Imaginem-se João Moutinho...

Imaginem que me chamo Moutinho, tenho 16 ou 17 anos, tenho o valor que tenho, o que já mostrei e o que a idade me puder vir a proporcionar.
Iaginem que, por ser novo e ter pc em casa, acedo regularmanente á net, leio este fórum e outros, leio jornais desportivos e acompanho o fenómeno em geral.
Imaginem que estou agora nos juniores depois de ter feito uma pre-época boa e promissora.
Imaginem que o meu clube vai buscar brasileiros com a minha idade que nem no Brasil eram titulares.
Imaginem que, do acordo com o MU, o meu clube arrisca aceitar jovens da minha idade, sejam eles nigerianos, chineses ou israelitas.
Facilmente perceberão que, nem sendo racista, fico sem perceber o que andamos nós a fazer na academia.Será que estou destinado a ser emprestado ao Belenenses?Tenho que ser eu forte ao ponto de ignorar todos estes sinais?

imagino que tu te chamas Moutinho, que tens 16 ou 17 anos, que tens o valor que tens.
Imagino que es novo e que tens un PC em casa. Que tu lês este forum e outros, que lês os jornais desportivos e acompanhas o fenomeno en geral.
Imagino que estas nos juniores depois de ter feito uma pre-época boa e promissora.
Imagino que o teu clube vai buscar brasileiros com a tua idade que nem no Brasil eram titulares.
Imagino que, do acordo com o MU, o teu clube arrisca aceitar jovens da tua idade, sejam eles estrangeiros.

Nao imagino que no meu clube, nao a alguem que nao sabe responder a tua pergunta…

João Moutinho :stuck_out_tongue: tem calma.
Lembra-te que és um jogador ainda jovem e que por isso ainda tens muito que aprender.
Não te esqueças que ao entrares já na equipa nem tudo pode correr da melhor forma, por isso para não passares ao lado de uma grande carreira é bom que não queimes etapas.
Se tiveres que ser emprestado a um clube da superliga não é drama nenhum, ganhas experiência e regressas ao teu clube mais maduro e com maior ritmo competitivo.
Quanto ao que fazes na Academia, não estejas preocupado. Nos ultimos tempos sairam daí o Quaresma, Viana e Ronaldo para grandes clubes estrangeiros.

Beck:
Se eu fosse o Moutinho, não estaria minimamente preocupado.
Sei o meu valor e… azar de quem vem. :wink:

Eu, apesar de puder paracer, não detenho parte do passe do Moutinho nem sequer sou da familia :wink:
Agora, enquando adepto de um clube que se diz(e até certo ponto o é)defensor da formação e que tem que motivar os jovens de qualidade que podem estra á beira do salto para a equipa principal, acho de facto preocupante todos estes recentes sinais.
Não sou contra contratar bons jogadores.Sou contra contratar ou ter como empréstimo, jovens que são tanto ou maiores incógnitas do que aquelas que jé possuimos.
Do ponto de vista de ‘um’ Moutinho, acho altamante desmoralizante e isso reflecte-se no clube a curto/médio prazo.

Pois eu se tivesse o Moutinho à minha frente dizia-lhe:

“Isto é assim: ou queres ser um jogador bonzito ou queres ser um jogador extraordinário.
Se seguires pela primeira hipótese, então podes propagandear aquela tese de que os jogadores formados na Academia têm obrigatoriamente de passar para a equipa sénior, insurgir-te contra novas contratações do exterior ou queixar-te por existirem demasiados jogadores para a tua posição.
Mas se queres ser realmente bom, então tens de sentir sempre que a tua carreira é um constante desafio em que terás de evoluir para colmatar as tuas falhas, em que terás de ir à luta em todos os momentos, em que quererás bater-te com os melhores adversários e superar os teus colegas da mesma posição.
Para tal, será preciso uma força de vontade e uma capacidade de lidar com a pressão do tamanho do mundo e que só aguentarás se estiveres, de facto, talhado para seres um dos melhores. Se achas que não estás à altura da responsabilidade, então podes sempre ser o tal jogador “bonzito” e ninguém levará a mal a tua escolha.”

João:

Se fores realmente bom, e eu digo BOM MESMO para jogar no SCP, tens de treinar e jogar melhor que todos os que estão naquele plantel. Se fores humilde e trabalhares duramente e com persistência, poderás tornar-te um grande jogador e jogar a titular do Sporting …

Conselho: NUNCA DESISTAS !!!

Beck: Se eu fosse o Moutinho, não estaria minimamente preocupado. Sei o meu valor e... azar de quem vem. :wink:

Ora nem mais! :wink: Mas também não deixo de concordar, em parte, com o Beckzito relativamente às suas preocupações… :roll:

Nao vos percebo, porque afinal ja esta falado que em janeiro vem para a equipa principal!

Muito do que dizem não é mentira, é simplesmente a lei da vida.O problema, é um miudo que sendo jogador de futebol, começa a sua vida profissional antes dos demais.Nesse sentido, não deve ele sentir total apoio por parte do clube e sobretudo ter definidas metas concretas de superação e realização?!Como pode isto ser conseguido se o esqueleto do futebol está deformado precisamente no seu topo?!
Por fim, não é competência do clube desenvolver as aptidões técnicas e psicológicas do atleta?Ou conseguem conceber uma sem outra e sair outro suinão?
Actualmente,o meu problema são todos os MoutinhoS que por lá andam.Tenho 99% de certeza que será melhor que Lebarthes, Rincons e todas as outras Promisses.Não dão é dinheiro nem afloram acordos.

A resposta às questões que preocupam o imaginário de João Moutinho não deve, antes de tudo o resto, ser uma resposta individualizada, pela simples razão que Moutinho emparelha com outras dezenas de futuros promissores talentos da escola leonina.
Como Moutinho tb eles têm necessidade de perceber o que é que o projecto Sporting espera deles, ou se quisermos pôr a questão em outros termos, o que é que o clube tem planeado como estratégia para a absorção dos jovens valores que saem da sua Academia.

Mas há uma questão que se sobrepõe à de saber se a resposta do clube satisfaz os anseios de J. Moutinho. Trata-se de, antes, saber o que vale Moutinho na incessante luta pela conquista de um lugar ao sol, cada vez mais difícil nos tempos que correm. Se se acomoda ou se é um lutador. Se pensa que tudo lhe tem de vir às mãos ou se percebe que o sucesso de uma carreira tb se fabrica com determinação, luta e empenho.

Queremos em Alvalade, venham da Academia ou por via das contratações ao mercado, jogadores lutadores e com fibra que possam ombrear com os maiores. Réplicas de Zidane, incontestavelmente um dos maiores jogadores da sua geração e dos melhores de sempre, que esteve para ser descartado do Bordéus aos 18 anos por motivos xenófobos, mas nunca se deu por vencido e foi capaz de chegar onde está. Sósias espirituais de Jean Pierre Papin, que comeu o pão que o diabo amassou até ter uma entrada fugaz num jogo onde em 23 minutos marcou 3 golos e lhe serviu de trampolim para a carreira vertiginosa que teve. Ou, ainda, clones de Zico (de quem se disse durante toda a sua adolescência que nunca singraria no futebol por ser demasiado franzino, o que fez com que raramente fosse escalado para as equipas mais jovens do escrete), que decidiu, por sua conta e risco, fortalecer a sua musculatura num programa de ginásio que lhe custou mais de 3 anos de sacrifício após os treinos normais no clube.
Queremos destes por oposição a Vianas no Newcastle. A Simãos no Barcelona. A João Pintos no At.Madrid., etc. etc. etc.

Por fim, há ainda uma outra perspectiva que os J. Moutinhos e todas as jovens promessas leoninas têm de perceber. É que o inegável direito à sua felicidade pode, em algum momento, colidir com a legítima autoridade do clube em defender, por variados meios, os seus interesses desportivos e competitivos, aspirando à melhor representação possível nas provas em que se encontra envolvido.

Imagino que sou o João Moutinho e que fui chamado à primeira equipa.
Imagino que posso seguir os passos de Quaresma, Ronaldo, Simão, Custódio, Miguel Garcia,Beto, Carlos Martins… r ytantos outros formados nas escolas do SCP.
Imagino que se trabalhar terei as oportunidades que mereço e se mostrar o que valho então não há brasileiro, chinês ou portugues que me tire o lugar.

Tenho é que trabalhar e ser humilde.

O João Moutinho está na melhor Academia de Futebol do país e numa das melhores da Europa, ele que prove o que vale, não precisa de fazer mais nada! :roll:

Eu nunca conseguirei imaginar ser o João Moutinho pq antes panasca que LAMPIÃO! E como o João Moutinho é lampião… não entre nesses exercícios what if.

Eu nunca conseguirei imaginar ser o João Moutinho pq antes panasca que LAMPIÃO! E como o João Moutinho é lampião... não entre nesses exercícios what if.

Segundo esse raciocinio se calhar es :? …como ei de dizer…paneleiro? :lol:

Ja te acusaram de vestir saias…nao sei e estranho :lol:

Ja que tu ja tentaste ser lampiao, mas arrependeste-te, se calhar pensaste que mais vale ser paneleiro que lampião…não sei eu desconfiava :lol: :smiley:

Se eu fosse o João Moutinho e sabendo o valor que teria, só me preocuparia em jogar futebol e não quereria saber se o clube contratava A, B ou C, queria era saber de jogar e lutar por um lugar no onze.

E pensaria que preferia estar num clube que proporciona as condições ideais para evoluir como jogador e como homem do que noutro, como o dos Galináceos, que vem fazer uma conferência de imprensa por renovarem com 3 juniores, como se eles apostassem muito na formação.