A difícil vida de gestor - o caso Izmailov

Não tive oportunidade de ler os comentários que se fizeram no fórum sobre o caso Izmailov, mas devo dizer que não acho que haja alguém tão estúpido que acredite em toda esta patranha que se criou em torno da provável saída do jogador russo. Os responsáveis do clube, no entanto, acham que sim. Acham que os sportinguistas são estúpidos ao ponto de engolir a história de que um dos jogadores mais proeminentes do plantel vai ser demitido porque se mostrou indisponível para disputar um jogo.

O que se estará concretamente a passar então?, perguntarão aqueles que ainda não perceberam como se operam as coisas segundo a cartilha desta geração de estupendos gestores que se alaparam ao clube? Proponho desde já uma hipótese mais realista e condizente com a (in)competência a que o dirigismo dos últimos anos nos tem habituado:

Imaginemos que sou um desses (ir)responsáveis do clube que acham que, por terem ido uns domingos ver a bola para o meio da claque quando eram miúdos, por terem um “cheirinho a balneário” e por terem feito currículo no sector profissional da Banca, constituirão uma mais-valia para a gestão do Sporting Clube de Portugal. Depois de meses e meses de asneiradas em catadupa e depois de associar o meu nome a uma das piores épocas da história do clube, quero calar a contestação dos adeptos, devolver-lhes a esperança e mostrar que quero acabar com “esta fase má, que é só uma fase”. Mas como já nem isso consigo ou sei fazer através de uma estratégia de comunicação inteligente e eficaz, meto-me a gastar fortunas em Pongos (aquelas fortunas das quais se dizia que eram a única coisa que separava o Sporting dos seus principais rivais; aquelas cuja falta nos impedia de competir ao mesmo nível dos outros), meto-me a gastar fortunas em Pongos, dizia eu, para mostrar aos adeptos que se está a investir na esquipa e que agora é que isto lá vai. Assim que me apercebo que gastar dinheiro desta forma não é muito diferente de o queimar ou deitar ao lixo, quero mais reavê-lo rapidamente. Se isso implicar a venda de um dos jogadores mais importantes do plantel, que se dane, porque as dívidas aos bancos são para se pagar e esses aí não são nada estúpidos e com eles não se pode andar a brincar, não senhor. Que zunzuns são estes que nos traz o vento desde as estepes russas? O Lokomotiv Moscovo está interessado no Izmailov e até oferece uma boa quantia por ele? Louvado seja S. Mateus da Galileia, santo padroeiro dos banqueiros, que nos acodes neste momento tão difícil! Está o problema resolvido! Ou melhor, está quase resolvido - prometi à turba que se ia investir na construção de um plantel forte, pelo que, se agora despachamos uma das pedras-chave da equipa, aqueles chatos de cachecóis e bandeiras vão começar a dizer que lhes estou a dar com uma mão e a tirar com a outra. Tenho então de arranjar um bom pretexto para despachar o gajo, sem que eu fique mal visto aos olhos dos tansos de cujos votos vou precisar novamente daqui a três anos.

Que zunzuns são estes que nos traz o suão desde Alcochete? O Izmailov mostrou-se indisponível para alinhar num dos jogos mais importantes da época? Hossana nas alturas! Que maravilhosa dádiva da Divina Providência! Já tenho o pretexto de que necessitava para mandar o russo embora e receber o tão desejado carcanhol dos Russos. Agora só preciso de mandar às malvas aquelas tretas sobre a blindagem do balneário e apregoar aos sete ventos qu Izmailov é um homem sem carácter e um mau profissional que se recusa a jogar pelo clube que lhe paga. Os tansos, perdão eleitores, não só compreenderão a saída de Izmailov como até me baterão palmas por ter assumido uma posição de força e ter mostrado a todos que nenhum jogadorzeco brinca com o Sporting Clube de Portugal, olá se brinca! Venham de lá então essas negociações com o Lokomotiv. Estou sentado à mesa com um representante do clube interessado e pergunto-lhe se ele vai pagar os tais 7 milhões de que se falava, em dinheirovski ou em chequovich. “OH OH OH…7 milhione? AH AH AH! OH OH OH! Sr. Presidénte, isso era o que nós oferecíamos antes de saber que o Izmailov é muito mau profissional e antes de saber que ele nunca mais calçava no Sporting. Quer-me parecer que agora o Sporting está mais interessado em vender o jogador do que o Lokomotiv em comprá-lo. Vai ter que baixar um pouquinho o preço do jogador e se não quiser fazer negócio connosco, arranje outro clube disposto a abrir os cordões à bolsa para vocês se verem livre dele!”.

Ai que o filha-da-putovski do Russo deve ter aprendido com o KGB estas tácticas matreiras de negociação e manipulação…Então e quanto é que o Lokomotiv oferece pelo Izmailov, nesse caso? “Oferecemos um ponta-de-lança brasileiro de seu nome Saci Pererê com UM pé esquerdo fabuloso. Oferecemos ainda a nossa colaboração para o Sporting abrir uma Academia-satélite nas Ilhas Aleutas e…deixa cá ver que mais…Ah! Este voucher para um exame gratuito à próstata na Clínica do Capitão Gancho. É pegar ou largar!”. Pego. Depois de tantas asneiras seguidas, estou tão confuso que a única coisa que sei é que ter o Saci Pererê, ter uma Academia nas Ilhas Aleutas e fazer um exame à próstata na Clínica do Capitão Gancho é melhor do que não ter o Saci Pererê, não ter uma Academia nas Ilhas Alentas e não ser sondado pelo Capitão Gancho.

É tão difícil a vida de gestor. Depois admiram-se de ficarmos com os cabelos brancos muito cedo. O que vale é que ganho quase tanto como o Abel.

:rotfl: :rotfl: :rotfl:

Volta que fazes falta!

(Tu Eddie, não a personagem que fala na 1ª pessoa no teu texto)

Saci Pererê

Agente: Gestifute - Jorge Mendes

Carreira:

Social Futebol Clube
Sergipe Futebol Clube
Sport Club Internacional
Lokomotiv Moscovo

147 jogos / 2 golos

Valor de Mercado: 6,5M

:rotfl: :rotfl:

:rotfl:

Excelente texto, refinada ironia. :lol: :lol: :lol:

Não concordo com esta visão dos acontecimentos.

É a chamada visão desfocada, se olha para um lado vê tudo bem e a cores, para o outro vê tudo…desfocado e a preto e branco! ::slight_smile:

Mais um bom exercício irónico do Eddie a explorar mais uma vez um incidente teatral provocado por esta direcção do Sporting , porque é disso que se trata neste caso quando se decide tornar publico um problema privado que deveria ter ficado pelo balneário.
Um problema e uma situação certamente muito comum em equipas profissionais , aliás se em todos os clubes se se procedesse desta maneira certamente as companhias de teatro verdadeiras ficariam em maus lençois devido a esta concorrência e veriam o público fugir-lhes.

Realmente não podemos-nos queixar da criatividade que os dirigentes do Sporting têm em criar e alimentar novos enredos , parece ser um filão inesgotável , qual petróleo , este pelo contrário não acaba e infelizmente para nosso azar não dá lucro nenhum.

Se não lestes o tópico do Afastamento do Izmailov pelo Costinha , tambem te digo que não perdeste nada , aquilo parece uma autêntica conversa de surdos reunidos em assembleia.

Fica claro mais uma vez que acreditar logo e aceitar como verdade tudo o que é dito por parte desta direcção , é no minimo uma pura dose de ingenuidade , mas pronto não se pode impedir as pessoas de quererem continuar a acreditar no que estes dirigentes dizem em 1ª mão quando se trata de situações contraditórias e com explicações duvidosas como esta , cada um acredita no que quer e em quem quer , à falta de argumentos para explicar esta atitude , certamente só a fé cega explicará isso , mas como a fé não se pode julgar , certamente casos destes continuarão a repetir-se no futuro.

Bom texto de humor mas completamente ao lado, quer dizer no fundo acertou em cheio em quem ele queria acertar: no mesmo de sempre. Desta vez não vai dar…!

Fica claro mais uma vez que acreditar logo e aceitar como verdade tudo o que é dito por parte desta direcção , é no minimo uma pura dose de ingenuidade ,

Meaning: vamos então acreditar na imprensa desportiva, que se provou ter mentido descaradamente. :dance:

:arrow: :arrow: :arrow: :victory:

Epic post

:rotfl:

Apesar de estar convencido que o homem, no que ao presente caso diz respeito, peca mais por ausência (outra vez) do que por maquiavelismo, um grande “Hossana nas alturas” para o comentário.

Haja humor!

Brilhante!

Cuidado que daqui a pouco vão escrever que omitiste factos, mentiste e terás uma veia lampiónica.

:clap: :clap: :clap: :clap:

O que este homem escreveu é verdade eu sei. Tenho pessoas do desporto ligadas ao nosso SCP, sempre o disse e mantenho.
A Sad quer recuperar o dinheiro que deu pelo o homem francês que vai ao cinema em vez de por golos…
Quem quer ver de outra forma, paciência. Mais cego é o que não vê do que aquele que não quer ver. um jogador não jogar numa partida de uma prova europeia com uma montra enorme? Poupem-me!!!

Ps: Quantos jogadores de qualidade tinham ido buscar em portugal para o sector da defesa em vez de irem ao cinema?

SPORTING SEMPRE

:rotfl: :rotfl: :rotfl: :rotfl: :rotfl: :rotfl:

Excelente texto na linha do que o Eddie habituou a malta.

Quanto à interpretação dos factos, cada um faz a sua, e ninguém pode garantir que está certo.

Bela constatação em 1ª pessoa, carregada de ironia! :clap:

Eu também achei muita graça ao texto, mas discordo da interpretação que o Eddie fez dos acontecimentos.

Não me parece minimamente que o objectivo fosse vender o jogador.

Concordo a 200% com a visão do Eddie Verdde, com destaque para a primeira frase.

Aliás, já tinha escrito (http://www.forumscp.com/index.php?topic=14977.msg838623#msg838623), ainda antes de termos sabido hoje a versão do jogador, que claramente o objectivo é vender o jogador.

Não encontro outra explicação para se ter exposto o caso publicamente da forma que foi feito, que não seja o de denegrir a imagem (até então imaculada) do jogador, e permitir que o mesmo seja vendido sem grande contestação.

Lembram-se dos comentários há cerca de um mês sobre a possibilidade de vender o jogador por um preço abaixo do que se pagou pelo Pongolo?

O que diriam agora, se o despachássemos por uns (até há um mês atrás) “míseros” 6 milhões?..

Somando isto ao facto do Sporting precisar de dinheiro até para pagar salários, ao que consta, não tenho a mínima dúvida do objectivo desta acção.

Agora pensando de uma forma mais “distanciada” sobre este caso.

Será que o que a SAD fez faz sentido, i.e., deveremos estar “do lado” dos seus dirigentes quando, mesmo com mais um estratagema pouco claro, o que eles pretendem é vender o jogador para dar algum equilíbrio de tesouraria à SAD?

No fundo, o que questiono é se, mesmo com estas artimanhas por trás, será que vender Izmailov por um valor razoável não seria benéfico para a SAD?

Se calhar, se pensarmos bem, vender um jogador que, pese embora muito importante na equipa, tem uma condição física muito debilitada, por 6 M€, até poderia não ser um mau negócio.

Pois o problema não é esse, o problema não é vender Izmailov. O problema é terem-nos posto na encruzilhada de ter de o vender.

O grande problema é terem gasto (viva a aliança SAD-Jorge Mendes…) 6,5 M€ (no mínimo!) num rapaz que nem convocado é, apenas para tentarem calar a contestação dos Sócios e Adeptos, fazendo inclusive com que tivéssemos sido o Clube da Europa (e provavelmente do mundo…) que mais dinheiro gastou no mercado de Inverno.

De Junho até 13 de Outubro o Sporting não tinha condições para se bater de igual para igual com os seus rivais (as do Braga eram certamente muito superiores…), já em Janeiro nenhum clube da Europa chegou aos nossos calcanhares!

Pois nesses meses de preparação de época o Bentinho chegava para nos aguentar à frente das galinhas e manter o adepto contente…

Será que algum dia os sócios do Sporting vão perceber que a toda a gestão de médio e longo prazo de quem governa o nosso Clube e a SAD do futebol apenas tem o objectivo de defender os seus interesses, relegando os interesses do Sporting para segundo plano?

Neste caso, seria do interesse do BES que o Sporting gastasse os tais 11 M€ em Junho e Julho, impossibilitando assim o argumento da falta de armas para lutar com os rivais, essencial para a aprovação da passagem da SCS para a SAD?

Não teria sido do interesse do Sporting dispor desses 11 M€ para investir em Junho e Julho, preparando assim a época de outra forma?

Para o Nuno Lapa, não tendo tido oportunidade de responder no texto anterior, faço-o aqui.

Discordei da análise, apelidando-a de enviesada, pelo seguinte: a questão não é colocar os jogadores acima do Sporting. A questão é que NINGUÉM pode estar acima do Sporting CP.

NIGUÉM significa nem jogadores, nem dirigentes, nem treinadores, nem comentadores, nem croquettes nem roquettes, etc., etc.

A questão não é que os adeptos parecem ser mais do Izmailov FC do que do Sporting CP. É que quem coloca em causa a versão da SAD é alguém que ousa pensar pela sua cabeça, preferindo pensar duas vezes antes de acreditar em tudo o que lhe querem fazer passar. É acima de tudo alguém que não é do Costinha FC ou do JEB FC. Ou até do Jorge Mendes FC, ou do anti-Paulo Barbosa FC.

Eu não defendo os dirigentes do meu Clube ou da SAD apenas porque sim, quando acredito que eles não defendem o meu Clube, mas sim outros interesses.

Eu não sou do Izmailov FC, do PPC FC, do JEC FC, do Salema FC, do Paulo Bento FC ou do Eriksson FC.

Sou do e apenas do Sporting CP.

Ninguém está acima do Sporting CP, e ao mesmo nível só coloco: os seus sócios, a sua história e as suas lendas.

Mais nada e mais ninguém.

SL

1- Izma é santo.
2- Paulo Barbosa é santo.
3- Costinha é um diabólico Belzebu.
4- e eu sou JESUS CRISTO…

Ao contrário do habitual, não concordo com a crónico do Eddie…mas ainda deu para partir o coco. :rotfl: :rotfl:

Gostei especialmente da clínica do capitão gancho. :mrgreen: