ultras em alcochete

tantas vezes aqui neste forum tem sido referido a Quinta da Marinha, o Golfe, as festas VIP, ... sinceramente cheira-me a inveja (tão tipico do mais tipico DNA Português) ou a sonho. Quer dizer que se as mesmas pessoas vivessem na curraleira e jogassem chinquilho, já não havia problema, é isso? :shock:

Sendo um um dos principais utilizadores dessas frases e conhecendo-me relativamente bem tomo isso como um insulto com alguma gravidade. Um infeliz badameco pode-me chamar qualquer nome que isso tem pouca gravidade comparado com um amigo que me conhece me chamar invejoso no sentido que estás a chamar.

(continua)

(cont)

Sei bem o que digo quando falo dos “quintas da marinha”, estudei com eles 11 anos. Obviamente que não és burro ao ponto de pensar que estou a meter tudo no mesmo saco, só por viverem num dado sítio ou terem uma dada condição social. Falo de um grupo específico, de uma forma de estar na vida que quem conhece bem sabe como é, o que não é o mesmo que dizer que todos os que jogam golfe ou vivem na quinta são assim. É preciso um desenho?

PS - acho graça que o não viver na quinta da marinha seja logo viver na curraleira.

O problema e que os cerca de 30 sportinguistas que la estiveram fazem parte das claques do Sporting, senão já eram tratados como heróis.

Segundo o que sei, eles não foram lá para partir nada, nem para bater em ninguém, apenas foram para pedir aquilo que aqui muitos desejam.

Fomos eliminados da liga dos campeões e da uefa, e já vamos com 3 derrotas consecutivas.

Os reforços que o treinador queria estão cá e ainda não deram provas do seu valor.

O Peseiro não tem condições para treinar o Sporting.

(...) acho que não sabes o que são atitudes extremistas...mas isso não interessa nada para o caso!

Não, tu é que sabes. :roll:

tem sido referido a Quinta da Marinha, o Golfe, as festas VIP, ... sinceramente cheira-me a inveja

Posso ser invejoso ás vezes (invejo os que podem trabalhar no e para o Sporting por ex.), certamente não o sou em relação ao estilo de vida das pessoas que moram na Qta da Marinha.

Qdo uso essas expressões utilizo-as como uma metáfora á mentalidade dos chás dancantes e festas VIP que originou a cisão do Campo Grande e o nascimento do Sporting Clube de Portugal.

Pensava que não era preciso explicar, mas pelos vistos… :roll:

Segundo o que sei, eles não foram lá para partir nada, nem para bater em ninguém, apenas foram para pedir aquilo que aqui muitos desejam.

Estamos lentamente a descobrir que para a malta situacionista o único caminho de contestação aceitável é a… não contestação :).

Primeiro era a violência, condenável sim.

Depois já não se podia falar alto… ok…

agora aparecem uns malucos que não têm mais nada que fazer ao feriado e por amor ao clube lá foram a alcochete para pelos vistos FALAR com alguém, sem provocar desacatos.

Também estes são pelos vistos perigosos extremistas :)…

Como se previa existe malta que simplesmente não aceita a ideia de que o sócio do Sporting tem DIREITOS… enfim.

Devem estar com medo que eles acabem com os socios.

Temos que comecar a dizer sim a tudo,para eles nao se lembrarem de acabar connosco.

        :D  :D  :D

Tal como já disse a propósito dos incidentes na AG, “rebeliões” deste tipo são a colheita de uma sementeira que dura há anos. AGs esvaziadas de significado, decisões estratégicas tomadas na clausura dos gabinetes sem qualquer discussão prévia, afronta e hostilização deliberada dos sócios, desvalorização dos seus contributos e falta de atenção no seu tratamento, como se não passassem de números de série ou códigos de barras.

Eu penso que eles foram lá para acordar a constituição da equipa para o próximo jogo. Nada de mal, é tudo bons rapazes :arrow: as intenções são as melhores :roll:

Já agora: tantas vezes aqui neste forum tem sido referido a Quinta da Marinha, o Golfe, as festas VIP, … sinceramente cheira-me a inveja (tão tipico do mais tipico DNA Português) ou a sonho. Quer dizer que se as mesmas pessoas vivessem na curraleira e jogassem chinquilho, já não havia problema, é isso? :shock:

Não é a Quinta da marinha que classifica ou qualifica os que lá vivem: são alguns dos que lá vivem que originam alusões a essa urbanização de forma depreciativa. Isso já foi explicado “n” vezes, não sabia que ainda causava assim tanta confusão.

Não invejo quem tem carros, parelhas e montes. Só invejo quem bebe a água em todas as fontes” :arrow:

Sinceramente não percebo porque é que será um problema, as pessoas deslocarem-se ao local onde está o quartel-general da equipa e exigir explicações para o que se está a passar! Qual é o problema? Entraram lá aos tiros?

Mais. É essencial que aqueles senhores (jogadores incluídos) percebam que camisola vestem, e se não percebem a bem, percebem a mal se for necessário. Isto tudo não seria necessário se os responsáveis(?) do clube tivessem outra espinha e se não vivessem constantemente voltados prá Lua e para o seu próprio umbigo!

Eu por mim, não me chocou nada e até achei bem, o que não pode continuar é esta pouca vergonha, a ser goleado por equipas semi-profissionais e ter de ouvir olés contra o Paços de Ferreira :evil: :evil:

Querem chamar a atenção? Aproveitam-se do clube pa chamar a atenção, sinceramente. É incrível, como se eles fossem os salvadores da pátria. Enfim...

Chamar a atenção? Pessoas que gastam todo o seu dinheiro a apoiar o Sporting? Que a um domingo à noite vão a Paços Ferreira ver aquela desgraça, e ainda ficam sem o seu material, que pagam com o seu dinheiro? Meus amigos, se o Sporting ainda é o clube grande que é, em muito deve às claques! E o que eles estão a fazer hoje é simplesmente para salvar o Sporting e acabar com a corja de chulos que por lá anda! Se eles quisessem protagonismo, já tinham andado por algumas direcções, coisa que não quiseram!

Melhor isso do que andarem com intenções de levarem lenços brancos ao José de Alvalade, antes mesmo de a equipa entra em campo…

Melhor isso do que andarem com intenções de levarem lenços brancos ao José de Alvalade, antes mesmo de a equipa entra em campo...

chiça que tens a cabeça dura… quem é que falou na equipa? pq é que os lenços brancos são para a equipa ou quem quer que seja do staff técnico, se o que aqui se fala são atitudes face aos dirigentes?..

quero sangue, muito sangue… vermelho… do sócio do assaltante de camiões… :lol:

Alvar, se a unica forma de contestar a SAD é no estádio, assim terá que ser feito! Às vezes para dar dois passos à frente, temos que dar um passo atrás. (Ou qualquer coisa assim… :roll: )

Mas mais uma vez reitero o meu apoio aos verdadeiros ultras sportinguistas que se dirigiram hoje à Academia, por amor ao Sporting. São estes exemplos pelos quais deviam ser julgadas as claques, e não pelos actos de 2 ou 3 elementos, que só lá vão em jogos grandes.

Sporting aos sportinguistas, já!

Alvar, se a unica forma de contestar a SAD é no estádio, assim terá que ser feito! Às vezes para dar dois passos à frente, temos que dar um passo atrás. (Ou qualquer coisa assim... :roll:
Não acho, Lusitano. Acho que a SAD já provou que não vai no desagrado dos adeptos. Se a SAD ouvisse e desse ouvido aos sócios, assim sim, valia a pena mostrar descontentamento... mas os sportinguistas protestam e a SAD não está minimamente preocupada (ou pelo menos não o mostra). Se a direcção não dá ouvidos aos assobios e lenços brancos dos adeptos, então porque fazê-lo? A direcção ficaria na mesma e os jogadores iriam-se sentir mais pressionados... só prejudicaria a equipa.
Vamos fazer com que a reputação dos nossos adeptos seja ainda melhor!  [b] Vamos apoiar o Sporting![/b]

cumps

Deve ser o mesmo grupo que teve uma atitude muito civilizada na última Assembleia! :roll:

É isto o espelho da melhor massa associativa do mundo??? :?:

Disseram na TV que os 3 capitães, em reunião com o pessoal “civilizado” das claques reafirmaram o apoio dos jogadores ao treinador, deve ser mentira! :arrow:

Toda a gente sabe que a Juve Leo sempre esteve com o Luís Duque…

Toda a gente sabe que a Juve Leo sempre esteve com o Luís Duque....

Até que ele quis trazer o mouro pequeno…

Melhor isso do que andarem com intenções de levarem lenços brancos ao José de Alvalade, antes mesmo de a equipa entra em campo...

chiça que tens a cabeça dura… quem é que falou na equipa? pq é que os lenços brancos são para a equipa ou quem quer que seja do staff técnico, se o que aqui se fala são atitudes face aos dirigentes?..

Pois, então explica lá e este “cabeça dura” porquê foram “chorar nos ombros” dos capitães da equipa? Isto é, se nos reportarmos ao que se fala aqui, vê lá, não me acuses de não ler bem…

E tá bem tá, começa a abanar o teu lenço no estádio e, ao mesmo tempo, explica aos jogadores em campo que não é para eles…