Política Nacional - Parte 2

Deve ser a única capital de distrito com direita forte em Portugal. Nas grandes cidades a esquerda vai ganhar em todas!

Henrique Neto a apertar com o cabeça de ET

image

Faleceu Jorge Sampaio… paz à sua alma.

4 Curtiram

Rip presidente. Que me lembre um dos poucos políticos que uma pessoa podia respeitar em Portugal

2 Curtiram

Que descanse em paz. Um Sportinguista e um dos poucos políticos por quem nutria simpatia e respeito.

2 Curtiram

“O genio da lampada” é muito bom :laughing:

2 Curtiram

@Hayek até o PS já segue os conservadores americanos. Trump bem presente na Seroa

As gajas da direita americana por norma são as mais bonitas de facto. Está segue a tradição então.

O que eu imagino ao ler o topico da morte do sampaio:

Ferro Rodrigues coloca o país em causa.

Dois exemplos do fartar vilanagem reinante em Portugal:

2 Curtiram

Quando for grande quero ser um dos muitos administradores sem qualificacoes necessarias de uma empresa publica qualquer.

1 Curtiu

Aí é que te enganas, há qualificações necessárias pois claro, simplesmente tens que conhecer a pessoa certa :joy: é a chamada meritocracia social

1 Curtiu

Por acaso as memorias que tenho do Sampaio sao a rabula politica criada para tramar o Santana Lopes, comentarios como o ‘ha vida para alem do defice’ (que correu tao bem como sabemos) entre outras tiradas.

Em Portugal temos muito esta coisa de todos os politicos que morrem passam a ser grandes herois. Ao contrario do Guterres que soube dizer num periodo dificil da nossa politica ‘desculpem por ter sido uma merda de PM que contribuiu para irmos parar a mais uma bancarrota’, este fez parte de um extenso rol de politicos que se manteve calado que nem um rato… o que olhando para as figurinhas que alguns como o Mario Soares fizeram ate pode ser considerado menos negativo.

Os xuxas ate metem impressao com a propaganda agressiva do PRR… PRR para aqui e para acola, votem PS se nao o PRR nao chega… como disse la atras, num Pais com gentes bem formadas e com espirito critico em autarquias em que a propaganda fosse neste sentido o PS tinha meia duzia de votos.

2 Curtiram

O contributo luso para a ordem económica internacional é um mecanismo que permite o pessoal com fortunas de proveniência estranha a nós comprar propriedade em Portugal e ganhar um passaporte. E somos elogiados por isso, numa revista internacional. Orgulhosos? Agora que o Capitalismo enfrenta a sua enésima crise mundial, podem-se preparar para o novo chorrilho de artigos sobre “sardine capitalism”, “bjork capitalism”, “pasta capitalism” ou outra coisa qualquer [inserir algo típico de um país] + capitalism escrito por escribas ao serviço de um organismo de mass media qualquer elogiando o novo caminho a seguir, que se dá como “exemplo”.

2 Curtiram

xDD