Podolsky- Melhor jogador jovem

Grupo de Estudos Técnicos da FIFA tomou a decisão e deu ao jogador Lukas Podolski, da Alemanha, o cobiçado prêmio Melhor Jogador Jovem Gillette. Escolhido de uma lista de seis nomes talentosos, o atacante do FC Colônia se torna o primeiro vencedor do prêmio Melhor Jogador Jovem Gillette da história da Copa do Mundo da FIFA.

A Alemanha disputou uma Copa do Mundo da FIFA emocionante, em casa, garantindo uma vaga nas semifinais que poucos tiveram coragem de prever antes do início da competição. Uma alegria de se ver enquanto partiam para o ataque, os donos da casa devem grande parte de seu êxito à temível dupla de atacantes, Miroslav Klose e Lukas Podolski. O mais novo dos dois, Podolski, com 21 anos, foi um dos 40 candidatos ao título de Melhor Jogador Jovem Gillette.

Peça fundamental do time titular de Jurgen Klinsmann, ‘Príncipe Poldi’ já ostenta 15 gols em 31 jogos por seu país, um número fantástico para alguém tão jovem. Podolski demonstrou muitas vezes, no decorrer desta Copa do Mundo da FIFA, que prospera sob pressão. “Além de marcar três gols, ele foi o elemento principal no ataque alemão”, explicou Holger Osieck, diretor do Grupo de Estudos Técnicos da FIFA. “Ele e Miroslav Klose se entenderam muito bem, e os dois jogadores formaram uma parceira eficaz. Juntos, marcaram oito dos onze gols da seleção alemã”.
Três gols e energia inesgotável
O jogador, nascido na Polônia, teve talvez sua melhor atuação contra a Suécia, nas oitavas-de-final , marcando dois gols para fechar com chave de ouro um desempenho ofensivo incansável. Ao enfrentar a Argentina nas quartas-de-final, o jovem, mais uma vez, deu o sangue em campo. O atacante do Bayern de Munique demonstrou verdadeiro caráter em um confronto disputadíssimo, principalmente quando converteu, com tranqüilidade, sua cobrança na decisão por pênaltis. Depois de marcar contra o Equador na fase de grupos, Podolski atualmente assina três gols e está ansioso para aumentar esse número na partida pelo terceiro lugar, contra Portugal.

Sua juventude talvez tenha lhe roubado algumas chances ao longo do caminho, mas não há dúvida de que ‘Poldi’ possui maturidade notável para seus 21 anos. Contudo, seus maiores atributos são a energia inesgotável e a fome de sucesso.

“Outro aspecto que consideramos foi quanto tempo de jogo ele teve”, acrescentou Osieck. “Ele começou todas as partidas e foi substituído apenas depois de marcar dois gols, contra a Suécia, e bem no final da partida contra a Polônia”. Na verdade, suas estatísticas revelam sua considerável contribuição em prol da Alemanha: em 563 minutos, o atacante marcou três gols, deu 21 chutes a gol e sofreu 15 faltas.
“Nossas escolhas se baseiam em fatos concretos e no desempenho do jogador em determinado torneio, neste caso, a Copa do Mundo”, concluiu Osiek. “Podolski ainda tem muito que aprender, mas é claramente um jogador de grande futuro

em fifaworldcup.com

Estou a ver que não levamos nada mesmo…

Foi um rebuçado da FIFA à equipa da casa.

Metem nojo…

Exactamente. Penso a mesma coisa e amanhã confesso que tenho receio não do valor da Alemanha, que reconheço mas que entendo que temos equipa para os bater, mas sobretudo pelo “futebol fora das quatro linhas!”.

Quanto a Podolsky, não tenho a menor dúvida que é um excelente jogador e um talento que pode evoluir ainda mais, logo agora que se transferiu para o Bayern, mas creio que não esteve melhor que Cristiano Ronaldo ou outro qualquer.

Entendo que Cristiano Ronaldo mesmo em baixo e com capacidade para fazer melhor do que aquilo que fez, fez um Mundial superior a todos os candidatos na lista escolhida. Se Podolsky vence, só encontro uma razão óbvia, mas pronto, amanhã ganha-se à Alemanha e ficamos com o terceiro posto e não se fala mais nisso. :arrow:

Exactamente. Penso a mesma coisa e amanhã confesso que tenho receio não do valor da Alemanha, que reconheço mas que entendo que temos equipa para os bater, mas sobretudo pelo "futebol fora das quatro linhas!".

Quanto a Podolsky, não tenho a menor dúvida que é um excelente jogador e um talento que pode evoluir ainda mais, logo agora que se transferiu para o Bayern, mas creio que não esteve melhor que Cristiano Ronaldo ou outro qualquer.

Entendo que Cristiano Ronaldo mesmo em baixo e com capacidade para fazer melhor do que aquilo que fez, fez um Mundial superior a todos os candidatos na lista escolhida. Se Podolsky vence, só encontro uma razão óbvia, mas pronto, amanhã ganha-se à Alemanha e ficamos com o terceiro posto e não se fala mais nisso. :arrow:

mai nada

Cristiano Ronaldo tem uma boa oportunidade para amanhã mostrar, para quem ainda não percebeu, que é o melhor!

Foi um rebuçado da FIFA à equipa da casa.

Metem nojo…

ia dizer o mesmo :roll:

Foi um rebuçado da FIFA à equipa da casa.

Metem nojo…

ia dizer o mesmo :roll:

Espero que se fiquem por este rebuçado e não lhes entreguem outra guloseima amanhã…

O Podolski coitadito, sinceramente…Muita fanfarronada! Vê-se mesmo que é prémio de consolação para os alemães.

O Podolski coitadito, sinceramente....Muita fanfarronada! Vê-se mesmo que é prémio de consolação para os alemães.

espero bem que seja este o prémio deles de consolação e que o nosso seja a vitória no sábado…

O Podolski coitadito, sinceramente....Muita fanfarronada! Vê-se mesmo que é prémio de consolação para os alemães.
  1. Felina o prémio de Consolação deles ainda está para vir :cry:

Estes panascazitos da tal comissão da FIFA podiam ao menos disfarçar melhor a tendência para o favorecimento de quem necessita de alguma coisa que compense o investimento feito.
Podolski é mais um elemento do famigerado grupo dos jogadores urticária: aparece rapidamente, faz comichão e sem darmos por isso desaparece.

Não o acho mau jogador, marcou 3 golos e teve boas exibições numa equipa que está nas 4 melhores. Os critérios do prémio foram indicados desde o início e um deles é o fair-play, por mais que rabujemos sabemos que os nossos jogadores não são muito “fair” a jogar e o Ronaldo teve um mundial de nível médio.

Acho que este mundial fez muito mal ao ego português, de repente estão todos contra nós, somos os coitadinhos, toda a gente nos prejudica etc etc etc, e na realidade não tinhamos equipa para chegar mais longe, já foi muito bom termos chegado a este lugar, um azar nos penalties ou no sorteio tinha-nos mandado mais cedo para casa.

Hoje viu-se o tal Polqualquercoisa daqui a dez anos veremos onde está este craque

Não o acho mau jogador, marcou 3 golos e teve boas exibições numa equipa que está nas 4 melhores. Os critérios do prémio foram indicados desde o início e um deles é o fair-play, por mais que rabujemos sabemos que os nossos jogadores não são muito "fair" a jogar e o Ronaldo teve um mundial de nível médio.

Acho que este mundial fez muito mal ao ego português, de repente estão todos contra nós, somos os coitadinhos, toda a gente nos prejudica etc etc etc, e na realidade não tinhamos equipa para chegar mais longe, já foi muito bom termos chegado a este lugar, um azar nos penalties ou no sorteio tinha-nos mandado mais cedo para casa.

Depois da eleição de Zidane como melhor jogador do torneio, terás de rever esta tua teoria.
A verdade parece-me indiscutível, a FIFA é um órgão altamente politizado e com grandes indicios de corrupção e tráfego de influências. Não tenho dúvidas em dar razão a Scolari quando disse que Portugal era muito pequeno. :roll: :arrow:

Quando o Ballack está entre os 10 escolhidos para a eleição do melhor está tudo dito.

Entretanto Portugal recebe troféu de equipa mais espectacular
ELEIÇÃO ATRAVÉS DO “SITE” OFICIAL DO MUNDIAL

Não o acho mau jogador, marcou 3 golos e teve boas exibições numa equipa que está nas 4 melhores. Os critérios do prémio foram indicados desde o início e um deles é o fair-play, por mais que rabujemos sabemos que os nossos jogadores não são muito "fair" a jogar e o Ronaldo teve um mundial de nível médio.

Acho que este mundial fez muito mal ao ego português, de repente estão todos contra nós, somos os coitadinhos, toda a gente nos prejudica etc etc etc, e na realidade não tinhamos equipa para chegar mais longe, já foi muito bom termos chegado a este lugar, um azar nos penalties ou no sorteio tinha-nos mandado mais cedo para casa.

Depois da eleição de Zidane como melhor jogador do torneio, terás de rever esta tua teoria.
A verdade parece-me indiscutível, a FIFA é um órgão altamente politizado e com grandes indicios de corrupção e tráfego de influências. Não tenho dúvidas em dar razão a Scolari quando disse que Portugal era muito pequeno. :roll: :arrow:

A FIFA ?? A começar neles e a acabar nas Associações, passando por UEFAS, Federações e etc, é tudo igual, cada um à sua escala.
O Futebol continua a desiludir-me, acho que é urgente uma mudança (nem que seja nas regras, poque o futebol jogado com amor pela camisola e pelo deporto, como era jogado quando foram feitas as actuais regras, já acabou há muito) pois acho que de dia para dia são cada vez menos os que acreditam na verdade desportiva do jogo em si.

Nós próprios passamos mais tempo a discutir resultados da SAD, valores de contratações, lucros de vendas, património, ordenadores de gestores do que a discutir o jogo em si.

Triste… :?

Sem prejuízo de concordar com as críticas ao manobrismo na FIFA, não percebo o alarido à volta da eleição de Podolski.

Acho que o prémio está entregue ao único que o mereceu. A ideia era premiar o jovem que melhor se exibiu nesta competição, e não o jovem com o futuro mais brilhante.

Se fosse este o caso, sem dúvida que o prémio deveria ir para o Messi (para o Ronaldo, sabe-se lá…). Mas como não é, o Podolski ganhou com toda a justiça, porque integrou a dupla de ataque mais acertada do torneio, exibiu-se sempre a um bom nível, marcou golos e decidiu uma eliminatória. Não será um jogador de alto quilate, pode até vir a assinar uma carreira discreta no meio da tabela da Bundesliga, mas nestes sete jogos foi ele que mereceu ganhar (o que até é sintomático de quão fraco foi o torneio).

O que fez Ronaldo para ser distinguido? Entre um começo em que jogava para si mesmo, à procura da transferência, e um final marcado pela campanha que os ingleses lhe moveram, limitou-se a marcar um penalty ao Irão e outro à Inglaterra, assinou meia-dúzia de dribles inconsequentes e não fez uma única assistência para golo. No jogo em que estava de facto a acertar, saiu lesionado (não tem culpa mas é assim). Em termos meramente estatísticos, até o Messi fez melhor que ele.

Eu ate concordo que Cristiano Ronaldo nao tivesse no seu maximo e nao mostrou nada de muito grande para ser considerado o melhor jogador jovem do mundial mas segundo o Presidente da Fifa o Ronaldo foi excluido do primeiro lugar pela falta de fair play.
Agora que sabemos que o Zidane depois de no mesmo campeonato do mundo e expulso duas vezes e a ultima por uma agressao e recebe o premio de melhor jogador do mundial :\ nao percebo onde ta o fair play?
E agora a culpa e do materazzi daqui a pouco vao dizer que ele e que levou a barriga a cabeça do Zidane :\ enfim acho um pouco injusto mas …

O que fez Ronaldo para ser distinguido? Entre um começo em que jogava para si mesmo, à procura da transferência, e um final marcado pela campanha que os ingleses lhe moveram, limitou-se a marcar um penalty ao Irão e outro à Inglaterra, assinou meia-dúzia de dribles inconsequentes e não fez uma única assistência para golo. No jogo em que estava de facto a acertar, saiu lesionado (não tem culpa mas é assim). Em termos meramente estatísticos, até o Messi fez melhor que ele.

Mas o que acabas de descrever é CR, sempre, nunca mudou nem vai mudar…