Skip to main content
Linha 68: Linha 68:
 
| Premier League||2018/19||Wolverhampton||||||Liga da Nações||||||||||||||||3||0
 
| Premier League||2018/19||Wolverhampton||||||Liga da Nações||||||||||||||||3||0
 
|-
 
|-
| Premier League||2019/20||Wolverhampton||||||||||||||||||||||3||0
+
| Premier League||2019/20||Wolverhampton||||||||||||||||||||||4||0
 
|-
 
|-
 
|-style="background:#E1EFC2;"
 
|-style="background:#E1EFC2;"
Linha 74: Linha 74:
 
|-
 
|-
 
|-style="background:#E1EFC2;"
 
|-style="background:#E1EFC2;"
| colspan="3" align=right |'''Total = ''' |||<section begin=jogos />259<section end=jogos />||<section begin=golos />32<section end=golos />|||||||||||||||17||1||119||3/7
+
| colspan="3" align=right |'''Total = ''' |||<section begin=jogos />259<section end=jogos />||<section begin=golos />32<section end=golos />|||||||||||||||17||1||120||3/7
 
|-
 
|-
 
|}
 
|}

Revisão das 21h42min de 14 de novembro de 2019

Esta página é sobre o médio, João Moutinho. Se procura o lateral da Academia, João Moutinho, consulte João Gervásio Moutinho.
Dados de João Moutinho Jmoutinho.jpg
Nome João Filipe Iria Santos Moutinho
Nascimento 8 de Setembro de 1986
Naturalidade Portimão - Portugal
Posição Futebolista (médio)
Escalão Época Clube Jogos Golos Titulos Internacionalizações
S17 S18 S19 S20 S21 BB AA Golos
Iniciados 1999/00 SPORTING
Iniciados 2000/01 SPORTING
Juvenis 2001/02 SPORTING
Juvenis 2002/03 SPORTING 34 13 Europeu Sub-17 13 0
Juniores 2003/04 SPORTING 30 12 7 0
Juniores 2004/05 SPORTING 14 7 Campeonato Nacional 4 1
Total = 13 7 4 1
2ª B 2003/04 SPORTING B 1 0
1ª Liga 2004/05 SPORTING 26 0 3
1ª Liga 2005/06 SPORTING 43 5 6 1 3 1
1ª Liga 2006/07 SPORTING 41 7 Taça de Portugal 6 5 1
1ª Liga 2007/08 SPORTING 56 7 Supertaça
Taça de Portugal
2 9 1
1ª Liga 2008/09 SPORTING 43 4 Supertaça 6 0
1ª Liga 2009/10 SPORTING 50 9 3 0
1ª Liga 2010/11 FC Porto Supertaça
Campeonato Nacional
Taça de Portugal
Liga Europa
8 0
1ª Liga 2011/12 FC Porto Supertaça
Campeonato Nacional
14 1
1ª Liga 2012/13 FC Porto Supertaça
Campeonato Nacional
11 0
1ª Liga 2013/14 Mónaco 12 0
1ª Liga 2014/15 Mónaco 8 0
1ª Liga 2015/16 Mónaco Campeonato da Europa 11 2
1ª Liga 2016/17 Mónaco Campeonato de França 12 3
1ª Liga 2017/18 Mónaco 11 0
Premier League 2018/19 Wolverhampton Liga da Nações 3 0
Premier League 2019/20 Wolverhampton 4 0
Total B= 1 0
Total = 259 32 17 1 120 3/7

Filho de Nelson Moutinho, um avançado que fez quase toda a sua carreira em clubes das divisões secundárias portuguesas, o pequeno João desde muito cedo que revelou dotes para seguir as pisadas do pai e entrou para as escolas do Sporting quando ainda era muito novo.

Produto genuíno da formação leonina, João Moutinho rapidamente chegou a internacional nos escalões jovens e, foi Campeão da Europa de Sub-17 em 2003, estreando-se na Equipa B do Sporting quando ainda era Júnior de 1º ano.

Na sua última temporada de Júnior foi chamado por José Peseiro para fazer a pré-época com a equipa principal, acabando no entanto por regressar aos Juniores que ajudou a conquistar o Campeonato Nacional sob o comando de Paulo Bento, mas em Janeiro de 2005 depois da saída de Tinga que regressou ao Brasil, voltou a ser chamado por José Peseiro, estreando-se logo a seguir na equipa principal do Sporting, onde se fixou rapidamente, ao ponto de em 2005 ter sido distinguido com o Prémio Stromp na categoria "Futebolista", naquela que era a sua segunda distinção, depois de ter recebido a primeira em 2003, na categoria "Especial Europeu".

Jogador de baixa estatura mas de uma entrega ao jogo inexcedível e com uma enorme resistência, dotado com boa técnica e excelente visão de jogo, fez da regularidade, simplicidade de processos e polivalência as suas grandes armas, que lhe permitiram manter um alto rendimento ao serviço da equipa, fazendo jogos atrás de jogos sempre ao mesmo nível.

Moutinho ergue a Supertaça de 2008

Fez parte da equipa que chegou à Final da Taça UEFA de 2005, e já com Paulo Bento como treinador, tornou-se numa das traves mestras da equipa, actuando em todas as posições do losango do meio-campo leonino, e chegando à condição de Capitão da equipa na época de 2007/08, com apenas 20 anos, o que lhe permitiu erguer duas Supertaças e uma Taça de Portugal, que somou à que já tinha ajudado a conquistar em 2007.

Nas Selecções a sua progressão foi igualmente precoce, chegando aos Sub-21 ainda com idade Júnior, o que lhe permitiu estar presente nas fases finais dos Europeus de 2006 e 2007.

Estreou-se na Selecção A em 17 de Agosto de 2005 com apenas 18 anos, chegando a sonhar com a presença na fase final do Mundial de 2006, que no entanto não se viria a confirmar, mas a sua afirmação no grupo de Scolari era uma questão de tempo e, no Europeu de 2008 assumiu um lugar na equipa titular.

No Verão de 2008 João Moutinho afirmou a sua vontade de sair do Sporting, numa altura em que o Everton de Inglaterra fez uma proposta de compra do seu passe, que foi considerada insuficiente pela SAD leonina, que chegou então a um entendimento com o Capitão da sua equipa, que se tornou num dos jogadores mais bem pagos do plantel, sendo o seu contrato prorrogado por mais uma época, com uma cláusula de rescisão estabelecida no valor de 22,5 milhões €.

No entanto ficou sempre a sensação de um certo mau estar da parte do jogador, que não deu o salto qualitativo que dele se esperava e, com o regresso de Carlos Queirós à FPF, perdeu o lugar no onze nacional, sendo mesmo surpreendentemente excluído dos seleccionados para o Mundial de 2010.

Em Julho de 2010 consumou-se o inevitável divorcio entre João Moutinho e o Sporting, com uma surpreendente e muito polémica transferência do jogador para o FC Porto, que rendeu à SAD leonina a quantia de 11 milhões de euros, mais 25% da mais valia obtida pelo seu novo clube numa futura transferência acima daquele valor e, ainda os direitos desportivos e 50% do passe do jogador Nuno André Coelho[1].

O então Presidente do Sporting, José Eduardo Bettencourt classificou o jogador como "uma maçã podre", acusando-o de causar mau ambiente no balneário e de ter tido comportamentos desqualificáveis para forçar a sua saída, ao ponto de se ter recusado a treinar, pois estava disposto a tudo para ir ganhar mais dinheiro.

Terminava assim abruptamente e de uma forma pouco elegante, uma ligação de mais de uma década, entre um dos jogadores mais emblemáticos da Academia Sporting e o Clube que representou em 259 jogos oficiais, tendo marcado 32 golos.

No FC Porto João Moutinho afirmou-se imediatamente como um dos jogadores mais importantes de uma equipa que ganhou três Campeonatos Nacionais, uma Taça de Portugal, duas a Supertaças e uma Liga Europa e, com a chegada de Paulo Bento ao posto de Seleccionador Nacional, recuperou o seu lugar no meio campo da Selecção de Portugal, tornando-se numa das principais figuras da equipa das quinas no Europeu de 2012.

Em Maio de 2013 foi vendido ao Mónaco, numa operação que causou alguma polémica com o Sporting, em virtude do negócio ter sido feito em conjunto com a venda de James Rodriguez, por um valor total de 70 milhões €, sendo que o passe de João Moutinho foi apenas valorizado em 25 milhões, enquanto ao do colombiano eram atribuídos 45 milhões, ou seja o valor da sua cláusula de rescisão, o que foi considerado pelo Sporting como uma forma de reduzir o valor da percentagem que o Clube ainda tinha direito a receber sobre as mais valias obtidas, que assim se cifrou em 3,5 milhões €, o que deu aso a uma troca de palavras desagradáveis entre os Presidentes dos dois Clubes.

No Mónaco não fez uma grande temporada e a sua contratação chegou a ser considerada como um enorme "flop", mas na final da época foi titular indiscutível da Selecção Nacional que esteve no Mundial do Brasil e com a chegada de Leonardo Jardim ao comando do seu clube, tornou-se num elemento importante na equipa, continuando a ser presença constante na Selecção Nacional, pelo que fez parte do grupo que ganhou para Portugal o Campeonato da Europa de 2016 disputado em França e tornou-se num elemento chave da equipa do Mónaco que ganhou o campeonato francês de 2016/17.

Em 2018 voltou a representar Portugal num Campeonato do Mundo que desta vez se realizou na Rússia e no final dessa época foi vendido ao Wolverhampton de Inglaterra.

Referências

  1. Cedência dos direitos desportivos de João Moutinho Comunicado na CMVM, 4 de Julho 2010

To-mane 14h20min de 25 de Janeiro de 2009 (WET)