Matheus Nunes

Ele não vai fazer assim tantos jogos a jogar com o Palhinha (diria que em 90% das partidas será concorrente dele, podendo jogar um ou o outro).

Mas o motivo pelo qual jogou nesta partida a 8 foi obviamente porque o treinador queria no miolo dois jogadores com características físicas diferentes do Bragança e do Pote.

E diga-se que não se saiu mal de todo.

Inevitavelmente acredito que vamos jogar com um 8 mais ofensivo, seja o Pote (jogando o João Mário no ataque, à direita), seja o João Mário (jogando o Pote ou futuramente o Tabata no ataque, à direita).

Tem dificuldade a jogar de costas para a baliza…mas é bom jogador e o resto é conversa.

É um transportador de jogo que tem receio (ou falta de visão) de meter um passe para zonas de finalização. Vai bem de A até B, depois mete o passe para zona sem perigo que coloca a equipa em marcha-atrás. É um jogador que precisa de sair da zona de conforto, quando se lhe dá a titularidade em todos os jogos fica complicado. Creio que estamos a prejudicar o atleta, a sua formação.

Estupidamente foi catalogado precocemente como a “next big thing”! Parece-me acusar imenso essa pressão…
E ainda está verde para estas andanças. Gostava de ver João Mário naquele lugar brevemente…

Fez um jogo positivo.

Bom suplente para o Palhinha. Vamos ver se o Palhinha mantém o nível digno de um titular, oxalá.

1 Like

Bem com o Palhinha claramente a 6, este só pode ser opção e lugar de origem que é jogar a 8.

Ontem beneficiou muito em ter o Palhinha como um tampão aquela primeira parte para poder jogar mais à frente.

Devia ter sido emprestado. Compreendi a aposta na temporada passada. Não a compreendo nesta temporada. Ainda para mais tendo em conta as alternativas.

Como assim não se comprou o resto do passe do gajo que vai pagar o actual treinador?

LMAO

Eu gosto do modo como “Pérola de Varandas” pode aplicar-se como potencial elogio a Matheus Nunes e como potencial comentário sobre as declarações de Varandas.

Enquanto afirma que o vai vender por pelo menos 12 milhões, dá músculo ao Estoril nas negociações (se for verdade que deixou passar o prazo para comprar 40% por 500 mil).
É tão inteligente.

SPORTING CP QUER TOTALIDADE DO PASSE DE MATHEUS NUNES

Em maio, Frederico Varandas revelou que os leões podiam comprar mais 40% dos direitos económicos do médio por 500 mil euros. Segundo o jornal A´Bola, Clube deixou passar prazo para exercer essa opção

Duarte Pereira da Silva

Texto

20 de Outubro 2020, 10:40

O Sporting CP quer comprar a totalidade do passe de Matheus Nunes e renovar contrato com o brasileiro. Em maio de 2020, numa entrevista ao Canal 11, Frederico Varandas revelou que os leões pagaram 500 mil euros por 50% do passe do médio, tendo o Clube ficado com “a hipótese de comprar mais 40% por outros 500 mil euros”. Esta terça-feira, 20 de outubro, o jornal A´Bola avança que a turma de Alvalade terá deixado passar o prazo estipulado para exercer essa mesma opção.

Na altura, o Presidente do Sporting CP não teve qualquer problema em afirmar que “do que já vi do Matheus Nunes, e como está a treinar com os colegas (Battaglia, Doumbia, Vietto), não tenho dúvidas nenhumas de que vai pagar o Rúben Amorim. Só ele vai pagar o Rúben Amorim”.

Com Rúben Amorim, Matheus Nunes tem vindo a assumir uma preponderância cada vez maior na equipa. Na temporada passada, após o regresso das competições, o brasileiro foi titular em nove dos dez encontros disputados. Em 2020/21, nos cinco jogos já realizados pelo Sporting CP, Matheus foi titular em todos.

No clássico diante do FC Porto, o médio, que fez dupla no meio-campo com João Palhinha e atuou em zonas mais adiantadas do terreno, esteve em destaque e foi mesmo um dos melhores em campo.

Fotografia de Sporting CP

Eu gosto dele!

Sei que a minha opinião não é consensual e sei que o Matheus Nunes está longe de fazer grandes jogos, mas continuo a achar que tem características técnicas que podem fazer dele um bom jogador.

1 Like

Não tinham 500 mil€ para comprar a restante% do passe?, isso até um clube de III divisão consegue…

Se calhar deixou passar de propósito. Esta direcção já mostrou que gosta de passes divididos. E ter uma percentagem grande do passe nas mãos de outros abre um mundo de oportunidades a negociatas.

É aguardar por cenas dos próximos capítulos envolvendo o Sporting e o resto do passe do rapaz.

Finalmente percebi o ódio ao jogador: É contratação do Varandas…

1 Like

Este gajo leva um hate que não consigo compreender.

Aponto ao MN a lentidão a soltar e inexperiência normal já que nunca andou nestas andanças.

Agora não é possível apontar falhas técnicas ou físicas ao jogador. Tem passada larga, composição física e é indiscutível que sabe tratar a bola… o Wendel andou aqui 3 anos e nunca o vi a mudar o flanco com bola longa, algo que o Matheus faz com alguma regularidade.

Acredito muito neste menino, mas precisa de ganhar confiança e aí concordo com a insistência do treinador, vai ser muito útil esta época.

1 Like

É isso, e o facto de não jogar o sufiente para ser titular. Não faz golos ou assistências, defensivamente também pouca influência tem, mas pronto deve ser embirração.

Hum. Hate levam as contratações de Varandas que deram em nada. E a isso não chamo hate. E não é por serem de Varandas.
São fracos, na generalidade ( não incluo os desta época, q não sendo fracos, aguardo para ver como evoluem).

Já gostei mais de Matheus nos primeiros meses ( nos sub23) , já gostei menos ( época passada na A) e acho q está a melhorar.

Tem bons atributos, mas entrava um pouco a circulação de bola. Está melhor, no entanto. Pode-se fazer jogador.

2 Likes

Se é verdade que o Sporting deixou passar o prazo para accionar a compra dos 40% do Matheus Nunes por míseros 500 mil euros depois da pronunciada aposta no jogador, só posso adjectivar esta situação de uma forma: grotesco! Só mais uma de muitas situações, como as de Pote, Tabata e Nuno Santos… Começa a faltar desculpas, por mais esotéricas e criativas que possam ser, para negar que há interesse dentro da própria estrutura em criar valor e escoar dinheiro para fora do circuito do clube!

Sim, o andar a jogar a ritmo sul-americano ou andar a fazer ronha no meio-campo não tem nada a ver com isso.