Gripe das Aves

Pois é verdade, novo fócus generalizado da gripe das aves parece atingir a maioria da população portuguesa.

Parece que apenas um frango conseguiu infectar, imediatamente, no raio de 400 metros, à volta de 55000 pessoas. A doença foi detectada imediatamente, e estima-se que tenha infectado, quase imediatamente à volta de 1 milhão e meio de pessoas que, inocentemente e sem terem culpa nenhuma, avistaram o tal frango assassino.

Como se sabe, o virus passa-se por contacto, mas também pelo ar. Estima-se que no dia seguinte à volta de 6 milhões de pessoas foram para os seus locais de trabalho com má disposição, resmungonas, e com outros sintomas desta gripe.

Rui Nereu disse “Pá, eu tentei apanhá-lo, mas ele conseguiu fugir” e foi assim que começou o calvário. Enquanto ia embora, conseguimos apurar, que além de afirmar á comunicação social que “tinhamos de olhar para a frente” por 2x, referindo-se ao grupo de trabalho, apurámos exclusivamente que foi a frase que Rui Nereu mais ouviu no balneário… coisas como “olha para a frente palhaço” e “tinhas uma pala nos olhos” foram ouvidas. Então o jovem lá foi repetindo para casa “… olhar para a frente… olhar para a frente…”.

Geovanni, colega brasileiro disse “Os brasileiros podem estar descansados que eu não vou ao Brasil nas próximas semanas, afinal nem no campo corro, quanto mais para o Brasil”

Luisão: “O frango passou bem à minha frente, eu estava a dormir quando ele passou por mim”

Anderson: “… nem vi o frango… estava a tentar acordar o Luisão!”

Petit: “Se soubesse, tinha pegado na merda do frango e partia-lhe a perna… já sei que não levava nem sequer amarelo!”

Nélson: “Ainda fiz uma finta no frango antes de ele entrar”

Simão Sabrosa: “Tentei ainda apanhá-lo, mas eu estava coxo”

João Pereira: “Chamei-lhe todos os nomes que podia caralho!, mas o cabrão entrou à mesma, o filho da puta.”

Nuno Gomes: “Cabrão do frango ia tão rápido que me ia despenteando”

Mantorras: “O frangote não mi deixou jugá!!!”

Tinhamos também as declarações de Karagounis, mas o tradutor estava de férias, e também de Karyaka, mas no fecho da edição o nosso tradutor ucraniano ainda não saiu do trabalho onde apenas trabalha 19 horas por dia, não sabemos pq é que ele ainda não chegou…

Uma comitiva contra a gripe das aves anda a investigar o Estádio da Luz, o qual de momento se encontra encerrado para evitar a propragação da doença. Parece que a UEFA já decidiu que o Estádio da Luz só poderá ter mais um jogo para a Liga dos Campeões esta época, devido a ser com uma equipa que este ano se encontra também abalada por convulsões e má disposições ou seja, num duelo de equipas doentes, já não há problema de propagação do virus

:lol: :lol: