Skip to main content
Esta página é sobre o médio e Capitão de equipa Custódio (1999-2007). Se procura o avançado Custódio (1936-38), consulte João Custódio.
Dados de Custódio Custódio.jpg
Nome Custódio Miguel Dias de Castro
Nascimento 24 de Maio de 1983
Naturalidade Guimarães - Portugal
Posição Futebolista (médio)
Escalão Época Clube Jogos Golos Titulos Internacionalizações
S16 S17 S18 S19 ESP BB AA Golos
Iniciados 1997/98 V.Guimarães
Juvenis 1998/99 V.Guimarães 5 0
Juvenis 1999/00 V.Guimarães Europeu sub-17 11 2
Juniores 2000/01 SPORTING 7 1
Juniores 2001/02 SPORTING 8 3
Total = 5 11 7 8 6
1ª Divisão 2001/02 SPORTING 1 0 Campeonato Nacional
2ª B 2001/02 SPORTING B 15 2
2ª B 2002/03 SPORTING B 33 3 11 4
1ª Divisão 2003/04 SPORTING 31 0 5 0
1ª Divisão 2004/05 SPORTING 36 7 4 0
1ª Divisão 2005/06 SPORTING 33 0 2 1 0
1ª Divisão 2006/07 SPORTING 21 1 Taça de Portugal
1ª Divisão 2007 D.Moscovo
1ª Divisão 2008 D.Moscovo
1ª Divisão 2008/09 V.Guimarães
1ª Divisão 2009/10 V.Guimarães
1ª Divisão 2010/11 Sp. Braga
1ª Divisão 2011/12 Sp. Braga 4 0
1ª Divisão 2012/13 Sp. Braga Taça da Liga 6 0
1ª Divisão 2013/14 Sp. Braga
1ª Divisão 2014/15 Sp. Braga
1ª Divisão 2014/15 Akhisar
1ª Divisão 2015/16 Akhisar
1ª Divisão 2016/17 Akhisar
Total B= 48 5
Total = 122 8 22 1 10 10

Médio das escolas do Vitória de Guimarães, actuava preferencialmente como organizador do jogo, e era um dos jogadores mais prometedores da sua geração.

Internacional em todos os escalões jovens, integrou a Selecção Campeã da Europa de sub-17 em 2000, e na época seguinte transferiu-se para o Sporting quando ainda era Júnior.

Fez parte do projecto da Equipa B do Sporting, estreando-se na equipa principal com apenas 18 anos, quando Lazlo Boloni que admirava o seu futebol, o lançou num jogo do Campeonato, disputado no dia 23 de Março de 2002, que terminou com a vitória do Sporting por 2-0 frente ao Salgueiros, tornando-o assim Campeão Nacional.

No entanto seria Fernando Santos a integrá-lo definitivamente no plantel principal na época de 2003/04, altura em que ganhou um lugar no onze na posição de trinco, relegando para o banco os experientes Paulo Bento e Rui Bento.

Daí para a frente tornou-se titular, totalizando 122 jogos de Leão ao peito, nos quais marcou 8 golos, participando na histórica campanha que levaria o Sporting à Final da Taça UEFA de 2005, na qual no entanto não participou, e contribuindo para a conquista da Taça de Portugal de 2007, numa época em que herdou de Sá Pinto a braçadeira de Capitão da equipa, numa altura em que já era acusado de ter pouca dinâmica e mobilidade, pelo que o Sporting contratou o experiente trinco paraguaio Paredes, mas em que seria o jovem Miguel Veloso a ganhar o lugar mais recuado no losango implantado por Paulo Bento no meio campo leonino.

Em 2004 foi distinguido com o Prémio Stromp na categoria Especial Europeu.

Perdida a embalagem´em Alvalade, Custódio foi vendido ao Dínamo de Moscovo, e depois de um ano e meio na Rússia onde nunca se adaptou, acabou por ser dispensando.

Foi apresentado em Dezembro de 2008 como reforço de Inverno do V. Guimarães, confessando ter sido um erro a sua aventura russa, e prometendo relançar a sua carreira no clube da sua terra.

No inicio da temporada de 2010/11 transferiu-se para o Sporting de Braga, integrando a equipa que chegou à Final da Liga Europa, um percurso onde teve um papel decisivo, ao marcar o golo que eliminou o Benfica nas meias-finais.

Na época seguinte estreou-se na Selecção Nacional A, marcando presença no Europeu de 2012, totalizando 10 internacionalizações A.

Na temporada de 2012/13 fez parte da equipa que ganhou a Taça da Liga, o primeiro troféu de âmbito nacional conquistado pelo Sporting de Braga.

Depois de quatro épocas e meia em Braga, em Janeiro de 2015 partiu para uma nova aventura no estrangeiro, transferindo-se para o Akhisar da Turquia, onde encerrou a sua carreira com 34 anos de idade.

To-mane 22h25min de 9 de Agosto de 2009 (WEST)