Robotizacao e Automatizacao Vs Humanos

Boas pessoal,

Espero que o tema seja do vosso interesse e que possam exprimir as vossas opinioes (perdao pela falta de acentuacao).

Muitos de nos trabalhamos em diversos ramos, desde industria a servicos, e uns por conta propria e outros para terceiros. Porem, muitos de voces ja’ devem ter reparado que alguns dos processos que antes eram efectuados manualmente, agora nao necessitam de intervencao humana.
O mundo e’ feito de mudanca e os avancos tecnologicos assim o permitem.

Mas sem necessitar de ver filmes futuristicos, todos sabemos que reducao de custos ‘e o objectivo de todas as empresas, e esta crise so’ veio agravar essa necessidade, e a proxima nao deixara’ outra escapatoria.
Descentralizar a producao para os paises asiaticos ja nao e’ tao barato assim, criar Shared Services na India e Europa de leste tambem ja nao 'e solucao, e isto aliado ao facto que nao parece haver interesse num verdadeiro investimento em Africa devido ao peso na sustentabilidade do planeta. Tudo leva 'a necessidade de substituir capital humano por tecnologico.

1a Revolucao Industrial - Motor a vapor
2a Revolucao Industrial - Electricidade
3a Revolucao Industrial - Computadores e Internet
4a Revolucao Industrial - Robots

Quais os vossos pontos de vista? O que esperam do futuro em termos laborais?
Sentem-se preparados para essa mudanca e sentem que os vossos estao a ser preparados para tal?

Ahahah, ler este texto depois de teres dito que estudaste na nova faz bastante sentido. Quase todos os alunos de lá acreditam na teoria do desemprego galopante por causa da revolução tecnologica.

Se formos ver os factos, nada disso existe. Não há qualquer correlação entre desemprego e robotização quanto mais causualidade.

Um shift drastico nas profissões requeridas na economia é natural desde a 1º revolução industrial. E houve sempre uma boa adaptabilidade no medio/longo prazo.

Mesmo quem é um proponente da singularidade (computadores inteligentes criam comps ainda mais inteligentes and so on até que engolem tudo) não pode ver razões para preocupações neste momento. Os computadores têm enorme capacidade de processamento mas a inteligencia continua a ser inferior à de uma mosca.

Pelo menos nos proximos 50 anos não vai haver desemprego galopante. A partir dai não faço ideia, tudo depende de como estiver a IA etc. …

Eu sou do ISCTE e acredito no trabalho precário galopante :mrgreen:

Ahahah tinha ideia que ai era mais opressão capitalista e do patriarcado

Fico feliz por ver alguns comentarios.

As anteriores revolucoes industriais levaram ao aumento e desenvolvimento do tecido productivo (motor a vapor e electricidade).
Ja os computadores levaram a maior qualidade e novos produtos, quanto a internet trouxe novos mercados.

Ha que entender que robotizacao e automatizacao nao ‘e apenas a ideia de um robot fisico a fazer actividades humanas, mas tambem simples maquinas com que o consumidor interage (caixas nos supermercados), Macros e Scripts.
Eu trabalho numa empresa que fornece servicos de contabilidade para multinacionais, e com o aumento dos custos salariais e competitividade no mercado para conseguir estes contratos, nao nos resta outra hipotese que nao seja automatizar processos de forma a tornar os projectos mais viaveis.
Por exemplo, num projecto de ‘contas a receber’ onde trabalham 90 pessoas com processos de facturacao, aplicacao de pagamentos e cobrancas. Apos a total automatizacao do processo de facturacao e aplicacao de pagamentos, o objectivo e’ chegar a final de 2019 com 40 pessoas.
E o mesmo vai acontecer noutros projectos, logo a possibilidade de recolocacao fica apenas para uma pequena parte.

Outro exemplo 'e o porto de mercadorias de Hamburgo.
Desde colocar o contentor no carro, conduzir o carro ate 'a doca e colocar o contentor no barco.
Em todo este processo nao existe um ser-humano, a nao ser que alguma das maquinas falhe.

Trara’ as suas consequencias, e tenho ideia de que se sobreutilizado trara’ desequilibros para o mercado laboral.

1º bold Não me digas :lol:

2º bold E não foram criados empregos para criarem o software que automatiza esses processos? Foi deus que vos enviou o programa no correio?

3º bold Porra eu sabia que deus tinha o dom da ubiquidade mas assim é demais. Que trabalhador. Deus também faz transporte de contentores?

EDIT: estamos tramados, há maquinas simples com que o consumidor pode interagir

Lol temos uma equipa de 25 programadores e experts nos processos para efectuar as automatizacoes, e vamos suprimir cerca de 1000 posicoes worldwide ate ao final do ano.
Nao me parece bem o equivalente :wink:
E desses 1000, muitos terao que talvez apostar numa nova formacao e adquirir novas skills, pois as outras corporacoes irao fazer o mesmo.

No entanto, o que mais me preocupa nao sao estes que tem diploma e tiveram oportunidade de trabalhar numa multinacional e vao ficar a ver navios. Mas aqueles que nao tiveram as mesmas oportunidades nem terao agora.

Talvez daqui a 3 anos te lembres deste topico quando for tema de debate por todo o lado.

Isso é o que tu vês. A tua falha de raciocinio é pensares que podes extrapolar o que vês para o todo. Vês 20 gajos a entrar e 200 a sair e pensas logo eiii que desemprego gaaaalooopante.
Quantas maquinas e processos mais eficazes não substituiram já pessoas? Por amor de deus, depois de tanta falha desse raciocinio já deviam ter percebido que as economias estão em constante desenvolvimento e novos empregos a aparecer. Agr apareceram condutores de uber eats, quando me vierem trazer comida com um drone vais ver que existem mais empregos em outro lado. Agora existem medicos, daqui a 50 anos provavelmente 90% dos medicos já não vao existir, mas há de aparecer qualquer coisa para os sujeitos trabalharem. Nem que seja serviços de homeopatia a bloquistas.

Relax.

Daqui a 3 anos? Já se fala em todo o lado. E daqui a 15 anos vai-se continuar a falar e a continuar a haver empregos… como sempre…

Na TV portuguesa 'e so futebol, ja na inglesa ou alema existem documentarios e debates acerca do topico. Mas ‘e um sina de Portugal andar sempre na ultima carruagem.
Nao tenho duvidas que outros empregos se formarao, mas exigira’ para que muitos voltem a obter outros estudos, ou mesmo os Estados e ate seguranca social tenham que apoiar esses mesmos por nao se criarem agora os alicerces para essa mudanca.
Infelizmente nem o ensino secundario nem o ensino superior portugues na sua generalidade prepara os seus alunos para o mercado de trabalho. Onde vivo, apesar de o sistema de educacao ser tambem bastante fraco, temos de 3 em 3 meses, universidades a visitar-nos, e mesmo nos vamos as universidades falar do mercado de trabalho e tendencias.

The economy is organic mate

https://youtu.be/GTQnarzmTOc?t=305

Mas claro que há sempre uma urgencia para sacar dinheiro às pessoas

Experimenta visitar a fábrica da Renova aqui em Portugal. Tem maquinas para passar caixas da esquerda para a direita, tens empilhadores automáticos, a fábrica é enorme, alguns empregados chegam a deslocar-se de bicicleta, e não vês assim tanta gente. E isto já eu vi a coisa de 6 ou 7 anos. Podia continuar com exemplos vários.

Não é tão descabido o que o [member=18270]atumcommel refere, devias e deves abrir o horizonte para o futuro, creio ser na coreia que existe uma televisão com 1 pivô que é um robot e está tão realista que se procurares na net e vires as imagens nem percebes que o é.

Outra coisa é aumentar o desemprego. Creio sim que as profissões serão vocacionadas para a informática (como vemos cada vez mais) ou outras novas tecnologias.

Confesso que não percebi.
Começas por dizer que há maquinas a tirar emprego às pessoas e acabar por dizer que outra coisa é aumento de desemprego? Qual é o teu ponto afinal? É que eu concordo com isso

Que a automatização vai mesmo acontecer. :lol: Realmente que atrofio li outra coisa e respondi como sendo tu. My Bad. :lol: