Futebol Feminino

A famosa “vaca” benfiquista, não iria durar para sempre. Eram 21 adversários possíveis. Uns mais difíceis que outros. Mas havia um que pelo futebol que joga, (que é futebol de equipa cabeça de série) ninguém queria apanhar. O Benfica teve essa “sorte”.

Site do adversário do SLB (tem tradução)

O Racing Power FC, acaba de publicar foto painel das saídas…deve ter ficado o roupeiro.
De entre elas: Vanessa Marques, Evy Pereira, Jenna Tivman, Dolly Wabeua, Catarina Realista, Jenny Vetter, Tânia Riso, Sini Laaksonen, Mariana Campino, Nerimar…

Como é que querem fazer um projeto vencedor a trocar 15 jogadoras a cada ano?

A Neide Simões, foi apresentada como adjunta do Zé Nando no Valadares. Se começar a treinar, a não ser que o abandono, tenha sido por problemas físicos, antes do natal e apesar dos seus 36 anos, está a discutir a titularidade. Quando abandonou aos 30 anos, era top 3 das GR portuguesas.

A propósito da próxima época. Com as 10 equipas, se usarem o método Italiano ou Norueguês, 18+8, com pontos somados, até poderá não ser mau. Teríamos os grandes a defrontarem-se 4 vezes, mais jogos de qualidade. Agora, se forem só 18 jornadas, será só ridículo.

vai ser mesmo assim apenas 18 jornadas. Mês de Abril com um jogo e Maio dois jogos. Vai ser uma competição super empolgante.

Vou ser simpático com a UWCL, e supor que passamos. O Sporting, faz no máximo 4 jogos. Mais 2 da Supertaça. Chegando à final da Taça de Portugal mais 6, Taça da Liga final, mais 5. Com 18,um máximo de 35 jogos. Da Liga F, mesmo os eliminados na primeira eliminatória da Copa de la Reyna, fazem 32.

A AFL, na próxima época, deveria criar uma Taça de Honra, para a primeira Liga. Sporting, Benfica, Damaiense, Torreense e Estoril. Seriam mais 8 jogos para cada equipa.
Mas já esta época, a calendarização, é absurda. A primeira mão da primeira eliminatória da TdL, realiza-se no fim de semana da final da Supertaça. Depois temos campeonato. A segunda mão, da primeira eliminatória da TdL, disputa-se, no fim de semana, em que o Sporting e Benfica, estarão a jogar a UWCL, logo, estão em competição. Ou seja, nesse fim de semana, das 12 equipas da Liga BPI, 10, estão em competição. Duas, RP e Damaiense, descansam, porque não jogam a primeira eliminatória da TdL. Tirando a participação na UWCL, não seria mais lógico, colocar as datas da Supertaça e da TdL, nos mesmos dias e assim, todas as equipas estariam em igualdade de circunstâncias, tendo o mesmo tempo de paragem?

Dá para as jogadoras passearem…

Como se pode competir com outros países com este número de jogos.

Quem for eliminado na primeira eliminatória da Taça da Liga, se for eliminado na primeira eliminatória da Taça de Portugal, fará 21 jogos.

1 Curtiu

Que jogadoras, jovens, com experiência da Liga BPI, irão querer jogar na terceira divisão. Só se forem completamente fanáticas pelo clube.

Ontem no Twitter um gajo dizia que na tinham garantido uma internacional portuguesa. Talvez uma veterana que queira ajudar o clube.

Estou a pensar em dois cenários, jogadoras mais velhas que queiram ter a experiência de jogar num grande e colocá-lo na primeira divisão, ou jogadoras mais jovens que estejam na segunda e não se importem de descer de divisão para ir subindo com o porto.

1 Curtiu

Este ano, não, porque já renovou. Mas tenho
em crer que há uma titular da seleção portuguesa, relativamente jovem, que se o Porto subir, não se importaria de jogar na segunda divisão, por amor ao clube.

Sofia Silva, que estava por empréstimo do SCP no CS Marítimo, assinou pelo Valência, após o SCP anunciar a sua saída.

Liga F em 2023-2024:

A Telma foi, finalmente, apresentada.

https://www.sporting.pt/pt/noticias/futebol/futebol-feminino/2024-07-18/telma-encarnacao-e-leoa

O Damaiense, na Malveira e o Albergaria em Cesar.