Hóquei português - Quo Vadis?

Acabei há pouco de ver o jogo das meias finais entre Portugal e a Espanha e o mínimo que posso dizer desta nossa selecção nacional, é que é de uma pobreza Franciscana tão grande, que se os próprios padres da ordem de S. Francisco de Assis vissem o jogo, ficavam completamente felizes da vida e com moral para dar e vender.

Perdemos 4 - 1, mas o que é mais preocupante, nem é sequer o resultado, mas sim o facto desta nossa selecção ser tão pobre, tão pobre, tão pobre, que bastou uma Espanha, que também já não é nada do que já foi, para nos “espetar 4 ameixas”. Mas será que estes são actualmente os nossos melhores hoquistas? Mas onde estão os Livramentos? Os Chanas? Os Vítor Hugos? Os Pedros Alves?.. É só aquilo que jogamos? É só patinar velozmente e trocar a bola depressa e nem sempre bem? Então, e a criatividade? E o talento? E o virtuosismo?

Pobre hóquei português… :cry:

Pobre? :? Ainda somos campeões do Mundo até às duas da manhã :lol:
Vi o jogo, na primeira parte jogamos bem. Os espanhóis marcaram por erros defensivos da nossa equipa e também tiveram alguma sorte no jogo, podiamos ter feito o 2-1 por várias ocasiões e o árbitro também parece que tava parvo, o Pedro Gil fez um bloco ao Silva, sem stick, e só levou amarelo!

Curioso que também perguntei pora mim “Onde estão os Paulo Alves, …”.

A Espanha de facto, também já não é nada do que era, mas Portugal cometeu erros que não se cometem …

Eu gosto muito de hóquei e tenho uma grande pena que mais uma vez tenhamos extinguido a secção, mas digo-o com toda a sinceridade: se é isto que o futuro nos reserva, então, não vale a pena levantarem de novo a secção. Imaginem uma selecção nacional de futebol, sem jogadores como o Figo, o Ronaldo, o Deco e por aí fora… e não me venham cá com a velha lenga-lenga que grandes jogadores não aparecem com frequência, porque o hóquei luso sempre foi fértil em jogadores geniais; só de há algum tempo a esta parte, é que não tem aparecido ninguém, o que sinceramente me leva a crer que esta modalidade já conheceu melhores dias: há desinteresse, cada vez menos infra-estruturas e condições, atletas a praticar e clubes a apostar.

É o alegre caminho para o precipício… :?

O que vou escrever vai parecer estranho neste fórum, mas a culpa disto é única e exclusiva do selecionador.

Convocou para o pre-estágio cerca de 15 jogadores e na hora de escolher os 11 definitivos mandou embora 3 jogadores do slb que seriam fundamentais sendo que um deles é o GR que teria sido fundamental.

Ainda que nao tenham sido campeoes os lamps têm uma equipa quase toda feita na “casa” e que numa epoca em que se esperava que lutassem pela manutençao, bateram-se pelo titulo e foram a final da taça. A escolha do Querido foi patetica e aí está o resultado…

Para colmatar a ma exibicao dos portugueses,principalmente na segunda parte.

Estavamos a ouvir o relato pela RDPInternacional e o relator
pensando que nao estava no ar, disse dois valentes palavroes.
nada dignos de um profissional.
Um bom profissional que trabalha na radio deve ser cauteloso com a linguagem,porque pode ser apanhado como este foi ontem.

Confesso que não estou muito por dentro da realidade da selecção portuguesa de hóquei em patins neste momento e, talvez por isso, esperasse mais desta selecção… :roll: :frowning:

Ficámos em 3º no Mundial com uma equipa muito jovem, os jogadores não nascem ensinados e as gerações não são todas iguais, este é mais pobre que a geração dos Alves e companhia mas também não é assim tão má, deixem a equipa crescer! :arrow: