Fim da linha para Juskowiak

Andrzej Juskowiak, avançado polaco que representou o Sporting entre 1992 e 1995, anunciou a sua retirada do futebol profissional.

O jogador, agora com 36 anos, disputou este fim-de-semana o seu último jogo pelo Erzgebirge Aue, conjunto da segunda divisão alemã que representava desde 2004.

Juskowiak iniciou a sua carreira profissional na Polónia, tendo actuado também nos campeonatos de Portugal, Grécia, Alemanha e Estados Unidos.

Enquanto teve no Sporting era sem dúvida dos jogadores que mais apreciava.

Um bom valor que tem um marco na nossa história. Boa sorte para a sua vida.

Enquanto teve no Sporting era sem dúvida dos jogadores que mais apreciava.

Um bom valor que tem um marco na nossa história. Boa sorte para a sua vida.

Foi um bocado assim-assim, prometeu muito na selecao e depois chegou aqui todo rebentado e nunca mais se compos… Marcar 25 golos em 75 jogos, nao e la muito brilhante num avancado. Confesso que ao ve-lo jogar na selecao fiquei bastante entusiasmado, depois quando comecou…

Aquele golo ao Boabosta 8)

Eu gostava muito do Juskowiak. Por um lado lembro-me bem desse golo ao Boavista (aliás, estou a pô-lo no YouTube agora e já deixo aqui o link), por outro, aquele remate que ele faz contra o Real Madrid em que a bola bate nos dois postes ainda hoje me está meio atravessado!

Boa sorte para tudo Juskowiak!

EDIT: http://www.youtube.com/watch?v=D7xb64gDhWw

Eu gostava muito do Juskowiak. Por um lado lembro-me bem desse golo ao Boavista (aliás, estou a pô-lo no YouTube agora e já deixo aqui o link), por outro, aquele remate que ele faz contra o Real Madrid em que a bola bate nos dois postes ainda hoje me está meio atravessado!

O que me lembro primeiro do Jusko é o golo ao Boavista, claro. Mas logo em seguida também é esse jogo com o Real Madrid. Que galo! :?

Depois, nos milésimos de segundo seguintes também me vêm à cabeça dois jogos, ambos de 94/95: o duelo que travou com Preudhomme no jogo de Alvalade, e o golo (invalidado) com as costas marcado ao Hubart na Reboleira. :lol:

PS: e o “mítico” bigodinho de 92? :twisted:

Hubart! Eis um nome que eu já não ouvia (lia) à muito tempo!

Quanto ao bigodinho do Jusko, era a trademark! 8)

Eu ja nem me lembrava dele!

Também era dos que eu mais gostava. Talvez pelo estilo não-lusitano-nem-brasileiro.

Lembro-me bem desses 3-0 ao Boavista. Lembro-me também de um golo em Faro na primeira jornada, após assistência (brilhante, de nível mundial) de Carlos Xavier.

A.A.

Também era dos que eu mais gostava. Talvez pelo estilo não-lusitano-nem-brasileiro.

Lembro-me bem desses 3-0 ao Boavista. Lembro-me também de um golo em Faro na primeira jornada, após assistência (brilhante, de nível mundial) de Carlos Xavier.

A.A.

Não foi 5-0??
Tinha essa ideia.Era um optimo jogador,foi o melhor marcador dos jogos olimpicos,não foi?
Nessa altura falou-se até no interresse do Barcelona,mas o presidente Sousa Cintra não o quis vender.

3-0, todos na primeira parte. Aliás, como boa parte dos jogos em casa nessa época.

Jusko, Figo e Balacov (outro golão).

A.A.

Também era dos que eu mais gostava. Talvez pelo estilo não-lusitano-nem-brasileiro.

Lembro-me bem desses 3-0 ao Boavista. Lembro-me também de um golo em Faro na primeira jornada, após assistência (brilhante, de nível mundial) de Carlos Xavier.

A.A.

Não foi 5-0??
Tinha essa ideia.Era um optimo jogador,foi o melhor marcador dos jogos olimpicos,não foi?
Nessa altura falou-se até no interresse do Barcelona,mas o presidente Sousa Cintra não o quis vender.

Era um jogador que eu apreciava particularmente. Um ponta de lança elegante, com escola, um jogador de muito valor que passou por Alvalade, no tempo em que o Sporting ainda ia ao estrangeiro contratar melhores marcadores dos JO, jogadores africanos do ano ou internacionais de selecções de primeira linha em geral (nada a ver com o refugo que o Cácá traz emprestado, portanto).

Juskowiak não teve, nem no Sporting nem noutros clubes, a carreira que o seu talento permitiria. Mesmo assim teve muitos e bons momentos (por exemplo os 15 golos no campeonato 94/95, marcados de enfiada nas primeiras jornadas à média de quase um por jogo), e o Boavista devia ser mesmo o seu talismã.

Para além do célebre golo de bicicleta em 93/94 (num jogo de estádio cheio e grande entusiasmo, em que o Sporting se colou ao beifica depois de o Sá os ter encavado na véspera, ainda pelo Salgueiros), lembro-me do desempate de uma eliminatória da Taça de 94/95, em que cilindrámos os axadrezados por 5-0, num jogo em que o Jusko fez um hat-trick (com golos de verdadeiro predador), e ainda do do Sporting-Boavista para o campeonato desse ano, em que marcou um golo com um desvio ao primeiro poste que, à luz das leis da Física, ainda hoje estou para perceber.

3-0, todos na primeira parte. Aliás, como boa parte dos jogos em casa nessa época.

Jusko, Figo e Balacov (outro golão).


Ficou 3-1. Na segunda parte levámos um golo de um cepo do Boavista, Nogueira, que jogava a lateral esquerdo e se não me engano até chegou a internacional.
3-0, todos na primeira parte. Aliás, como boa parte dos jogos em casa nessa época.

Jusko, Figo e Balacov (outro golão).


Ficou 3-1. Na segunda parte levámos um golo de um cepo do Boavista, Nogueira, que jogava a lateral esquerdo e se não me engano até chegou a internacional.

Confirmado.
E se não estou em erro, esse Nogueira era companheiro de um Nelo e de um Tavares que fizeram enorme sensação quando passaram pelo galinheiro. :lol: :twisted:

3-0, todos na primeira parte. Aliás, como boa parte dos jogos em casa nessa época.

Jusko, Figo e Balacov (outro golão).


Ficou 3-1. Na segunda parte levámos um golo de um cepo do Boavista, Nogueira, que jogava a lateral esquerdo e se não me engano até chegou a internacional.

Confirmado.
E se não estou em erro, esse Nogueira era companheiro de um Neca e de um Tavares que fizeram enorme sensação quando passaram pelo galinheiro. :lol: :twisted:

Acho que é Nelo e não Neca.

Exacto, o Nelo e o Tavares foram contratados pelo “Rei Artur” na época seguinte. :lol:

Mas nós também não nos ficamos a rir, já que em 93 fomos ao Bessa buscar os dois frangueiros que eles lá tinham, e que bem ajudaram a lixar essa época. :?

3-0, todos na primeira parte. Aliás, como boa parte dos jogos em casa nessa época.

Jusko, Figo e Balacov (outro golão).


Ficou 3-1. Na segunda parte levámos um golo de um cepo do Boavista, Nogueira, que jogava a lateral esquerdo e se não me engano até chegou a internacional.

Confirmado.
E se não estou em erro, esse Nogueira era companheiro de um Neca e de um Tavares que fizeram enorme sensação quando passaram pelo galinheiro. :lol: :twisted:

Acho que é Nelo e não Neca.

Exacto, Nelo. Vou corrigir.
O Neca creio que foi adjunto mais ou menos nessa altura.

quando era miudo era o meu idolo! Grande jusko! :wink:

Não foi 5-0??

Esse 5-0 foi para a Taça de Portugal, num jogo de desempate realizado a uma quarta-feira à tarde (por volta das 17h ou 18h). Lembro-me porque lembro-me perfeitamente de estar a fazer os trabalhos de casa da primária (como era puto!). Grande Jusko. Acho que fez um hat-trick, só na primeira parte. :slight_smile:

FLL,estás-te a referir ao Costinha e Lemajic?

Juskowiak é o avançado da bicicleta ao Boavista.Marcou vários golos mas esse ficou-me na memória.
Liedson e Juskowiak naquele tempo…