Empresário de Jonathan Cafú confirma interesse do Sporting - O JOGO

Empresário do jogador confirmou que vai reunir-se com a SAD verde e branca a 18 de abril e revelou que os lisboetas têm a concorrência da Lázio e de outros dois clubes: um espanhol e um russo.

Determinado a contratar dois avançados para a próxima temporada, o Sporting está ativo no mercado à procura de um jogador que possa fazer sombra a Dost e outro que desempenhe as funções de segundo avançado. Segundo o que O JOGO apurou, os leões identificaram Jonathan Cafú como um dos alvos para a posição habitualmente ocupada por Alan Ruiz e fizeram uma sondagem junto do Ludogorets para conhecer as condições necessárias à contratação de um jogador que também passou por Ponte Preta e São Paulo, entre outros.

Contactado pelo nosso jornal, Luís Augusto Carvalho, empresário do atleta, confirmou a abordagem dos leões pelo jogador e garantiu que o Ludogorets só estará disposto a negociar Cafú por um valor acima dos oito milhões de euros.
“Ele é o goleador da equipa e uma peça importante do esquema. Deu nas vistas na Liga dos Campeões e na Liga Europa e o Ludogorets só admite negociá-lo a partir dos oito milhões de euros”, salientou o agente, revelando que Lisboa é um dos seus pontos de passagem numa viagem pela Europa que servirá para se encontrar com potenciais interessados no avançado brasileiro. "Tenho viagem marcada para a Bulgária, onde me vou reunir com o presidente do Ludogorets, e no dia 18 de abril vou estar em Lisboa para falar com o Sporting. Também irei à Rússia, a Espanha e à Itália para conversar com outros clubes que fizeram abordagens pelo Cafú. Um deles será a Lázio, cujo interesse já é do domínio público", atirou Luís Augusto Carvalho.

Apesar de não ser um camisola 9 puro, Jonathan Cafú tem demonstrado faro goleador ao serviço do campeão búlgaro e apresenta como grande cartão de visita os quatro tentos apontados na Liga dos Campeões: dois ao Estrela Vermelha, na terceira pré-eliminatória, um ao Arsenal e outro ao Basileia. Aos remates certeiros ainda juntou três assistências, registo que o tornou numa das grandes revelações na liga milionária. Os dez golos na liga da Bulgária também ajudam a justificar a cobiça de vários clubes europeus pelo avançado que, em janeiro último, chegou a ser associado ao FC Porto.

Notícia: O JOGO


Jonathan Cafú
25 anos
1,73m
Brasileiro
Avançado / Extremo Direito

2016/2017 - Ludogorets - 36 jogos 13 golos 9 assistências (a decorrer)
2015/2016 - Ludogorets - 23 jogos 9 golos 3 assistências
2015 - São Paulo - 12 jogos 1 golo
2014 - Ponte Preta - 33 jogos 7 golos
XV de Piracicaba - 13 jogos 5 golos

https://www.youtube.com/watch?v=77_-AkNs0C0

Tem tudo para ser um complemento perfeito ao Bas. É rápido, bom drible, não dá uma bola por perdida… e tem aquilo pelo qual andamos a salivar num SA - golo. Gostava muito que viesse para vestir a verde e branca apesar dos números que se fala (8 milhões)… mas a qualidade paga-se. :mais: :mais: :mais:

Fica é a faltar perceber quais são os planos para o Alan Ruiz…

É um jogador completamente diferente do Alan Ruiz: rápido, potente, boas movimentações, tem golo…
É uma espécie de Rodrigo

Com tanta conversa do empresário e sabendo como o Bruno gosta de fazer negócios, cheira-me que já foste.

gostava muito.

Para fazer os golos que tem feito não serve.

Já vi o cafu jogar bastantes vezes e digo-vos que é um jogador daqueles que os adeptos gostam. Futebol espectaculo, em 1x1 é capaz de partir quase quem quiser, é capaz de rachar 3,4,5 de um vez se quiser. Mas também é capaz de se meter em buracos a mais por vezes. Mas em algumas situações associa-se bem com os colegas. Vem da equipa dominador da Bulgária e vejo isso sempre como um bom indicador, sinal de que está habituado a passar 90% do tempo a atacar e a enfrentar blocos baixos.
Não é propriamente um goleador.

A questão é: Com Matheus, Podence, Geraldes, Iuri, Gauld, Chaby e noutra linha Alan Ruiz, Bryan Ruiz e Bruno César, valerá a pena gastar dinheiro em extremos?

Num destes sim.

O resumo ideal do cafu é tipo isto:
https://www.youtube.com/watch?v=lSuBWj8Io6k

Simplesmente não.

Especialmente tendo em conta as lacunas bem mais evidentes no plantel e os recursos limitados que o Sporting dispõe para atacar o mercado.

Ou vamos novamente abordar a época sem laterais? Sem um backup para o Adrien?

É a estrela da sua equipa e um jogador em alta no seu campeonato, mas 8 M é bastante exagerado.
Mas que tem qualidade, é inegável.
Não me parece é que as suas características vão de encontro as necessidades.

Envolver o nosso médio internacional búlgaro, Slavchev numa troca e mais algum em euros talvez não fosse má ideia. :inde:

Exactamente o meu ponto de vista. Há lacunas bem mais prioritárias. Só quero ter um bocadinho mais de tempo livre para criar o “meu” Sporting 2017/2018. Porque é um exercício sempre interessante para mim de fazer.

8 milhões? Porra. Na altura em que ele tava no São Paulo também se falou dele para nós e não me pareceu nada de especial. Tirava uma finta aqui e ali e depois nem sabia o que fazer à bola. Pode ter tido uma evolução grande lá na Bulgária, mas porra 8 milhões…

Parece que o empresário vai fazer um tour para o vender, e um dos clubes que vai abordar é o Sporting. 8M€ é o preço dele, logo valor por cima, valor para regatear, caso estejamos interessados.

Isto :arrow:

Não sei qual é objectivo de contratar um extremo.

A notícia até fala que o Sporting o identificou para jogar atrás do Dost :wink:

8M€ por um jogador do campeonato búlgaro!? :o

Pode ser um jogador muito interessante, não o conheço, mas o valor é altamente inflacionado. Não pode ser dez jogos nas competições europeias e um golo marcado ao Arsenal que o fazem valer 8M€.

O Slavchev também era um craque naquela liga e por cá nunca fez nada.

Ainda pior então, só demonstra que o conhecimento sobre o plantel e aquilo que se pretende para a próxima época roda o zero. :inde:

Já vi jogar uma ou outra vez, uma equipa engraçada este Ludogorets.

Bom jogador mas obviamente que 8 milhões é muito tendo em conta o campeonato em questão.

Eu acho que a necessidade principal é acrescentar jogadores de qualidade a uma equipa extremamente medíocre. Isso sim deve ser o foco mais do que a posição do jogador em questão