Departamento de preparação fisica

Boas,

Na campanha das ultimas eleições o agora nosso Presidente falou várias vezes na criação de um departamento de preparaçã fisica que iria acompanhar todos os escalões e que seria à parte do resto da equipa técnica mas trabalhando em conjunto com a mesma.

No entanto começa hoje a pré-epoca e ainda não existe tal departamento.

Será que devido ao estado em que se encontrou o clube esta ideia não pode avançar agora?
Será uma aposta para mais tarde?

SL

Deve avançar depois de a casa estar arrumada e limpa!
Mas a trampa é tanta que a coisa deve demorar!

Concordo, não se pode esperar este departamento em funcionamento (pelo menos moldes que eles querem) já esta época. Com certeza que farão novo plano para começar a partir da próxima época. Entretanto, podem ir testando certos aspectos desta funcionalidade de forma a aperfeiçoar a ideia. Para mim, seria esta a melhor forma de encarar isto nas actuais circunstancias.

Alguém tem ideia de como anda este departamento? Pergunto isto porque nunca mais ouvi falar dele, nem o LJ parece ter um preparador físico indicado pela direcção, como dito no programa eleitoral.

Poderia ser igual ao dos lamps, na terça até pareciam cavalos. :shhh:

Este é para mim um ponto interessante de discutir. O benfica, desde que o Jesus está lá, tem demonstrado uma capacidade física impressionante em grande parte das épocas. Correm e pressionam como poucos. A resposta fácil é achar que há marosca. Chamem-me ingénuo mas custa-me um pouco a acreditar. Mas será importante perceber o porquê desta capacidade física . Terá haver com o preparador físico que o acompanha ou é um trabalho do jesus em termos de motivação? Este departamento, a avançar, deveria também preocupar-se em estudar os métodos dos nossos adversários.

Sim, mas desde que o JJ lá está, chegam às últimas 5-6 jornadas e morrem todos. Então o ano passado foi claríssimo, pareciam um conjunto de zombies, com as articulações presas com arame e fita-cola…

No Sporting sabe-se bem como é que se atingem esses níveis físicos. Até pq já tivemos épocas no passado com níveis físicos excepcionais. O problema foi que as pessoas que conseguem essas maravilhas são caras, e algumas já estão queimadas, tiveram que se afastar do mercado.

Acredito que vamos voltar a ter especialistas nesta área. Até pq só assim é que se conseguem épocas fortíssimas e é assim que se projectam jogadores banais para o nível de estrelas.

E demoram 3 meses a chegar a esses índices.

…e existem sempre aqueles desaparecimentos súbitos, durante uns tempos, de jogadores importantes no 11!

Pois, como digo, se calhar sou ingénuo e os indíces físicos são conseguidos à custa de “suplementos”. É só que me irritou imenso ver os nossos jogadores perderem grande parte das bolas divididas por chegarem tarde. Quando comparo com o jogo que fizémos lá para a taça é como do dia para a noite…

Não estava a falar, ou sequer a insinuar a existência de suplementos. Simplesmente acho que a fatura desse pico de forma a meio do campeonato tem reflexos no fim. É uma estratégia, mas só resulta se chegares a essas 5-6 jornadas finais com o 1º lugar já assegurado. De outra forma, acontece-lhes o mesmo que o ano passado.

:great:

Pois, é uma estratégia arriscada, com o Jesus em termos de títulos só resultou no primeiro ano. Se bem que não sei até pouco ponto o ir-se abaixo nos últimos 2 anos não tem também a ver muito com a basófia dele e das lamparinas em geral (nesse aspecto estão bem uns para os outros). Isto é, com um treinador menos basófia, não sei se a estratégia em termos de preparação física não tinha resultado mais vezes.

http://www.maisfutebol.iol.pt/zlatan-ibrahimovic-paris-saint-germain-instagram-preparador-fisico-lucas/52fcf159e4b0041528dd24ac.html

Alguem sabe o porque do subito afastamento do Rodolfo Moura (afastamento do futebol em geral, entenda-se)?
Estive a ver e parece que agora tem uma clinica na Av. da Boavista. Sempre achei que ele fez um belo trabalho por onde passou, resta saber se nao tera sido bom demais…

Gostava mesmo de saber o que se está a fazer nesta área porque a ideia com que fico há já vários anos é que os atletas ou se preocupam por iniciativa própria para estarem em forma ou para conseguir uma transferência ou não crescem nada…

Devido à minha nova profissão por vezes vou almoçar ao Barrete Verde e esta costuma ser conversa frequente entre os jogadores que lá vão. Falam do Carlos Bruno, mas comparam com os colegas de outros clubes quando vão à seleção que sentem uma diferença grande, em termos de crescimento da massa muscular que depois traduz-se no rendimento em campo, que estão muito à frente do Sporting no que se trata de preparação física.
Na minha opinião, os nossos jogadores sempre foram muito mais tecnicistas que todos os outros, e nunca demos muita importancia a este aspecto do treino.

Eu tive alguns amigos e muitos conhecidos que jogaram nas camadas jovens de vários clubes de Lisboa e arredores, Sporting, Alverca, fifica, Sacavenense, etc…
Quem jogava contra o Sporting sempre dizia que eles eram uns cavalos de corrida, com corpo e com uma preparação física incrível. Eu próprio via quando havia Alverca-Sporting, a diferença era brutal quando jogavam no relvado, só mesmo no pelado é que o Alverca conseguia sacar um empate e por vezes vitórias.

Até a uns tempos recentes sempre ouvi que o Sporting não apresentava limitações á altura dos jogadores, ao contrário do que o porco e o fifica. Já houve até jogadores que vieram para nós por essa mesma razão, rejeitados pelo fifica.

Mas depois de entrarem ficam bestas mesmo. Conhecia lá na escola onde andei vários jogadores que jogavam à bola, maioritariamente no Alverca, e lembro-me que houve um que quando foi para o Sporting a maneira como alargou foi brutal mesmo e ouvi dizer que tomavam mesmo suplementos.

Parece mesmo que há essa preocupação mas se os jogadores ganham demasiada massa muscular, perdem muitas vezes agilidade, a técnica fica afectada e isso pode entrar em rota de colisão com as ideias da nossa formação que sempre formámos jogadores fortes tecnicamente. Por exemplo, desde que o Cristiano foi para o RM virou bicho, e viu-se a diferença na rapidez do drible e agilidade.

A rapaziada tem ginásio quase todos os dias, e efectivamente verificam-se resultados… Mas veja-se no caso do Mané, Iuri, etc. São “franzinos” e na formação faziam sempre ginásio. Varia de atleta para atleta.

Realmente que lentidão.

:twisted: