Regresso ao passado - Maio 2005

Agora que muita gente contesta o Peseiro (e eu sou um deles), não posso deixar de fazer este pequeno exercicio:

Senão vejamos, imaginemos que estamos em Maio de 2005 e que após 3 frustantes derrotas, que todos sabemos quais foram, o nosso amigo Peseiro chega a acordo com a SAD - e aqui estou ser simpático - e deixa o comando técnico do Sporting.

Contrata-se um novo treinador (provalmente um treinador na linha dos ultimos treinadores do Sporting, ou seja mau), que começa a trabalhar e a construir a equipa á sua maneira, provavelmente fazendo uma pequena revolução no onze principal.

Mas, na pré-eliminatória da LC acontece um pequeno precalço e somos eliminados (conforme fomos mesmo) pela Udinese. Aí começamos a pensar, ainda que de uma forma suave que, talvez se lá estivesse o Peseiro tivessemos conseguido passar…talvez.

Começa o campeonato, a equipa não produz bom futebol e acaba por perder alguns jogos, inclusivé contra o Benfica, estando mal colocada na tabela.

Será que nessa altura alguém conseguiria dizer com a certeza absoluta que não pensaria nem um pouco que com o Peseiro no comando talvez estivessemos bem melhor?
Se calhar alguns até gritavam pelo nome dele.

Assim pelo menos, mal ou bem, tiramos as dúvidas e não ficamos a pensar como é que seria se o treinador tem continuado.

não consegui perceber qual o raciocínio.

Isso não é válido para todo e qualquer treinador dos últimos anos? Também podes perguntar-te se o mesmo imbecil do Fernando Santos, como seu timex de metal, a sua barriguinha e o seu apitinho a andar à roda do dedo não teria sido campeão no ano seguinte já que no único ano em que treinou acabou por ganhar tanto como o Peseiro, atingir tantos objectivos como o Peseiro e fez bastantes mais pontos que ele…

…e para que as semelhanças não fiquem por aqui olha que até aqui pelo fórum os seus adeptos eram mais ou menos os mesmos do Peseiro :).

A vida e feita de ses…
Se o BOBBY ROBSON nao tem sido despedido…
Se o MIRKO JOZIC tem continuado…´
Se o FERNANDO SANTOS ainda ca tivesse…

Se a equipa tivesse qualidade…
Se a equipa jogasse bem…
Se a equipa estivesse na liga dos campeoes…
Se o melhor jogador do sporting nao tivesse sido vendido…
Se o melhor defesa do sporting nao tivesse sido vendido…
Se o peseiro mostrasse ter categoria para ser treinador de um clube da grandeza do sporting…
Se o treinador tivesse pedido os jogadores de que realmente precisava…

Se tivessemos sido campeoes…
Se tivessemos ganho a UEFA…
se…
se se…
se se se…
se se se se se…

Abraços

Se o melhor jogador do sporting nao tivesse sido vendido....

não foi vendido foi saneado! e isso fazia parte do novo programa de disciplina do clube!

E se cá nevasse fazia-se cá ski… :slight_smile:

Situações desse tipo podem acontecer virtualmente em todos os clubes do mundo, sempre que mudam de treinador. Põe-se com particular intensidade no Sporting porque os treinadores que habitualmente contratamos são, como notas e bem, maus, e isso pode levar a pensar que “o antigo era mau mas se calhar não era tão mau como o novo”.

Se o melhor jogador do sporting nao tivesse sido vendido....

não foi vendido foi saneado! e isso fazia parte do novo programa de disciplina do clube!


:shock:

Presumindo que o “melhor jogador do Sporting” era o Rochemback, não vejo como a sua venda (e nem sequer foi o Sporting que vendeu) possa ser lida como um saneamento disciplinar. Quando muito terá sido uma manobra (acertada) de saneamento financeiro, porque no final do ano não receberíamos nada por ele.

Não sei qual é a idéia dos outros foristas, mas eu critico o Peseiro, porque estou no estádio numa posição preveligiada para apreciar a táctica das duas equipas (a linha divisória é mesmo à minha frente), e é impressionante ver como o Sporting é uma equipa completamente desiquilibrada em termos de preenchimento dos espaços. Raramente utiliza toda a largura do campo, facilitando, de que maneira, a tarefa defensiva das equipas adversárias, e desgastando fisicamente os nossos jogadores que têm de compensar essa balburdia táctica, com grandes correrias. Não é a bola que circula mas sim os próprios jogadores, embora felizmente, valha a verdade, existem excepções que dão origem a um futebol rápido e incisivo, mas sendo sempre excepções e não a regra. No ano passado quer se queira quer não jogadores como Rui Jorge, Rochemback e especialmente Pedro Barbosa estavam talhados para eeste tipo de jogo, agora com jogadores diferentes deveriamos (penso eu) jogar de forma diferente, mas enfim.

Tenho 41 anos, e nunca na minha vida assobiei a equipa ou o treinador do Sporting, mas já tenho idade suficiente para deixar que a euforia da vitória ou a desilusão da derrota faça que após as emoções do jogo não faça uma análise fria das situações. E a minha conclusão é que algo de muito errado se passa à volta da equipa, não consigo é descernir com toda a certeza no trio jogadores, equipe técnica (o nosso preparador fisico é uma desgraça … há pois, não temos, se calhar não é necessário), ou a nossa sapiente direcção.

Na minha opinião, algo tem que mudar para que as vitórias continuem, seja com Peseiro ou sem Peseiro, com todos os jogadores ou só com alguns, com esta ou com outra direcção.

Adiar não é resolver.

Saudações Leoninas

Cenoura, como escrevi noutro post estavam apenas 5 titulares da equipa da epoca passada. Aí é que está a diferença, este é outro Sporting.

Se o melhor jogador do sporting nao tivesse sido vendido....

não foi vendido foi saneado! e isso fazia parte do novo programa de disciplina do clube!

Não me parece que tenha sido essa a razão da venda, penso que tem a ver mais com aspectos económicos e sobretudo porque o Barça quis livrar-se do ordenado do rapaz! :arrow:

Não me parece que tenha sido essa a razão da venda, penso que tem a ver mais com aspectos económicos e sobretudo porque o Barça quis livrar-se do ordenado do rapaz! :arrow:
Exacto. Ignorar o Barça neste assunto é completamente disparatado.

A facilidade em como se transforma um excelente negocio do Sporting em algo negativo é fantastico. E triste…

O argumento de que Rockemback agora faz falta tb nâo pega. Seguindo a mesma linha de pensamento dos ‘inconforcados’, com Rockemback em 2 anos nâo ganhamos nadinha, se sem ele continuarmos nesta linha, nem se vai notar a diferença, portanto. Mas o dinheiro da venda está lá!
Quem me dera a mim receber pilim quando uma coisa que nâo é minha é vendida!

Pra quem nâo viu, Rochemback voltou este fim de semana ao nivel exibicional a que nos habituou no Sporting nos ultimos tempos… :wink:

Se o Sporting tem ganho na madeira, e se a equipa não se intranquilizasse no domingo ninguém falava no Rochemback. Sinceramente deixa-me muito mais saudades o Sr. Pedro Barbosa.

1º e antes de alguem dizer disparatado ao que quer que seja…nao se esqueçam que o barça so o vendia com a aceitaçao do sporting.
1º porque ele estava emprestado ate ao fim da epoca…e o prazo para ele sair ja tinha terminado logo o psorting e que tinha o queijo e a faca na mao.
2º tinha o direito de opçao de compra.
3º foi um negocio exclusivvamente feito a pensar em termos economicos…como tudo que e feito hoje na SAD…esqueçendo o factor desportivo…eu concordei com a saida economicamente desportivemate nao e pelo timing tambem nao.

4º a sad estasse a cagar pros titulos quer e dinheiro…se nao ,nao estavam a negociar o duoala um dia antes e no mesmo dia de um jogo para o acesso a liga dos campeoes.
5º e certo que com rocka nada ganhamos…mas tambem e certa que desde que rocka saiu o moutinho desapareceu sera coincidencia ?
6º sem rocka perdemos qualidade,perdemos força,perdemos magia,perdemos meia distancia,e perdemos moutinho…que estava habituado se quiserem dizer a ter a muleta e hoje tem o que ? um joaoa alves ? um luis loureiro ? poupem-me !
7º Tambem me deixa saudades…o pedro barbosa…mesmo jogando meia hora…era um toque de experiencia de classe e de categoria que hoje nao se ve na nossa equipa…mas se alguns jogadores nao estao a culpa e do treinador e da sad…ou entao e nossa…somos os cuilpados !

Abraços

Parece-me abusivo afirmar que a quebra no rendimento do Moutinho se deve à saída de Rochemback, porque na verdade nos primeiros jogos da temporada com o brasileiro em campo essa quebra já era visível, embora na altura fosse atribuída ao facto de jogar descaído à direita, o que deixou de acontecer com a ausência de Roca.

O miúdo está a atravessar um momento de forma menos bom, tudo o resto é meramente especulativo, espero que quando ele surgir em grande não atribuam isso às forças do acaso

Numa coisa estamos de acordo, eu também preferia ter uma SAD que puxasse pela imaginação de forma a ficar com o Rochemback

Eu cá não sei se foi um bom negócio ou não. Custa-me perceber como é que se perde um jogador de Seleção brasileira (sim,sim é mesmo de seleção!!) e ainda se diz que foi um grande negócio…mas enfim, deixo isso para os imensos gestores financeiros que pelos vistos existem por aí.

Ele no outro dia, disse que tinha saudades do Sporting, que se sentia cá como se tivesse em casa. Dele guardo aquele estilo, “desapareçam daqui que o meio-campo é todo meu!”, guardo o orgulho de ter vestido aquela camisola, guardo a garra e a vontade de empurrar a equipa prá frente. Tinha peso a mais? Sim, no 2º ano tinha, mas tenho a sensação que este ano ia rebentar!

Dele nunca mais me vou esquecer daquela primaira parte na final da UEFA, que enquanto teve força, sozinho dominou e coordenou aquele meio-campo todo. Um abraço Roca, ainda hoje me faz aflição ver o Sporting subir ao relvado e não ver a camisola 26… :frowning:

Eu cá não sei se foi um bom negócio ou não. Custa-me perceber como é que se perde um jogador de Seleção brasileira (sim,sim é mesmo de seleção!!) e ainda se diz que foi um grande negócio...mas enfim, deixo isso para os imensos gestores financeiros que pelos vistos existem por aí.

Quando foi a última internacionalização do Roca???

Numa coisa estamos de acordo, eu também preferia ter uma SAD que puxasse pela imaginação de forma a ficar com o Rochemback

Este assunto ja na semana passada veio à baila. Com o Rui, se nâo me engano, que dizia que o Sporting devia arranjar outras maneiras de fazer dinheiro e, assim, vender menos depressa as joias da coroa.
Perguntei-lhe que receitas podiam ser essas mas nâo respondeu(possivelmente porque nâo leu a minha pergunta).

E a ti, to-mane, pergunto o mesmo. Onde achas que o Sporting pode ir buscar dinheiro?

Eu cá não sei se foi um bom negócio ou não. Custa-me perceber como é que se perde um jogador de Seleção brasileira (sim,sim é mesmo de seleção!!) e ainda se diz que foi um grande negócio...mas enfim, deixo isso para os imensos gestores financeiros que pelos vistos existem por aí.

Quando foi a última internacionalização do Roca???

Não foi durante o ano passado? Na Copa América? :?:

Também podes perguntar-te se o mesmo imbecil do Fernando Santos, como seu timex de metal, a sua barriguinha e o seu apitinho a andar à roda do dedo não teria sido campeão no ano seguinte já que no único ano em que treinou acabou por ganhar tanto como o Peseiro, atingir tantos objectivos como o Peseiro e fez bastantes mais pontos que ele...

Sem querer defender o Peseiro que não o defendo, mas o Fernando Santos não chegou a uma final da Taça Uefa, nem ficou a 1 jogo de ganhar o campeonato.

Eu cá não sei se foi um bom negócio ou não. Custa-me perceber como é que se perde um jogador de Seleção brasileira (sim,sim é mesmo de seleção!!) e ainda se diz que foi um grande negócio...mas enfim, deixo isso para os imensos gestores financeiros que pelos vistos existem por aí.

Quando foi a última internacionalização do Roca???

Não foi durante o ano passado? Na Copa América? :?:

Eu sei lá! :smiley:

Internacionais brasileiros há centenas! :wink: