Google Health

Do Diário Digital:

http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=18&id_news=319912

Google prepara estreia de serviço de saúde na Internet

Depois do Google Maps, Google Earth e Google Talk, o maior motor de busca na Internet prepara-se para lançar um serviço de saúde, o Google Health.

Segundo a imprensa norte-americana, o Google já começou a testar o novo serviço e em breve iniciará o armazenamento de dados de saúde de milhares de voluntários.

O objectivo é criar uma ferramenta que permita aos utilizadores ter acesso directo ao seu historial médico, gerir informação sobre saúde e trocar opiniões com especialistas e outros utilizadores do serviço.

Embora a informação possa ser consultada pelos utilizadores, o público em geral não terá acesso a ela já que cada perfil estará protegido por um código de acesso semelhante ao utilizado no correio electrónico.

Pergunto-me que quererá a Google alcançar exactamente com isto. Para que quererá alguém armazenar num “site” externo dados sensíveis sobre a sua saúde, tendo “retornos” tão fracos como a possibilidade de discutir com outros doentes e “especialistas” (que se o forem mesmo não irão trabalhar de borla)?

Isto parece só fazer sentido se for uma tentativa de bombardear os utilizadores com publicidade a produtos farmacêuticos e de áreas relacionadas com a saúde (já que a publicitação de serviços médicos é restringida em muitos países).

Alguém tem conhecimento de algo semelhante, mesmo fora do âmbito da Internet?

Os nossos futuros cartões de cidadãos (novos BI) vão ter esses e outros dados no chip.

Sim, mas isso aí não depende de adesão voluntária nem é um serviço pelo menos semi-comercial.

Certo, mas se nalguns países vamos ter, num único chip, esse historial médico, não estou a ver muito sucesso nessa iniciativa. Além da possível perda de privacidade também os dados armazenados podem estar errados porque nem todos somos médicos.

O futuro vai ser cada vez mais isso (feliz ou infelizmente). Acredito que ainda vou chegar a ver o tipo de publicidade que havia no filme Minority Report:

[youtube=425,350]tiOuZWZ1Dac[/youtube]

Acho que não. O chip tem um nº de identidade que depois é usado para ir buscar dados às bases de dados de cada serviço…não terá lá o teu tipo sanguineo ou se tens herpes…

Oxalá seja assim (e deve ser). No site temos encontramos esta informação:

http://www.cartaodecidadao.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=7&Itemid=35&lang=pt