O Projecto

Desejo partilhar esta informação convosco para que detenham mais dados para a vossa avaliação sobre este projecto apresentado por FSF.
São dados retirados de declarações de FSF aquando da sua apresentação a alguns sócios. Mais importante do que o “como” é o “porquê” e assim passo a descrever alguns dos principais pontos:

  1. Facto : FSF pretende alienar TODO o património não desportivo do Sporting. O que engloba Alvalaxia, Sede, Holmes Place, Clinica CUF e cerca de 27% da SAD (para ficarmos “NUMA PRIMEIRA FASE” com 51%).

  2. Facto : FSF pretende com o € daí resultante, regularizar o défice de tesouraria de curto prazo, sendo que o restante serviria para amortizar o empréstimo bancário. Esta amortização “renderia” ao clube 3M€ por ano em juros que não seriam pagos.

  3. Facto : (uns slides mais tarde) FSF afirma que a situação económica do Sporting é complicada e afirma, a titulo de exemplo, que uma subida da taxa de juro em 1%, seria equivalente a uma subida de 3M€ de juros / ano.

  4. Conclusão: Uma vez ser muito provavel que no próximo ano, ano e meio, essa subida de 1% seja uma realidade (já em Março está garantida, nos bastidores, uma subida de 0,25% da taxa de referência do BCE), quer isto dizer que nesse momento, o que deixariamos de pagar no momento, iria ser anulado por tal condicionante, sendo que nesse momento já não teríamos o património de hoje!

  5. Facto : FSF afirma tambem que o Sporting está obrigado a realizar 5,5 M€ de mais valias em vendas de passes desportivos. No seguimento do tema, diz que pretende segurar os jovens talentos e que a mais valia resultante da venda do património poderia resultar neste desiderato, uma vez que estima que os 20/25 M€ que “sobravam” dariam para segurar jogadores no prazo de 3/4 anos. (5,5 por ano)

  6. Conclusão : Primeiro afirma que pretende amortizar o empréstimo bancário, depois já diz que esse dinheiro serviria para não ter que vender jogadores todos os anos!!! Que grande confusão…

  7. Facto: Sporting tem possibilidade, tal como contratualizado com os bancos, de alienar o património com opção de recompra a 10/12 anos. E a dada altura afirma taxativamente :“Vamos supor que o clube estabiliza como todos desejamos e que daqui a 10 / 12 anos temos 50 M€ em caixa. Passa na cabeça de alguem que nesse altura o Sporting adquira por esse valor um centro comercial e um edificio em vez de investir no património desportivo? Na minha não passa com certeza!”

  8. Conclusão : Mas quem foi que quis construir o Alvalaxia? Fui eu? Não era o Alvalaxia que fazia parte da estratégia de rentabilização do estadio? Mas que grande cambalhota…!

  9. Facto : Tratou de enaltecer os exitos do ecletismo da ultima década - natação, andebol. bilhar, etc.

  10. Conclusão : Mas não era este senhor que era contra o ecletismo? Outra cambalhota…

Meus senhores, desculpem a extensão do texto, mas a importancia de que se reveste o tema é crucial para uma sábia decisão quanto ao futuro a dar ao Sporting.
Espero que vos ajude a decidir. A mim, ajudou-me com toda a certeza!

6. Conclusão : Primeiro afirma que pretende amortizar o empréstimo bancário, depois já diz que esse dinheiro serviria para não ter que vender jogadores todos os anos?!?! Que grande confusão...

E o pavilhão…??? :roll: :wink:

Em relação á pretensa venda de passes de jogadores “por obrigação”… alguém está lembrado da data mágica em que as contas estariam equilibradas e as vendas não seriam necessárias?

Vá lá, um esforçozinho, caramba, era discutido aqui no Forum dia sim dia não… havia por aí um grupelho de energumenos que só deitavam abaixo e diziam disparates!!!

“Oh tempo, volta para trás…”

Em relação á pretensa venda de passes de jogadores "por obrigação"... alguém está lembrado da data mágica em que as contas estariam equilibradas e as vendas não seriam necessárias?

Vá lá, um esforçozinho, caramba, era discutido aqui no Forum dia sim dia não… havia por aí um grupelho de energumenos que só deitavam abaixo e diziam disparates!!!

“Oh tempo, volta para trás…”

2005… :whistle: E estamos em… 2006! #-o

Provávelmente, já alguns leram, mas para os demais, aqui fica esta crónica.
Está publicada no O Jogo de hoje, e não podia estar mais perto daquilo que eu (e não só eu, felizmente!) penso acerca desta história toda.
Todos estamos de acordo que a situação é crítica, independentemente das diferentes opiniões sobre o assunto, as suas causas ou consequências, que na esmagadora maioria dos casos, são apresentagas ou argumentadas sem qualquer fundamentação ou apenas recorrendo a artifícios retóricos, mais ou menos conscientes, com o único intuito de sustentar uma razão individual pouco informada mas políticamente ‘correcta’, ou melhor, ‘encarneirada’!!!
No entanto apenas dizer ‘mal’, sem propor como será ‘bem’, é e será sempre, apenas, …fácil e inconsequente! Leiam que vale a pena:

in OJogo Online, 1/3/2006 , por João Sanches

Já é tempo de os diferentes segmentos oposicionistas à governação do Sporting se transcenderem e superarem o ruído gratuito e livre de impostos. O clube precisa de ideias, de sugestões e de propostas que possam viabilizar o seu futuro - porque o actual modelo, na vertente financeira, está em falência -, e não de acrobacias, piruetas, afirmações panfletárias, vazias ou demagogas, que apenas configurem deambulações próprias de quem, à falta de melhores argumentos, se serve da areia para turvar visões ou da emotividade da linguagem para inquinar pensamentos. Já é tempo de as facções da oposição pensarem, agirem e falarem com racionalidade, para provar ou justificar que é, realmente, pelos interesses do Sporting que se agitam e se assanham, e não por uma indómita vontade de tomada do poder a qualquer preço. O presidente em exercício, Filipe Soares Franco, tem um projecto para o clube. É o projecto em que acredita e através do qual, sustenta, poderá elevar o futebol profissional a uma escala de sucesso sem igual nos últimos 30 ou 40 anos de história desportiva do emblema de Alvalade. É um projecto que Soares Franco pretende ver aprovado em assembleia geral, necessitando, para isso, de dois terços dos votos dos associados (maioria qualificada). Estranhamente, é também, por esta altura, a única proposta real, concreta e objectiva que existe. E digo estranhamente porque, apesar de todo o estrépito provocado à volta do plano de venda de património para uso não desportivo, as alternativas são… zero!

Porquê? Para ser construtiva - e para se demarcar de acusações de autismo e irresponsabilidade -, a oposição tem de contribuir com (outros) projectos, com diferentes soluções ou propostas, ao invés de, face às linhas de intervenção definidas pelo actual presidente, se remeter a um porfiado “não, porque não” que em nada beneficia o clube, ainda que, hipoteticamente, possa insuflar alguns egos. O rumo de futuro do Sporting tem de ser discutido com racionalidade, razoabilidade e responsabilidade, nos antípodas da hipocrisia, da bazófia ou da maledicência interesseira ou conveniente. Com projectos - sim, no plural… - e sem preconceitos; pela verdade e com verdade. Isto, obviamente, é igualmente válido para a estrutura que tem por missão governar o clube. Aliás, para combater estados de suspeita, o mais avisado seria a Direcção e o Conselho Fiscal, nada tendo a esconder, como dizem, detalharem publicamente - dentro do possível - o quadro financeiro do Sporting e da sua organização empresarial, bem como expor o essencial dos contratos assinados com os seus parceiros bancários, nos quais advogam estar explicitadas obrigações de alienação, entre outros compromissos. Pôr o Sporting a nu seria, não tenho dúvida, uma adição relevante em termos de esclarecimento da massa associativa. Com frontalidade e munidos dos comprovativos indispensáveis, os dirigentes poderiam e deveriam aproveitar já a conferência de Imprensa de hoje!..

O clube precisa […] não de acrobacias, piruetas, afirmações panfletárias, vazias ou demagogas.

Exemplos então do que o clube não precisa:

  • vamos vender património para construir um pavilhão, piscinas e uma pista de atletismo
  • o grosso da culpa da situação financeira do Sporting é do Bin Laden e do rebentamento da bolha da Nova Economia
  • etc, etc, etc

O presidente em exercício, Filipe Soares Franco, tem um projecto para o clube. É o projecto em que acredita e através do qual, sustenta, poderá elevar o futebol profissional a uma escala de sucesso sem igual nos últimos 30 ou 40 anos de história desportiva do emblema de Alvalade.

A sério? :shock: Mesmo um demagogo, mentiroso e irresponsável como FSF não teve (ainda?) a coragem de afirmar isso.

O rumo de futuro do Sporting tem de ser discutido com racionalidade, razoabilidade e responsabilidade, nos antípodas da hipocrisia, da bazófia ou da maledicência interesseira ou conveniente.

Vão ser os actuais dirigentes e a clique que os cerca a querer dar lições de racionalidade, razoabilidade e responsabilidade? Contem-me histórias.

Isto, obviamente, é igualmente válido para a estrutura que tem por missão governar o clube. Aliás, para combater estados de suspeita, o mais avisado seria a Direcção e o Conselho Fiscal, nada tendo a esconder, como dizem, detalharem publicamente - dentro do possível - o quadro financeiro do Sporting e da sua organização empresarial, bem como expor o essencial dos contratos assinados com os seus parceiros bancários, nos quais advogam estar explicitadas obrigações de alienação, entre outros compromissos. Pôr o Sporting a nu seria, não tenho dúvida, uma adição relevante em termos de esclarecimento da massa associativa. Com frontalidade e munidos dos comprovativos indispensáveis, os dirigentes poderiam e deveriam aproveitar já a conferência de Imprensa de hoje!..

Os actuais dirigentes não o fizeram, passaram anos a esconder a bela merda que andaram a fazer, e não o vão fazer. As conclusões parecem-me fáceis de retirar.

As conclusões parecem-me fáceis de retirar.

O problema é justamente o que está para além disso!!!
Por esta altura, já todos tiraram as suas conclusões, seja para que lado fôr, mais ou menos informadas, mais ou menos sustentadas, mais ou menos apaixonadas!!!
Agora, o que fazer depois, …é que nikles!!!
Contribuintes para as crónicas de escárnio e mal dizer são aos pontapés!
A concretizar soluções alternativas: 0, Zero, Vazio, Rien, Niet!!!
É que aqui já pia fininho!!! Já não tem nada de fácil, como apenas dizer mal! Já não basta opinar e achar, já é preciso pensar e saber!!!
Já não tem a ver com ‘peito cheio’ a finjir ou a sugerir que se sabe, já é preciso saber mesmo e concretizar soluções válidas, ou expor-se ao ridículo (que é o que aconteceria na esmagadora maioria dos casos, como sabemos!!!)
Não há uma única proposta, esboço de proposta, nada!
No entanto, para ‘alternativa’ ao cadeirão, por exemplo, há três candidatos!!!

Não há uma única proposta, esboço de proposta, nada! No entanto, para 'alternativa' ao cadeirão, por exemplo, há três candidatos!!!

Vamos ver quantos candidatos haverá efectivamente a partir de dia 17.

Relativamente à necessidade de avançar propostas por parte da oposição, já me referi a ela. O simples facto de se ser contra Soares Franco e o seu projecto não qualifica ninguém para ser Presidente do Sporting.

Contribuintes para as crónicas de escárnio e mal dizer são aos pontapés! A concretizar soluções alternativas: 0, Zero, Vazio, Rien, Niet!!! É que aqui já pia fininho!!! Já não tem nada de fácil, como apenas dizer mal! Já não basta opinar e achar, já é preciso pensar e saber!!! Já não tem a ver com 'peito cheio' a finjir ou a sugerir que se sabe, já é preciso saber mesmo e concretizar soluções válidas, ou expor-se ao ridículo (que é o que aconteceria na esmagadora maioria dos casos, como sabemos!!!)

Infelizmente um mal das nossas sociedades é o facto de se necessitar “profile” para ser ouvido e para as propostas serem consideradas.

Eu por outro lado, procuro ler e ouvir o máximo de Leões que posso, e devo dizer que já li e ouvi soluções muito interessantes… mas de pessoal pobretanas que não terá nunca vida para se abalançar numa candidatura, mesmo que apenas fazendo parte de uma lista.

Quanto ao fingir que se sabe ou saber mesmo, esse é um abismo que na realidade ninguém consegue tranpor de um pulinho. Por acaso aquilo a que assistimos nos ultimos 10 anos foi precisamente o que afirmas… pessoal que chegou de “peito cheio” e se cobriu de ridiculo… mas tenho impressão, e se estou enganado nada como corrigires, que tu preferes apesar de tudo estes que continuam de “peito feito”, continuam a cobrir-se de ridiculo, mas não o assumem.

Neste caso, a comparação com uma figura que apareceu esta semana a dar uma entrevista é marcante!!!

Essa situação que o amigo Alex refere de “a oposição não expõe ideias”, meu caro nem tem que as expor.

Afinal o FSF é um dos pupilos do Projecto Roquete, o mesmo que iria elevar o Sporting aos mais altos niveis, quer desportivos, quer financeiros, e o que temos ?!?!?!!?!?!?!

Se estivéssemos em eleições, como tenho referido, aí sim exigiria à oposição um projecto alternativo, agora a 2/3 meses de eleições dar este dinheiro todo a alguém que poderá estar à frente do sporting apenas durante esse período é perigoso e explico o porquê.

Posso até vir a aceitar a venda de património, mas só o farei com alguém que tenha um projecto de longo prazo, ou seja, quem vencer as próximas eleições do sporting, pois tirar estes aneis à próxima presidência é um ERRO CRASSO.

Sobre o que fazer para rentabilizar o Sporting já apresentei as minhas ideias a espaço e estou disponível para integrar uma lista de candidatura. A base da minha ideia é a Academia e a pedra basilar que aí está, sem ser devidamente aproveitada.

Portanto caro Alex as propostas da oposição serão apresentadas nas eleições e não numa AG de uma presidência temporária (2/3 meses) para aprovar que a chulice que impera no clube continue e se acaba com estes fundos, como se fez com os dinheiros provenientes da venda de Simão, Viana, Quaresma, Ronaldo, Figo e afins…

O Alex Amendoeira é um forista novo que veio trazer colorido :).

É assim… excitado? tudo bem.
antidemocrata? tudo bem.
básico? tudo bem.
Agora IGNORANTE é que não. E só por IGNORÂNCIA é que alguém que quer ver a sua opinião respeitada neste fórum tem a coragem de inventar e dizer que quem aqui critica o Pipinho ou o projecto nunca apresentou ideias… as resmas que todos vimos aqui de tópicos com ideias, sugestões, formas de melhor gerir questões bem específicas é incontável.

Portanto Alex Nespereira… que tu acima de todos já tenhas tomado a tua decisão há muito tudo bem. Agora não nos trates como estupidos vá lá… se não for por respeito às nossas pessoas pelo menos que seja pelo sagrado respeito à mãe natureza e suas árvores de fruto :).

Mauras falando no bom sentido da palavra : Tu és F.o.d.a !! :smiley: :smiley: :smiley: