Pereirinha integra em Janeiro o Plantel principal

Acho bem, em vez de se gastar €€ em Pinillas, Fazmerugas, Buenos e afins, aproveitem o que de bom sai da Academia.

Reportagem d' A BOLA:

Vai ser muito melhor que o pai!

O pai fez-se jogador no Benfica e chegou à equipa principal. O filho começou no Belenenses e sonha com um futuro risonho de leão ao peito. Pereirinha e o filho Bruno fazem parte de uma família habituada a viver e a respirar futebol. Esta época o jovem aposta numa nova etapa do seu crescimento no Olivais e Moscavide com um único objectivo: ser chamado ao plantel principal dos leões. Com todo o apoio do pai.

Joaquim Miguel Pedreirinho Pereirinha fez a sua formação futebolística no Benfica. Foi campeão juvenil e júnior, e internacional. Na temporada de 1977/78, com apenas 18 anos, foi chamado por John Mortimore para a equipa principal. Era lateral ou médio. Durante três anos teve o privilégio de jogar com grandes nomes do futebol português como Humberto Coelho, Bento, Fernando Chalana e João Alves, entre outros. Depois representou vários clubes (Amora, Belenenses, Farense e, finalmente, o União de Montemor) até colocar, aos 34 anos, um ponto final na carreira. Mas não se desligou do futebol. No Belenenses trabalhou 10 anos como técnico na área da formação. Primeiro como adjunto do saudoso José António, depois como treinador principal dos juniores.
Nessa altura já o filho, Pereirinha como ele, sonhava com uma carreira de profissional de futebol. Bruno nasceu em Faro (mas foi registado na Amadora, onde a família reside actualmente), numa altura em que o pai representava o Farense de Paco Fortes, onde jogou durante sete temporadas. E foi nesse período que começou a ganhar o gosto pelo futebol. «Ia com o meu pai assistir aos treinos mas sempre gostei de jogar, na rua ou na escola, com os meus amigos», confessa o jovem.
O sonho de ser profissional de futebol começou nas escolinhas do Belenenses, onde esteve sete anos. Já iniciado, as suas qualidades não passaram despercebidas a Aurélio Pereira, esse senhor da formação do Sporting cuja visão e conhecimento teimam em descobrir talentos atrás de talentos.
A mudança de clube reforçou-lhe as convicções. E as do pai também. Bruno estava no caminho certo. No Sporting, com o qual tem contrato até 2008/09, esteve apenas três anos, suficientes, porém, para poder orgulhar-se de já ter conquistado os títulos nacionais de juvenis e juniores, além de ser convocado com regularidade para as Selecções jovens.

Imitar Miguel Veloso

Este ano Bruno Pereirinha lançou-se de novo à aventura. Em vez de cumprir o segundo ano de júnior no Sporting decidiu apostar numa época mais competitiva. Interessados não faltaram mas a opção de pai e filho recaíram no Olivais e Moscavide, clube que tem protocolo de cooperação com o Sporting e esta temporada participa na Liga de Honra.
«É a oportunidade de jogar numa equipa e numa Liga mais competitivas. É também a possibilidade de evoluir mais rapidamente que os meus colegas que optaram por ficar na equipa júnior», afirma Bruno, actualmente com 18 anos de idade.
O pai Pereirinha opta, naturalmente, por um discurso mais cauteloso. Mas também aprova a mudança: «Não se trata de antecipar-lhe o futuro. Se jogar com regularidade num nível mais exigente é melhor para ele, porque vai evoluir como jogador. A competitividade será sempre maior que estar na equipa de juniores, onde só na fase final há adversários complicados. Além disso penso ser importante que os jovens jogadores se habituem a ganhar, porque isso reforça os índices de confiança. Se é melhor que o pai? Não devia dizer isto mas vai ser muito melhor. Ele é mais completo, técnica e fisicamente.»
Bruno Pereirinha acredita que terá sucesso e na próxima temporada, tal como sucedeu com Miguel Veloso, também será chamado à equipa principal do Sporting: «Espero que a época me corra bem, porque sei que vou ser observado regularmente pelos responsáveis da formação. Se isso acontecer tenho esperança de poder ser chamado por Paulo Bento. Será um ano de crescimento decisivo.»
Por enquanto o estrangeiro não o atrai. «É claro que qualquer jovem gostava de jogar noutras ligas. Mas apenas pensarei nisso quando a minha carreira estiver estabilizada. Pensar em sair para o estrangeiro com a minha idade é um grande risco», admitiu.

?

Ricardo adendas tuas também são uteis.

Saudações

Para ver o Pereirinha em acção, podem ver este vídeo do jogo Leixões 4 x 0 O.Moscavide da última jornada da Liga de Honra que ocorreu a 17 de Dezembro. O Pereirinha é o nº 47 do O.Moscavide que está sempre na ala direita. Reparem atentamente na jogada dele no flanco direito mais ao menos por volta do 3:40 minutos do vídeo, em que “parte” os rins a 4 jogadores do Leixões.

http://www.youtube.com/watch?v=feGWaXxbQMs

Neste jogo e no vídeo também estão também presentes os emprestados do Sporting ao O.Moscavide Pedro Celestino (médio-centro, nº8 ) e André Marques (lateral-esquerdo, nº 55).

EDIT: Peço desculpa mas acho que cometi um enorme erro! :oops: :^o :wall: O jogador que faz aquela jogada parece ser o nº9 que também pertence ao Sporting e que é o Saleiro que nesse jogo entrou na 2ª parte. Peço desculpa. As imagens não são bem notórias mas agora que revi parece-me ser o nº 9.[Sem efeito]

EDIT 2: Pois, eu sou mesmo parvo, agora que revejo uma vez mais e olhando para as chuteiras com que ele aparecia noutras imagens,vejo que deve mesmo ser o Pereirinha. Não dou uma para a caixa hoje!

Não Ricardo, também vi e pareceu-me ser o número 47, neste caso o Pereirinha.

Saliência para as espectadoras do Leixões. Que Mimo! Ah, e o guarda redes tem uma classe enorme. :lol:

O 9 não é um tal de Tavares extremo-esquerdo emprestado pelo Belém? Pensei que o Saleiro fosse o 11.

tb me pareceu o pereirinha, de qualquer das formas muito bem trabalhado na ala direita…

:twisted:

O 9 não é um tal de Tavares extremo-esquerdo emprestado pelo Belém? Pensei que o Saleiro fosse o 11.

O 9 é o Jorge Tavares.

ping? pong!.., sem vírgulas. diz:
q nº és no olivais
Iorda9 diz:
9

:slight_smile:

Ahah, gostei do nick dele. :slight_smile: E bem me parecia que era o 9.

Bela jogada pela direita.

O Olivais e Moscavide levou um banho de bola do Leixões.
O André Marques parecia manteiga a defender o flanco esquerdo e o guarda-redes deles é uma verdadeira nódoa, sempre aos papéis. :?

Foi uma bela jogada sim senhor.

Posso garantir com toda a certeza que foi o Pererinha a fazer aquela grande jogada, porque o nº9 é de facto o Jorge Tavares e ele não jogou. O Saleiro jogou mais foi com o nº 11. E as chuteiras do Pereirinha naquela jogada coincidem com as chuteiras que ele usa noutros momentos do vídeo, portanto já não restam mais dúvidas. A ficha de jogo e as imagens confirmam.

Eu é que estupidamente emendei aquilo que primeiro tinha dito bem. :wall:

oh Ricardo, calma homem,

Não é preciso martirizares-te…

Ja esta tudo percebido e queria agradecer-te pelo video :wink:

Belas fintas acompanhadas de um fabuloso sprint, é esperar para ver se consegue jogar ao mais alto nivel, quer em termos fisicos quer em termos psicológicos.

Caro, Ricardo Martins Pereira este Pereirinha é demasiado individualista ou já evoluiu nesse aspecto?

Eu nunca o vi jogar, é mesmo só para saber o que temos á frente, e tu saberas melhor que ninguem.

Eu não sou a pessoa adequada para te falar sobre ele, barbosa.

Conheço muito pouco dele, e nunca o vi jogar ao vivo. Só vi algumas coisas dele na TV.

Do muito pouco que vi dele, acho-o muito acima da média e não o acho nada individualista ou exibicionista, pelo menos não me pareceu. Daquilo que sei dele, ele evoluiu muito na transição dos juvenis para os juniores, e é muito certinho e maduro (há quem o compare ao Moutinho pelo seu carácter), e não foi por acaso que ele foi o único júnior que o Sporting emprestou, porque achavam que ele já tinha atingido um estádio de evolução e maturidade tão elevado que já pouco podia evoluir num plantel de juniores. Mas o melhor é perguntares a alguém que já o tenha visto jogar muitas vezes e que o tenha acompanhado durante algum tempo conhecendo-o bem de perto, como é o caso da Felina ou do Coração de Leão.

Eu não sou a pessoa adequada para te falar sobre ele, barbosa.

Conheço muito pouco dele, e nunca o vi jogar ao vivo. Só vi algumas coisas dele na TV.

Do muito pouco que vi dele, acho-o muito acima da média e não o acho nada individualista ou exibicionista, pelo menos não me pareceu. Daquilo que sei dele, ele evoluiu muito na transição dos juvenis para os juniores, e é muito certinho e maduro (há quem o compare ao Moutinho pelo seu carácter), e não foi por acaso que ele foi o único júnior que o Sporting emprestou, porque achavam que ele já tinha atingido um estádio de evolução e maturidade tão elevado que já pouco podia evoluir num plantel de juniores. Mas o melhor é perguntares a alguém que já o tenha visto jogar muitas vezes e que o tenha acompanhado durante algum tempo conhecendo-o bem de perto, como é o caso da Felina ou do Coração de Leão.

Obrigado na mesma pela argumentação, apesar de não o acompanhares já dá para ter uma ideia de que o miudo não deve ser individualista/exibicionista.

Caros, Coração de Leão e Felina, quando algum de vocês tiver disponivel que comentem o que acham deste miudo a cerca deste aspecto que referenciei.

Agradecia

Coração de Leão chamado a intervir, aliás era a este Ricardo que me referia, dadas as suas reportagens do ano passado.

Mas ao Ricardo Pereira o meu obrigado, quer pelo texto, quer pelo video.

Se houver por aí mais “ricardos” com opinião sobre o Pereirinha a malta agradece.

Concordo com a promoção,mas é necessário peso e experiência naquele meio campo.

Pessoal,eu vi o Pereirinha nos juniores e vi-o neste jogo contra o Santa Clara,(já escrevi isto não sei onde).O que posso dizer é que o miudo não é para a 2ª liga ,está muito á frente disso,contra o SC entrou ao intervalo e partiu a loiça toda pena é que os avançados do OM não valham um pinóquio.
Não sei se já estará bom para nós mas para o que vi, ainda bem que arriscam.Não me pareçe que seja muito individualista,embora com a qualidade dele seja natural que se agarre um bocado mais á bola,mas sempre me pareceu que procura dar simples e bem.Das vezes que o vi jogar,no OM e nos juniores pareceu-me craque.

Conheço bem o director desportivo do Olivais,e posso dizer-vos que desde a fase final do campeonato de juniores no ano passado ,que o Olivais o queria.Saudações!

Este miudo tem mais garra e talento num pe do que tem o nosso meio campo todo(menos o Moutinho-claro) no corpo todo!!!
Agradeco ao Sporting por nao ter feito mais uma asneira como o J.Alves ou Farnerud e ter promovido um jogador com tanta qualidade como o Pereirinha!!!Forca miudo

para mim a jogada na direita diz tudo.
Grande contratação.

[i]Juniores do Sporting
Carriço e Paim são desejados
L.P.F.

O Olivais e Moscavide está interessado em contar com o central Daniel Carriço e o médio de ataque Fábio Paim, jogadores que alinham pelos juniores do Sporting. O regresso de Bruno Pereirinha aos leões abriu um novo ciclo de conversações entre os responsáveis moscavidenses e os dirigentes leoninos, que mantêm boas relações. À procura de um central e de um extremo, o técnico Rui Dias pretende assim garantir a cedência de Carriço e Paim até final da época. No entanto, o empréstimo dos dois jovens sportinguistas está pendente do “sim” da equipa técnica liderada por Paulo Bento. Apesar de alinharem pelos juniores, Carriço e Paim fazem parte de um grupo de jogadores que já se treinaram com o plantel principal dos leões e, por isso, estão debaixo de olho do treinador. O primeiro, aliás, foi convocado por Paulo Bento para a última partida do Sporting, frente ao União da Madeira, para a Taça de Portugal.[/i]

in O JOGO

Parece que querem arranjar substitutos para o Pereirinha. Ao Fábio Paim, talvez não lhe fizesse mal ir aprender umas coisas. Agora o Carriço ainda pode vir ser importante para o plantel principal do Sporting e acho melhor que não seja emprestado.