ENCERRADO!

Conclusão: não vejo grandes anormalidades… as “discrepâncias” referidas podem ter algum fundo de razão, mas parecem-me mais “mariquices” próprias do normal funcionamento de uma Universidade… não sei como é a Independente, mas sei que coisas semelhantes aconteceram e acontecem na que foi a minha Universidade, a UNL, sem que fosse propriamente uma falcatrua.

Em relação ao grau, também me passaram a chamar médico logo a seguir a ter concluído o curso… a definição correcta seria “Licenciado em Medicina autorizado ao exercício NÃO-AUTÓNOMO da profissão até possuir Certificado de 24 meses de experiência/prática clínica”… ora, que tradução é que fazes disto? É médico ou não é médico?

Licenciado em Medicina

Conclusão: não vejo grandes anormalidades... as "discrepâncias" referidas podem ter algum fundo de razão, mas parecem-me mais "mariquices" próprias do normal funcionamento de uma Universidade... não sei como é a Independente, mas sei que coisas semelhantes aconteceram e acontecem na que foi a minha Universidade, a UNL, sem que fosse propriamente uma falcatrua.

Em relação ao grau, também me passaram a chamar médico logo a seguir a ter concluído o curso… a definição correcta seria “Licenciado em Medicina autorizado ao exercício NÃO-AUTÓNOMO da profissão até possuir Certificado de 24 meses de experiência/prática clínica”… ora, que tradução é que fazes disto? É médico ou não é médico?

No curriculo tens que pôr “Licenciado em Medicina autorizado ao exercício NÃO-AUTÓNOMO da profissão até possuir Certificado de 24 meses de experiência/prática clínica” não médico… que basicamente era o que ele tinha feito… uma pequena mentira, mas mesmo assim uma mentira.

Lamento, mas neste caso é mesmo Médico já que não existe o estatuto de Licenciado em Medicina (apenas aquela descrição longa e complicada que referi)… Deixo-te outras: Médico Assistente em Cirurgia Geral, Especialista em Cirurgia Geral ou Cirurgião? Dr. ou Doutor?

Por aqui podes ver as voltas que a coisa dá… sendo que a comunicação social costuma ser a primeira a desvirtuar logo à partida o estatuto das pessoas… que não interessa para nada, como já se percebeu, mas que depois origina estas “brincadeiras”… por isso é que acho que fazer notícia do Eng. Sócrates, que não é bem Eng., é mais ou menos Eng. Técnico Civil, assim e assado, parece-me um pouco irrelevante… mas isto sou eu a achar! :smiley:

Eu ainda hoje não tenho a certeza se sou economista ou “apenas” licenciado em economia. :slight_smile:

Eu ainda hoje não tenho a certeza se sou economista ou "apenas" licenciado em economia. :)

:lol: :lol: Olha coitado também do Avantix que não é Eng. mas “apenas” Licenciado em Informática, porque lhe falta a Física (epá, será que conta a do 12º ano se a fizeres :D?)… mas pronto, ele ao menos já é tratado por Engenheiro :D… oh Avantix se calhar fizeste a Física e nem te apercebeste :lol: :lol:

Podes sempre pedir equivalencia! :slight_smile:

Eu ainda hoje não tenho a certeza se sou economista ou "apenas" licenciado em economia. :)

:lol: :lol: Olha coitado também do Avantix que não é Eng. mas “apenas” Licenciado em Informática, porque lhe falta a Física (epá, será que conta a do 12º ano se a fizeres :D?)… mas pronto, ele ao menos já é tratado por Engenheiro :D… oh Avantix se calhar fizeste a Física e nem te apercebeste :lol: :lol:

Vou-me matricular novamente na universidade num curso de fisica, faço a cadeira de fisica 1. e peço certificado! Engenheiro :smiley: :smiley:

Eu quero lá saber se sou Eng. ou Dr. Eu quero é ter trabalho para fazer durante a minha carreira!

Tal como já se verificou em situações passadas, quando alguma coisa não é do agrado do “aparelho”, sai logo legislação para corrigir o “mal”.

Então preparem-se para a volta do “Lápis Azul” (Os mais velhos saberão o que isto é) sob a forma de “Comissão da Carteira”.

Não será bem da mesma forma. Digamos que as matérias não serão préviamente analisadas, mas será antes estabelecido um “auto-controlo” e quem esticar o pescoço para fora da casota fica sem a certeira de jornalista.

Augusto Santos Silva, ministro dos Assuntos Parlamentares com a tutela da comunicação social, diz que o novo Estatuto do Jornalismo vai permitir à Comissão da Carteira sancionar o que designa por jornalismo de sarjeta. Nega qualquer controlo sobre a RTP e garante que o Governo PS está firme como uma rocha.

Entrevista completa aqui.

Portanto, vai passar a ser possivel condicionar a publicação de afirmações como “Há falhas no dossier de José Sócrates na Universidade Independente” pois quem o fizer poderá perder a sua carteirita de jornalista.

Claro que isto não deixa de ser uma outra infeliz coincidência à qual não me habituo.

Aguardo para ver as mais revoltadas reacções por parte do Sindicato dos Jornalistas, da CGTP, do Miguel Sousa Tavares, da UGT, do Louçã, do Carvalho da Silva, do Presidente da Frente Comum de Sindicatos da Função Pública, da Odete, do Miguel Portas, do Pacheco Pereira e da Tia Xica. Ou talvez não…

vitinhos, li o que está escrito nesse blog. Não revela muita coisa, e no fim as perguntas que ficam por responder, segundo o autor, são as seguintes:

a) Por que motivo essas cadeiras cujos domínios Sócrates já tinha cursado não seriam (ou não terão sido) apresentadas pelo candidato no requerimento, que com certeza acompanhou do certificado do Instituto de Coimbra, e aceites como equivalentes pela dita “comissão científica” da Universidade Independente?
Esta pergunta é um pouco, sei lá, irrelevante, não?

b) E se, ao contrário, existiam algumas cadeiras que Sócrates não tinha realizado no ISEC e ISEL que constavam do curriculum da Independente, por que não lhe exigiu a dita “comissão científica” da UnI que as fizesse, em vez das outras que já tinha realizado?
O que li no artigo foi que o autor SUPÕE que determinadas cadeiras são parecidas com outras e como tal faz a “brilhante” dedução que são essas que se têm de considerar como feitas. Ora dou-te um exemplo: se alguém fizer Anatomia noutra faculdade de medicina que não a minha e se pedires equivalência ao 3º ano, sabes o que te dizem?.. Desculpe, mas ainda vai ter de fazer Anatomia (1º e 2º ano), porque o reitor da cadeira diz que sim, que tem de ser. Já se tiveres feito Epidemiologia num dos anos iniciais, estás dispensado de Saúde Pública do 6º ano!, cujo conteúdo nada tem a ver com epidemiologia em si e é mais uma cadeira de projecto.

c) Tendo em conta a vocação e especialização de Sócrates pela área do ambiente (onde a matéria das ETARs era fulcral nesses anos), por que não propôs o deputado especialista em Ambiente, fazer a disciplina de Saneamento Ambiental do ISEL que não possuía de nehum dos cursos anteriores e tenha antes proposto/recebido a obrigação de efectuar as exigentes cadeiras de Análise de Estruturas, Betão Armado e Pré-Esforçado, e Estruturas Especiais cujo conteúdo já tinha antes cursado?
Pergunta ridícula como já expliquei antes. Além disso, porque raio é que um aluno há-de querer fazer as cadeiras que o autor deste artigo determina?!

d) E se - diz o Público, baseado nos documentos que viu e guardou - Sócrates pediu equivalência a 25 cadeiras como pode ter recebido equivalência a 26?..
Porque quem fez a avaliação do currículo dele achou que 26 cadeiras do curso tinham avaliação suficiente para serem consideradas equivalente… onde é que está o problema disto?

e) E se for confirmado que foi dada, por lapso, equivalência a mais uma disciplina do que Sócrates pediu que consequências terá - o primeiro-ministro teria de fazer mais uma cadeira para validar a licenciatura?.. Suponho que não.
Obviamente que não, é completamente ridículo… então imagina que copiaste num exame duma cadeira do 2º ano da faculdade que se calhar te permitiu passar com 14 valores (não sabes quanto teria sido sem copiar)… passados 10 anos vem um tipo qualquer e diz que copiaste nesse exame e que portanto o teu diploma não é válido e que precisas de a fazer outra vez para concluir a licenciatura… por favor, não?

Eu não sei, mas o tipo que escreveu isto parece que nunca andou numa Universidade… e depois sinceramente, também não entendo essa obsessão com o facto das pessoas TEREM OBRIGATORIAMENTE de querer fazer determinadas cadeiras porque sim, ou então aquela por achar que uma Universidade NÃO PODE privilegiar determinadas cadeiras em detrimento de outras em Conselho Científico ou ainda a outra em que o autor QUER À FORÇA decidir quais as cadeiras que podem ou não ser substituídas umas por outras (será que o autor é uma entidade de aconselhamento científico?).

Ou seja, depois do artigo fiquei na mesma… continuo a não ver a grande irregularidade, o tal percurso obscuro apregoado, vejo isso sim, alguma tendência para o desleixo nos registos e admito alguma leviandade por parte dos avaliadores da Independente que trataram das equivalências, mas mesmo isso é um talvez daqueles muuuito grandes.

Conclusão tudo normal ?

Limitação de responsabilidade: José Sócrates Carvalho Pinto de Sousa não é suspeito no seu percurso académico da realização de qualquer ilegalidade ou irregularidade!

Tudo falsidades encobertas, essa Universidade ja’ devia ter fechado ha’ muito tempo e ser investigada todo o pessoal que se formou la’. Se a ordem dos engenheiros nao a reconhece isso diz tudo…

Segundo o Publico de 22 de Março:

"“O certificado de habilitações, assinado pela chefe dos serviços administrativos, Mafalda Arouca, e pelo reitor, Luís Arouca, indica ainda que o curso foi concluído a 8 de Setembro de 1996, com média final de 14 valores.”

Estranho … 08 de Setembro de 1996 foi … um domingo!

Desculpem … é normal … peço imensa desculpa!

:smiley: :smiley:
davas para ser jornalista…

Mas nada mais normal para pessoas que andaram na universidade publicas e privadas ...

Depois não gostas de levar com umas respostas mais tortas!

Alguem respondeu-te a um post enorme que colocatse sobre várias questões … dignaste-te a responder de novo ?

Tu apenas colocas textos de outros, e mandas boquinhas simples!

Será assim tão dificol para ti aceitar que alguimas das questões que vais colocando aqui são perfeitamente normais em universidades publicas ou privadas ?

Se iusso justifica ou não o diploma do Socrates … não sei! Mas que pode acontecer pode!

Nem sei do que vale estar-te a responder … tu raramente respondes a quem te questiona … simplesmente metes mais textos publicacos … desisto mesmo!

ahhh, mas cuidado com as boquinhas dirigidas, que aqui ninguem é parvo! Se não gostas de levar com boquinhas ou de ser picado, então evita fazer o mesmo!

Avantix tem calma homem!

A vida sao dois dias rapaz …

Mas queres que responda a que diz la?

Pergunta que eu vou debruçar-me sobre o assunto …

Ve sa se te acalmas a escrever … escreves tao depressa que é so erros … pareces que me estas com uma raiva :frowning:

Avantix tem calma homem!

A vida sao dois dias rapaz …

Mas queres que responda a que diz la?

Pergunta que eu vou debruçar-me sobre o assunto …

Ve sa se te acalmas a escrever … escreves tao depressa que é so erros … pareces que me estas com uma raiva :frowning:

:roll: :arrow: