SUGESTÕES, Análise e Prospecção de Jogadores - II

Vinha aqui sugerir o Niklas Dorsch mas já muitos se anteciparam, alguém tem um conhecimento mais profundo do jogador e sabe se ontem foi um jogo habitual ou foi excepção ?

O lateral direito, Ridle Baku, tb me impressionou imenso mas esse já vi que custa uma nota valente.

Na onda dos rumores Trincão, Edwards e Rony Lopes, lembrei-me do Cengiz Ünder. Começou bem na Roma mas depois perdeu espaço. No ano passado foi emprestado ao Leicester com compra obrigatória mediante objetivos mas não os cumpriu e regressou à Roma onde se diz que não vai ficar.

Ainda é jovem e na liga tuga podia render bem mais.

Hoje no banco do Uruguai Ignacio Ramirez, confesso que não conheço muito dele mas tem tantos mas tantos golos na liga Urguaia é certo, mas 52 golos na liga nos ultimos 2 anos é estrondoso, 24 anos feitos este ano, ainda não se estreou, espero que estejam atentos.

Este Ferraresi joga sempre bem? Parece-me um excelente central para o lado direito. Já conhece o nosso futebol e pertence ao Manchester City…

Não estou a ver o jogo, mas ele está sequer a jogar?? Pelo menos não aparece nem no 11 nem no banco…

Numero 2

Não estou a ver mas no flashscore o n 2 titular aparece como Wilker Angel do Akhmat ahah mas não tenho grandes referências sobre o Ferraresi, mas 22 anos vindo do City tendo feito uma boa época é de estar atento.

Até porque o Mendes indo para p City para além do Yangel era bom vir mais alguém para fechar outra posição, Yan Couto, Kaboure, que são LD, ou Palaversa, o Nmecha que não adoro, mas pelo menos 60 mais Yangel ou 55 mais Yangel e Porro.

É erro da aplicação, é o Ferraresi e está a fazer um ótimo jogo. Sendo jovem do City e conhecendo o nosso futebol, a ver deste jogo tinha qualidade para ser opção como central direito no nosso sistema.

Sim acontece, confesso que não o vi jogar quase, os poucos jogos que vi do Moreirense foi pelo Filipe Soares e Yan, mas o Ferraresi foi sendo falado aqui, talvez alguém possa acrescentar informação.

1 Like

Carlos Junior no 11 do ano da liga, facilmente o melhor jogador extra grandes, grande jogador, provavelmente ja perdemos a oportunidade de ir buscar a baixo custo, mas seria sem duvida o primeiro jogador que ía buscar.

Backup do Palhinha, o nº 6 para “às vezes”:

  • Fernando Reges - Mais do que conhecido. Mais do que experiente. Fez 31 jogos, 4 assistências e 3 golos no Sevilha este ano. Está com 33 anos. Não acho que com esta idade vá ser caro tirá-lo do Sevilha, e a nível salarial deve poder usufruir do regime de IRS para os “regressados” (tem nacionalidade portuguesa). Acho que já conhecemos a qualidade para saber que em vários jogos pode ser uma espécie de palhinha na influencia do processo defensivo.

  • Guido Pizarro - Já foi hype train por aqui. Agora, muito mais barato, e penso q encaixava muito bem nos dois médios.

  • Elneny - (emprestado) Também me escuso a descrições. Mais conhecido que a Sé de Lamego. Não o vejo a ficar no Arsenal, apesar dos 20 e poucos jogos em que esteve este ano. É preciso perceber se vai renovar ou não, como entra no último ano do contrato, para conseguir ou não empréstimo. A compra seria sempre acima de 8/10M - o que é caro.

  • Dorsch - menção honrosa pelo que vi no Europeu, por poder ser uma alternativa jovem para substituir o Palhinha no futuro. Está no Ghent. Iria certamente ser mais caro - até pq nao fomos os únicos a ver -, mas pareceu-me ter endurance, capacidade de cobertura e desarme, conseguir ocupar grandes espaços e bom entendimento táctico, nomeadamente o que fazer sem bola.

  • Krychowiak - Sempre gostei deste polaco. Não sei a nível de negócio o que seria possível com os russos - penso que talvez incluindo jogadores desse para o ter. O salário, sim, problema bicudo. Mas está de volta à boa forma, 9 golos este ano, muito jogo nas pernas, totalmente recuperado, com o power todo de volta.

2 Likes

Vai emprestado com opção de compra para o Moreirense. Caiu brutalmente de rendimento este ano. Bom movimento de mercado ainda assim, a seguir.

Laxalt a caminho do Dínamo de Moscovo por 3,5M. Teria sido uma boa oportunidade de negócio

2 Likes

Boa oportunidade? Um investimento superior ao que se diz que será feito no João Mário?

?!
Qual é essa matemática?

Por quantos anos assina? Porque que salário anual, tendo em conta que dizem que ganhava 3,5 milhões/época e vai ganhar mais na Rússia? Nem vou meter prémio de assinatuta na equação. Agora divide custo do passe e salário em ambos os casos por anos de contrato. Ou soma tudo e vê o custo final, é igual.

Engraçado que eu tinha visto este jogador no transfermakt e achei interessante os golos e o clube onde está com o Coates e o Ugarte era de tentar um empréstimo com opção de compra.

Ele falou do passe.
Eu sei bem os cálculos, e para isto ficar clean até temos de colocar várias outras componentes.

Mas tudo bem, usando essas:
Consideras que o custo vai ser superior ao do JM ? O JM não vai assinar por um ano e 400k. O Laxalt provavelmente ganhará mais na Rússia, não porque lhe paguem substancialmente mais, mas porque a fiscalidade é bem mais favorável (de cabeça, se não estou erro a taxa de irs é flat e ou é 13 ou 15%, não me lembro bem, o que é menos de metade de Itália). Se pagarmos os 8M ao Inter com 2,5 brutos ao JM…
Não sei quanto ganha o Laxalt. Os dados que vi mais relevantes referiam que ele ganhava 1.8. Suponho entãoo que seja liquido, já que falas em 3,5 e porque a Atalanta queria pagar-lhe 800k há dois anos para sair do Milan.

Eu vi brutos. E estava nos 3,4 milhões e tal. Claro que posso estar enganado.

Lá está nos 15%, julgo eu. Segundo alguma imprensa, uma fonte terá revelado que o jogador passará a ganhar qualquer coisa como 2,5 milhões/época. Não sei se net, mas mesmo brutos, com 15%, dá acima dos 2 milhões (2,15). Para o jogador para ganhar cá o mesmo, tens de pagar mais do dobro.

Eu sei que ele estava a falar do passe. Mas isso do passe… um bom negócio não é visto pelo passe. Ah, duvido muito desses 8 e desses 2,5 brutos. Pode ser pouco menos, mas mesmo assim acho que menos.

Dei os valores por notícias por aí, do JM. A verdade é que os jogadores, empresários e clubes sabem que não podem pedir o mesmo salário em todos os mercados.
A opção, tivesse havido alguma tentativa de contacto, passaria pelo jogador. Se prefere ir ganhar mais num clube de segunda linha russo ou jogar champions e manter-se na roda do futebol europeu e trocar parte do salário por prémios.
Escolha normal, aliás, que muitos jogadores têm de fazer.