O Tópico de Todas as Perguntas

Pois aqui o medo é ficar apreendida, e depois fica sem guitarra e sem 200€

Em princípio eles não vão estar a controlar isso, nunca ouvi falar de nenhum caso em que andassem a apreender réplicas.

200, se for por uma chibson, até nem é um mau preço. O que vai acontecer é que se não te tiverem cobrado o IVA, vais ter que o pagar na alfândega, assim como a taxa para desalfandegar e imposto de selo.

1 Curtiu

Eu já, mas era de roupa e calçado.

Eu tambem não :sweat_smile:
Mas analisando por esse quadro não me parece muito significativo…

1 Curtiu

acho que temu vem tudo de armazens europeus. aquilo chega tudo numa semana e sem passar alfandega

agora tudo o que for roupa, relogios, medicamentos, etc de grandes marcas, ja e outra hostoria, isso costuma vir diretamente da china e a alfandega esta muito atenta a isso

Ok, isso é dramático para quem compra, em todo o caso não sei até que ponto eles têm alguém lá que perceba alguma coisa de instrumentos e capaz de saber se determinada guitarra é réplica ou não. Sempre tive a sensação de que para fazerem alguma coisa nas alfândegas a marca teria que se queixar e não tenho a certeza que nos grandes fabricantes de guitarras exista essa vontade, mas também estou a falar ligeiramente de cor.

1 Curtiu

nao sei se no caso de marcas nao terem de ser vendidas por revendedores oficiais da marca e trazer os papeis etc. no caso do material vir de um loja china que vende tudo e mais alguma coisa parece ser facil ver que nao e original, nao precisas nenhum especialista na alfandega

talvez, mas não é especificamente por vir da china e não ter papéis que uma guitarra é falsa. Há milhares de guitarras que são vendidas em segunda mão e não por revendedores oficiais e muitas delas sem papéis que mostrem que é verdadeira ou falsa. Tudo isso pode influenciar o preço pelo qual é vendida.

E em algumas vezes notam pelo preço que se paga.

Exemplo: uns Adidas Stan Smith cá custam 100€, se os mandar vir da china por 20€ eles suspeitam logo de alguma coisa…

Claramente o preço é um factor para se desconfiar, presumo que tenham alguém que percebe de contrafacção de roupa e calçado, procurando os sinais evidentes que distinguem um original dum falsificado e que não seja o zé da esquia a avaliar com base no preço.

1 Curtiu

Réplicas de guitarra é pedir chatices ao final de algum tempo. Madeiras mais fracas, empeno do braço, trastes em material de qualidade inferior, logo, maior desgaste, possibilidade de wiring mal feito, shielding inexistente, pontes fracas ou empenadas.
Prefiro uma gama baixa das boas marcas do que réplicas manhosas.
Toquei em 3 Squier e tive 1 de 120€ que muito bom guitarrista ficava surpreendido pelo toque, som e leveza.
Ofereci uma Epiphone Black Mate ao meu sogro, tinha um som poderosíssimo. Depois, o que mais faz falta é kit de unhas.
O melhor guitarrista com quem me cruzei até hoje (e eu sou da gama das teclas), num dos nossos concertos, eu a olhar para o material dele, tinha uma pedaleira vox deliciosa que… Quase não usou. A guitarra, eu a olhar e a perguntar qual era a guitarra que eu não estava a conhecer ao que ele responde: não sei, foi um colega que me emprestou para hoje que eu não tinha guitarra.
Garanto que podia dizer no neck “marca branca mais manhosa do mundo” que estava toda a gente a babar-se a ouvi-lo tocar.

Men eu prefiro o ali as cenas da temu tem uma qualidade muito má tudo o que comprei lá se partiu

1 Curtiu

Já encomendei coisas da Temu e sem problemas. Mas para já, também ainda poucas coisas.

Bom, Fátima, Pia do Urso, Grutas da Moeda, Aljustrel e fizemos um desvio para ir ver o Castelo de Ourém.

Estou a contar amanhã tomar o pequeno almoço, check-out, ir até ao museu Sporting em Leiria e ir visitar o Castelo. Aí perto, há algum sítio para comer mais baratinho?
A gastronomia nem é algo que me faça muita comichão nas férias, mas o restaurante do hotel onde fiquei fez me um assalto e acho que foi a primeira vez que saí de um local onde tive uma refeição a arrepender-me de ter comido. Na pia do Urso há um restaurante chamado Piadussa, não comi nada de especial mas estava bom, arroz de pato. Atendimento a deixar muito a desejar. Fora isso, uma refeição num Burger King e outra numa pizzaria.

Nada de relevante. A minha lava a 1400 mas se meter no programa de 1200 nao notas diferenca nenhuma, sinceramente.

Quanto as maquinas de lavar e secar… eu sinceramente nao me metia nisso. Conheco varia gente que fez isso e acabam por ficar com o pior de 2 mundos. Uma maquina mais cara que nem seca bem, nem lava tao bem como uma so de lavar.

Uma coisa que te posso recomendar sao maquinas com IA, mesmo que custem um bocadinho mais. A minha da Samsung tem uma app brutal e e super eficiente tanto em consumo de agua como de luz. E tenho roupa que na minha maquina antiga ficava ‘velha’ ao fim de algum tempo, provavelmente por palermice minha na escolha dos programas, e agora aguenta-se muito mais tempo.

1 Curtiu

Tens colado a Porto de Mós o Pires e Prato e o 24 Horas (refeições mais rápidas, embora tenha pratos do dia).
Assim de repente é o que penso logo.
Em Leiria mesmo sempre tens o shopping, por exemplo, que te safas rápido e até barato.

1 Curtiu

Acabou por ser mesmo o shopping. Já estou cansado para andar à procura do que quer que seja :crazy_face:

O Museu, de pequeno, só o tamanho para colocar tanta coisa. Tem um espólio assinalável. O meu puto estava de brilho nos olhos. Devo ter mais de 200 fotos.

1 Curtiu

Desculpa se te baixei demasiado as expectativas!
Mas pronto, ainda foi melhor, então!! :green_heart: