Equipa de 2015/2016

Acho que ainda não existe um tópico para discussão do 11 titular ou dos integrantes da equipa nesta nova época.
Fica aqui então um tópico para esse tipo de assunto!

Relativamente à frente de ataque e meio campo, temos das melhores frentes de ataque e meio dos últimos anos e com excelentes opções para substituições.

Mesmo a defesa acho que está bastante sólida pecando apenas nas laterais, onde está a nossa maior lacuna (lado direito) e dúvida (Jefferson sai? Quem vem?) para esta época que aí vem

Mas aposto em qualquer coisa como isto:
RP
?—PO—Ewerton—??
WC
Adrien–JM/Labyad
BRuiz-------Carrillo/Mané/Viola
Slimani/Teo?

E mesmo se optarmos por um 442 losango ficamos com excelentes opções

Sem reforços nem saidas é dificil se discutir o 11 inicial [emoji14]

o JJ é completamente contra o 4-3-3 porque segundo ele é uma tática fácil de anular.
Apostaria num 4-4-2 com o Ruiz na ala esquerda mas muito a cair para o meio, ficando o Jefferson (Upgradissimo ao Eliseu Matateu do carnidefc) a fazer o corredor.

GR: Ru1
DD: ? Esgaio
DC: POliveira
DC: ? Ewerton/Tobias
DE: Jefferson
MDC: Williams
Box to Box: Adrien/Slavchev/Labyad
Ext Dir: Carrillo/Iuri/Mané
Ext Esq: Ruiz/Gauld/Mané
Av: Montero/Teo
PL: SuperSlim/RvW

A confirmar-se as contratações do Teo e RvW, faltando um reforço para lateral direito e um central, e se ninguém sair, a dor de cabeça é mesmo escolher o melhor 11 possível, vamos ter um plantel muito competitivo e por certo estaremos em condições de lutar por todos os títulos de Portugal.

Este tópico é mais para falar da equipa em geral e não só de um ou outro jogador em especifico, ou seja, o que alteraríamos, onzes, que está bem ou mal, etc…é um tópico à base dos outros que têm existido, mas de épocas anteriores

E o João Mário? :wink:

                                                                 Rui Patrício

João Pereira Paulo Oliveira Contratação Jefferson

                                                                William Carvalho

                                                         João Mário

                         Carrillo                                                                              Bryan Ruiz
                                                                       Teo Gutierrez
                                                                Slimani

Algumas notas.
Não descarto a possibilidade de Adrien alinhar no meio-campo, com o William mais recuado, e João Mário como falso médio direito num 4-4-2.
Um pouco à semelhança do que o João fez no Europeu.
Em jogos de maior responsabilidade e onde exista a necessidade de privilegiar o posicionamento no meio-campo, penso que o Jorge não pode negligenciar o entendimento de William-João Mário e Adrien.
Mas penso que Adrien, com Jesus, perderá influência.
Aprecio bastante as qualidades de Adrien, mas num sistema de 4-4-2, penso que o treinador optará sempre, primeiro, por uma dinâmica que envolva o William e o João.
Mas é interessante esmiuçar as ideias do Jorge.
A ideia que tenho do seu 4-4-2, é que normalmente, embora jogue com um jogador em cada ala, existe sempre um jogador mais “extremo” (no verdadeiro sentido) do que o outro jogador que alinha na ala contrária.
Ou seja, há sempre um extremo com mais predisposição para “verticalizar” o jogo, enquanto que outro para procurar espaços interiores.
Com a entrada do João Pereira, a necessidade de ter um extremo direito com características verticais é atenuada, na medida em que o João é um lateral muito ofensivo.
Aliás, uma ala que tenha a presença do J. Pereira, pode perfeitamente ser construída com um médio-ala de maior contenção táctica, ou se quiserem, um médio-ala de características mais “interiores”.
É por isso que, provavelmente, Jesus irá testar a convivência de William-Adrien e João Mário num sistema de 4-4-2.
Porque independentemente de João Mário ser um box-to-box extraordinário, imagino que “custe” ao Jorge Jesus, colocar um jogador tão fiável como Adrien, no banco.

Mesmo com a vinda de Teo e (eventualmente) a do Mitroglou, creio que em condições normais, Slimani terá lugar assegurado.
Teo e o grego é que terão de disputar pela posição de segundo avançado (ainda que ambos tenham características diferentes).

Sinceramente, embora eu tenha colocado o Bryan Ruiz na esquerda, penso que ele rende mais como segundo avançado, ou então a descair para o meio a partir da direita (porque é canhoto).
Mas penso que se o Carrillo ficar, será uma pedra basilar no 11 de Jesus e o peruano rende muito mais na direita.
Não estou a imaginar o Jorge a “sacrificar” o potencial do Carrillo, derivando-o para a esquerda, para maximizar o rendimento do Bryan.
Provavelmente jogarão ambos numa dinâmica de trocas constantes.
Mas Bryan é um desejo antigo, por isso será tendencialmente um titular indiscutível.

Uma dupla Mitroglou e Slimani semearia o pânico em todas as defesas. Esta dupla, por si só, mesmo admitindo que ambos os jogadores se encontrem em dia não, causa preocupações adicionais não apenas à dupla de centrais adversária, bem como ao próprio médio defensivo.
Estamos a falar de dois avançados muito fortes do ponto de vista físico.

Estou com alguma curiosidade para perceber como é que o Jorge Jesus irá encaixar todos estes jogadores.

Se um dos miúdos se “revelasse” em iguais proporções como William se revelou sob o comando do Leonardo, seria fantástico para nós.

Estou aqui a tecer considerações, algumas delas algo contraditórias (porque não sei como é que JJ encaixará Carrillo, Ruiz, Teo etc etc) mas o futebol é feito de surpresas.
JJ não é um “pau mandado”.
Acredito, piamente, que se um qualquer puto (Iuri, Gelson, Matheus) mostrar que merece lugar no 11, JJ não hesitará.

Isto esta bom pá. Palhinha Evertow agora William , a seguir e o adrien que se lesiona querem ver . que raio de sorte.

Com um bocadinho de tempo livre peguei numa folha de papel e apontei os jogadores que estão neste momento em estágio a trabalhar com o JJ.

1 Rui Patricio
2 Marcelo Boeck
3 Azbe Jug

4 João Pereira
5 Miguel Lopes
6 Esgaio

7 Ewerton
8 Paulo Oliveira
9 Tobias
10 Sarr

11 Jefferson
12 Jonathan

13 William
14 Slavchev
15 Oriol Rosell
16 Wallyson

17 Adrien
18 João Mário
19 Ryan Gauld
20 Labyad
21 André Martins

22 Carrillo
23 Wilson Eduardo
24 Carlos Mané
25 Capel
26 Viola
27 Gelson

28 Montero
29 Slimani
30 Tanaka

Portanto e se não cometi nenhum erro, estão 30 jogadores às ordens da equipa técnica.

A estes 30, podemos juntar o Bryan Ruiz e pelo menos mais 2 ou 3 contratações que estão a ser ultimadas, um central (talvez Douglas), Teo Gutierrez e talvez Mitroglou. Ou seja estamos a falar de 34 jogadores.

Como é óbvio o plantel não vai ter 34 jogadores, calculo que possa ter 24 elementos incluindo 3 guarda redes.

Passei a outra fase do meu raciocínio, eleger os 24 magníficos.

GUARDA REDES - 3

  • Rui Patricio
  • Boeck
  • Jug

Esta não era difícil.

DEFESAS - 8

João Pereira
Esgaio
Paulo Oliveira
Ewerton
Tobias
Contratação (Douglas)
Jefferson
Jonathan

Na minha selecção a opção lógica é prescindir do Miguel Lopes. Sabendo que o Godinho Lopes deixou mais esta armadilha, a melhor solução é emprestar este jogador e libertar a SAD de um ordenado alto. Também me parece fácil imaginar que o Sarr não fará parte do plantel.

MEIO-CAMPO - 5 (talvez 6 devido à lesão do William)

William
Adrien
João Mário
Wallyson
Slavchev ou Rosell

Aqui já começa a ser mais difícil fazer a triagem. Elegi estes 5, tendo em conta que o JJ vai ter de optar por Slavchev ou Rosell, porém aqui abro a excepção para ficarem os dois tendo em conta a recente lesão grave do William, podendo o plantel por isso ficar com 25 elementos. Para mim o André Martins não tem espaço para continuar.

EXTREMOS - 5

Bryan Ruiz
Carrillo
Mané
Gelson
Viola
Capel (?)
Labyad (?)

Gostava de ver o Viola no plantel, mas confesso que aqui podem existir outras opiniões e que o Argentino pode estar a disputar a vaga com Capel e Labyad. Porém não acredito que o JJ fique com os 3. O Labyad pode ter vantagem porque pode jogar mais junto à linha ou pelo meio.

AVANÇADOS - 3 (talvez 4)

Slimani
Montero
Teo Gutierrez
Mitroglou (?)

Por fim os avançados. Tendo em conta as contratações que se advinham, e formação do plantel seria uma surpresa o Tanaka continuar. Slimani e Montero estão garantidos, a estes dois podemos juntar o Teo. Com as escolhas que ficaram para trás já temos 24 jogadores, 25 se ficarem Slavchev e Rossel.

Começam aqui as minhas duvidas. Se chegar também o Mitroglou, na minha opinião caí o Viola, e acho dificil o Capel e Labyad caberem no plantel.

Porém se o JJ abdicar de um destes dois, Slavchev ou Rossel, e não entrar um quarto avançado, então entre Viola, Capel e Labyad, pode ficar dois. Contudo se entrar um quarto avançado, já baralha as contas todas outra vez.

Parece-me porem que este poderá ser o plantel mais equilibrado e homogéneo dos últimos largos anos. Um plantel forte que nos deixa sonhar.

Aceitam-se opiniões. :wink:

Falta ai o Ruben Semedo que também tem trabalhado com o plantel principal

Concordo com quase tudo. Deixo só reservas em relação à situação do Carillo, parece-me, e espero que assim seja, que a sua permanência se dará apenas com uma renovação de contrato. Não me parece que fique caso não renove, e caso assim seja talvez tenhamos de ir ao mercado.

Falta o Iúri Medeiros nesse plantel. E o Gauld

É verdade, esqueci-me do Gauld, Iuri Medeiros, e Ruben Semedo. Em todo o caso não me parece que algum destes 3 tenha possibilidades de fazer parte do plantel final escolhido pelo JJ.

Diria que o plantel vai andar à volta disto:

1-RP
2-Marcelo
3-Jug

4-JP
5-Miguel Lopes ou Esgaio

6-Jefferson
7-Jonathan

8-Paulo
9-Ewerton
10-Douglas ou outra contratação
11-Tobias

12-William
13-Slavchev
14-Wallyson
15-JME
16-Adrien(se não sair)

17-Mané(se não sair)
18-Gelson
19-Iuri
20-Carrillo

21-Teo ou outra contratação
22-Ruiz
23-Montero
24-Mitroglou ou outra contratação

Como notas diria:

-Não me importava que pelo menos o Mané saísse. Para realizarmos um encaixe.
-Acho que o Slimani está a ser negociado e só aguarda a finalização dos negócios Teo e Mitroglou (se eles de facto estiverem perto disso).

Diria que o onze titular que actuará na Supertaça será algo assim:

Patrício, J. Pereira, P. Oliveira, Cont ou Tobias, Jefferson, Wallyson ou J. Mário, Adrien, Carrillo ou Cont, Labyad, Mané ou Gelson, Montero, Slimani

As grandes dúvidas para já, para mim, são quem é o central que chega, que médio acompanhará Adrien (Wallyson mais alto e começou a trabalhar há mais tempo, J. Mário tem mais tarimba e verticalidade), saber se Carrillo fica ou não (caso contrário tem de se ir ao mercado buscar um extremo que faça a diferença) e quem jogará do outro lado.

Diria que o plantel será algo assim:

Patrício, Boeck, Jug

J. Pereira, Lopes/Esgaio, Jefferson, Jonathan

Ewerton, Cont, P. Oliveira, Tobias

William, Wallyson, Adrien/Cont, J. Mário, Esgaio/Rosell/Martins

A. Carrillo/Cont, Mané, Gelson, Medeiros e/ou Labyad

Ruiz, Montero, Slimani, Teo ou Mitroglou

Basicamente, Lopes na luta com Rosell (apesar das posições diferentes, depende do que o treinador achar de Esgaio, se contará como lateral tirando o lugar ao Lopes, ou como médio tirando ao Rosell), Medeiros com Labyad, e dúvidas sobre que PL e DC iremos contratar.

Total de contratações - Jug, J. Pereira, Ewerton, DC, Ruiz, PL, EXT? (esta última depende de Carrillo).

Jogadores “promovidos” - Esgaio, Wallyson, Gelson e Medeiros/Labyad (barra significa ou).

Penso que os convocados para a viagem ah África do Sul será já uma triagem e um esboço muito aproximado do que será o plantel, com as condicionantes que existam em relação a contratações por fechar (era bom que ate la estivessem fechadas) e com alguns jogadores a não viajarem por lesão (William e Ewerton).

Parece-me também que o plantel terá uns 26/27 jogadores, a contar com os GR. Menos que isto, parece-me curto, embora exista sempre a equipa B.

Portanto, por mim ficavam os seguintes:

Ru1, Boeck, Jug

JP, Esgaio, Jeffreson, Jonathan

P.Oliveira, Tobias, Ewerton, Contratação

William, Wallyson, Rossel

Adrien, JM, Labyad, Gauld (este ultimo dificilmente fará parte do plantel, infelizmente)

Ruiz, Carrillo, Mane, Medeiros, Gelson

Montero, Slimani, Mitrogou(?), Teo(?)/Tanaka

Saídas: (venda/empréstimo/equipa B)

Miguel Lopes (empréstimo ate final do contrato com o clube receptor a pagar a totalidade do ordenado, era excelente)
Sarr (empréstimo ou equipa B, de prevenção para a A em caso de lesões/castigos)
Rúben Semedo (novo empréstimo ou venda)
Slachev (empréstimo ou equipa B, de prevenção para a A em caso de lesões/castigos)
André Martins (gosto dele mas, na minha opinião, o seu ciclo acabou no Sporting, ainda para mais acaba contracto em 2016. Tentar encaixar qualquer coisa com a sua venda)
Wilson (venda)
Salomao (venda/empréstimo ao deportivo ate final do contracto)
Viola (devido ah pequena percentagem do passe que detemos, talvez um empréstimo fosse a melhor solução)
Capel (venda, nem que seja por 100 mil euros)
Tanaka (caso venham mais 2 avançados, infelizmente não vejo lugar no plantel para o Japonês)

O plantel final deverá ter mais 2 contratações DC e SA, e assim sendo deverá ficar assim:

Temos a vantagem de certos jogadores poderem jogar noutras posições, por isso não via com maus olhos outras saídas.

O onze inicial com o plantel que atualmente temos e em condições normais deverá ser o seguinte:

Ainda conto com a contratação de um DC/PL e stalvez um extremo (Cervi :drool: )

A minha maior duvida vai passar pela definição do extremo esquerdo e o SA caso Teo venha. Extremo esquerdo porque não acredito muito que Bryan se enquadre totalmente no estilo de jogo de JJ a extremo, mas penso que vem para essa posição. Caso Teo venha deverá assumir automaticamente a titularidade e o Montero fica para o banco.

Labyad só entrou na segunda parte contra o Mafra? Quer dizer alguma coisa? Sabem de algo? Se conta ou não para Jesus

IMO, o onze mais forte que temos. ( Considerando que o Mitro vem, se não ponho o Sli no seu lugar)

onde ta o Paulo Oliveira ?

Prefiro o Tobias :great: