Maddie : 12 anos depois, a verdade da mentira?

Alguém está acompanhar o documentário na Netflix “The Disappearance of Madeleine McCann”?

Incrível a lavagem cerebral neste caso, que provavelmente nunca será desvendado.

Qual é a vossa opinião? Poderíamos estar perante uma rede de trafico humano que também levou a Joana Cipriano?

Eu continuo a achar que houve manipulação do ADN e que os pais foram negligentes e esconderam o corpo da miúda. É tudo muito estranho. A maneira como eles tentam descredibilizar os cães quando a taxa de acerto é acima dos 90% é surreal.

Tb me parece que será por aí. Davam aos miúdos uns comprimidos para dormir para não chatearem muito e daquela vez esticaram-se na dose

Sent from my SM-G935F using Tapatalk

Como é evidente a miuda morreu naquela noite naquele quarto, os pais foram negligentes. Não se deixam crianças sozinhas.

Posteriormente foram mais do que negligentes, resolveram abafar tudo e gritar aos quatro ventos que foi um rapto. Infelizmente muita gente foi na cantiga e só os milhares que já se torraram à procura duma criança morta e enterrada davam para alimentar milhares de outras que morrem à fome.

Mais provável: A menina ter morrido acidentalmente e os pais terem escondido ou enterrado o corpo.

Se a tese do rapto for verdade: À luz dos factos, estaremos perante o melhor raptor de crianças do mundo que num espaço temporal de 20 min, consegue entrar no apartamento à socapa, consegue pegar e levar a miúda sem os gêmeos acordarem e sair sem ser muito notado ao ponto que quem descreve a pessoa ao colo com a criança naquelas horas não ter visto nem a cara da criança nem o raptor.

Vi o primeiro episódio do documentário e duvido que vá continuar a ver, pareceu-me uma tentativa de inocentar os pais e de pôr as culpas na polícia Portuguesa.

Ve o resto, vais perceber que não existe nenhuma tentativa de inocentar os pais.

Acordar os gêmeos? Eles estavam tão ferrados de sono que só acordaram na manha seguinte já em outro apartamento, alias num quarto com 20 pessoas aos gritos pelo desaparecimento da Maddie, eles não acordaram, e a principal preocupação da mãe era perceber se eles respiravam…

Mas sim a nosso policia teve falhas graves, como só revistar na fronteira passados 3 dias, e quando chovia os militares não saiam do carro…as nossas autoridades aprenderam muito com este caso.

Crime perfeito? Pelos vistos o caso Joana tem muitas semelhanças, e agora?

É falar com o “presidente” do Sporting.

Ele diria que o maior problema da PJ residia no foro da cabeça. A juntar a isso descredibilizaria a investigação tentando a todo custo insinuar que esta não tinha cabeça, membros e pernas.

Eu sei que eles “drogavam” as crianças para dormir, mas não sabia que seria tão potente ao ponto de não acordarem com um estranho em casa. Ou então que só dessem medicamentos á Madeleine, visto que era mais fácil ela acordar e pôr-se de pé.

Segundo o que vi do primeiro episódio, no dia do crime antes de anoitecer, a criança terá perguntado à mãe “Porque é que não estavas connosco quando gritamos por ti à noite?”, será que as crianças estavam com medo do escuro ou houve algo que os acordou e agitou? Se a tese de rapto for acertada terá o raptor estudado a família e os seus hábitos?

Como ao que sei nunca houve um pedido de resgate por ela, deduzo que tenha sido uma rede de pedofilia por detrás disto, se é que os pais estão inocentes.

Algumas teorias sobre o que aconteceu:

https://thetab.com/uk/2019/03/19/madeleine-mccann-conspiracy-theories-95934

“Madeleine nunca existiu?” :rotfl:

Já encontrei quem defenda que Jesus Cristo nunca existiu portanto…

É uma teoria interessante que levou muitas pessoas a acreditar nisso, também porque liga o Cristianismo a religiões politeístas como a Mitologia Egipcia (Jesus ser Hórus e Maria ser Isis).

Na altura e antes de saber quem era a figura Paulo Pereira Cristóvão, comprei o livro dele sobre o caso. Hoje sabendo quem é a peça tenho que dizer que aquilo que achei após ler o livro, vale o que vale. Mas se já antes de ler o livro achava que a miúda foi morta pelos pais, na altura e depois de ler para mim ficou claro o que aconteceu. Mas pronto ao dia de hoje, aquilo que vem no livro… Coise.

Nós somos da raça, que nunca se vergará.

Teorias mirabolantes há sempre muitas, porque há muita gente que não tem nada que fazer. Serem credíveis ou fazerem sentido já são outros quinhentos.

Não sendo uma pessoa religiosa, considero-me agnostico, não ponho em causa a existência de Jesus Cristo, já que ele tenha dito as coisas todas que o Vaticano diz é outra história…

Tal como para mim neste caso da Maddie a miuda morreu acidentalmente por negligência dos pais. Que depois optaram por ocultar tudo.

Eu também acredito que tenham sido os pais os culpados e que é possível que a tenham drogado demais. Mas não apareceu sangue na mala do carro deles? Ou estou a confundir casos?

Então o Rogério Alves foi advogado dos pais ?!?
O querido Paulo Pereira Cristóvão também aparece no documentário …

Foi farejado pelos cães sim.

Pior que o sangue para mim foi o facto de um dos cães ter dado sinal para cheiro a cadáver tanto no apartamento como no carro deles, e na roupa da mãe também. É que haver sangue pode ser devido a uma pequena ferida ou algo do género mas cheiro a cadáver :eh:

Acabaram no entanto por descredibilizar os cães mais tarde devido a não terem encontrado vestígios suficientes de ADN nos locais que assinalaram.

Continuo na minha: enterraram-na na igreja :inde:

De sopeiras todos temos um pouco :lol:

Os cães não deram sinal de sangue mas sim de ADN da Maddie, o adn da mesma é constituído por 50% do pai e de mãe, logo os cães não provaram nada.

A minha intuição diz que foram os pais.

O poder de ambos fez o resto…