Taça dos Clubes Campeões Europeus de Pista (Atletismo)

Decorre este fim de semana em Vila Real de Santo António a Taça dos Clubes Campeões Europeus (TCCE) de Pista em Atletismo onde, naturalmente, estará presente o grande SPORTING CLUBE DE PORTUGAL.

Em masculinos, o Sporting irá competir no Grupo A (uma espécie de 1ª Divisão Europeia) e aqui, o principal objectivo passará provavelmente pela manutenção do 2º lugar que conquistámos no último ano em Albufeira (mais detalhes aqui).

Para esta edição da TCCE, existem muitas dúvidas acerca da possibilidade de utilização de Rui Silva que se lesionou há 3 semanas mas foi inscrito à mesma. Uma ausência de Rui Silva poderá representar um grande revés para as nossas aspirações, uma vez que estamos a falar do atleta que venceu os 1500 e os 3000m em 2006 e repetiu o feito dos 3000m no ano passado.

Adicionalmente, este ano, não vamos contar com Yuri Bilonov (vencedor do Lançamento do Peso em 2006 e 2007 e do lançamento do Disco em 2006). De acordo com as declarações de Mário Moniz Pereira ao Jornal Sporting desta semana, a ausência deve-se ao facto de Bilonov (também o actual campeão olímpico no Peso) não ter ainda competido este ano e ter ficado atrás do nosso atleta Marco Fortes no campeonato do mundo de Pista Coberta. Deste modo, Marco Fortes, que infelizmente também vem da recuperação de uma lesão recente, será o nosso representante no Peso.

Os representantes do Sporting para a competição de Masculinos serão:

Rui Silva - Gaspar Araújo - Edivaldo Monteiro - Francis Obikwelu - Adelino Monteiro - Roman Gulyi - António Rodrigues - Marco Fortes - António Travassos - Ricardo Pacheco - João Ferreira - Arnaldo Abrantes - Edi Sousa - Edi Maia - Vítor Costa - Rui Palma - Tiago Rodrigues - Mário Teixeira - Américo Castelbranco - Vladislav Shkurlatov - João Merêncio

E iremos competir frente às seguintes formações:

Os mais que favoritos para a vitória Luch de Moscovo (Rússia) - Puma Jerez Chapin (Espanha) - AK Spartak Dubnica (Eslováquia) - G.A. Fiamme Gialle (Itália) - Enka Spor Kulubu (Turquia) - TJ Dukla Praha (República Checa) - CA Montreuil (França)

[hr]

Por outro lado, e ao contrário do que tem acontecido nos últimos anos (cedemos o nosso direito de participação ao JOMA), o Sporting vai apresentar uma equipa feminina, que irá competir no Grupo B. Aqui o objectivo é óbvio: Garantir a promoção para o Grupo A de modo a recuperarmos a nossa posição na elite europeia. Para conseguir esse feito, foram “convocadas” as seguintes atletas:

Mónica Fernandes - Liliana Cá - Vera Lavrador - Patrícia Lopes - Maria do Carmo Tavares - Sílvia Cruz - Olga Shulikova - Ielena Prokopchuka - Susana Costa - Clarisse Cruz - Ludmila Leal - Catarina Bastos - Marisa Anselmo - Maria Antónia Borges - A grande Sandra Teixeira - E, claro, a nossa DEUSA Naide Gomes.

Já aqui, iremos competir frente a:

USC Mainz (Alemanha) - AAC Amsterdam (Holanda) - ST Bern (Suiça) - AC Crvena Beograd (Sérvia) - AK Sloboda Tehnograd (Bielorússia) - Maccabi Reshon-Le’zion (Israel) - Abbey Athletic Club (Irlanda)

[hr]

Para os leões e leoas que estou certo que tudo irão fazer para orgulhar as nossas cores, deixo aqui um voto de boa sorte e naturalmente um grande:

FORÇA SPORTING!

[hr]

Site oficial da prova: http://tccevrsa.no.sapo.pt/
Programa: http://tccevrsa.no.sapo.pt/html/timetable.html
Site da Federação Europeia de Atletismo (que normalmente acompanha em tempo real as provas): http://www.european-athletics.org/index.php

[move]Força Sporting!!! [/move]

EQUIPA FEMININA QUASE QUE GARANTE 1º LUGAR NO GRUPO B APÓS 1 DIA DE PROVAS

Vila Real de Santo António, Faro, 24 Mai (Lusa) - A equipa feminina do Sporting assegurou praticamente hoje o primeiro lugar e a consequente subida ao grupo A da Taça dos Clubes Campeões Europeus de atletismo, na primeira jornada da prova, em Vila Real de Santo António.

O Sporting parte para a segunda jornada, domingo, com 54 pontos, contra 34 das formações perseguidoras do Maccabi (Israel) e do ST Bern (Suíça).

A equipa campeã nacional, ausente na época passada e, por isso, relegada para o grupo secundário, ganhou oito das 12 provas realizadas face à débil oposição das restantes quatro equipas.

A melhor marca da tarde pertenceu a Sílvia Cruz, que ficou a 17 centímetros do seu recorde nacional do lançamento do dardo, com um total de 59,57 metros, marca que confirma o mínimo olímpico B (59,00 metros), na posse da atleta desde a época passada.

A russa Olga Shulikova, com 54,04 segundos nos 400 metros, e a letã Jelena Prokopcuka, com 9.49,82 minutos nos 3.000 metros, nem precisaram de se empregar para ganharem com facilidade as respectivas corridas, destacando-se ainda os 59,36 segundos de Patrícia Lopes nos 400 metros barreiras.

Resultados (Grupo B feminino)

100 m (v:-2,3):

  1. Olga Lensky, Isr, 12,60 segundos
    2. Mónica Lopes, Por, 12,77

400 m:
1. Olga Shulikova, Por, 54,04 segundos
2. Maral Feizbakhsh, Ale, 56,16

800 m:
1. Carmo Tavares, Por, 2.10,65 minutos
2. Sabine Bachmann, Ale, 2.12,06

3000 m:
1. Jelena Prokopcuka, Por, 9.49,82 minutos
2. M. Neuenschwander, Sui, 9.55,22

3000 m obstáculos:
1. Clarisse Cruz, Por, 10.01,33 minutos
2. Martien Schaub, Hol, 11.30,62

400 m barreiras:
1. Patrícia Lopes, Por, 59,36 segundos
2. Stefanie Gubitz, Ale, 61,24

Salto com Vara:

  1. Nicole Buchler, Sui, 4,00 metros
    3. Vera Lavrador, Por, 3,20

Triplo Salto:
1. Susana Costa, Por, 12,95 metros (+0,4)
2. Daniela Miescher, Sui, 12,60 (+1,3)

Lançamento do Disco:

  1. Viktoria Boiko, Isr, 54,92 metros
    3. Liliana Cá, Por, 50,03

Lançamento do Martelo:

  1. Evgenya Zbulotny, Isr, 49,98 metros
    3. Mónica Fernandes, Por, 47,38

Lançamento do Dardo:
1. Sílvia Cruz, Por, 59,57 metros
2. Marleen Worsdorfer, Ale, 47,70

4x100 metros:
1. Sporting (Mónica Lopes, Naide Gomes, Susana Costa, Patrícia Lopes), 46,81 segundos
2. Maccabi, Isr, 46,90

Pontuação (1.ª jornada):

  1. Sporting, Por, 53 Pontos
  2. Maccabi, Isr, 34
  3. ST Bern, Sui, 34
  4. USC Mainz, Ale, 29
  5. AAC Amsterdam, Hol, 24

Parabéns Leoas! :dance:

Fantástica prestação dos nossos atletas. Em femininos está práticamente garantida a subida à 1ª divisão e em masculinos estamos em 1º lugar ao fim da 1ª jornada. Estamos com os mesmos pontos dos russos e mais um ponto que os checos. Vai ser uma 2ª jornada emocionante. E tudo isto sem Rui Silva que normalmente nos garante 2 vitórias (António Travassos susbstitui-o nos 5000m e ficou em 3º lugar). Mas se calhar isto não vale nada pelo que atletismo é um desporto individual, o que é bom é o hóquei em patins, o basquetebol e o voleibol.

Muito boas marcas de Sílvia Cruz (Dardo) e Clarisse Cruz (3.000 metros Obstáculos) :clap: :clap:

Anedótico, a ‘nossa’ RTP (por via dos impostos que pagamos) não transmitir uma puta de imagem de qualquer das competições (masculinos e femininos).

Deve ter a ver com as dificuldades que certa pessoa diz, de arranjar patrocínios :inde:

Excelente novidade que me deste agora Moura! Ando ‘desesperado’ à procura dos resultados masculinos de hoje e se as coisas se passaram tal como tu dizes, só posso dizer que a prestação da nossa equipa parece estar prestes a ultrapassar as minhas melhores expectivas!

Quanto à tua última frase… O que dizer? … (ps: não estou a confundir e sei que a frase não é “tua” ;))

22:25 - Atletismo Taça dos Campeões Europeus: Sporting lidera no final do primeiro dia

A equipa masculina do Sporting lidera a Taça dos Clubes Campeões Europeus após a primeira jornada, realizada hoje em Vila Real de Santo António, com os mesmos 52 pontos do conjunto russo do Luch Moscovo. A equipa campeã nacional tem mais vitórias individuais (3-1), factor que constitui a primeira fórmula de desempate. A formação checa do Dukla Praga é terceira classificada, a um escasso ponto das duas primeiras, o que deixa tudo está em aberto para a segunda jornada, a realizar amanhã. O Sporting ganhou três provas, através de Francis Obikwelu (100 metros), Gaspar Araújo (salto em comprimento) e da equipa de estafetas 4x100 metros. Os leões conseguiram ainda um segundo lugar no lançamento do peso, por Marco Fortes, e dois terceiros postos, nos 5.000 metros (António Travassos) e nos 400 metros barreiras (Edivaldo Monteiro). Apesar de uma deficiente partida, Obikwelu, com uma forte aceleração na parte final, ganhou os 100 metros em 10,35 segundos, marca conseguida contra um vento de 2,4 metros/segundo. Nos 4x100 metros, realizados com meia hora de atraso devido a uma avaria na aparelhagem electrónica, o Sporting, com boas transmissões, confirmou o seu favoritismo, concluindo com o bom tempo de 39,47 segundos. Surpreendente foi a vitória de Gaspar Araújo no comprimento, graças a um ensaio de 7,93 metros, conseguido com uma ajuda do vento de 3,0 metros/segundo.

Gaspar Araújo conseguiu ‘cavalgar’ o vento :dance:

Excelente a marca da estafeta (39,47 s), :clap: sabendo que o Francis não treinou as transmissões de forma consistente, e por isso teve de fazer o 4º percurso em vez do 2º, onde rende mais.

Ah grande Gaspar! ;D :dance: Esperemos mais surpresas agradáveis na sessão de amanhã! Entretanto deixo aqui também os resultados da 1ª jornada masculina, com um agradecimento à SIC e ao Record, que aparentam ser os únicos meios de comunicação social a dar uso aos press releases da Lusa referentes a esta competição…

Resultados (Grupo A masculino):

  • 100 metros (v:2,4)

1.Francis Obikwelu, Portugal, 10,35 segundos
2. Simone Collio, Itália, 10,48

  • 400 metros
  1. Peter Znava, Eslováquia, 46,58 segundos
    7. António Rodrigues, Portugal, 47,96
  • 1.500 metros
  1. Bernard Kiptum, Eslováquia, 3.49,22 minutos
    4. Adelino Monteiro, Portugal, 3.51,70
  • 5.000 metros
  1. Colins Kosgei, Eslováquia, 13.53,23 minutos
    3. António Travassos, Portugal, 14.10,59
  • 400 metros barreiras
  1. Aleksandr Derevyagin, Rússia, 50,07 segundos
    3. Edivaldo Monteiro, Portugal, 51,56
  • Salto em Altura
  1. Tomas Janku, República Checa, 2,26 metros
    7. Roman Guliy, Portugal, 2,11
  • Salto em Comprimento

1. Gaspar Araújo, Portugal, 7,93 metros
2. Stepan Wagner, República Checa, 7,83

  • Lançamento do Peso
  1. Petr Stehlik, República Checa, 19,14 metros
    2. Marco Fortes, Portugal, 18,91
  • Estafetas 4x100 metros

1. Sporting (Ricardo Pacheco, João Ferreira, Arnaldo Abrantes, Francis Obikwelu), 39,47 segundos
2. Fiamme Gialle, Itália, 39,63.

Pontuação (1.ª jornada):

  1. Sporting, 52 pontos
  2. Luch Moscovo, Rus, 52
  3. Dukla Praga, Che, 51
  4. Spartak, Svq, 43
  5. Fiamme Gialle, Ita, 42
  6. Chapin, Esp, 35
  7. Montreuil, Fra, 25
  8. Enke, Tur, 24

Isto é o ectletismo do SPORTING.Eu defenderei sempre as modalidades amadoras do nosso clube.Elas são a essência do nosso clube.São elas que na maior parte das vezes elevam bem alto o nome do nosso clube.Sou um apoiante incondicional das modalidades amadoras.O fim destas, será o primeiro passo para o abismo do nosso clube.Defendo que não são 2 ou 3 milhões que o nosso clube possa dispender com estas modalidades, que tornaria o nosso futebol profissional mais competetivo.

As nossas atletas confirmaram o favoritismo que mostraram ontem e sagraram-se as vencedoras do Grupo B!! :dance:

Ficámos em primeiro lugar com 91 pontos, muito à frente dos 57 pontos do Maccabi Reshon-Le’zion que ficou em segundo lugar!

Parabéns às nossas meninas! :clap: :clap: :clap:

[hr]

Resultados 2ª jornada - Grupo B (feminino):

  • 200 metros (v:-1,9):
    1. Olga Shulikova, Por 24,15 segundos
  1. Jessica Hochhaus, Ale 25,38
  • 1500 metros:
    1. Sandra Teixeira, Por 4.25,10 minutos
  1. Marije te Raa, Hol 4.26,05
  • 5000 metros:
    1. Jelena Prokopkuca, Por 16.04,77 minutos
  1. M. Neuenschwander, Sui 16.46,75
  • 100 m barreiras (v:-4,3):
  1. Irina Lensky, Isr 13,36 segundos
    2. Mónica Lopes, Por 14,26
  • Altura:
    1. Marisa Anselmo, Por 1,75 metros
  1. Hafida Imam, Ale 1,75
  • Comprimento:
    1. Naide Gomes, Por 6,88 metros (+2,3)
  1. Rutem Batat, Isr 6,13 (+3,8)
  • Peso:
    1. Antónia Borges, Por 14,62 metros
  1. Viktoria Boiko, Isr 14,00
  • 4x400 m:
  1. Mainz, Ale 3.48,80 minutos
    2. Sporting (Catarina Bastos, Sandra Teixeira, Patrícia Lopes, Carmo Tavares), Por 3.48,90

Pontuação final:

  1. Sporting, Por 91 pontos
  2. Maccabi, Isr 57
  3. Mainz, Ale 54
  4. St. Bern, Sui 51
  5. AAC Amsterdam, Hol 40.

Na 2ª jornada, as nossas atletas confirmaram o favoritismo, sendo que a única marca de real valor é a de Enezenaide Gomes (Naide) com um bom pulo de 6,88.

No sector masculino, parece que a coisa correu mal (5º lugar final), mas não quero deixar de dizer :
:offtopic:
É degradante o serviço que o site do clube presta !

Duas competições que se se desenrolam em dois dias e só no último dia, pela 21h 20m se dignam dar uma notícia telegráfica sobre as mesmas.

Retiro do Programa Eleitoral da Junta que governa o clube:

Também fundamental, uma profunda remodelação do website [b]com interactividade acrescida [/b] e um eventual canal de TV por cabo

No mínimo, mereciam que lhes esfregassem isto na cara.

Realmente o 2º dia correu mal ao sector masculino. O 5º lugar acaba por ser decpcionante após o 1º dia.

Concordo plenamente com o Santarém. A atenção dada pelo site do Sporting a esta competição (que, goste-se ou não de atletismo, é importante) foi DEPRIMENTE!

  1. Não houve qualquer divulgação antes da competição;
  2. Não houve o mínimo acompanhamento da mesma (apesar do SCP ter terminado o primeiro dia em 1º, tanto em Masculinos como em Femininos);
  3. A notícia que publicaram sobre o evento (ver aqui) é das coisas mais simples que já vi… Até este tópico está mais rico de conteúdos.

Enfim, no mínimo deprimente…

ps: Surpreendente e péssima a performance dos masculinos hoje. Assim que conseguir aceder aos resultados detalhados, posto aqui.

Vila Real de Santo António, Faro, 25 Mai (Lusa) - A equipa masculina do Sporting caiu hoje para a quinta posição na Taça dos Clubes Campeões Europeus de atletismo, após ter estado sempre no pódio nas últimas seis presenças na prova.

Os “leões” terminaram sábado a jornada inaugural no primeiro posto, mas viveram hoje um dia bastante mais fraco, já que os seus atletas ficaram na segunda metade da tabela em oito das 11 provas, numa edição ganha pelo Luch Moscovo, campeão pela 10ª vez nos últimos 12 anos.

A ausência de Rui Silva, lesionado, acabou por ser determinante para o desempenho negativo da equipa lisboeta.

O único vencedor da equipa campeã nacional na segunda jornada foi Francis Obikwelu, nos 200 metros, com 21,19 segundos, contra um vento de 3,8 m/s.

Obikwelu partiu muito rápido e controlou na parte final da prova, terminando com uma vantagem de dois centésimos sobre Ainsley Waugh, da equipa turca.

Outros lugares de relevo do Sporting foram conseguidos pelo russo Vladislav Skurlatov, segundo no lançamento do dardo, e por Mário Teixeira, terceiro nos 3.000 metros obstáculos.

No sector feminino, a formação da Finpromko estreou-se com uma vitória clara, somando o 12º título consecutivo para as equipas russas.

A grande figura da competição foi o eslovaco Libor Charfreitag, que lançou o martelo a 80,45 metros, novo recorde da competição.

Resultados dia 2 (Grupo A masculinos):

  • 200 metros (vento:-3,8)
    1. Francis Obikwelu, Por, 21,19 segundos
  1. Ainsley Waugh, Tur, 21,21
  • 800 metros
  1. Jeff Lastennet, Fra, 1.49,58 minutos
    8. Tiago Rodrigues, Por, 1.52,48
  • 3.000 metros
  1. Bernard Kiptum, Svq, 7.57,26 minutos
    5. António Travassos, Por, 8.08,19
  • 3.000 obstáculos
  1. Colins Kosgei, Svq, 8.30,09 minutos
    3. Mário Teixeira, Por 8.41,47
  • 110 metros barreiros (vento:-1,8)
  1. Bano Traore, Fra, 13,82 segundos
    6. João Almeida, Por, 14,58
  • Salto com vara
  1. Jan Kydlicka, Che, 5,30 metros
    5. Edi Maia, Por, 4,90
  • Triplo Salto
  1. Dmitrij Valukevic, Svq, 16,90 metros
    6. Américo Castelbranco, Por, 15,04
  • Lançamento do disco
  1. Frank Casanas, Esp, 63,10 metros
    8. Marco Fortes, Por, 48,93
  • Lançamento do martelo
  1. Libor Charfreitag, Svq, 80,45 metros
    7. Vítor Costa, Por, 67,77
  • Lançamento do dardo
  1. Iliya Korotkov, Rus, 76,80 metros
    2. Vladislav Shkurlatov, Por, 72,29
  • Estafetas 4x400 metros
  1. Luch, Rus, 3.06,71 minutos
    5. Sporting (Arnaldo Abrantes, Edivaldo Monteiro, João Ferreira, António Rodrigues), 3.10,06

Classificação final:

  1. Luch, Rus, 115 pontos
  2. Dukla, Che, 106
  3. Spartak, Svq, 102
  4. Fiamme Gialle, Ita, 99
  5. Sporting, Por, 95
  6. Chapin, Esp, 74
  7. Montreuil, Fra, 70
  8. Enka, Tur, 55

Resultados normais, atendendo aos que foram chamados a competir.

A falta do Rui Silva foi decisiva para perder o pódio.

Parabéns as nossas atletas pela inequivoca vitória! :clap: :great:

E que para o ano possam lutar pela vitória no grupo A. :

Já em masculinos depois do grande dia de ontem, esperava um pouco mais, mas dado ás ausências de vulto e aliado á forte concorrência com muitos mais meios e apoios que os nossos, pode-se considerar este resultado normal.Mas, Parabéns a eles também, sempre foram 5ºs na “Champions League” do atletismo.

Já agora, alguém sabe como ficou a Joma no Grupo A feminino?

O JOMA não participou. Não tenho a certeza do que vou dizer, mas julgo que entre o Grupo A e o Grupo B só há um representante de cada país e este ano foi o Sporting. Pelo que me constou, nos últimos dois anos o participante em femininos foi o JOMA apenas e só porque o Sporting abdicou dessa participação (as razões imagino que tenham sido financeiras). Como o JOMA desceu no ano passado, nós este ano competimos no Grupo B, sendo que no próximo ano, seja o JOMA seja o Sporting, o representante português em femininos competirá no Grupo A.

Já agora, deixo aqui uma foto das nossas meninas: :victory:

ps: Tens as classificações finais dos quatro grupos (M e F) no seguinte link: http://www.european-athletics.org/index.php?option=com_content&task=view&id=6322&Itemid=2

Parabens a todos os atletas do Sporting que participaram na Taça dos Clubes Campeões Europeos de Pista, e que mais uma vez dignificaram o nome do nosso clube.

:clap: