Alexandre Mendes

ALEXANDRE MENDES É REFORÇO PARA OS SUB-23

Por Sporting CP
20 Out, 2020

SUB-23

Lateral-direito de 19 anos chega proveniente do Vitória FC

Alexandre Mendes é o mais recente reforço da equipa sub-23 do Sporting Clube de Portugal. Aos 19 anos, o lateral-direito chega proveniente do Vitória FC para abraçar uma nova experiência na carreira.

“Estou muito feliz, gostaria de agradecer ao Sporting CP pela oportunidade que me está a dar. Agora só me resta trabalhar e evoluir para chegar o mais longe possível”, começou por dizer, descrevendo-se em seguida como um jogador “trabalhador, que gosta de ajudar a equipa tanto a atacar como a defender”.

À entrada para aquele que vai ser o seu primeiro ano de sénior, Alexandre Mendes afirma querer continuar “a aprender e a evoluir”, atribuindo “cinco estrelas” à forma como foi recebido na Academia. “Fui muito bem acolhido desde o primeiro dia, tanto pelos meus colegas como pelos dirigentes”, frisou.

Depois de expressar o sonho de chegar à equipa principal, o reforço Leonino mostrou-se apostado em ganhar primeiro o seu espaço no plantel sub-23, deixando uma promessa aos Sportinguistas. “Vou dar tudo por esta camisola”, rematou.

Alguém conhece?

Bela história…

Não conheço o miúdo pessoalmente mas não há grande estória para ser sincero.
Aliás, já tinha dito no tópico da formação.
Miúdo formado no benfas, não sei se foi dispensado do Benfica ou se passou algo (mas posso saber). Dado morar ali na zona da quinta do conde e ter a vida ali na zona de Palmela e Setúbal, foi com naturalidade que foi jogar para o VFC.
De resto, é primo do meu sobrinho :grimacing:

8 mil euros para o 7tubal já é bué. Com isso eles já podem ter os salários assegurados por 7 anos a pão e água.

3 Likes

Então é teu filho?

5 Likes

:joy::joy::joy::joy:

Lolol… É primo direito do filho da minha irmã para ser mais exacto :grin:

«o jogador sendo já profissional, não existem direitos de formação a pagar.»

Como?

2 Likes

Este gajo dessa página é um abutre (e aldrabão provavelmente) de primeira. É empresário de jogadores.

Já o vi dizer mal de BdC, Vieira e Pinto da Costa (não directamente), mas também já o vi dizer umas verdades… :sweat_smile::sweat_smile:

Que seja um bom lateral direito para a nossa equipa sub23 neste momento, mas que seja para a A num futuro próximo. Infelizmente, temos muitos mas a qualidade parece não abundar.

:joy::joy::joy::joy::joy:

Bem vindo ao clube.

Não faço ideia se tem potencial, será difícil exigir que tenha o mesmo trajecto ascendente que o Matheus Nunes (que se revelou uma boa contratação e uma boa surpresa pelo crescimento que teve desde que chegou ao Sporting).

Quem olhar para o plantel dos sub-23 perceberá que era preciso mais um defesa — se lateral-direito ou central tenho dúvidas, depende da posição do Carlos Silva, pelo que alguém que faça os dois lugares (como aparentemente é o caso) mais sentido faz.

Espero que tenha qualidade para pelo menos ser um jogador competitivo neste plantel sub-23. Em termos de idade e percurso, faz sentido para este quadro competitivo (19 anos, passagem pela formação do Setúbal e do Benfica).

Verdade.

Os direitos de formação só são pagos aquando a assinatura do primeiro contrato profissional.

Tudo o resto que os “clubes formadores” recebem em futuros contratos chama-se “mecanismo de solidariedade”

Não conheço o jogador mas era uma posição onde não existiam muitas opções. Na B temos Joao Oliveira que já devia andar noutros ritmos e o Brás adaptado. Nos Sub 23 temos o @Hevertton, logo a concorrência é sempre bem vinda.

E mecanismo de solidariedade essencialmente não é o mesmo que direitos de formação. Palavras…

Legalmente e teoricamente não são a mesma coisa.

Semântica. Porque o resultado é o mesmo, que é pagar direitos de formação.

Eu não vejo necessidade nenhuma de contratar para fazer plantel nos Sub23. Há os Sub19 e até os Sub17, numa altura em que nem têm competição.

Espero que tenha vindo por lhe reconhecerem alguma capacidade e não apenas para fazer número neste plantel.