga de Honra serão orientados por treinadores portugueses em 2006/07. Um facto interessante dentro de uma realidade onde o número de jogadores estrangeiros continua a ser exagerado, ainda para mais tendo sido abolidos todos os limites em sede da Liga por voto expresso dos clubes. Curiosamente, a apesar desta unanimidade em torno da utilidade e competência dos treinadores portugueses, a única excepção continua a ser a Selecção Nacional, pelo menos até 2008. De qualquer forma, tudo indica que o cenário mediante o qual foram estrangeiros a sagrar-se campeões nas últimas épocas (Giovanni Trapattoni e Co Adriaanse) será alterado.

Treinadores da Liga Betadine 2006/07:
FC Porto: Jesualdo Ferreira, 60 anos, ex-Boavista
Benfica: Fernando Santos, 51 anos, ex-AEK Atenas (Grécia)
Sporting: Paulo Bento, 37 anos
Sp. Braga: Carlos Carvalhal, 40 anos, ex-Belenenses
Vit. Setúbal: Hélio Sousa, 37 anos
Boavista: Pedro Barny, 40 anos
Marítimo: Ulisses Morais, 46 anos
Nacional: Carlos Brito, 42 anos, ex-Boavista
Estrela da Amadora: Daúto Faquirá, 40 anos, ex-Estoril
União de Leiria: Domingos Paciência, 37 anos, ex-F.C. Porto B
Gil Vicente: Paulo Alves, 36 anos***
Desp. Aves: Prof. Neca, 55 anos
Beira-Mar: Augusto Inácio, 51 anos
Académica: Manuel Machado, 50 anos, ex-Nacional
Naval 1º de Maio: Rogério Gonçalves, 46 anos
Paços de Ferreira: José Mota, 42 anos

Treinadores da Liga de Honra 2006/07:
Belenenses: Jorge Jesus***
Rio Ave: João Eusébio
V. Guimarães: Norton de Matos
Penafiel: António Folha
Leixões: Vítor Oliveira
Santa Clara: Paulo Sérgio
Estoril: Litos
Vizela: Manuel Correia
Gondomar: Nicolau Vaqueiro
D. Chaves: António Caldas
Portimonense: Diamantino Miranda
Olhanense: Manuel Balela
Varzim: Horácio Gonçalves
Feirense: Henrique Nunes
Trofense: Daniel Ramos
Olivais e Moscavide: Rui Dias

***-Situação pendente da decisão final do Conselho de Justiça sobre o “caso Mateus”

Será que estamos na mourinhomania ou será apenas um reconhecimento dos valores dos terinadores portugueses?
Siceramente acho é que os clubes não têm dinheiro e por isso apostam…

so tenho que =D>

E dessa lista toda… para mim e não olhando a clubite aguda, Paulo Bento é claramente superior. :arrow:

Então mas o Daúto Faquirá não é Moçambicano?

É o que se chama nivelar por baixo… :arrow:

Ou seja… vamos ter os grandes flash interviews a falar dos árbitros todo o santo dia.

“A União faz os possíveis mas quando certos e determinados senhores não deixam, fica difícil”
“Mas que senhores?”
“Vocês tem as cassestes, analizem e vejam o que se passou aqui hoje… Só não vê quem não quer.”

:l

Ou seja... vamos ter os grandes flash interviews a falar dos árbitros todo o santo dia.

“A União faz os possíveis mas quando certos e determinados senhores não deixam, fica difícil”
“Mas que senhores?”
“Vocês tem as cassestes, analizem e vejam o que se passou aqui hoje… Só não vê quem não quer.”

:l

:lol: :lol: :lol: :lol:

É o que se chama nivelar por baixo... :arrow:

Ora la esta uma grande verdade, nunca se viu tanto aprendiz de treinador… e nao e por serem Portugueses, e simplesmente porque a maior parte deles nao passa de amadores…

Já vai para o Guinness. :lol:

Então o Oliveirinha lá arranjou um tacho para o Folha no Penafiel? Diz ele que sobe de divisão de certeza. Pois…

Aí vai a minha classificação dos cromos da Liga principal na época que começa:

Bons

Paulo Bento
Manuel Machado
José Mota

Médios

Jesualdo Ferreira
Carlos Brito
Augusto Inácio

Fracos

Fernando Santos
Carlos Carvalhal
Ulisses Morais
Prof. Neca (na Liga de Honra seria bom)
Rogério Gonçalves

Execráveis

Não há - falta cá o Couceiro! :twisted:

Sem opinião

Hélio Sousa (a tender para “Fraco”)
Pedro Barny
Daúto Faquirá
Domingos Paciência
Paulo Alves

Se for Jorge Jesus em vez de Paulo Alves, vai para o grupo dos médios.

Ou seja... vamos ter os grandes flash interviews a falar dos árbitros todo o santo dia.

“A União faz os possíveis mas quando certos e determinados senhores não deixam, fica difícil”
“Mas que senhores?”
“Vocês tem as cassestes, analizem e vejam o que se passou aqui hoje… Só não vê quem não quer.”

:l

Pois…os estrangeiros nunca falam de árbitros…nem que tenham sido em jogos dos outros…

Koeman: “vi coisas neste fim de semana que nunca tinha visto em lado nenhum” -> referindo-se ao golo que o Sporting sofreu em que a bola entrou meio metro na baliza mas o bandeirinha não concordou.

A minha opinião é que um treinador não é bom por ser português ou estrangeiro. Mas a qualidade desta última geração de treinadores (olhem para as idades!) é muito grande, acabou o treinador do bigodinho que não percebe nada senão de tácticas defensivas, a nova geração é culta, informa-se, vê jogos na TV, tenta aprender, é mais ambiciosa, prepara os jogos, enfim, acho que os tempos do improviso acabaram.

Então o Oliveirinha lá arranjou um tacho para o Folha no Penafiel? Diz ele que sobe de divisão de certeza. Pois...

Aí vai a minha classificação dos cromos da Liga principal na época que começa:

Bons

Paulo Bento
Manuel Machado
José Mota

Médios

Jesualdo Ferreira
Carlos Brito
Augusto Inácio

Fracos

Fernando Santos
Carlos Carvalhal
Ulisses Morais
Prof. Neca (na Liga de Honra seria bom)
Rogério Gonçalves

Execráveis

Não há - falta cá o Couceiro! :twisted:

Sem opinião

Hélio Sousa (a tender para “Fraco”)
Pedro Barny
Daúto Faquirá
Domingos Paciência
Paulo Alves

Se for Jorge Jesus em vez de Paulo Alves, vai para o grupo dos médios.

Também acho que o José Mota é um dos bons treinadores portugueses, não sabia que mais alguém acreditava nisso também.

Aposto no Daúto para a revelação da época. O gajo subiu de divisão com todas ou quase todas as equipas em que pegou!

O João Loureiro deu uma de desmancha-prazeres e foi buscar um sérvio para treinador. :lol:

Então mas o Daúto Faquirá não é Moçambicano?

Só para reforçar a pergunta porque eu tambem acho que este é moçambicano.