Hóquei em Patins - Época 2020/2021

Plantel 2020/2021:

GR: Ângelo Girão © e Zé Diogo Macedo

Defesas/Médios: Matías Platero, Gonzalo Romero, Gonçalo Nunes, Telmo Pinto e Ferran Font

Avançados: Alessandro Verona, Pedro Gil, Toni Pérez, João Souto e Alvarinho

Treinador: Paulo Freitas

Saídas: Caio (Trissino) e Raúl Marín (Reus)

Entradas: Gonçalo Nunes (regresso de empréstimo ao OC Barcelos) e Alvarinho (regresso de empréstimo ao OC Barcelos)

Temos o plantel fechado. Continuamos fortes mas penso que estamos um pouco abaixo de porcos e toupeiras.

O nosso principal criativo já conta com 40 anos…

Eu acho que há quatro equipas fortíssimas. Ganhará aquela que for mais regular e que será, espero, o GRANDE SPORTING.

Eu acho, mas isto é a minha opinião, que o nosso principal criativo é o Ferrán Font.

Por acaso não concordo…
Acho que olhando ao rendimento de caio e marin e caso o alvarinho e o gonçalo venham com o mesmo nível de jogo que apresentaram em barcelos para mim estamos francamente melhores do que este ano. E sinceramente não vejo nenhum dos três melhores do que eram este ano…muito pelo contrário…
Não esquecendo que esta temporada apesar de estarmos em segundo para mim antes da pausa éramos os grandes favoritos à conquista do campeonato.

1 Like

Permite-me discordar, mas na minha opinião só os lampiões estarão mais fracos
Vejo Porto e UDO mais forte, pelo menos para já na teoria

Esses ainda vamos ver…
Já ouvi falar que o Reinaldo Garcia pode sair dos porcos…
Vamos ver

1 Like

Para mim temos uma equipa muito forte, capaz de vencer todas as competições. Mas não somos o principal candidato em nenhuma.

Existem muitos “SES”:

  • Se Pedro Gil ainda consegue estar a alto nível;
  • Se Font vai deixar de ser perseguido pelos árbitros e melhorar as bolas paradas;
  • Se Verona vai “explodir”;
  • Se Gonçalo e Alvarinho vão ter uma prestação semelhante á desta época;
  • Se Romero não vai ter lesões.
1 Like

Não partimos abaixo de nenhum rival, em minha opinião. A equipa tem muita qualidade, mas o treinador tem de voltar a acertar.

E há um pormenor que considero importante em geral, que é manter a espinha dorsal (Girão, Platero, Romero, Font, Pedro Gil, Perez) de uma equipa que foi campeã europeia sem grandes perdas e rejuvenescê-la um pouco com talento jovem (Verona, Gonçalo Nunes, Alvarinho). E dessa espinha dorsal, só um jogador (Gil) é veterano.

Chamem-lhe fé ou o que quiserem, mas acredito muito nesta equipa e acredito muito em que o Pedro Gil ainda será capaz de fazer uma boa temporada, pelo menos.

1 Like

Tb existem muitos “SES” nos outros 3/4 rivais.
Principalmente benfica que parece que vai mexer bastante.
Olhando para as outras equipas actualmente não acho que sejamos inferior a nenhum adversário.

Será sempre um campeonato muito duro decidido em pequenos pormenores.

Olhando para as outras equipas actualmente não acho que sejamos inferior a nenhum adversário.

Podem chamar fé ou outra coisa mas acredito seriamente que o Gil vai fazer uma época brutal para acabar em beleza e os dois que vão entrar vão elevar muito o nível do nosso jogo.

Já eu sou da opinião que o Gil não devo de continuar no Sporting para a próxima época.
Um jogador de 40 anos com um salário alto com perspectivas de o campeonato não começar ou até começar e chegar ao fim com probabilidades de não termos ligas europeias.

1 Like

O Barcelos foi buscar um miúdo ao Social San Juan de 19 anos, um tal de Nicolas Gutiérrez
Por acaso não conhecia, será certamente um jogador interessante e promissor, senão fosse certamente não vinha parar a Barcelos

Porém, apesar dos 18 anos, continuo a achar estranho como o Facundo Ortiz ainda está no Centro Valenciano, será uma das Next Big Thing do Hóquei Argentino

O GR Bridge (irmão do Facu do Liceo) e o Damian Paez (sobrinho dos manos Paez) também são muito bons

Devia continuar porque não tens dinheiro neste momento para trazer ninguém do nível dele para o lugar dele…tão simples quanto isso…
O gil continua a ser um dos nossos melhores jogadores. E quanto está bem é de longe o nosso melhor jogador.

http://hoqueipt.com/artigo.aspx?id=3425

Para quem quiser ler um pouco mais sobre o argentino que veio para Barcelos

Julian Tamboringuedi no Tomar, reforço brutal deles, é um excelente jogador, era estranho até ainda não estar na Europa, o irmão também é muito bom

http://hoqueipt.com/artigo.aspx?id=3427

Vou vender o peixe que me venderam. Um amigo meu Argentino que segue o hóquei disse-me que esse miudo se não se perder é uma autêntica máquina.

1 Like

Acredito que sim


Hóquei em patins

“ÉPOCA PODIA TER SIDO DE SONHO PARA MIM E PARA O SPORTING”

Em conversa com o Jornal Sporting, Pedro Gil, atleta da equipa de hóquei em patins dos leões, sente que esta podia ter sido a melhor época da carreira a nível coletivo e pessoal

Diogo Grácio

Texto

30 de Maio 2020, 12:11

Pedro Gil, em entrevista ao Jornal Sporting, falou sobre a época que terminou mais cedo devido à pandemia e revelou como tem passado os dias de isolamento.

O antigo internacional espanhol começou por dizer que não tem sido assim tão difícil para ele o período de confinamento, uma vez que se encontra em Espanha junto da família. No entanto, referiu que “a única coisa que me custa é, de facto, estar longe do ringue e dos balneários”, sublinhou Pedro Gil.

Para o experiente jogador de hóquei em patins, a paragem dos campeonatos foi uma decisão chocante e que marcou muito a temporada: “Foi um choque, não estava à espera. Esta época podia ter sido de sonho para mim e para o Sporting CP, isto porque o clube podia tornar-se no primeiro clube português a vencer quatro troféus da modalidade na mesma época e seria a minha temporada com mais títulos”.O jogador leonino acredita que o mais importante, apesar das paragens das competições, é a saúde de cada um e espera que tudo posa voltar à normalidade.

Quanto ao período de quarentena em Espanha, Pedro Gil para além de manter a forma física, tem investido num projeto familiar. “Há vários anos que decidi e comecei eu próprio, juntamente com o meu pai, a construir a minha casa e é nisso que tenho trabalhado. Nas últimas férias não deu para fazer grande coisa, mas agora temos tido tempo e muito trabalho”, referiu o atleta leonino de 40 anos.

Recorde-se que Pedro Gil representa o Clube verde e branco desde 2016/17, vindo do hóquei italiano e desde então conquistou um Campeonato Nacional e uma Liga Europeia de Clubes ao serviço dos leões. Com a listada verde e branca, o espanhol já realizou 116 jogos, tendo marcado 95 golos.
Para além disso, conta com um vasto palmarés internacional, onde se destacam 7 Europeus de Hóquei, 6 Mundiais de Hóquei em Patins e 3 Taças das Nações.

Leonino