A aposta mais correcta...

Sei que é um tema recorrente e não me considero nenhum iluminado mas, e no seguimento dos posts que vi noutros tópicos optei por abir um, em que partilho com vocês a minha visão da aposta ideal para o futuro do Sporting…
Para mim a aposta correcta seria uma restruturação a sério…
aposta clara na formação, utilização de igual modelo táctico em todos os escalões de formação e nos seniores ( tal como faz o Ajax) e contratação de estrangeiros apenas em caso de qualidade indiscutível!
se isso acontecer (e acredito ser possivel) a maioria até nem se importava de esperar uns aninhos pelos títulos (apesar de acreditar que este modelo nos traria alegrias de imediato)!
plantel com 80 ou 90% da formação e depois 2 ou 3 estrangeiros para posições estratégicas e sempre que não houvesse alternativas de qualidade na academia!
Para além do grande orgulho que este modelo traria aos Sportinguistas (falo por mim, mas penso que posso falar pela maioria) penso que traria também alguma saúde a nível financeiro pois os salários baixariam e poderiam até ser tabelados… subida aos séniores, número de jogos realizados, etc

SPORTING SEMPRE!

…e depois como vão comer os empressários :slight_smile: ?

Para fazer tudo isso que dizes é preciso algum tempo e muita paciência. Quanto melhores forem os resultados mais apetecível será o Sporting para os patrocinadores… logo não podemos perder competividade por apostar só nos jovens.

Isto, se fosse para levar à frente, demoraria algum tempo.

…a boa notícia é que o Sporting tem um documento (não encontrei termo mais correcto) onde prevê que uma percentagem do plantel seja formado nas escolas numa determinada época.

utilização de igual modelo táctico em todos os escalões de formação e nos seniores ( tal como faz o Ajax)

Durante algum tempo tb tive essa ideia “romantica” acerca da formação, até que um conhecido meu, treinador e inclusivé conhecedor da realidade do Ajax (da realidade de então, quero dizer), me disse que esse modelo funciona no patamar imediatamente abaixo dos seniores, onde os modelos tacticos sao já um factor importante e os jogadores tem outra maturidade.

Por putos com 12/13/14 anos limitados a esquemas tacticos nao funciona.

prevê que uma percentagem do plantel seja formado nas escolas numa determinada época

Acho um bom principio, mas… as coisas devem ser feitas de forma clara e sem “camuflagem”.

Ainda há poucos dias chamei a atenção para o facto de entre os 13/14 “titulares” do Sporting estarem apenas Beto e Moutinho como produtos das escolas… eventualmente Martins e Custodio se o considerarmos (eu nao o considero) produto da escola Sporting.

Para mim é pouco… pouquissimo. Como já defendi, por cada “estrela” das escolas que vendemos deveriamos ter 2 jogadores titulares na equipa.

Ora só desde 2000 já vendemos o “porco”, Viana, Quaresma e Ronaldo… deveriamos portanto ter 8 titulares na equipa principal provenientes da escola… nao temos!!!

É certo que podemos e teremos que aproveitar mais este “filão”, mas para isso acontecer sem perda de competitividade os putos devem chegar a uma equipa onde hajam 5/6 titulares absolutos e sendo jogadores acima da média.

Isso implica que o tecto salarial seja revisto, de forma a, em vez de ter um plantel com salarios nivelados, possamos ter os “bons” a ganhar o que merecem e o resto a serem pagos de acordo com a sua verdadeira qualidade.

Esse é um aspecto que me parece estar a falhar na estratégia de aproveitamento das escolas… a falta de “esqueleto” de equipa com jogadores de qualidade inatacavel.

12-34-41-42-49. Estrelas: 2 e 7. :mrgreen:

12-34-41-42-49. Estrelas: 2 e 7. :mrgreen:

Hoje estamos inspirados, hein… :lol: :lol: :lol:

12-34-41-42-49. Estrelas: 2 e 7. :mrgreen:

Já lá mora a minha aposta com esses números! :mrgreen: :mrgreen:

Esta semana não se brinca! :wink: :arrow: :arrow: :arrow: