Skip to main content

A fundação e as primeiras décadas

O Ténis do Sporting em 1909.

O Ténis era uma das modalidades prioritárias na altura da fundação do Sporting Clube de Portugal, embora só esporadicamente fosse praticado em competição.

As primeiras instalações desportivas do Clube eram dotadas de dois campos de Ténis, que já na altura era uma modalidade de elite, por isso muito do agrado dos fundadores do Sporting. Foi também uma das primeiras modalidades praticadas pelas senhoras. Nesses primeiros anos, D. João de Vila Franca destacou-se como praticante e professor, além de ter sido o autor do primeiro golo da equipa de Futebol do Sporting.

Em Setembro de 1906 fundadores do Sporting como José Roquette e Nóbrega de Lima jogavam Ténis no Grupo Lawn Tennis de Lisboa, o que indica que nessa altura o Sporting ainda não participava formalmente em torneios, apesar de sócios seus praticarem a modalidade e participarem em torneios, tal como D. João de Vila Franca no 5º Torneio Internacional organizado pelo Sporting Clube de Cascais em Outubro de 1906. Em Outubro de 1907, D. João de Vila Franca representava ainda o Grupo de Lisboa. No ano seguinte, 1908, o Sporting começou a apresentar equipas próprias.

O Sporting participou no 1º Campeonato de Portugal inter-clubes, organizado em maio de 1909, exclusivamente para pares masculinos e mistos. O Sporting concorreu em masculinos, perdendo a primeira eliminatória contra o Lawn-Tennis Internacional.

A Federação Portuguesa de Lawn-Tennis foi fundada numa reunião de 14 de março de 1925, numa iniciativa que teve origem no jornal Os Sports, e que teve o Sporting como um dos clubes fundadores. Ao longo dos anos o Ténis continuou a fazer parte das modalidades do Sporting, que organizava regularmente os seus campeonatos internos e que continuou a reservar um espaço para o Ténis nas suas instalações desportivas, quer na Estância de Madeira, quer no Estádio do Lumiar.

Assim, o Sporting venceu o seu primeiro Campeonato Nacional por equipas em 1932, numa altura em que se multiplicaram também os títulos nacionais individuais e por pares. No entanto, esse brilhantismo esgotou-se a partir da segunda metade dos anos 1930, com o Sporting a ganhar maioritariamente títulos regionais de categorias inferiores.

Em Novembro de 1940 foram inaugurados os novos campos de Ténis do Sporting Clube de Portugal, que passaram a ser os melhores do País, ficando situados na faixa de terreno entre as traseiras dos prédios da Alameda de Linhas de Torres e o Estádio do Lumiar, cerca de 10000m2 que permitiram a construção de quatro cortes, arruamentos e um edifício para vestiários, ficando ainda prevista a edificação de bancadas no campo principal.

Nomes conhecidos

Muitos foram os Sportinguistas conhecidos que praticaram Ténis no Clube desde José Alvalade, José Belo, Eduardo Quintela de Mendonça, D. João de Vila Franca, Nóbrega de Lima, António Stromp, Ressano Garcia e José Ferreira Roquette, passando por José de Verda, António Pinto Coelho, André Navarro, Salazar Carreira e Joaquim Serra Moura, até Fortunato Levy, Duarte Silva, Ernesto Navarro, Octávio Barrosa e Queiroga Tavares.

Ressurgimento

Após um interregno de mais de meio século, o Sporting Clube de Portugal anunciou a 27 de Julho de 2016 o regresso do Ténis ao conjunto das suas modalidades, através do estabelecimento de uma parceria institucional com Gastão Elias, à data o número dois nacional e 64º do ranking mundial.

A 08 de Outubro de 2017 Gastão Elias conquista o seu primeiro título no ATP Challenger Tour desde que chegou ao Sporting, na circunstância o Torneio Challenger de Campinas, no Brasil, depois de bater na final o argentino Renzo Olivo por 2-1.


O Ténis Época a Época
Ténis 1908 • Ténis 1909 • Ténis 1910 • Ténis 1923 • Ténis 1924 • Ténis 1925 • Ténis 1926 • Ténis 1932 • Ténis 1933 • Ténis 1934 • Ténis 1935 • Ténis 1936 • Ténis 1937 • Ténis 1938 • Ténis 1939 • Ténis 1940 • Ténis 1941 • Ténis 1942 • Ténis 1943 • Ténis 1944 • Ténis 1945 • Ténis 1946 • Ténis 1947 • Ténis 1948 • Ténis 1949
Ver também
Jogadores de Ténis do Sporting Palmarés do Ténis

Palmarés


  • 2 Campeonatos Nacionais por equipas
    • 1932 e 1953
  • 3 Campeonatos Nacionais por equipas - 2ª Categoria
    • 1939, 1940 e 1949
  • 2 Campeonatos Nacionais por equipas - 3ª Categoria
    • 1951 e 1952
  • 1 Campeonato Regional por equipas
    • 1932
  • 4 Campeonatos Regionais por equipas - 2ª Categoria
    • 1935, 1939, 1940 e 1949
  • 1 Campeonato Regional por equipas - 3ª Categoria
    • 1949

Os tenistas sportinguistas conquistaram 7 Campeonatos Nacionais individuais, 3 masculinos e 4 femininos.

Links