Uma linda prova de amor

Acordei na minha cama com uma ressaca dos diabos. Assim que consegui abrir os olhos, a primeira coisa que vi foi um copo de água e uma caixa de aspirina em cima da mesa de cabeceira.

Sentei-me na borda da cama, e a roupa que ia vestir ali estava toda preparadinha à minha frente.
Olhei à minha volta e tudo estava bem arrumadinho e impecavelmente limpo.

Pego no copo de água para tomar as aspirinhas e dou-me conta de um post-it em cima da mesa de cabeceira que dizia: «querido, o pequeno almoço espera-te na cozinha. Amo-te muito…»

Completamente perplexo, dirigi-me à cozinha onde efectivamente em cima da mesa estava o pequeno almoço e ao lado o jornal do dia.
O meu filho sentado à mesa, também estava a tomar o pequeno almoço.

Sem nada compreender, perguntei-lhe:

  • Olha lá filho, o que é que aconteceu ontem à noite?
    Ao que respondeu:
  • Ohhhh! Tu chegaste a casa às três da manhã, bêbado como uma cuba,
    fizeste cair alguns móveis, vomitaste o hall de entrada, lançaste a
    mãe pelo corredor fora pensando que te estavam a tentar assaltar…
  • Sim filho, então como é que se explica que toda esta amabilidade e
    esta limpeza ?
  • Ora paizinho, quando a mãe lá conseguiu levar-te pró quarto e ia
    começar a tirar-te as calças, tu recusaste e gritaste bem alto:
  • Deixa-me tranquilo sua puta do caralho que eu sou um homem casado.

Paizinho, a isso chama-se uma linda prova de amor…