Academia SCP - EUL

Parece-me o quarto a contar da esquerda. E o segundo a contar da direita parece-me o Busatori. Eles são da mesma geração.

Edit: Têm aqui o jogo contra o Gdansk e os restantes também devem estar nos vídeos desse canal. O #6 é o Laurindo, o #5 é o Busatori, o #10 é o Aladje Mussa, o #4 é o César Sousa, o #7 é o Igor Ribeiro e o #3 é o Tiago Pereira.

2 Curtiram

Não ha nenhuns videos com os 2010 a jogar ?

PÓLO EUL ENCERRA ÉPOCA EM GRANDE

Por Sporting CP
23 Jun, 2022

PÓLO EUL

Local de formação de Leoas e Leões mais novos fechou com muita festa e animação

O Pólo EUL, onde estão sediadas as equipas mais jovens de futebol do Sporting Clube de Portugal, foi lugar de actividades de final de temporada.

A iniciativa decorreu na últma quarta-feira e teve como objectivo assinalar o fecho da época desportiva. Os mais novos do futebol masculino e feminino tiveram oportunidade de brincar e treinar de forma mais lúdica num fim de tarde diferente, assim como ver ao vivo a exposição dos troféus conquistados pelo futebol sénior masculino e feminino na presente temporada: Taça da Liga masculina, Supertaça feminina e Taça de Portugal feminina.

António Cruz, treinador do escalão masculino sub-13, vincou à Sporting TV a importância de fazer acontecer este género de actividades para as crianças.

“Esta acaba por ser uma experiência muito engraçada e interessante, principalmente para os escalões mais novos. Gostam imenso destas actividades lúdicas. Os mais velhos estavam desejosos de soltarmos a bola para esta espécie de torneio mais competitivo. Foi muito bom o Sporting CP proporcionar este tipo de experiêcias”, disse o técnico verde e branco.

Ao longo de toda a temporada houve esforço, dedicação e devoção ao Leão rampante e, muitas vezes, a glória esteve presente no caminho destes jovens Leões. Tudo isso foi mencionado pelos mais novos que praticam futebol no Sporting CP.

“Tivemos uma época muito boa. Vencemos vários torneios nacionais e internacionais. Foi uma temporada muito positiva. E para mim ser jogador do Sporting CP é um orgulho ter este símbolo ao peito. A camisola pesa e é sempre para dar tudo dentro das quatro linhas”, disse Santiago Felício.

Duarte Coelho partilha da mesma opinião: “Foi um dia diferente, muito divertido, estive nos insufláveis, vi as taças e brinquei muito. Entrei no Sporting CP com quatro ou cinco anos e adoro. É muito divertido, temos muitos torneios e jogamos com equipas muito competitivas. O meu sonho é ser jogador de futebol, mas para isso tenho de trabalhar”.

O sonho de um dia ser jogador profissional do Sporting CP é perseguido pelos pequenos grandes talentos Leoninos, tal como disse Simão Morgado: “Foi um dia diferente, muito divertido, com os insufláveis, com a taças, foi super giro. Estar aqui no Sporting CP é um grande orgulho, temos sempre ali o Estádio José Alvalade e sonho um dia jogar ali. Aqui trabalhamos sempre pelo mesmo objectivo: crescer como jogadores e pessoas. Só no fim pensamos na competição. Ser jogador do Sporting CP é um sonho”.

Um sonho que comanda a vida destes jovens onde todos os dias os valores certos são incutidos, segundo o treinador António Cruz: “A passagem de valores Sporting CP, o desenvolvimento formativo e pessoal ao nível social, a paixão pelo jogo são muito importantes. E dentro dessa paixão aumentamos a nossa exigência de acordo com os escalões”.

A exigência por cumprir os valores certos estão lá, assim como o orgulho por vestir a listada verde e branca. “Foi um dia diferente, tivemos actividades divertidas e brincámos muito. Estou no Sporting CP há quatro anos e tem sido muito bom. Consegui evoluir muito e estou muito orgulhosa por estar no Sporting CP. É um clube gigante, o melhor de Portugal”, contou Laura Duarte.

Pedro Rendeiro, treinador da equipa feminina sub-11, destacou a singularidade da formação feminina, assim como a importância destas iniciativas no calendário dos mais novos: “Sem dúvida que esta iniciativa foi importante. As nossas atletas são muito diferentes, porque são atletas com uma vontade superior em aprender e de mostrar que querem fazer. E sem dúvida que este e outros momentos são muito ricos para elas”.

Filipe Vedor, director do Pólo EUL, fez um bom balanço da época para todos os escalões mais novos.

“É um balanço muito positivo da temporada. Tivemos muitas actividades nacionais e internacionais e foi muito bom termos regressado à normalidade com os dias de jogo, os treinos. Voltou a existir um contacto muito mais importante do que o futebol, foi a partilha social e o desenvolvimento comum. E para nós foi muito importante realizarmos este dia de actividades diferentes para encerrar de forma bonita, a celebrar. É importante saberem o que é ser Sporting CP”, afirmou Filipe Vedor.

1 Curtiu